Brasil

10 dez15:53

Brasil bate a Espanha e conquista o bi do Torneio Mundial

O Brasil é bicampeão do Torneio Mundial de Futsal Feminino. A conquista veio após uma decisão épica diante da Espanha, neste sábado, no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza/CE. Após o empate por 3 a 3 no tempo normal, as donas da casa conseguiram abrir a vantagem na prorrogação e ficaram com a taça com o triunfo por 4 a 3.

Assim como ocorreu na edição passada da competição, realizada na Espanha, o Brasil conseguiu superar todos os seus rivais e confirmou a hegemonia da modalidade também entre as mulheres. Além do título, o time do técnico Vander Iacovino teve também a goleadora do Torneio Mundial Feminino. Jéssika ficou com o troféu ‘Bola de Ouro’, com oito gols.

No jogo, as espanholas surpreenderam as brasileiras e conseguiram abrir o marcador logo a 1min13, com um gol de Isabel García. O primeiro tempo seguiu com um panorama único: o Brasil atacando e a Espanha se segurando, se aproveitando da manhã inspirada da goleira Sonia Bernal e dos erros nas finalizações das rivais.

A etapa complementar começou com o empate do Brasil. Logo aos 20min10, Jessika passou para Marcela que recebeu na área e dividiu com a arqueira espanhola. A bola morreu no fundo das redes e decretou a igualdade na capital cearense. As européias, no entanto, conseguiram retomar a vantagem aos 29min25, quando Sara Moreno fez jogada individual e finalizou no canto rasteiro de Jozi.

Após o gol, o Brasil foi para cima e logo conseguiu uma nova igualdade. Jéssika tabelou com Ju Delgado e chutou forte, fazendo 2 a 2, aos 32min48. Foi o oitavo gol da jogadora na competição, consolidando sua posição de artilheira do Torneio Mundial Feminino.

A Espanha conseguiu nova vantagem aos 38min01, quando Rosangela Sousa recebeu de costas para o gol e girou chutando no canto direito de Jozi. O gol obrigou o técnico do Brasil, Vander Iacovino, a adotar a ala Neguinha como goleira-linha. No último minuto, após intensa troca de passes, a bola sobrou para Vanessa que finalizou forte, fazendo 3 a 3, aos 39min22.

Tempo extra

Com o limite de cinco faltas atingido, as européias acabaram se complicando na prorrogação. Aos 42min16, o Brasil teve uma chance em um tiro livre da marca dos dez metros, mas a goleira Belén de Uña parou o chute de Vanessa. Porém, logo na sequência, as brasileiras roubaram uma bola no ataque e Marcela passou para Vanessa tocar entre as pernas da arqueira rival, aos 43min07.

Nos instantes finais do tempo extra, as ibéricas passaram a usar Natália Flores como goleira-linha, mas a tática não surtiu efeito e o Brasil pôde comemorar a conquista do bicampeonato mundial diante de seu torcedor. “Sabíamos que seria difícil, mas não imaginamos que seria tanto. Este título representa todo o grupo, por isso não me sinto a única responsável. Nosso elenco é muito unido e mostrou isso nesta decisão”, comentou a ala Vanessa, que marcou dois dos gols na decisão.

O treinador do Brasil, Vander Iacovino, falou sobre a conquista de mais uma taça a frente do time. – As jogadoras vieram de um período intenso de jogos, e foram 15 dias de muito trabalho. Elas merecem este título. Já conquistei muitos troféus, mas ganhar qualquer título comandando a Seleção Brasileira Feminina é especial, pois as dificuldades são enormes e o valor a ser dado é muito maior -  destacou.


Fonte: CBFS

Comente aqui
09 dez22:21

Brasil passa pela Rússia e decide com Espanha

O Brasil está classificado para a final do 2º Torneio Mundial Feminino de Futsal. O time passou pela Rússia na semifinal da competição, com um placar de 5 a 1, aplicado na noite desta sexta-feira, no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza/CE. A adversária das brasileiras na decisão será a Espanha, que bateu, de virada, Portugal por 4 a 3.

