Brasil

20 set16:10

Parada da preservação nesta sexta em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Chapecó recebe a partir desta sexta-feira a Tree Parade Brasil. Nove árvores com 1,5 metro em fibra de vidro foram pintadas por alunos da Apae e de escolas municipais e estaduais da cidade. Elas serão expostas no calçadão do centro da cidade em comemoração ao Dia da Árvore.

Ana Paula Guimaraes, Eduarda Lopes, Tálika Pedroso e Leonora Fumagalli, alunas da Escola Básica Estadual Marechal Bormann.

Pela manhã, a partir das 10 horas será realizada uma caminhada de conscientização sobre a importância da preservação das florestas.

As árvores ficam durante o dia no calçadão e a partir do sábado, dia 22, até o dia 29 de setembro, elas podem ser visitadas no Paseo Avenida.

A Tree Parade Brasil é desenvolvida pela Ong SOS Terra, Projeto Mata Ciliar, do Consórcio Iberê, e Fundema de Chapecó, com apoio da RBS TV Chapecó, Rádio Atlântida, clicRBS Chapecó e empresas locais. Todas as árvores foram patrocinadas e, após a exposição, o destino delas será definido pelos empresários.

- Elas podem ser leiloadas ou até mesmo doadas para as escolas participantes – disse bióloga Priscila Rech, uma das responsáveis pelo projeto.



Escolas participantes:

- Apae;

- Escola Básica Municipal Alípio José da Rosa;

- Escola Básica Municipal Victor Meirelles;

- Escola Parque Cidadão Leonel Brizolla;

- Escola Básica Municipal Diogo Alves;

- Escola Básica Municipal Florestan Fernandes

- Escola Básica Municipal Rui Barbosa;

- EEB Bom Pastor;

- EEB Marechal Bormann.


Comente aqui
19 set18:01

Chapecoense vai disputar Mister Brasil 2013

Toni Faccio vai disputar o título de homem mais bonito do Brasil. Depois de alguns dias de suspense, o empresário chapecoense  foi anunciado como representante da Ilha de Porto Belo no Mister Brasil 2013.

Toni é graduado em Direito e pós-graduado em direito civil e empresarial, pratica MMA e entre seus hobbys está preparar sushi.

Em abril ele disputa para ser o sucessor de Lucas Malvacini (2011), Jonas Sulzbach (2010) e Lucas Gil (2009) que tiveram grande repercussão na mídia nacional. O concurso será realizado em Mangaratiba/RJ em paralelo ao concurso Miss Mundo Brasil 2013.


Comente aqui
11 set11:29

Catarinense é eleito Mister Brasil Diversidade 2012

Guilherme Lira | guilherme.lira@diario.com.br

É de Joaçaba, no Meio-Oeste de Santa Catarina, o novo Mister Brasil Diversidade, eleito na noite desta segunda-feira em um evento no Teatro Gazeta, em São Paulo. Felipe Zabloski, de 25 anos, foi o preferido dos jurados, desbancando outros 22 candidatos de todo o Brasil.

Zabloski começou os preparativos para a competição há um mês, quando venceu a eliminatória de Santa Catarina. Na quinta-feira chegou a São Paulo com os outros candidatos, onde deu início à agenda do concurso.

Esta foi a primeira vez que ele participou da competição. No ano passado, havia sido convidado pela produção, mas recusou. Ele chegou à final como um dos 10 selecionados pelo evento e, ainda assim, em uma repescagem na internet, que dava mais uma vaga, Zabloski ficou em terceiro lugar.

— Este ano, quando me disseram que o tema era o casamento entre pessoas do mesmo sexo, resolvi aceitar o convite. Já fui casado e acho a causa importante. Participar da competição foi uma forma de apoiar — explicou o modelo que cursa jornalismo na Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc).

Com a vitória, o catarinense ganhou R$ 5 mil e será capa da revista A Capa, com direito a um editorial fotográfico. O segundo lugar foi o candidato de Sergipe, Lucas Linutti, ele ganhou um fim de semana em Buenos Aires com um acompanhante. Já o candidato do Paraná, Luiz Queiroz, ficou em terceiro e vai fazer um cruzeiro nacional com acompanhante.

Nesta quarta-feira Felipe Zabloski volta para Santa Catarina. Ele chega em Florianópolis e da Capital segue para São Miguel do Oeste, onde mora há 4 meses. Ele deve voltar a São Paulo ainda este mês para fazer as fotos do editorial e participar de um evento.

DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
10 set14:11

Palestra vai abordar sucessão dos cônjuges e companheiros em Chapecó

A Subseção de Chapecó da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em conjunto com a Escola Superior de Advocacia (Esa), realiza palestra sobre a sucessão dos cônjuges e companheiros, especialmente para enfocar decisões recentes sobre o assunto. Direcionada para advogados, outros profissionais da área jurídica, estagiários e acadêmicos de Direito, a palestra será ministrada pela advogada Patrícia Fontanella, especialista em Direito de Família e Sucessões e mestre em Ciência Jurídica pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali).

