Campeonato

20 abr12:28

Definidas as escalas de arbitragem para as semifinais do Catarinense

A Federação Catarinense de Futebol (CBF) definiu as escalas de arbitragem para os confrontos das semifinais do Catarinense, envolvendo Avaí, Chapecoense, Figueirense e Joinville. Veja como ficou:

Celio Amorim apita Avaí x Chapecoense na Ressacada.

Jogos do dia 22/04

16h – Joinville x Figueirense

Local: Arena

Árbitro: Ronan Marques da Rosa, auxiliado por Rosnei Hoffmann Scherer e Luiz Carlos Pereira


18h30min – Avaí x Chapecoense

Local: Ressacada

Árbitro: Celio Amorim, auxiliado por Nadine Schramm Câmara Bastos e José Roberto Larroyd


Jogos de volta, dia 29/04

16h – Figueirense x Joinville

Local: Orlando Scarpelli

Árbitro: Braulio da Silva Machado, auxiliado por Josué Gilberto Lamim e Helton Nunes


16h – Chapecoense x Avaí

Local: Índio Condá

Árbitro: Paulo Henrique de Godoy Bezerra, auxiliado por Angelo Rudimar Bechi e Eder Alexandre


DIÁRIO CATARINENSE

Comente aqui
20 abr12:22

Polícia divulga horários de liberação de pistas para o jogo deste domingo

O Comando do Batalhão de Polícia Militar Rodoviária (PMRv) divulgou as alterações no trânsito na Rodovia Diomício Freitas e Via Expressa Sul para a partida Avaí e Chapecoense neste domingo, dia 22.

O confronto será válido pela primeira partida das semifinais do Catarinense 2012.


Confira os horários de tráfego em sentido único:

Centro – Ressacada

16h25min às 16h45min

17h às 17h20min

17h35min às 17h55min

18h10min às 18h30min


Ressacada – Centro

20h30min às 20h50min

21h às 21h15min

21h45min às 22h05min


DIÁRIO CATARINENSE

Comente aqui
20 abr09:53

Concordienses fazem estreia no Catarinense de Boxe

Quatro atletas da academia Xtreme Sport Fitness de Concórdia, vão representar o município no 3ª Campeonato Catarinense de Boxe 2012. O evento acontece em Lages, neste sábado, dia 21. Essa será a estreia dos concordienses na modalidade.

Os alunos Jadson da Rocha, 20 anos, Bruno da Rosa, 15 anos, Gabriel Grigulo, 14 anos, André Talini de 27 anos, são iniciantes na competição de Boxe Olímpico.

- Sabemos que encontraremos atletas de alto nível, mas vamos dar o máximo para estreiar com sucesso na competição – destaca o professor e técnico Éderson Tabaczinski.

Professor Taba, como é conhecido pelos alunos, disse ainda que confia no potencial dos atletas e que o mais importante neste momento será a experiência resultada do evento.

A participação dos atletas abre as portas para que alunos interessados possam integrar a equipe e representar Concórdia.


Comente aqui
19 abr16:31

Chapecoense viaja para Florianópolis

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Chapecoense viaja nesta tarde de Curitiba para Florianópolis, onde fica até domingo, para enfrentar o Avaí, às 18h30, na Ressacada. O time saiu pela manhã de Caetanópolis-MG e pegou voo ao meio dia de Confins até Curitiba.

Na capital paranaense três jogadores que não foram à Minas Gerais se integraram ao grupo: os atacantes Leandrinho e Jean Carlos e o zagueiro Rafael Lima. Em compensação deixaram a delegação o zagueiro Souza, que está suspenso, e o volante Gustavo, que é jogador do Avaí está emprestado. Por uma cláusula contratual ele não pode jogar contra o Leão da Ilha. Durante a viagem, alguns jogadores aproveitam para dormir e outros assistem filme. Eliomar, que saiu no final do primeiro tempo contra o Cruzeiro, devido a uma lesão no tornozelo, faz tratamento durante a viagem.

O time deve fazer uma parada às 19 horas em Itapema para jantar. A previsão de chegada em Florianópolis é 21h30.