A vitória credencia as donas da casa a seguirem na busca pelo bicampeonato mundial. A final será neste sábado,  às 12h30, com transmissão ao vivo do SporTV. A Rússia joga a preliminar, às 9h30, contra Portugal a definição do terceiro lugar da competição internacional.

Desde os primeiros movimentos da partida, o Brasil já dava mostras de que iria impor um maior volume de jogo. As chances foram criadas e o primeiro gol saiu dos pés de Taty, aos 4min56, após jogada pela ala direita, ela cortou para o meio e chutou forte e cruzado, vencendo a arqueira Irina.

Mesmo com a vantagem as brasileiras seguiram pressionando e a goleira da Rússia apareceu como destaque, fazendo defesas importantes, evitando que o placar fosse ampliado, pelo menos até aos 15min17, quando Jéssika arriscou e a bola acabou entrando no canto baixo de Irina.



Jéssika marcou três vezes na vitória contra a Rússia e lidera a artilharia da competição.



Na comemoração do segundo gol as atletas brasileiras homenagearam a ala Jessiquinha, que sofreu uma ruptura do ligamento cruzado do joelho esquerdo no duelo diante de Angola, na  quarta-feira, 07, e será submetida a uma cirurgia. O retorno da atleta às quadras tem prazo estimado em seis meses.

Na etapa complementar, as russas tentaram mudar o panorama da partida, avançando um pouco mais. Porém, as sul-americanas seguiram impondo o volume de jogo. O terceiro gol do Brasil saiu novamente dos pés de Jéssika, cobrando pênalti, aos 26min04.

Logo em seguida, Jéssika acertou um belo chute de fora da área e marcou o quarto das anfitriãs, aos 26min28. Com os três gols, a atleta brasileira assumiu a artilharia isolada da competição, com sete gols, ultrapassando a portuguesa Melissa Antunes, que tem um tento a menos.

Juliana Delgado, aos 28min12, fez o quinto do Brasil, enquanto Litvinova fez o de honra das européias por meio de uma cobrança de tiro livre da marca dos dez metros sem barreira, aos 38min04, fechando o marcador em 5 a 1.

- O time colaborou muito para que os lances individuais ocorressem. Nosso grupo é muito forte e unido e isto facilita este tipo de situação. Na final teremos um duelo muito complicado, as espanholas virão com tudo e tentarão fazer o mesmo que fizemos o ano passado, que foi vencer o campeonato na casa delas. Temos que entrar muito ligadas – disse a artilheira da partida e do Mundial Feminino, Jéssika.


FONTE: CBFS

Comente aqui
08 dez11:07

“Programa Brasil - SC Alfabetizado”

Continuam abertas até o dia 15 de dezembro as inscrições para o “Programa Brasil – SC Alfabetizado”. As vagas são destinadas a candidatos voluntários para alfabetização de jovens, adultos e idosos, coordenadores de turma e tradutores intérpretes de libras.

- O programa tem duração de oito meses e carga horária de 320 horas – explica a diretora do CEJA em Seara, Elaine Corbari Bondan.

Segundo a gerente de Educação da SDR Seara, Rosemar Fiorentin, as inscrições para o credenciamento dos candidatos, informações e encaminhamentos podem ser realizadas no CEJA, Gerência Regional de Educação, EJAS ou NAES nas cidades de Arabutã, Arvoredo, Ipumirim, Itá, Lindóia do Sul, Paial, Seara e Xavantina.


Comente aqui
07 dez12:17

Brasil vence Espanha com gol de Vanessa da Female Chapecó

O Brasil está classificado para a semifinal do 2º Torneio Mundial Feminino de Futsal. A vaga veio com a vitória sobre a rival Espanha, por 2 a 1, na noite da terça-feira,no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza/CE. As brasileiras assumiram a liderança isolada do grupo A, com seis pontos, três a mais que as espanholas e venezuelanas.

Nesta quarta-feira as sul-americanas enfrentam Angola, às 20 horas, dependendo de um empate para confirmar o primeiro lugar da chave. Já a Espanha encara a Venezuela, às 16 horas, em um confronto direto pela segunda vaga do grupo para a semifinal da competição.


