Chapecó

25 mai19:08

Superintendência Leste é inaugurada em Chapecó

Mais um serviço de atendimento a comunidade foi inaugurado pela Prefeitura de Chapecó nesta sexta-feira, dia 25. Na presença de moradores, o Prefeito José Caramori inaugurou a Superintendência Leste, que vai atender os bairros São Pedro, Bom Pastor, Boa Vista, Pinheirinho, Paraíso, Presidente Médici, Vila Zonta e região. Na ocasião, Mauro Zandavalli também foi empossado como Superintendente.

A Superintendência está localizada na Rua Sônia Zani, Bairro São Pedro. O horário de atendimento é das 12h às 18h. – O objetivo é estar mais perto do cidadão, resolvendo as demandas de cada região de uma forma mais rápida e eficaz – ressalta o Superintendente Mauro Zandavalli.

Esta foi a quarta superintendência instalada pela Prefeitura de Chapecó. A primeira a entrar em funcionamento foi a da região da Grande Efapi, em 2006. Em seguida, em 2007, foi instituída a do Distrito de Marechal Bormann. Já em 2009 foi implantada a Superintendência Norte, no Bairro Belvedere.

Comente aqui
25 mai18:14

Chapecó sedia turno da primeira fase do Catarinense Sub 17

O futsal feminino da Unochapecó/Nilo Tozzo/Aurora já está encarando seus desafios no Campeonato Catarinense Adulto e Sub 20. No Sub 15 e 13, a parceria com a Escola Lourdes Lago também está em ação. Agora, chegou a vez do clube multicampeão disputar o Sub 17 do estadual. Nesta sexta-feira, dia 25 e sábado, 26, Chapecó recebe o turno da primeira fase, no Grupo A.

Todas as partidas serão no Ginásio Plínio Arlindo de Nes. Além da Female, a chave é composta por Kindermann/Caçador, Forquilhinha e Balneário Camboriú. O returno será em Caçador, nos dias 8 e 9 de junho. Onze equipes estão disputando esta fase inicial, divididas em três grupos. As duas primeiras colocadas mais as duas melhores terceiras passam à segunda fase.


Treinador Sílvio Faccin conta com jovens que já encaram o adulto

A equipe é comandada por Sílvio Faccin, auxiliar do treinador Éder Popiolski na categoria adulta. Experiente, com títulos nacionais e estaduais na base, Sílvio aproveitou esta semana para fazer os últimos acertos táticos na equipe. A Female busca o tri na competição, vencendo as edições de 2007 e 2005.

Os destaques são a fixa Estela, a ala Débora e a pivô Susi – todas já atuando no elenco adulto do clube. A fixa Kemolin e a ala Amanda Rossato são duas outras que chamam a atenção, tendo atuado na equipe Sub 20 – que disputou o turno da primeira fase, em Jaraguá do Sul.

Em termos de desempenho no Catarinense, a Female vem tendo bom rendimento em todas as categorias. No adulto, é líder isolado. No Sub 20, tem a vice-liderança do Grupo A na fase inicial. No Sub 15, em parceria com o Lourdes Lago, está na ponta do Grupo E da segunda fase, não tendo sofrido gols no turno. E, com a mesma franquia, está classificado ao quadrangular final do Sub 13.


Programação de jogos do Catarinense Sub 17 em Chapecó


Grupo A – Turno – Ginásio Plínio Arlindo de Nes

25/05

Rodada 02

20:15 – Kindermann/Caçador x Balneário Camboriú

21:15 – Unochapecó/Nilo Tozzo/Aurora x Forquilhinha


26/05

Rodada 03

09:00 – Balneário Camboriú x Forquilhinha

10:00 – Unochapecó/Nilo Tozzo/Aurora x Kindermann/Caçador


Comente aqui
25 mai17:17

Hospital da Criança um ano em Chapecó

No mês de maio, o Hospital da Criança (HC), o qual é administrado pela Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira, mesma entidade filantrópica que administra o Hospital Regional do Oeste (HRO), completa um ano de atividades. Neste primeiro ano, foram realizados mais de 47 mil atendimentos no Pronto Socorro, 1.067 internações e 742 cirurgias. Em percentuais isso representa que dos mais de 47 mil atendimentos no PS do HC, apenas 2,27% foram casos que necessitaram de internação.