O diretor de futebol Cadu Gaúcho disse que o time agora vai se concentrar no jogo contra o Avaí. Ele afirmou que a derrota para o Cruzeiro é um resultado considerado normal. Mas ressaltou o bom primeiro tempo da equipe, que terminou em 1 a 1. Ele considera que o gol de Wellington Paulista, no início do segundo tempo, foi decisivo para a derrota por 4 a 1.

Comente aqui
17 abr14:21

Chapecoense fica seis dias fora

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Chapecoense viajou para Minas Gerais e fica seis dias fora para amenizar o desgaste de jogar quarta-feira pela Copa do Brasil e, no domingo, a semifinal do Catarinense. Na quarta-feira o time enfrente o Cruzeiro, em Sete Lagoas, e depois vai direto para o litoral catarinense onde fica até domingo, para enfrentar o Avaí, domingo, na Ressacada.

O supervisor da Chapecoense, Chinho Di Domenico, disse que a logística de não voltar a Chapecó tem como objetivo de evitar o desgaste dos atletas. Mesmo assim ele afirmou que as mudanças em horários das refeições e de jogos altera o metabolismo dos atletas.

Pelo menos as viagem até Minas Gerais e a volta até Curitiba será de avião. A volta para Chapecó terá que ser de ônibus pois a partir de domingo o aeroporto de Chapecó ficará fechado, por 75 dias.

Depois da vitória contra o Criciúma, por 3 a 1, o técnico Itamar Schulle chegou a cogitar a possibilidade de poupar alguns jogadores na partida contra o Cruzeiro. O preparador físico Anderson Paixão disse que a preparação física foi programada para que os atletas pudessem suportar jogos duas vezes por semana. No entanto ele reconhece que os dois últimos jogos em casa o gramado estava “pesado”, devido à chuva da véspera dos jogos. Além disso alguns jogadores como Athos, Éber e Rafael Mineiro chegaram recentemente e não fizeram a preparação no clube.

O meia Athos acredita que não terá problema em atuar nas duas partidas. – Pra mim não tem problema, mas respeito a decisão da comissão técnica- declarou. O atacante Éber disse que vai conversar com o preparador físico mas também quer jogar as duas.

O presidente Sandro Pallaoro deu “carta branca” para o técnico Itamar Schulle decidir o que é melhor para o clube. A direção entende que é mais difícil uma conquista na Copa do Brasil mas ainda sonha com a classificação. Mesmo assim há o receio do desgaste de alguns atletas. –O que não podemos é perder jogadores por lesão- para o restante do campeonato- afirmou Pallaoro.


PROGRAMAÇÃO


17/04 – Terça-feira

8h: Treino no Índio Condá

13h: Embarque no Aeroporto Serafim Enoss Bertaso, em Chapecó, no voo da Trip

14h45: Chegada em Curitiba

17h10: Conexão para Confins-MG

18h10: Chegada em Confins-MG, em seguida jantar e saída para Caetanópolis-MG, de ônibus (82km)

21h30: Chegada no Maquiné Parque Hotel, em Caetanópolis.


18/04 – Quarta-feira

19h30: Saída de ônibus de Caetanópolis-MG para Sete Lagoas-MG,de ônibus (30 km)

20h: Chegada em Sete Lagoas-MG

21h50: Jogo contra o Cruzeiro, pela segunda fase da Copa do Brasil, às 21h50, no estádio Joaquim Henrique Nogueira (Arena do Jacaré).


19/04 Quinta-feira

0h30- Saída do estádio Joaquim Henrique Nogueira, em Sete Lagoas-MG, para Caetanópolis.

1h: Chegada no no Maquiné Parque Hotel, em Caetanópolis.

8h30: Saída do hotel para Confins-MG

12h18: Voo de Confins-MG para Curitiba-PR

14h15: Chegada em Curitiba e embarque em ônibus com destino a Balneário Camboriú (230km) ou Florianópolis (315 quilômetros).


20/04 Sexta-feira

A definir


21/04 Sábado

A definir


22/04 Domingo

18h30: Avaí x Chapecoense, na Ressacada

Após o jogo: retorna para Chapecó, de ônibus (600 km)

Comente aqui
16 abr16:28

Catarinense: Avaí x Chapecoense será às 18h30 do domingo

A Federação Catarinense de Futebol divulgou nesta tarde a definição dos horários das partidas de ida das semifinais do Campeonato Catarinense.