O jogo

Desde os primeiros movimentos as brasileiras pressionaram em busca do gol. Após algumas chances, Jessiquinha conseguiu furar o bloqueio defensivo rival, após o avanço pela ala esquerda ela chutou forte e rasteiro, vencendo a goleira Sonia Bernal, aos 8min33.

As espanholas, no entanto, responderam rápido. Após a cobrança de um escanteio, Sara Moreno chutou de fora da área e balançou as redes da meta defendida por Jozi, aos 9min28. Após o gol, as européias conseguiram encaixar a marcação e dificultaram as ações para as brasileiras.

As anfitriãs, porém, conseguiram voltar ao comando do placar aos 15min16, quando Vanessa acertou um belo chute de fora da área, fechando a contagem da primeira etapa: 2 a 1. Na metade final do confronto, a partida seguiu equilibrada. As ibéricas se lançaram mais ao ataque, enquanto o Brasil tentava ampliar o marcador para garantir de vez o triunfo.

À medida que o tempo avançava a tensão aumentava, inclusive com as duas equipes disputando os minutos finais com os respectivos limites de faltas no segundo tempo estourados.

Faltando 26 segundos para o final da partida, a Espanha teve uma chance de empatar, em um tiro livre da marca dos dez metros, mas Sara Iturriaga mandou contra a trave esquerda da goleira Giga, confirmando o triunfo verde-amarelo.

A ala brasileira Vanessa falou sobre as dificuldades para vencer as rivais. – Ficamos felizes pela vitória, mas não pelo segundo tempo. Nossa equipe se propôs a marcar, e nosso ataque não esteve muito qualificado. O que importa são os três pontos e, a partir de agora, não dá mais para errar – completou.


FONTE: CBFS


Comente aqui
15 nov18:08

Brasil terá metade do mercado de carne em 2020

O crescimento da população mundial, que ultrapassou 7 bilhões, impõe a necessidade de dobrar a produção de alimentos até 2050, quando deverão ser mais de 9 bilhões de pessoas. A combinação desse fenômeno com a urbanização e a alta da renda nos países em desenvolvimento aponta um desafio ainda maior na produção de carne e abre uma grande oportunidade comercial para o Brasil.

De acordo com estimativas da FAO, a organização para alimentação das Nações Unidas, para alcançar o crescimento acelerado do consumo de carnes em países como China, Índia e Brasil, será preciso elevar a oferta global dos atuais 228 milhões para 463 milhões de toneladas anuais até 2050. Nesse processo, o rebanho de bovinos saltará de 1,5 bilhão para 2,6 bilhões.

O Brasil já é o maior produtor mundial de carne bovina desde 2008, quando ultrapassou a marca de US$ 14 bilhões com a exportação de proteína animal. Projeções do Ministério da Agricultura indicam que o país deverá ampliar a fatia atual de 20,7% do mercado mundial para 44,5% até 2020, quando também dominará quase 50% do comércio de aves. A demografia cria uma demanda futura firme para produtos cuja competitividade é elevada no Brasil, mas o próprio governo vê entraves para que o país aproveite ao máximo essa oportunidade.

Em visita ao Congresso no mês passado, o presidente do BNDES, Luciano Coutinho, defendeu uma estratégia integrada de apoio à pecuária. Ele diagnosticou uma capacidade ociosa nos frigoríficos que não condiz com o aumento da oferta de proteína para atender à demanda externa.

— Precisamos fomentar a pequena pecuária para que ela possa aumentar a produtividade. Isso requer programas de expansão de matrizes, de recuperação de pastagens e um programa fitossanitário para escapar das barreiras — disse.


AGÊNCIA ESTADO

Comente aqui
11 nov22:10

Chapecó entre as 100

Chapecó, a maior cidade do Oeste catarinense, com aproximadamente 200 mil habitantes, continua se destacando não só em Santa Catarina, como também em nível nacional. Em recente pesquisa realizada pelo Sistema Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro), Chapecó aparece entre as seis principais cidades de Santa Catarina e entre as 100 melhores cidades do Brasil no ranking de desenvolvimento humano.

