Caxias

17 set09:36

Não é o Santo Graal, mas deu vida nova ao Verdão

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Chapecoense encontrou seu “Santo Graal” na partida de sábado contra o Caxias, venceu por 4 a 0 e revigorou um time que fazia em média 0,7 gol por partida e não marcava há três jogos. Só num jogo o time fez metade do que tinha feito em 11 partidas pela Série C do Campeonato Brasileiro.

O responsável pela mudança dentro de campo foi o estreante Rodrigo Gral, com um sobrenome sugestivo por ter apenas um “a” a menos do que o cálice sagrado que teria sido utilizado por Jesus na Santa Ceita. Lendas celtas anteriores a Cristo também indicavam que o Graal seria um caldeirão mágico capaz de fazer os mortos voltar à vida.

Pois o Gral de Chapecó deu uma nova alma ao time, que correu e jogou e goleou como não tinha feito ainda nesta Série C. A Chapecoense bebeu da experiência e qualidade de Rodrigo Gral. O resultado é que o time voltou ao G4 no Grupo B e volta a sonhar com uma vaga na Série B.


“Estou muito feliz pela estreia, pelo carinho da torcida com a presença da minha família na arquibancada. Pude ajudar o time e o mais importante foi a vitória. Agora é manter a pegada e buscar a vaga na Série B”


OS PODERES DO GRAL OESTINO

1-POSICIONAMENTO- Enquanto muitos jogadores se amontoam na disputa das jogadas Gral mostrou que sabe como se posicionar, procurando se afastar dos zagueiros para receber lançamento ou antecipando para receber a bola. No segundo gol da Chapecoense, estava no local certo quando a bola bateu nele e sobrou para Fabiano marcar o segundo gol.

2-QUALIDADE NO PASSE- Gral mostrou o diferencial de um jogador que atuou em grandes clubes como Flamengo e Grêmio. No seu terceiro toque na bola ele não fez nada mirabolante. Apenas “escorou” a bola para a conclusão de Neném, como fazia nos tempos em que era garoto e jogava futsal em Chapecó. Em outro cruzamento apenas desviou a bola com o peito e ela caiu certinha nos pés de Eliomar. Ele só errou um passe na partida quando escorregou no gramado.

3-EXPERIÊNCIA- Logo no início da partida o atacante Cristiano subiu junto com Gral para disputar uma bola aérea e a zaga acabou afastando. Gral chamou Cristiano e o orientou para que ficasse apenas um na disputa, e o outro ficaria na sobra. Durante todo em que esteve em campo ele gesticulou e deu dicas para os companheiros.

4- CONFIANÇA- A confiança de Rodrigo Gral de que o time iria vencer era tanta que ele contagiou seus companheiros. O time que antes estava abalado por não marcar há três jogos e que atuava com a desconfiança da torcida, no sábado marcou com segurança e atacou com vibração. Até a torcida estava mais empolgada ao ver Gral em campo. Tanto que até uma faixa em sua homenagem já decorava a arquibancada da Ala Norte antes mesmo de iniciar a partida.





Comente aqui
15 set08:01

Rodrigo Gral estreia contra o Caxias

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Entre as novidades da Chapecoense para o jogo deste sábado, às 16 horas, contra o Caxias, a principal delas é o atacante Rodrigo Gral.

Ele é a esperança do time para acabar com o jejum de gols do time, que há três jogos não balança as redes do adversário. O atacante de 35 anos está ansioso para estrear. –Acho que não vou conseguir dormir. Gral até sonha em marcar o gol no estádio que frequentava quando era menino e tinha o sonho de ser um jogador de futebol.

-Já senti um gostinho com o gol que fiz no amistoso- lembrou, sobre o confronto contra o Atlético Paranaense.

Depois de passar pela seleção brasileira Sub-20 e grandes clubes como Grêmio e Flamengo, o atacante resolveu atuar pelo time de sua terra Natal. A intenção era estrear dois jogos antes, contra o Santo André. Mas houve demora na transferência da documentação do DPMM, de Brunei, para o Brasil.

-Só aumentou minha ansiedade, fiquei chateado, mas ajudou na preparação física- disse Gral. Ele não deve ter condições de jogar os 90 minutos. Mas quer fazer o melhor no tempo em que estiver em campo.

Além de Rodrigo Gral, outra estreia é do técnico Gilmar Dal Pozzo, que substitui o dispensado Itamar Schulle.



FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE

Nivaldo

Fabiano

André Paulino

Rafael Lima (Marcos Alexandre)

Eliomar

Wanderson

Paulinho Dias

Neném

Esquerdinha

Cristiano

Rodrigo Gral

Técnico: Gilmar Dal Pozzo


CAXIAS

Paulo Sérgio

Alisson

Jean

Lino

Dener

Umberto

Garroni

Mateus

Diego Torres

Juba

Leo Gamalho (Rafael Santiago)

Técnico: Picoli

Horário: 16 horas

Local: Arena Condá – Chapecó/SC

Arbitragem: Adriano Milzczvski, auxiliado por Marcos Rogério da Silva e Rafael Trombeta.