As partidas estão marcadas para o domingo, dia 22.

Joinville x Figueirense será às 16h na Arena em Joinville.

Avaí x Chapecoense será às 18h30 na Ressacada em Florianópolis.

Comente aqui
16 abr08:43

Verdão pode poupar jogadores na Copa do Brasil

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Classificada para a semifinal do campeonato Catarinense contra o Avaí, após vencer  o Criciúma por 3 a 1, a Chapecoense pode poupar jogadores na Copa do Brasil. Após o jogo de ontem, no Índio Condá, o técnico Itamar Schulle cogitou essa hipótese em virtude da série e jogos nas quartas-feiras e domingo.

– Os jogadores estão desgastados e vamos ter que fazer algumas opções – explicou Schulle.

Como é muito difícil eliminar o Cruzeiro em Minas Gerais o time do Oeste pode concentrar forças no confronto contra o Joinville. Afinal a Chapecoense tenta o bicampeonato seguido, e o quinto alternado. Nos últimos seis anos essa é a sexta vez que a Chapecoense chega entre os quatro melhores.

-Agora vamos brigar para chegar nas finais- disse o meia Athos, que ontem foi o autor do primeiro gol, aos 11 minutos. O Criciúma parecia um time que já estava eliminado antes mesmo de entrar em campo. O time demonstrava abatimento pela eliminação contra o Atlético Paranaense.

E a Chapecoense logo chegou ao segundo, com Éber, aos 30 minutos, que aproveitou cruzemento de Athos. – Foi maravilhoso, agradeço ao treinador e à Chapecoense que apostou em mim- declarou o atacante, que ficou cinco meses sem jogar.


Éber comemorou muito o gol!


Éber foi contratado em março mas, em virtude de uma arritmia, cardíaca foi vetado pelo departamento médico. Em 2006 ele já havia deixado o clube pelo mesmo problema. Após uma cirurgia, foi liberado, entrou no segundo tempo contra o Cruzeiro e ontem inicou como titular. Ao ser substituído, no segundo tempo, foi aplaudido.

Teve ainda um gol de Cristiano, para o Criciúma, e outro de Eliomar, de pênalti, para a Chapecoense. Souza e Ozéia foram expulsos no final.

– Demos mole – disse Lucca. Ele e o técnico Sílvio Criciúma, que não sabe se permanece no cargo, disse que resta agora pensar na Série B. E a Chapecoense pensa em mais uma estrela.

E agora com o coração de Éber novinho em folha, e cada vez mais verde.

Comente aqui
15 abr17:57

Chapecoense vence e se classifica para as semifinais

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Na última partida do returno do Campeonato Catarinense a Chapecoense jogava pelo empate, mas a equipe foi atrás da vitória e conquistou. Venceu o Criciúma por 3 a 1 e está classificada para as semifinais.

Aos quatro minutos o Criciúma trouxe perigo na área do Verdão. Cristiano cruzou para Lucca que quase marcou, os mais de 20 torcedores do Criciúma presentes na Arena Condá se animaram, mas Rodolpho salvou.

Minutos depois Diogo Roque foi derrubado por Anderson Conceição. Neném cobrou a falta, mas a bola passou pelo alto do gol de Michel Alves. No escanteio, Neném fez uma jogada ensaiada com Athos. A bola sobrou para Eliomar que chutou bem, mas a zaga do Criciúma cortou.

O placar foi aberto aos 11 minutos. Athos foi quem abriu o placar para a Chapecoense. O meia marcou após jogada de Éber e Neném na área do Tigre. A torcida do Verdão na Arena vibrou.

O Criciúma tentou abrir espaço para empatar. Mas o Verdão soube administrar bem a marcação. O Tigre

Aos 24 minutos Diego Felipe marcou uma falta dura em cima do Esquerdinha e recebeu amarelo. Athos cobrou mal. Tentou cruzar para Souza, mas a bola ficou com a zaga do Criciúma.