A ministrante também é especialista em Direito Civil, pela Universidade do Sul de Santa Catarina, e doutoranda em Instituições Jurídico Civis, pela Universidade de Lisboa. É professora de graduação e pós-graduação em Direito, nas disciplinas de Direito Civil, e autora dos livros “União estável – A eficácia temporal das leis regulamentadoras” e “União homossexual no direito brasileiro: enfoque a partir do garantismo jurídico” e coautora do “Dicionário técnico jurídico e latim forense”.

O evento está programado para o dia 26, no auditório da subseção da OAB, das 19h às 22h, onde estará disponível aos participantes o estande da Livraria do Advogado. As inscrições para a palestra podem ser efetuadas até o dia 19, pelo telefone (49)3322-2947 ou pelo e-mail oabchapeco@desbrava.com.br, no valor de R$ 30.


Comente aqui
17 ago11:04

Potência tecnológica da Itália para o extremo-oeste catarinense

Após estabelecer no mercado brasileiro a conceituada tradição da produção do queijo Grana Padano e de ter vencido o desafio de reproduzir essa espécie de queijo no Brasil, com a mesma característica dos nobres produtos italianos, a Gran Mestri registra na história da indústria mundial de queijos a inauguração de um moderno complexo de produção internacional de queijos nobres da América Latina.

A estratégia para isso, foi a ampliação da fábrica em uma região que constituiu-se na principal produtora de leite do sul do Brasil. Após 15 meses desenvolvendo o plano de negócios para apresentar os objetivos do novo projeto, uma nova área de terra foi adquirida para a execução do ousado empreendimento, monitorado por comitês, especialmente, formados por profissionais altamente qualificados e com experiência do setor lácteo, que auxiliaram na tomada de decisão baseada na eficiência e na rentabilidade.

O moderno parque industrial da Gran Mestri é modelo de gestão e de tecnologia para o mundo dos negócios. Um avançado projeto que colocou a marca Gran Mestri 30 anos na frente, isso porque, é uma indústria ecologicamente saudável, com reflorestamento próprio e moderno sistema de tratamento de efluentes; economicamente lucrativa, pois apresenta uma gestão administrativa moderna, com sistema de controle adequado para orçamentação, controladoria e planos permanentes de melhoria. É socialmente equitativa, pois está diretamente integrada às ações comunitárias, no apoio às APAES, clubes de idosos e albergues e, politicamente apoiada.

A Gran Mestri está localizada na cidade de Guaraciaba, extremo-oeste de Santa Catarina, ao lado da BR 163, entre os municípios de São Miguel do Oeste e Dionísio Cerqueira, e já faz parte da rota dos caminhos da fronteira Brasil/Argentina. Uma indústria de primeiro mundo, focada no princípio da qualidade que o nobre queijo exige, e do controle rigoroso diário de todos os lotes e etapas de toda a cadeia produtiva, culminando em um conjunto de medidas sistematicamente aplicadas e cuidadosamente acompanhadas por mestres queijeiros europeus, esses atentos avaliadores atestam e garantem ao consumidor à essência de um produto diferenciado e especial. Uma fábrica completa, com tecnologia italiana, de onde foram importados os equipamentos e adotados os procedimentos produtivos, justamente para produzir no Brasil produtos tão nobres quanto os importados. A consistência do produto oferece aos apreciadores qualidade superior dos similares importados, garantindo uniformidade no sabor e nas características, com a vantagem de um preço competitivo, o que garante a oportunidade de compra a um número muito superior de consumidores.

Com centrais de distribuição nas principais capitais brasileiras, a marca Gran Mestri apresenta no mercado várias versões do queijo Grana Padano, além de um mix completo do queijo de ovelha Pecorino Sardo e Romano e do queijo Parmesão e manteiga especial, além de atender o fornecimento de produtos para o institucional. Os posicionamentos de mercado mostram a potência da indústria no nicho de mercado dos queijos nobres e especiais.

É um empreendimento que também está atento às pessoas, com base em um eficiente programa de gestão de pessoas, os colaboradores da Gran Mestri sentem-se bem em trabalhar, e isso é resultado do conceito de empresa de primeiro mundo que a Gran Mestri carrega, pois a premissa de que o bem-estar do colaborador reflete no produto apreciado pelo consumidor faz parte da cartilha da empresa.

- Pessoas certas, nos lugares certos – já dizia Acari Luiz Menestrina, Diretor-Presidente da Gran Mestri.