Ingressos: R$ 15 (estudantes, crianças entre 8 e 12 anos e aposentados), R$ 30 (geral), R$ 40 (Cobertas) e R$ 50 (cadeiras). Sócio tem 50% de desconto na compra de ingresso para acompanhante. Quem não for sócio ganha compra um ingresso e ganha dois. A promoção não vale para ingresso de R$ 15. Os pontos de venda antecipada são Maidana Esportes, Palácio dos Esportes e Posto de Marco.


Comente aqui
13 set16:23

Ingressos para Chapecoense x Caxias estão à venda

Os ingressos para a partida Chapecoense x Caxias/RS já estão à venda. O jogo deste sábado, dia 15, na Arena Condá, será o primeiro sob o comando do técnico Gilmar Dal Pozzo. Ele assumiu o grupo na terça-feira após a saída de Itamar Schulle. A equipe está em sexto na tabela do Grupo B, com 16 pontos.


Valores

R$ 50 – cadeiras

R$ 40 – cobertas

R$ 30 – gerais

R$ 15 – aposentados, estudantes e crianças entre 8 e 12 anos


A Assessoria de Imprensa da Chapecoense emitiu nota alertando que os sócios que estiverem inadimplentes com o clube serão impedidos de assistir os jogos até que as pendências sejam regularizadas. A Secretaria atende, durante a semana, das 8h30 às 12h e das 13h30 até às 18 horas.


Promoções

Diretoria faz campanha promocional para lotar a Arena Condá:

1. O Sócio torcedor terá direito a comprar ingresso com 50% de desconto em qualquer setor da Arena. A compra dos mesmos deverá ser realizada na Secretaria do Clube;


2. Torcedores “não sócios” que comprar ingresso, no valor normal, poderão retirar de forma gratuita um segundo ingresso para um acompanhante no mesmo setor da Arena. Este ingresso só será retirado nos pontos de venda, até sábado ao meio dia;


3. Pacote promocional Empresa de ingressos válidos para as próximas quatro partidas que a Chapecoense jogará em casa durante esta fase. Deverão ser adquiridos no mínimo 50 ingressos por jogo. O investimento é de R$15 por ingresso, com pagamento em duas parcelas (50% no ato da compra e 50% com cheque para 30 dias).


Pontos de Venda: Palácio dos Esportes, Maidana Esportes e Posto de Marco.


Os portões da Arena serão abertos 2 horas antes do início da partida.

Comente aqui
10 set09:47

Chapecoense está em sexto na Série C

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

A equipe comandada por Itamar Schulle caiu mais um lugar na tabela do Grupo B da Série C do Campeonato Brasileiro, após a vitória do Caxias/RS por 3 a 2 sobre o Oeste/SP.

Agora o time está em sexto lugar, com 16 pontos, a mesma pontuação que o Caxias. No entanto, o Verdão tem apenas quatro vitórias, uma a menos que o time gaúcho, que está com cinco vitórias em 11 jogos. A Chapecoense tem ainda 4 empates e três derrotas.

O próximo compromisso é neste sábado, dia 15, contra o Caxias na Arena Condá.


Comente aqui
29 ago15:31

Partida entre Chapecoense x Caxias será antecipada

A Assessoria da Chapecoense informou no começo da tarde desta quarta-feira que a partida Chapecoense x Caxias/RS marcada para o domingo, dia 16 de setembro foi antecipada para o sábado, dia 15. O jogo será às 16h na Arena Condá em Chapecó.

A mudança aconteceu porque o mesmo será televisionado.


Comente aqui
28 jul18:45

Caxias pode passar a Chapecoense

darci.debona@diario.com.br


Após a vitória deste sábado contra o Duque de Caxias, por 1 a 0, a Chapecoense foi a oito pontos e ficou na quarta posição do Grupo B. O Macaé e o Vila Nova também tem oito, mas ganham da Chapecoense nos critérios de desempate. A Chapecoense pode ser ultrapassada pelo Caxias, que tem sete pontos, e neste domingo enfrenta o líder Madureira, que tem 10, em Caxias do Sul. Na sexta posição estão Oeste e Santo André, com sete. O Brasiliense é o oitavo, com quatro. O Duque de Caxias é o vice lanterna, com três. O Tupi é o último do grupo, com apenas dois pontos.

Comente aqui
15 jul20:35

Chapecoense perdeu fora de casa na Série C

[Atualizado 16/07/12 às 10h38]

Adão Júnior | adao.junior@pioneiro.com

Para apagar a má impressão da estreia em casa, quando levou 4 a 0 do Macaé, o Caxias lavou a alma na tarde deste domingo, no Estádio Centenário, e venceu a Chapecoense por 2 a 0, pela terceira rodada da Série C do Brasileiro. Com o resultado, o time do técnico Mauro Ovelha subiu para a terceira colocação no Grupo B, com seis pontos, e ingressa pela primeira vez na zona de classificação às quartas de final.

Desta vez, o Caxias não deu chances aos visitantes. Logo aos nove minutos, o zagueiro Lino abriu o placar de cabeça, mostrando a eficiência da força aérea grená. Com o meia Diniz fazendo boa atuação e os zagueiros curtindo uma de atacantes, a equipe dominou a partida. O público foi cerca de 4 mil.

