Calor

10 ago08:23

Fim de semana será com tempo firme e calor em todas as regiões de SC

A sexta-feira deve ser de tempo seco e temperaturas altas em praticamente todas as regiões de SC, segundo a previsão da Epagri/Ciram. As máximas podem chegar a 30ºC no Sul e 29ºC no Extremo-Oeste. Para a Grande Florianópolis, a indicação é de alcançar os 25ºC. Os ventos sopram de nordeste a noroeste e com intensidade fraca a moderada. A velocidade pode chegar a 40 Km/h.

::: Confira mais detalhes no blog do meteorologista Leandro Puchalski

Segundo a equipe de meteorologistas da Epagri/Ciram, a causa da estabilidade climática, que deixa o tempo firme e seco, é um bloqueio na atmosfera que muda o padrão de escoamento da atmosfera.

A previsão é que o bloqueio se estenda até o inicio da próxima semana, o que vai deixar a primeira quinzena de agosto mais seca em todo o Estado. Até o momento, os indicativos são de temperaturas mais elevadas durante o dia e amenas à noite, sem influência de massas polares.

Para o fim de semana, o tempo não deve mudar em Santa Catarina, ou seja, persiste a condição de nevoeiros ao amanhecer e predomínio de sol ao longo do dia. As temperaturas se manterão elevadas para época do ano.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
04 ago14:05

Sol e calor em SC

A previsão para o fim de semana é de sol e temperaturas elevadas, principalmente durante a tarde. Os mais animados com o calor poderão, inclusive, aproveitar uma praia neste sábado, quando a temperatura máxima deve chegar aos 32ºC no Litoral. As regiões Oeste e Vale do Itajaí também devem ter calor em torno dos 30ºC.

A neblina registrada no fim da tarde de sexta-feira em Florianópolis marcou também o amanhacer do sábado. Apesar de intenso, o nevoeiro já havia se dissipado praticamente por completo por volta das 8h da manhã.

::: Confira mais detalhes no blog do meteorologista Leandro Puchalski

Domingo, porém, uma frente fria chega pelo oceano, o que vai aumentar a nebulosidade recorrente nas áreas próximas ao Litoral. No decorrer do dia, uma massa de ar frio e seco chega ao Estado e a temperatura deve cair aproximadamente 10ºC.

Com isso, na Grande Florianópolis, os termômetros devem indicar máxima de 22ºC e o Vale do Itajaí, 26ºC. No Planalto Norte a máxima deve ficar em torno dos 24ºC e de 28ºC no Oeste.

Essa massa de ar frio e seco afastará as nuvens e o sol voltará a aparecer em todas as regiões na segunda-feira. O dia deve começar frio, mas a temperatura pode elevar ao longo do dia. Já na terça-feira, uma nova frente fria chega ao Estado, provocando um aumento de nuvens e favorecendo a ocorrência de chuva, principalmente durante a noite, no Oeste.

DIÁRIO CATARINENSE

Comente aqui
05 jul14:46

Calor diminui e temperaturas começam a despencar em SC nesta sexta-feira

Danilo Duarte | danilo.duarte@diario.com.br

A temporada de calor em Santa Catarina durante o inverno está chegando ao fim. A massa de ar seco e frio presente sobre o Estado dá lugar às baixas temperaturas. A máxima não deve passar de 22ºC.

>> Confira mais detalhes no Blog do Puchalski

De acordo com o meteorologista do Grupo RBS Leandro Puchalski, o frio ainda deve continuar durante todo o fim de semana, com temperaturas ainda mais baixas.

A temporada de calor em Santa Catarina durante o inverno está chegando ao fim. A massa de ar seco e frio presente sobre o Estado dá lugar às baixas temperaturas. A máxima não deve passar de 22ºC.


Confira a previsão de máximas na sexta-feira

Serra: 10 a 12ºC

Oeste: 16 a 18ºC

Sul: 16 a 18ºC

Litoral: 19 a 21ºC

Vale do Itajaí: 20 a 22ºC

Norte: 20 a 22ºC


O calor começou em 27 de junho, quando a massa de ar seco começou a influenciar na barreira que se formou sobre toda a região Sul e os Estados vizinhos, impedindo a presença de nuvens e por consequência não permitindo a queda nas temperaturas.