Com base no banco de dados do HC, nestes primeiros 12 meses de ininterrupto funcionamento daquele nosocômio, em média já foram atendidos 3.917 pacientes por mês, perfazendo 130 atendimentos por dia, o que representa uma média de 5,44 pacientes por hora. Quando a ala pediátrica funcionava junto ao HRO, a média de atendimento na especialidade pediátrica era de apenas 50 por dia. Mesmo com a demanda que aumentou em 100%, os casos de urgência e emergência representam apenas cerca de 1,3%. Por outro lado, nestes 12 meses, onde mais de 47 mil atendimentos foram prestados, o índice de óbitos em 2011 fora de apenas 0,01%. Já em 2012, a taxa de mortalidade registrada no Hospital da Criança, é 0% (zero), o que representa alto índice de resolutividade no atendimento aos pequeninos.

Hoje atendem no espaço 112 funcionários, os quais desempenham atividades nos serviços de enfermagem e administrativo, juntamente com 19 médicos pediatras. Os 19 pediatras estão assim distribuídos em suas funções: oito atuam na escala de plantão 24 horas no pronto socorro; oito clínicos em sobreaviso; e, três são cirurgiões que atuam na demanda de procedimentos no Centro Cirúrgico.

O HC mantém 24 horas plantão médico com toda equipe de apoio, em diversas especialidades em sobreaviso. Devido ao fato de agora existir uma ala especial para as crianças, com um atendimento direcionado para esse público, houve reflexo positivo na redução de internações.

Quando a Pediatria estava instalada no Hospital Regional do Oeste (HRO), eram registradas cerca de 30 internações/mês, sendo que agora no Hospital da Criança (HC) são 12 por mês. Isso é reflexo de um conjunto de ações desde a humanização até a alta dos pequenos pacientes, reflexo extremamente positivo em termos de resolutividade. No HC os atendimentos são especificamente para atender casos de Urgência e Emergência a crianças de zero a 13 anos, 11 meses e 29 dias.

De acordo com Rajá Elias, Diretor Médico do Hospital da Criança, esses números mostram o avanço na saúde e no atendimento as crianças.

- Estamos preocupados com o atendimento de qualidade e não com a quantidade de atendimentos. Queremos atender bem e a todos – destacou.


Comente aqui
25 mai16:29

Corpo de Bombeiros participa de Assembleia no Sinduscon

Para transmitir um breve panorama histórico sobre as estratégias de prevenção de incêndio exercidas pelo Corpo de Bombeiros Militar catarinense e esclarecer os procedimentos adotados atualmente, o chefe do setor de atividades técnicas do batalhão de Chapecó, tenente Ilton Schpil, ministrou a palestra “Atividades técnicas no âmbito do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina”. A apresentação foi conduzida durante Assembleia Geral Ordinária do Sindicato da Indústria da Construção e de Artefatos de Concreto Armado do Oeste (Sinduscon), nesta semana, no auditório do Hotel Bertaso em Chapecó. Coordenado pelo presidente Lenoir Broch, o evento reuniu diretores da entidade sindical e empresários do setor.

Em Santa Catarina, as atividades de prevenção contra incêndios iniciaram em 1926, por meio das orientações repassadas pelo Corpo de Bombeiros à população. As atitudes preventivas foram evoluindo com o decorrer dos anos, de forma prática e operacional, durante os incêndios que aconteciam com maior ou menor intensidade. As ações começaram a mudar definitivamente no início da década de 70 quando os incêndios catastróficos que ocorreram na cidade de São Paulo nos edifícios Andraus (1972) e Joelma (1974) levaram quase duzentas pessoas à morte e feriram mais de 600.

- Tais fatos abalaram significativamente a opinião pública e estimularam o debate sobre segurança contra incêndios em edifícios – relatou Schpil.

Segundo o tenente, o trabalho exercido pelos Corpos de Bombeiros Militares compreende uma série de medidas. Dentre elas, estão a análise de projetos preventivos contra incêndio em edificações e contra sinistro em áreas de risco, bem como as fiscalizações através das vistorias, durante e após a execução das obras.