O segundo gol veio aos 37 minutos, após uma confusão na área da Chapecoense. Diogo Roque chegou a dar uma bicicleta, pegou na orelha da bola e complicou a vida do zagueiro Fabiano, que desviou para o próprio gol encobrindo o goleiro Rodolpho.

No segundo tempo, o domínio grená continuou forte. Por pouco, Diniz e Adriano não marcaram o terceiro. No final, o placar de 2 a 0 acabou barato para os catarinenses, que caíram do terceiro lugar para o sexto, com quatro pontos. O Caxias subiu da sétima colocação para a terceira, com seis pontos, mesma pontuação do vice Macaé. O líder é o Madureira, com nove. Santo André, com cinco pontos, completa a zona de classificação.


Série C

A Chapecoense está em 6º lugar no Grupo B, com quatro pontos.  A próxima partida na competição será no domingo, dia 22, contra o Macaé/RJ, na Arena Condá. O jogo válido pela quarta rodada está marcado para às 15h30.


Folga nesta segunda-feira

Os jogadores tem folga nesta segunda-feira e se reapresentam na terça-feira, dia 17, às 15 horas na Arena Condá.

PIONEIRO

Comente aqui
15 jul10:29

Confronto entre velhos conhecidos

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Chapecoense praticamente enfrenta seu ex-time no domingo, às 15 horas, em Caxias do Sul, pela terceira rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Do time campeão Catarinense de 2011 estão no clube gaúcho o técnico Mauro Ovelha, o preparador físico Alexandre Andreis, o atacante Neílson, os volantes Everton Garroni e Diogo Roque e o lateral Badé. Outros com os atacantes Adriano e Rafael Santiago e o zagueiro Neguette também passaram pelo time do Oeste.

-Eles nos conhecem e nós também conhecemos eles- afirmou o técnico da Chapecoense, Itamar Schulle, que perdeu a final do primeiro turno do Campeonato Gaúcho para o Caxias, quando treinava o Novo Hamburgo.

A Chapecoense também tem vários remanescentes do título do ano passado, como o meia Neném, o zagueiro Fabiano e o goleiro Rodolpho. Para Schulle, o problema não é os times se conhecerem muito bem.

-Jogar no Centenário é difícil, até para Inter e Grêmio- afirmou o técnico. A Chapecoense está em terceiro lugar no grupo B, com quatro pontos em dois jogos. O Caxias tem um ponto a menos.

Schulle deve ter apenas duas alterações em relação ao time que venceu o Vila Nova, no domingo passado. O meia Neném entra no lugar de Eliomar, que está cuidado da filha Sofia, que continua hospitalizada. No ataque Thuram entra no lugar de Lê, que teve uma fratura de nariz no jogo passado. Lê e Eliomar são apenas dois dos cinco desfalques no ataque da Chapecoense. Éber e Mateus Paraná também estão lesionados e Cristiano foi liberado para o casamento, em Minas Gerais.

No banco contra o Caxias haverá apenas Leandro, de 19 anos, que é das categorias de base do clube. A Chapecoense defende a invencibilidade em Caxias do Sul.



FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE

Rodolpho

Fabiano

Leonardo

Souza

Rafael Mineiro

Dudu

Wanderson

Athos

Neném

William

Thuram

Técnico: Itamar Schulle



CAXIAS

Paulo Sérgio

Michel

Jean

Lino

Mateus

Umberto

Diogo Roque

Garroni

Diniz

Adriano

Neilson

Tecnico: Mauro Ovelha


Horário: 15 horas

Arbitragem: Alinor Silva da Paixão e auxiliado por Carlos Nogueira Junior e Alberto Poletto Masseira

Local: Estádio Francisco Stédile, em Caxias do Sul


Comente aqui
14 jul13:03

Chapecoense sem cinco atacantes contra o Caxias

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Chapecoense está sem cinco atacantes para enfrentar o Caxias, neste domingo, em Caxias do Sul. Mateus Paraná fez uma cirurgia no joelho e não deve mais jogar a Série C. Lê teve uma fratura no nariz na partida contra o Vila Nova e deve ficar mais uma semana fora. Cristiano foi liberado para o casamento, que ocorre hoje, em Minas Gerais. Eliomar ficou cuidando da filha Sofia, que nasceu prematura e continua hospitalizada. E Éber voltou a sentir uma lesão no joelho.

Para o ataque sobrou apenas Thuram. Tanto que o técnico Itamar Schulle convocou Leandro, de 19 anos, das categorias de base, para viajar a Caxias.

Comente aqui
13 jul16:05

Série C: Confira o trio de arbitragem para Caxias x Chapecoense

O Caxias recebe a Chapecoense neste domingo, dia 15 de julho. A partida será no estádio Centenário em Caxias do Sul, a partir das 15 horas.

O jogo terá no apitado por Alinor Silva da Paixão e auxiliado por Carlos Nogueira Junior e Alberto Poletto Masseira.

Comente aqui