Três minutos depois outra falta boa para o Verdão na área do Criciúma. Neném cobrou, mas Douglas cortou. No escanteio pelo lado direito Neném cobrou bem, a zaga tirou o perigo, porém a bola sobrou para Eliomar que deu um belo chute, quase que a Chapecoense marca mais um.

O segundo gol da Chapecoense saiu aos 30 minutos. Após o cruzamento de Athos, o atacante Éber marcou de cabeça o primeiro gol dele na competição.

Rodolpho defendeu bem a falta cobrada por Itaqui na frente do gol do Verdão. Ele deu um belo chute e quase abriu para o Criciúma. Na cobrança do escanteio o Tigre desperdiçou e sobrou tiro de meta para Rodolpho.

E o primeiro tempo terminou assim: Chapecoense 2 x 0 Criciúma.

Segundo Tempo

O técnico Silvio Criciúma fez duas alterações na equipe. Diogo Oliveira e Guilherme entraram no lugar de Diego Felipe e Itaqui. Itamar Schulle não mudou a equipe na volta para o segundo tempo.

Mais uma vez o Tigre começa a etapa levando perigo na área do goleiro Rodolpho. Mas a zaga da Chapecoense estava atenta.

Aos 7 minutos Neném cobrou bem a falta marcada em cima do zagueiro Fabiano. Leonardo cabeceou bem, mas o goleiro Michel salvou. Instantes depois Athos cruzou para Éber que não conseguiu completar.

Três minutos depois Athos estava sozinho na frente do gol do Criciúma, mas a bola bateu na coxa e foi pra fora.

Itamar Schulle mudou o time, tirou o atacante Éber e no lugar dele entrou Jean Carlos.

Aos 25 minutos Neném cobrou bem falta pelo lado esquerdo, mas Fabiano não chegou na bola e Fabinho Capixaba cortou bem para o Tigre.

Oito minutos depois Cristiano descontou para o Criciúma. Ele deu um belo chute, Rodolpho não conseguiu defender.

Aos 36 minutos, João Victor marcou pênalti em cima de Rafael Mineiro. Eliomar foi quem cobrou. O meia marcou aos 37 minutos e levou a torcida a loucura do Verdão na Arena.

Três minutos depois na cobrança de escanteio para o Criciúma pelo lado esquerdo, Souza e Ozeia se desenterram e foram expulsos.

Depois deste lance os dois técnicos fizeram alterações no time. No Criciúma entrou Romero no lugar de Jackson e no Verdão, Willian entrou no lugar de Esquerdinha.

E assim termina a partida, Chapecoense classificada 3, Criciúma eliminado 1.

O próximo jogo do Verdão é no domingo, dia 22 pelo Catarinense. Na quarta-feira o time joga contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil.



FICHA DO JOGO

CHAPECOENSE – 3

Rodolpho; Fabiano, Souza, Leonardo; Esquerdinha (Willian), Diogo Roque, Wanderson, Neném, Athos (Rafael Mineiro), Éber (Jean Carlos), Eliomar.

Técnico: Itamar Schulle


CRICIÚMA -1

Michel Alves; Fabinho Capixaba, Ozeia, Anderson Conceição e João Victor; Jackson (Romero), Diego Felipe (Diogo Oliveira), Itaqui (Guilherme) e Cristiano; Lucca e Douglas.

Técnico: Silvio Criciúma



Arbitragem: Paulo Henrique de Godoy Bezerra, auxiliado por Rosnei Hoffmann Scherer e Angelo Rudimar Bechi.


Gols:

Athos (11min 1ºT), Éber (30min 1°T), Eliomar (37min 2ºT) – Chapecoense

Cristiano (33min 2ºT) – Criciúma



Cartões Amarelos:

Souza, Athos – Chapecoense

Anderson Conceição, Diego Felipe, Ozeia, João Victor – Criciúma


Cartões Vermelhos:

Souza (39min 2ºT)

Ozeia (39min 2ºT)


Local: Estádio Índio Condá, em Chapecó/SC

Público: 4.333 torcedores

Renda: R$ 47.705

Comente aqui
15 abr14:54

Female vence em casa com virada dramática

Na raça! Já era esperado um belo jogo, mas o drama apimentou a partida, mostrando que teremos um Catarinense Adulto de futsal feminino de alto nível. Na rodada de abertura da edição 2012, a Unochapecó/Nilo Tozzo/Aurora venceu a fortíssima Unesc/Criciúma por 3 a 2, de virada, na noite de sexta-feira, dia 13. A partida foi no Ginásio Plínio Arlindo de Nes em Chapecó.