- Além disso, podemos destacar a edição e atualização das normas técnicas e o treinamento e conscientização da população – afirmou Schpil.


Tenente Ilton Schpil.


As atividades de segurança contra incêndios são exercidas baseadas em dispositivos legais que possuem estreita e direta relação com a fiscalização feita pelas administrações municipais e por outros órgãos no que se refere à autorização para funcionamento. A legislação norteadora da fiscalização condiciona à expedição de licenças, alvarás e atestados.

Com relação ao amparo constitucional da atividade técnica, Schpil, relatou que a constituição Estadual de 1989 (artigo 108) alterada pela emenda constitucional número 33 de 13 de junho de 2003, estabelece o seguinte: cabe ao Corpo de Bombeiros analisar previamente os projetos de segurança contra incêndio em edificações, contra sinistro em áreas de risco e armazenagem, manipulação e transporte de produtos perigosos, acompanhar e fiscalizar a execução e impor sanções administrativas estabelecidas em lei. Também é de sua competência a realização de perícias de incêndio em áreas sinistradas e colaborar com o órgão de defesa civil.

As Normas de Segurança Contra Incêndio (NSCI) têm por finalidade fixar os requisitos mínimos nas edificações através de especificações para segurança contra incêndios no Estado, levando em consideração a proteção das pessoas e seus bens.


Fases

O ciclo operacional da atividade de bombeiro militar envolve quatro fases: normativa e preventiva, passiva ou estrutural, ativa ou de combate e investigativa ou pericial. A primeira visa evitar que os sinistros ocorram através da análise de riscos e estudos, da revisão e elaboração de normas de segurança contra incêndios. A fase passiva ou estrutural tem por objetivo restringir ou minimizar com prontidão as consequências ou danos de um sinistro que não pode ser evitado, instalar, inspecionar, fazer manutenção e operar sistemas ou dispositivos de segurança contra incêndios.

- O objeto desta fase é constituído por projetos, sistemas preventivos e dispositivos de segurança executados nas instalações prediais de qualquer tipo de ocupação – explicou o tenente.

Na terceira fase – ativa ou de combate – os sistemas e dispositivos instalados passam a ser utilizados pelos usuários e bombeiros tanto em treinamentos como em situações reais de sinistros. Na ocorrência de eventual sinistro, são prestados serviços para debelar incêndios, prestar atendimento pré-hospitalar, resgatar ou salvar vidas. A fase investigativa ou pericial envolve o feedback das demais, elucidando a situação em todos os seus aspectos (causas, subcausas, desenvolvimento do incêndio, danos causados e bens salvos).

O tenente também esclareceu alguns aspectos do Cano Multicamadas que em Santa Catarina não está normatizado, e discutiu com os empresários alternativas para que as análises feitas pelo Corpo de Bombeiros sejam entregues sem atrasos.


Comente aqui
25 mai15:52

Chapecoense treina no campo do trevo nesta sexta-feira

Equipe comandada por Itamar Schulle segue na preparação para a Série C do Campeonato Brasileiro. Na tarde desta sexta-feira os trabalhos acontecem no campo do Trevo.

No sábado os jogadores treinam pela manhã na Arena Condá. Os trabalhos iniciam as 9 horas. À tarde, a partir das 15 horas tem mais treino. O local ainda não foi definido.

No domingo os atletas tem folga.

Comente aqui
25 mai14:37

Liga Nacional será o primeiro desafio do Voleibol Masculino de Chapecó

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) confirmou nesta semana as datas e o local para a realização da Liga Nacional 2012 – regional Sul. A competição será realizada nos dias 12, 13, 14 e 15 de julho, na cidade paranaense de Maringá. A fase Sul, que reunirá equipes do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, classifica apenas o campeão para a etapa final da Liga Nacional.

A equipe da Aprov/Unoesc/Chapecó está confirmada na competição. – Ainda não sabemos quem serão os nossos adversários, mas sabemos que a nossa região é uma das mais fortes e tradicionais do voleibol brasileiro – comenta o técnico da Aprov/Unoesc/Chapecó, Nilson Rex.