O seleto grupo nacional, que apresenta as 100 principais cidades do país para morar, investir e constituir carreira, tem apenas seis catarinenses. Além de Chapecó, também integram a lista Blumenau, Florianópolis, Brusque, Pomerode e Joinville. No Estado, Chapecó pulou do décimo para o sexto lugar. Já em nível nacional, ocupa a 92° posição entre os 5.564 municípios do Brasil, segundo o Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM).

A pesquisa avalia, principalmente, as áreas de educação, saúde, trabalho e renda dos municípios. Os índices com resultados superiores a oito pontos (0,8) são considerados de alto desenvolvimento. Chapecó atingiu as marcas de 0,86 na educação e de 0,91 na saúde, garantindo assim a média de 0,83 no IFDM.

- Isto se deve ao sentimento de credibilidade que Chapecó vive atualmente. São obras, ações e investimentos da Administração Municipal e da iniciativa privada que melhoram a qualidade de vida da população – destaca o Secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Marcio Sander.

Outra pesquisa que comprova o atual momento de Chapecó como uma das cidades de destaque no país é da Revista Você S/A, que publica anualmente a pesquisa ‘As 100 Melhores Cidades para fazer Carreira’. Das cidades catarinenses, a Capital do Oeste registrou o maior salto, passando de 87ª, no ano passado, para a 78ª colocação em 2011.

- Chapecó está no caminho certo e esses números comprovam o crescimento do município nos últimos anos. Isto graças aos empreendedores, a população e também ao trabalho que a Administração Municipal vem fazendo que fortalece Chapecó como um pólo de desenvolvimento regional – comentou o Prefeito José Caramori.


Comente aqui
10 nov14:39

Obras do Parque Turístico em ritmo lento

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

As obras do Parque Turístico Ambiental da Integração, que está sendo construído na fronteira do Brasil com a Argentina, entre a cidade argentina de Bernardo de Irigoyen e as cidades brasileiras de Dionísio Cerqueira, em Santa Catarina, e Barracão, no Paraná, devem ganhar um impulso nos próximos dias.

De acordo com o arquiteto da prefeitura de Dionísio Cerqueira, Adilson Basso, que está acompanhando as obras, os trabalhos no lado brasileiro ficaram paralisados cerca de um mês para adequação no projeto de drenagem e pavimentação. Segundo o arquiteto houve uma ampliação da área a ser drenada e pavimentada. A empresa Gaia, de Maravilha, foi a vencedora da licitação de R$ 1,5 milhão, do Ministério do Turismo. A obra iniciou em 2010, no lado brasileiro, com as escavações para a formação do lago, drenagem pluvial e colocação dos muros de contenção no lado brasileiro. Isso custou R$ 1,5 milhão. Essa obra, também com cerca de R$ 1,5 milhão do Governo Federal, foi executada pela empresa paranaense Pavimar, de Francisco Beltrão. Também foram pavimentado 900 metros de ruas na área do futuro parque.

De acordo com o prefeito de Dionísio Cerqueira, Altair Rittes, nessa semana será retomado os trabalhos no lado brasileiro.

No dia 16 de novembro será lançado o edital para a construção dos passeios, três mirantes e preparação dos aterros, no valor de R$ 1 milhão, com recursos do Governo do Estado de Santa Catarina. Outros R$ 500 mil do Governo de Santa Catarina já foram gastos na movimentação de terra e outros R$ 800 mil serão investidos em paisagismo e infraestrutura urbana. O governo do Paraná também devem gastar R$ 3 milhões e, a Argentina, que iniciou as obras em março, mais R$ 6 milhões. No total o parque vai custar cerca de R$13 milhões.

O projeto do parque prevê um lago, pista de caminhada, anfiteatro e locais de convivência. De acordo com o prefeito Altair Rittes a obra deveria estar concluída em março mas deve ter um pouco de atraso. –Devemos concluir em maio e abril- calculou. O local deve se tornar um espaço de intercâmbio social e cultural, além de ponto turístico, já que anualmente milhares de agrentinos passam pela aduana local em direção às praias. A Argentina também recebe milhares de brasileiros por ano que vão fazer compras, aproveitando a valorização do real, que vale mais que o dobro em relação ao peso argentino.