Após estarem perdendo por 2 a 0, as atletas da Female buscaram o placar e chegaram ao gol vitorioso somente a 55 segundos do fim. Além da emoção, a qualidade técnica foi marcante na peleja: sete integrantes da Seleção Brasileira no último Torneio Mundial estavam jogando na quadra da Aurora.

Na outra partida da rodada, o Barateiro/Brusque venceu ao Vasto Verde, em Blumenau, por 9 a 1. Sendo assim, Chapecó e Brusque começaram a competição na liderança, com três pontos. O próximo compromisso das multicampeãs pelo campeonato estadual será apenas em 18 de maio, novamente em casa contra o próprio Barateiro. Antes, a equipe viaja para Campo Grande, disputando a fase sul da Liga do Desporto Universitário, entre os dias primeiro e seis de maio.


Ficha técnica

Unochapecó/Nilo Tozzo/Aurora – 3

Giga (goleira); Valéria (capitã), Vanessa, Jéssika e Renata. Entraram: Débora, Tampa e Brenda. Técnico: Éder Popiolski


Unesc/Criciúma – 2

Missi (goleira); Taty (capitã), Faby, Ariane e Gaby. Entraram: Greice, Camilinha, e Lora. Técnico: Tiago Lock


Gols: Taty, 3′ 1t (0-1); Ariane, 5′ 2t (0-2); Jéssika, 12′ 2t (1-2); Renata, 18′, 2t (2-2); Vanessa, 20′ 2t (3-2)

Cartões amarelos: Vanessa (Unochapecó); Camilinha, Greice e Taty (Unesc)


Árbitros: Cláudia Moroso e Jonathan Mattei

Local:Ginásio Plínio Arlindo de Nes – Chapecó/SC


Comente aqui
15 abr14:45

Thui Todeschini vence em Recife

A quente capital pernambucana, Recife, recebeu neste fim de semana a terceira etapa da Superliga Brasil de Motocross. Os pilotos disputaram cinco categorias e mais uma vez o chapecoense Arthur Todeschini (Expresso Sul/WA transportes/Cetric/Pirelli/Brasil Racing) garantiu o lugar mais alto do pódio. Com mais esta vitória Thui chegou aos 75 pontos na categoria 65Cc, 13 a mais que o paulista Renato Muguinho.

Entre os cinco primeiros estão ainda um paulista, um pernambucano e um piloto mineiro. A próxima etapa é especial para o jovem campeão. A quarta etapa será disputada em Chapecó no início de maio.

Arthur Todeschini, o Thui, não fez boa largada, porém ainda no início passou Renato “Muguinho” e Leonardo Feitosa e pulou para ponta. Apesar de estar em primeiro, o catarinense era perseguido por Muguinho. Ainda no começo, o segundo colocado caiu e desperdiçou a oportunidade de brigar pela liderança da prova. Com isso, Thui seguiu livre para chegar a terceira vitória na competição e continuar na liderança.

- Enfrentei uma pista difícil. Diferente com a que estou acostumado. Não larguei bem, mas consegui fazer duas ultrapassagens e me manter em primeiro – declara Thui.



Arthur Todeschini no pódio em Recife.


Campeonato Brasileiro de Motocross

No domingo, dia 29 de abril, Thui participa da segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross, que será disputado em Canelinha/SC.

Na etapa inicial em Carlos Barbosa/RS ele venceu e assumiu a liderança.

O resultado em Recife fechou uma semana sensacional para o piloto de 12 anos. Ele foi escolhido o Piloto Revelação de 2011 por uma revista especializada em motociclismo.

- Agora vamos nos preparar para a prova em Chapecó em maio. Queremos que a torcida empurre o Arthur para mais uma vitória – disse o pai Ademir Todeschini.


Comente aqui