Possibilidade de chuva na sexta-feira

Segundo Puchalski, na sexta-feira deve haver predomínio de nuvens no Estado com possibilidade de chuva a qualquer hora no Oeste, Serra e Sul, onde o volume de chuva deve ser maior. Nas demais regiões, a indicação é de muitas nuvens, poucas aberturas de sol e previsão de chuva para o decorrer da tarde, mas principalmente para à noite.


Frio aumenta no fim de semana

A massa de ar frio vai chegando com força de maneira bem gradativa no fim de semana quando deve haver frio em todas as regiões. No sábado, as máximas da tarde não devem subir ficando em boa parte do estado entre 16ºC e 18ºC com destaque para o oeste com 14ºC a 16ºC e na Serra onde não passa de 10ºC.

No domingo deveremos, a previsão é de um dia clássico de inverno, com temperaturas do amanhecer bem abaixo de 0ºC na Serra, dos 10ºC no Litoral e entre 4ºC a 6ºC em grande parte das cidades.

DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
09 dez09:42

Verão de Santa Catarina terá pouca chuva e muito calor

Gabrielle Bittelbrun | gabrielle.bittelbrun@diario.com.br

Para a alegria de praieiros e turistas, os dias de sol e calor devem ser frequentes em Santa Catarina na estação que começa no dia 22 de dezembro. A meteorologia aponta meses com chuvas abaixo da média e temperaturas que podem bater recordes. E tudo será acompanhado pela Cobertura Multimídia de Verão 2012 da RBS no Estado.

A tendência se deve ao La Niña que, como explica o meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia Rogério Rezende, é caracterizado pelo o resfriamento das águas do Oceano Pacífico na região do Equador. Com as temperaturas da água do oceano abaixo da média, a evaporação da água é menor e, por consequência, a formação de nuvens de chuva reduz. O meteorologista destaca ainda que as causas do La Niña vem sendo estudadas. O que se sabe é que, na prática, o fenômeno vai influenciar o clima na região Sul, exigindo ventiladores, água de coco e banhos de mar.

A Epagri/Ciram confirma o tempo quente em Santa Catarina, principalmente nas regiões Oeste, Meio Oeste, Planalto Sul e Litoral Sul.

A Epagri/Ciram confirma o tempo quente em Santa Catarina, principalmente nas regiões Oeste, Meio Oeste, Planalto Sul e Litoral Sul. A previsão é que ondas de calor tragam dias consecutivos de temperaturas altas. Há, inclusive, possibilidade de recorde nas medições. De acordo com o órgão, a média para dezembro em Chapecó, e que tende a ser superada, é de 28,4ºC para dezembro, 29,1ºC para janeiro e 28,5ºC para fevereiro. Em Lages, na Serra, a média para os meses de dezembro a fevereiro é de 25,9ºC. Na Capital, entre os meses de dezembro a fevereiro, a média é de 27,7ºC.

O alerta é para a possibilidade de estiagem nessas regiões de maior temperatura, em decorrência aos reduzidos índices de precipitação. A chuva no Estado, em dezembro, deve ficar abaixo do esperado para o mês, que é de 130 a 170 milímetros. No início do verão, os números de chuva deve ficar menores ou ligeiramente abaixo em cidades como São Miguel do Oeste, onde o esperado é de cerca de 190 milímetros, Joinville, com acumulado esperado de 156 milímetros e, Florianópolis, com média registrada de aproximadamente 137 milímetros.

Em janeiro e fevereiro, o guarda-chuva vai ser um pouco mais usado, porém ainda com chance de ficar abaixo dos valores estimados, de 180 e 200 milímetros. Como indica o órgão estadual, a pouca chuva pode ser prejudicial para a agricultura e para o abastecimento de água. Mas quem quer curtir praia e lazer ao ar livre, tem tudo para comemorar.

A meteorologista da Epagri, Marilene de Lima explica que, embora o La Niña reduza a intensidade de sistemas de frente fria, não se elimina a possibilidade de episódios de temporais e até queda granizo. Ela explica que, nesta época do ano, o aquecimento no Paraguai e na região da Argentina traz nuvens mais carregadas para a região sul, aumentando a possibilidade das típicas chuvas de verão. Ainda assim, as previsões são otimistas e tudo leva a crer que a marquinha de biquíni está garantida.

Só não dá para estimar ainda em que direção os barcos a vela deverão seguir com mais frequência nesta temporada. Como explica a meteorologista, os ventos dependem do modo como sistemas de alta e baixa pressão se encontram e não podem ser previstos com tanta antecedência.

Comente aqui