Comente aqui
07 nov13:24

Prova Brasil será aplicada na rede municipal de ensino de Xanxerê

Inicia nesta segunda-feira, 7, a aplicação da Prova Brasil nas Escolas da Rede Municipal de Ensino de Xanxerê. A Prova Brasil é aplicada aos alunos do 5º ano e aos alunos da 8ª Séries do Ensino Fundamental. Nesta segunda-feira serão submetidos às provas os alunos das Escolas Municipais Pequeno Príncipe, Paul Harris, Monteiro Lobato e Nossa Senhora Aparecida. A prova se estende até o dia 18.

A Prova Brasil é o principal indicador que vai fornecer o IBED (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) das escolas da rede municipal. O IDEB é um dado utilizado pelo Ministério da Educação para ter conhecimento da qualidade de ensino que os alunos recebem, em nível de Brasil.

Atualmente, o IDEB dos anos iniciais da Rede Municipal de Xanxerê é de 5,3, índice este acima da média nacional, da média estadual e mesmo municipal.

Segundo o secretário de Educação, Félix Dalmutt, o ensino fornecido nas escolas municipais, pelos professores, é de ótima qualidade. – Temos a confiança que haverá aumento do índice do IDEB no nosso município. Temos acompanhado de perto o esforço de todos os alunos no processo de aprender e nos sentimos confiantes que farão uma prova de boa qualidade – disse.


Comente aqui
03 nov09:40

Mister Brasil na região Oeste

Lucas Malvacini é presença vip no Baile de debutantes de Xaxim, que será realizado na noite do dia 12 de novembro. Lucas chega na tarde da sexta-feira, dia 11, e permanece no Oeste catarinense até a tarde do domingo, dia 13, entre compromissos em Chapecó e Xaxim.


Mister Brasil

Ele foi eleito em maio de 2011. Lucas tem 21 anos, 1,83 m de altura e é estudante de turismo. Além de vencer o prêmio máximo, ele também levou o prêmio de melhor corpo da competição. Lucas também é modelo e entre seus hobbies estão internet e leitura. Ele fez uma participação especial na Novela O Astro da Rede Globo e tem como seu maior sonho ser ator.

Lucas é a principal personalidade da campanha “Diga não à intolerância” adotada pelo concurso Mister Brasil para o ano de 2011: causa oficial do concurso, discutida e divulgada pelos candidatos e pelo vencedor durante o seu ano como Mister Brasil. O objetivo é levantar a bandeira contra qualquer tipo de intolerância e preconceito (religião, nacionalidade, orientação sexual, raça, melhor idade, pessoas com necessidades especiais, política, enfim, a lista é longa) e o respeito às diferenças.

O Mister Brasil ainda tem alguns horários disponíveis para trabalhos e entrevistas durante o período que estará pela região. Empresas interessadas entrar em contato pelo telefone (49) 8835-4722.


Comente aqui
20 set11:26

Brasil amplia fiscais na fronteira e mapeia propriedades de risco após aftosa no Paraguai

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento informou nesta segunda-feira, por meio de nota, que acompanha de perto a situação no Paraguai, diante do comunicado de um foco de febre aftosa no Departamento de San Pedro.

Do lado brasileiro, segundo o ministério, desde o surgimento da suspeita da doença, foram intensificadas ações de vigilância e prevenção na fronteira com o Paraguai.

— Entre as medidas tomadas estão o aumento do contingente de fiscais federais agropecuários na divisa, a colocação de barreiras volantes na região, mapeamento de propriedades de maior risco dentro do Brasil e ações conjuntas com os Estados e o Ministério da defesa.

A nota, assinada pelo ministro Mendes Ribeiro Filho, informa ainda que o governo brasileiro se coloca à disposição do Paraguai para ajudar nas medidas de erradicação imediata do vírus.

O ministério destaca também que o órgão atua “com intensidade, principalmente nas regiões Norte e Nordeste, para que todo o território nacional seja reconhecido como livre de febre aftosa com vacinação pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE, sigla em inglês) até 2013″.


ZERO HORA

Comente aqui