Área Total Nova Fábrica: 35.000 m²

Área construída e pavimentada: 12.000 m²

Investimento: R$ 28 milhões

Faturamento: R$ 150 milhões

Estocagem: 1 milhão de quilos de queijos

Área Tratamento de Efluentes: 6.090 m²

Empregos diretos: 200

Empregos indiretos: 1000 (incluindo produtores rurais)

Exportação: 100% habilitada.

Um Heliponto

Fábrica referência de queijos nobres da América Latina


Comente aqui
06 ago14:36

Thui Todeschini abre caminho para o Tri do Arena Cross Brasil

Começou no sábado, 04, em Curitiba/PR, um dos campeonatos mais emocionantes sobre duas rodas. O Arena Cross iniciou sua 14ª edição e reuniu pilotos brasileiros e 11 estrangeiros em cinco categorias – 50cc, 65cc, Júnior, MX2 e MX Pró. O chapecoense Arthur Todeschini (Expresso Sul/WA transportes/Cetric/Pirelli/Brasil Racing) começou bem a competição ao vencer a prova da 65Cc. Ele defende o título nesta categoria, sendo que no início da carreira havia conquistado também a categoria 50Cc.

Thui quer unificar os títulos da categoria 65Cc no país. Recentemente foi campeão da Superliga Brasil de MotoCross. Atualmente é o líder do Campeonato Brasileiro. E em Curitiba não deixou por menos em busca de mais uma competição nacional. Mais uma vez o catarinense fez uma largada perfeita e disparou na frente conquistando a vitória de ponta a ponta.

No final, a tranqüilidade era tanta que o jovem piloto de 11 anos deu um susto. Todeschini sofreu uma queda e por pouco não perdeu a liderança.

- Eu me enrosquei em uma estaca e acabei levando um tombo. O Renato diminuiu a diferença, mas eu me recuperei e não deixei que ele passasse – lembrou o chapecoense.

A prova do Arena Cross será em Balneário Camboriú/SC, no dia 1º de setembro.


Equipe busca equipamento para o Mundial

Com a inscrição já garantida, a equipe do chapecoense Thui Todeschini está enfrentando dificuldades para disputar o Mundial de Motocross Júnior FIM 2012 nos dias 25 e 26 de agosto, em Sevlievo, Bulgária.

Não está sendo possível contratar uma equipe na Europa ou adquirir os equipamentos necessários para disputar a competição que vai reunir cerca de 160 pilotos de 34 países Thui Todeschini correrá na 65cc – com o numeral #3.

- Estamos fazendo todos os esforços e buscando alternativas para que ele participe. A inscrição está feita, as passagens compradas, mas ainda tem a pendência de um equipamento ideal para que possamos fazer um grande mundial – disse o pai Ademir Todeschini que está confiante na participação de uma equipe chapeconse.


Comente aqui
25 jul16:20

Mais de mil alunos participam da Provinha Brasil

A Gerência de Educação da Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) Chapecó está distribuindo às escolas, exemplares da Provinha Brasil que será aplicada no início de agosto para estudantes do 2º ano do ensino fundamental. Mais de 1.200 alunos serão avaliados em leitura e matemática nas 33 escolas do ensino fundamental da regional de educação da SDR.

Esta será a primeira avaliação do ano e corresponde ao primeiro semestre. De acordo com integradora de ensino fundamental da Gered Chapecó, a segunda etapa da Provinha Brasil será realizada até o final do ano. Estudantes dos nove municípios de abrangência da Gered receberão as provas.

O teste para as crianças de sete anos tem como objetivo avaliar o nível de alfabetização das crianças matriculadas na rede estadual. São provas de leitura e matemática que servirão de base para professores e gestores da educação sobre o que as crianças aprenderam no período.

São provas de leitura e matemática que servirão de base para professores e gestores da educação sobre o que as crianças aprenderam no período.

- É uma oportunidade para sabermos como está o nível do aprendizado e podermos aperfeiçoar a reorganização das práticas pedagógicas de alfabetização e letramento – disse Anaí Parizotto.

A Provinha Brasil chegará aos estudantes de todas as escolas da rede estadual da Gered Chapecó. Para os 138 estudantes do Colégio Bom Pastor, em Chapecó, e para os seis estudantes do segundo ano matriculados na escola de ensino fundamental Arthur Costa e Silva, na área rural de Coronel Freitas.


Comente aqui
20 jul15:30

Banco Central lança na segunda novas cédulas de R$ 10 e R$ 20

O Banco Central lança na próxima segunda-feira as novas cédulas de R$ 10 e R$ 20, que fazem parte da segunda família do Real. A cerimônia de lançamento será realizada em Brasília, às 15h, com a presença do presidente do BC, Alexandre Tombini.

