Casep

09 jul19:43

Vistoria não foi realizada no Casep de Concórdia

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

A vistoria técnica marcada para a segunda-feira, dia 9 de julho, no Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep) de Concórdia não foi realizada. O motivo é que dois novos adolescentes deram entrada na instituição e caso a vistoria fosse feita os quartos seriam interditados e os adolescentes ficariam impossibilitados de ficar no local.

- Eles vieram com ordem judicial e fomos obrigados a recebê-los – disse o diretor da ONG Betânia, Ismael Batista, que administra a instituição.

Agora o Centro conta com sete adolescentes e continua com três quartos interditados.

Ainda não foi definida uma nova data para a vistoria.


Comente aqui
09 jul12:30

Mais dois quartos do Casep de Concórdia podem ser interditados

Juliano Zanotelli |juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Mais dois quartos do Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep) de Concórdia podem ser interditados. Segundo o diretor da ONG Betânia, Ismael Batista, que administra a instituição, uma equipe técnica fará uma vistoria no local nesta segunda-feira

- A vistoria foi solicitada na quinta-feira, dia 5 de julho – disse Ismael.

O diretor disse ainda que se houver mesmo uma nova interdição o Centro terá apenas a metade da capacidade, ou seja, cinco quartos, que já estão ocupados por cinco adolescentes que continuam cumprindo medidas socioeducativas.

– O Estatuto da Criança e Adolescente não permite que os quartos sejam compartilhados – disse Batista.

Os quartos foram interditados porque na última fuga, ocorrida no dia 10 de junho, cinco adolescentes renderam e prenderam em um quarto dois monitores que faziam a segurança no local. Eles danificaram a porta de mais dois quartos que estão recebendo pequenas reformas.

Neste ano já foram registradas duas fugas do Casep, a primeira foi em fevereiro.

Dez funcionários mantêm as atividades no Casep de Concórdia. São cinco monitores homens e apenas uma mulher que dividem as atividades em turnos de 12 por 36 horas. Cada um recebe em média um salário de R$ 850. Segundo o diretor o ideal seria R$ 1,3 mil.

Outros funcionários se dividem em atividades burocráticas e atendimento interno como alimentação dos adolescentes.


ONG deixará de prestar serviço

Além dos problemas nos quartos, o pagamento de salário dos funcionários está atrasado. De acordo com Ismael, a ONG ainda não recebeu o repasse do Governo do Estado referente ao mês de junho.

– O Governo disse que não teve tempo hábil de publicar o aditamento e repassar o valor para os Centros do estado – disse.

Ismael disse que a Organização deixará de prestar serviços no Casep de Concórdia a partir do dia 4 de agosto. Ele informou que um aviso prévio foi encaminhado para o Departamento de Administração Socioeducativo (Dease) no início de junho.

A ONG que tem sede em São José do Cedro, no extremo-oeste, presta serviços para o estado há oito anos e é responsável pelo Casep de São José do Cedro, Xanxerê, Concórdia e da Casa de Semi-liberdade, também em Concórdia.


Comente aqui
26 jun12:36

Adolescente é apreendido com 18 pedras de crack em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Ainda na manhã desta terça-feira a Polícia Militar aprendeu mais um adolescente de 17 anos. Com ele a PM encontrou 18 pedras de crack, R$ 35 em dinheiro e uma máquina digital. Outro adolescente foi apreendido e tentou subornar a PM.

A apreensão foi na Rua Tomas de Aquino, esquina com a Barão do Rio Branco, no Bairro São Pedro, por volta das 10h30. Ele disse aos policiais que a câmera foi pagamento de um usuário por drogas.

Segundo informações da PM o adolescente estava foragido do Centro de Atendimento Sócio Educativo Provisório (Casep) de Chapecó, por tentativa de homicídio em Ponte Serrada.

Ele foi conduzido para a Delegacia de Polícia e após para o Casep.


Comente aqui
26 jun12:25

Adolescente tenta subornar PM para não ser apreendido em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

A Polícia Militar de Chapecó apreendeu na manhã desta terça-feira um adolescente de 17 anos na Rua Servidão Caic, no bairro São Pedro. Ele chegou a oferecer R$ 5 mil aos policiais para não ser apreendido.

O adolescente que tem diversas passagens pela polícia entre elas: ameaça contra pessoa, lesão corporal, tentativa de homicídio, suspeito de homicídio doloso, disparo de arma de fogo, dirigir sem habilitação, desobediência, roubo, e posse e tráfico de drogas, estava com mandado de internamento em aberto no Centro de Atendimento Sócio Educativo Provisório (Casep) de Chapecó.

Segundo a PM o jovem avistou a viatura da polícia e fugiu. Ao ser abordado ele disse que estava com uma pequena quantia de maconha, que não foi encontrada. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia e após para o Casep.


Comente aqui
26 dez15:44

Em menos de um ano já foram registradas oito fugas no Casep de Concórdia

RBSTV CONCÓRDIA

Quatro adolescentes renderam os monitores e fugiram. A direção do centro reclama que o valor repassado pelo Estado é insuficiente para garantir a segurança e a reeducação dos adolescentes infratores.

O Casep de Concórdia possui 10 vagas. Nove delas estavam preenchidas até a manhã deste domingo. Logo depois do café da manhã, quatro internos renderam os dois monitores, passaram para o pátio e fugiram pela mata. A ação dos adolescentes durou cerca de 15 minutos.

Durante este tempo os monitores conseguiram avisar a empresa de segurança que enviou um vigilante até o Casep. Mas o segurança não conseguiu evitar a fuga. – Eles renderam e ameaçaram bater nos monitores caso não fosse entregue as chaves para abrir as portas – relatou Ocoordenador do Casep Fernando Kertischka.

Onde deveria ter um muro de cinco metros de altura, o governo do estado, para reduzir custos ergueu um alambrado. O resultado: esta foi a oitava fuga do centro só neste ano.

Além de melhorias na infra-estrutura do Casep, a ONG que administra o centro também reivindica um aumento no repasse dos recursos. Atualmente a instituição recebe em média R$ 2 mil por vaga existente no Casep. As ONGs parceiras do governo do estado reivindicam que o valor pago por interno suba para R$ 3 mil.


Comente aqui
26 dez11:57

Mais uma fuga no Casep de Concórdia

RBSTV CONCÓRDIA

Desta vez quatro adolescentes renderam os dois monitores de plantão e exigiram a chave da porta que dá acesso ao pátio. Em seguida eles pularam o alambrado que cerca a instituição. A fuga aconteceu por volta das 9h da deste domingo em Concórdia.

No local havia nove internos, mas cinco deles se recusaram a participar da ação e permaneceram no Casep, mesmo com uma das portas abertas. A polícia realizou buscas nas redondezas, mas não conseguiu localizar nenhum dos foragidos.

Esta é a oitava fuga registrada neste ano no Casep de Concórdia.


Comente aqui