A Liga Nacional envolve as 27 federações estaduais do país e é dividida regionalmente em cinco grupos. No grupo 1, jogam equipes de Amazonas, Roraima, Acre, Rondônia, Pará, Amapá e Tocantins. No grupo 2, estão times da Paraíba, Rio Grande do Norte, Bahia, Sergipe, Pernambuco, Alagoas, Ceará, Maranhão e Piauí.

Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Goiás estão envolvidos na disputa do grupo 3. O grupo 4 é formado por São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo e o grupo 5 é composto pelas equipes do Sul.

A fase decisiva, que envolve os campeões de cada grupo e ainda a cidade-sede da disputa, também classificará apenas o primeiro colocado à Superliga B, que é a segunda divisão do voleibol brasileiro e a competição que dá acesso à Superliga Nacional.

Além da Liga Nacional, Chapecó terá pela frente em 2012 o Campeonato Catarinense, os Jogos Universitários Catarinenses e Brasileiros e Jogos Abertos de Santa Catarina. Todas as competições serão no segundo semestre.


Comente aqui
25 mai14:17

SDR Chapecó está próximo da meta de vacinação contra a Gripe A

Esta prorrogada por mais uma semana, até o dia 1º de junho, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, que protege também contra a influenza A (H1N1). A SDR Chapecó fez um levantamento que aponta que até a quinta-feira, dia 24, 76,56% do público alvo já havia sido imunizado. A gerência de saúde da SDR Chapecó distribuiu 61.324 doses para os 37 municípios das secretarias de desenvolvimento regionais de Chapecó, Palmitos, Maravilha, São Lourenço do Oeste e Quilombo.

A meta é que cada município atinja a marca de 80% de vacinação. Dos 37 municípios 20 já ultrapassaram a meta. Alguns até superaram os 100% no caso de Sul Brasil e Nova Itaberaba, que vacinaram além do previsto.

Mas em alguns municípios ainda falta imunizar muitas pessoas. É o caso de Águas de Chapecó que vacinou apenas 58,10%. O menor índice do município está na faixa de seis meses a dois anos. O município vacinou apenas 36,8% das crianças.

- Estamos ligando para os municípios e de posse destes números fazendo um apelo para que intensifiquem a campanha em suas unidades de saúde – disse a coordenadora regional de vacinação Iracema Azzolini.

Foi o que aconteceu em municípios com Santiago do Sul e Caxambu do Sul que iniciaram a semana abaixo da metade da meta de vacinação. Atualmente estão com 66% e 71% respectivamente.

Chapecó tem 24.665 pessoas para vacinar. Até esta quinta-feira atingiu 69,95% da meta. A vacinação é gratuita para crianças de seis meses a dois anos, técnicos de saúde, gestantes, idosos e indígenas.


Comente aqui
25 mai14:12

Projeto orienta sobre educação econômica

Levar ao público conhecimentos sobre como fazer um orçamento, mediante o planejamento das receitas e gastos das famílias, e ensinar como poupar e valorizar o dinheiro. Esses são objetivos do projeto de extensão Educação Econômica, mantido pelo curso de Ciências Econômicas da Unochapecó. A iniciativa é dirigida para trabalhadores, empresários, donas de casa, estudantes e profissionais em geral.

O projeto promove palestras semanalmente, de forma conjugada com ações do Laboratório de Mercado de Capitais. São proporcionadas informações sobre como organizar um orçamento e com o utilizar uma planilha para as famílias controlarem seus gastos. Nessa atividade, são fundamentados o conhecimento quanto ao valor do dinheiro e como consumir sem se endividar.

- Desta forma, vamos fazer com que as pessoas consigam gerir seu dinheiro e futuramente conseguir fazer aplicações, ou seja, gerar poupança para investimento – indica o professor Frederico Damasceno.

Um dos argumentos para a manutenção do projeto é de que, atualmente, para cada três brasileiros endividados dois não sabem o quanto pagam de juros. Outra estatística considerada é de que, para cada cinco pessoas endividadas, uma tem menos de 25 anos. Isso ocorre, conforme o professor Frederico, porque o controle da inflação e o crescimento do país, sobretudo do crédito, levam as famílias a se endividarem mais. Acrescenta que esse tipo de iniciativa de orientação é comum nos países desenvolvidos ou emergentes, como Estados Unidos, Alemanha e Coréia do Sul.

