Brasileira

30 set14:40

Chapecoenses na seleção brasileira de futsal

As atletas da Female/Chapecó Giga Paraná, Vanessa, Jessika e Cely integram a seleção brasileira de futsal feminino que disputará a quarta edição do Campeonato Sulamericano. A estreia da seleção será no dia sete de outubro.

As meninas do futsal de Chapecó treinam no Centro de Treinamento Aécio de Borba Vasconcelos, em Caucaia, região metropolitana de Fortaleza-CE, até o dia quatro, data que embarcam para a Venezuela.

O Campeonato Sulamericano será disputado na cidade de Maracay, região centro norte do país. São dez seleções nacionais envolvidas, divididas em dois grupos. Na chave A tem a anfitriã Venezuela, Argentina, Chile, Uruguai e Peru. O Brasil está no B, junto com Bolívia, Colômbia, Paraguai e Equador. Duas equipes de cada grupo avançam para as semifinais da competição. A final está programada para o dia 14 de outubro.

A estreia brasileira será no dia sete de outubro diante da Bolívia. Segundo o técnico Vander Iacovino, a ansiedade e a pouca informação sobre o adversário serão obstáculos que a equipe enfrentará. – O primeiro jogo sempre é aguardado com mais expectativa, o que é normal. Não temos muitas informações sobre a Bolívia e isso no começo da partida deve gerar certa dificuldade – disse.

A sequência de jogos do Brasil prevê confrontos com Paraguai (08/09), Colômbia (10/09) e Equador (11/09).

O clube chapecoense foi o que mais serviu o selecionado brasileiro.

Confira a convocação da seleção brasileira para o Sul-Americano feminino:


Goleiras

Jozi – CD Burela FS (Espanha)

Giga – Unochapecó/NTozzo/Aurora

Júlia – Kindermann/Uniarp/GGnet


Fixas

Desirrê – Kindermann/Uniarp/GGnet

Taty – Unesc/FME/Cri Construções

Cilene – Barueri /Palmeiras/Jaguaré


Alas

Neguinha – Nacional Gás/Unifor

Marcela – Unesc/FME/Cri Construções

Jessiquinha – Barueri /Palmeiras/Jaguaré

Jessíka – Unochapecó/NTozzo/Aurora

Vanessa – Unochapecó/NTozzo/Aurora


Pivôs

Jú Delgado – FS Mósteles (Espanha)

Lú – Kindermann/Uniarp/GGNet

Cely – Unochapecó/NTozzo/Aurora


Fonte: CBFS.


Comente aqui
09 set15:43

Carne Suína Brasileira terá Selo de Qualidade

Pensando na garantia de qualidade para o consumidor brasileiro, na valorização do produto feito por frigoríficos e no aumento do consumo interno, o INCS deve lançar ainda neste ano o Selo de Qualidade da Carne Suína Brasileira.



Nesta semana representantes do instituto se reuniram em Concórdia, berço da suinocultura brasileira, para tratar do processo de certificação. O presidente do INCS, Wolmir de Souza, explica que a criação do Selo exige muita cautela e normas técnicas.

- Já estamos na segunda etapa da proposta, a primeira foi a estruturação do selo, agora efetivamente estamos colocando em prática o projeto, acredito que o Selo seja a melhor alternativa para viabilizar o segmento de produção como um todo, propondo resultados para a toda a cadeia – destaca.

A intenção do INCS é incentivar os pequenos, médios e até grandes frigoríficos, que estão fora do grande conglomerado agroindustrial, quanto à ampliação das vendas. Para Souza, esses frigoríficos são os que fomentam o consumo interno e a produção de suínos que oferece resultados.

Na prática, a suinocultura brasileira possui dois sistemas de produção, integrada e independente. Mas para Souza, o independente já possui outro perfil, que merece ser reconhecido pela qualidade de produção. – Isso o Selo oferecerá, e o consumidor é quem terá essa garantia – declara.


Comente aqui