Já estão em circulação, desde dezembro de 2010, as cédulas de R$ 50 e R$ 100 desta nova família. Ainda não há previsão para lançamento das novas notas de R$ 2 e R$ 5.

As cédulas desta família contêm novos elementos de segurança e possuem tamanhos diferentes, para facilitar a identificação.


AGÊNCIA ESTADO



Comente aqui
16 jul15:00

Thui conquista título da Superliga de Motocross

O chapecoense Arthur Todeschini (Expresso Sul / WA Transportes / Cetric / Pirelli / Brasil Racing) conquistou o título da Superliga Brasil de Motocross. A última prova da competição, na categoria 65Cc, foi realizada no sábado, dia 14 de julho, na cidade de Penha. Thui, de apenas 11 anos, venceu a prova e garantiu a quarta conquista nacional. A competição, que teve seis etapas espalhadas pelo Brasil, inclusive em Chapecó, reuniu pilotos brasileiros e estrangeiros em cinco categorias.

Como tinha 24 pontos de vantagem sobre o segundo colocado, bastava o chapecoense completar a prova para ser campeão da categoria.

A equipe já tinha planejado fazer uma prova pensada que levasse Thui ao pódio e consequentemente ao título. Na tomada de tempo o catarinense terminou em segundo. Mas na terceira curva “deu o bote” e assumiu a ponta. E a Superliga não poderia terminar melhor.

Thui recebeu a bandeira pela prova de 15 minutos mais duas voltas e comemorou o título. Na soma geral dos pontos Arthur Todeschini ficou com 27 pontos de vantagem sobre o pernambucano Leonardo Feitosa.

- O resultado prova que o Arthur está num grande momento. Não precisava ganhar, mas ele é muito competitivo – disse o pai Ademir Todeschini após o abraço no jovem campeão.

A conquista da Superliga coloca mais um título nacional geral para Thui Todeschini. Ele já havia faturado dois títulos do Arena Cross e um do Campeonato Brasileiro na categoria 55Cc.

- Trabalhei muito. Semanas e mais semanas de treino. Hoje posso comemorar mais um título – disse.

Agora as atenções se voltam para o Campeonato Brasileiro da categoria 65Cc. Thui lidera a competição que terá mais uma etapa, no sábado, dia 21 de julho, em Aracajú/SE. Por isso a equipe viajou de Penha, direto para o nordeste.



Comente aqui
05 jul19:20

Movimento de caminhões cai 38% na aduana de Dionísio Cerqueira

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

O movimento na Aduana de Cargas de Dionísio Cerqueira, na fronteira com a Argentina, caiu 38% no mês de junho, em relação ao mesmo período do ano passado. O número caiu de 2001 veículos para 1228, segundo dados da Receita Federal.

Mas essa queda não é reflexo da greve dos fiscais da receita federal e sim da reforma na aduana e a briga comercial entre Brasil e Argentina, segundo o inspetor chefe da Receita Federal em Dionísio Cerqueira, Arnaldo Borteze.

A greve da receita federal iniciou no dia 18 de junho mas não houve acréscimo nas filas, em virtude da queda no movimento. A maioria dos caminhões são liberados em dois dias, segundo Borteze. No entanto alguns caminhões chegaram a ficar dois meses na aduana, até que o governo brasileiro liberasse a importação, como resposta à restrição de importação de produtos brasileiros, como a carne suína. Apesar do anúncio da liberação da venda desses produtos na prática ainda nada ocorreu.

Ontem 120 caminhões estavam no pátio da Aduana. Mas esse número é considerado até abaixo do normal, que são 200 caminhões. Borteze lembrou que, em abril, havia uma fila de 200 caminhões somente no lado argentino, no lado de fora do pátio. O motivo era a safra da cebola e a redução pela metade da capacidade do pátio, que estava em reforma.

Agora estão liberadas as 200 vagas de estacionamento, faltando a estrutura administrativa e outras melhorias, que devem ser concluídas até outubro.

Apesar da queda no número de caminhões o movimento econômico da Aduana cresceu 15,3%, de R$ 52 milhões em junho do ano passado para R$ 60 milhões em junho deste ano. A importação caiu 10% mas as exportações cresceram 65%, principalmente em virtude do aumento da venda de carne suína para o Chile.

A despachante responsável pela importação e exportação da NJK Despachos Aduaneiros, Maria Lúcia Veit, confirmou que não há filas na aduana, justamente em virtude da briga comercial entre Brasil e Argentina. Ela destacou que houve redução nas compras em virtude das exigências burocráticas. Um caminhão que foi liberado ontem estava há 12 dias na fila.

Em relação à “Operação Padrão” dos fiscais da Receita Federal, que estão aumentando as exigências para liberar as cargas, há a demora de até cinco dias em algumas cargas. Mas outras podem ser liberadas no mesmo dia.


Comente aqui