- No Brasil ainda é pouco comum, mas com o aumento da inadimplência e do endividamento das famílias está havendo grande mobilização, sobretudo dos meios de comunicação, no sentido de mostrar como poupar para gerar investimento – indica o professor.


Cartilha orienta

As palestras organizadas para orientar sobre orçamento pessoal e familiar são realizadas na universidade, nas empresas interessadas e em escolas. Também ocorrem nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras).

Para o desenvolvimento de suas atividades, o projeto Educação Econômica conta com uma cartilha, que apresenta dicas para serem colocadas em prática no dia a dia. Além disso, podem ser agendadas visitas ao Laboratório de Mercado de Capitais. Quem estiver interessado nas ações do projeto pode manter contato com o curso de Ciências Econômicas da Unochapecó, pelo telefone 3321-8243 ou pelo e-mail economia@unochapeco.edu.br.



Comente aqui
25 mai11:44

Tenente Cascavel nesta sexta-feira em Chapecó

A banda gaúcha Tenente Cascavel se apresenta nesta sexta-feira, no Premier Bier em Chapecó. O grupo, que surgiu em 2008, é formado por ex-integrantes de duas das principais banda da história do rock gaúcho, TNT e Os Cascavelletes, grandes sucessos nos anos 1980 e 1990.

Márcio Petracco, Luis Henrique “Tchê” Gomes e Paulo Arcari, integrantes da TNT, e Luciano Albo (baixo, guitarra, vocais), de Os Cascavelletes, fazem você relembrar ou aprender com quantos paus se faz rock’n’roll, curtindo os clássicos Ana Banana, Entra Nessa, Menstruada, Jéssica Rose, Sob um Céu de Blues, Cachorro Louco, Não Sei, Morte Por Tesão e muito mais.

>> Confira a programação da AGENDA do clicRBS Chapecó.

O objetivo era tocar as músicas que fizeram a cabeça de muitos naquela época e que ainda fazem sucesso. Canções que até hoje estão nas bocas dos roqueiros de todas as idades. Assim se formou a Tenente Cascavel, estreando este projeto em um show lotado no Teatro Opinião, em Porto Alegre.

Apesar de ter nascido como um projeto revivalista, a banda também possui composições gravadas: O Que Eu Preciso, A Notícia e Te Mexe de Uma Vez, todas elas disponíveis para audição na página do MySpace da banda (myspace.com/tenentecascavel). Os ingressos ainda podem ser adquiridos no Premier Bier, Churraskito, Bar da Dulce e Lorenci. Maiores informações no telefone 49 3322-2683.

A banda chapecoense Dazantigas faz o show de abertura.



Comente aqui
25 mai11:25

Homens de Preto 3 estreia nesta sexta em Chapecó

Roger Lerina | Zero Hora

Depois de uma desastrada sequência em 2002, a franquia Homens de Preto parecia ter secado. Dez anos depois, porém, o diretor Barry Sonnenfeld resolveu colocar de novo em ação os agentes secretos incumbidos de manter na linha a “escória alienígena” na Terra.

O resultado surpreende: a volta dos personagens J e K retoma o pique do filme original e ainda avança muito em relação à produção de 1997. Homens de Preto 3 (2012) estreia hoje em cópias 3D e convencionais, legendadas e dubladas.

Voltar ao passado foi literalmente a solução encontrada pela equipe de roteiristas encabeçada por Etan Cohen para ressuscitar a série. Em Homens de Preto 3, um pavoroso ET chamado Boris, o Animal (Jemaine Clement) foge de uma prisão de segurança máxima na Lua e vai para a Terra disposto a vingar-se do agente K (Tommy Lee Jones), que 40 anos antes impediu que sua espécie invadisse o planeta, arrancou-lhe um braço e ainda trancou-o na cadeia. Graças a uma engenhoca, Boris retorna a 1969 e consegue eliminar o rival, subitamente alterando o presente _ e desnorteando o agente J (Will Smith), que descobre nunca ter trabalhado com K e sequer ter conhecido o parceiro. O esperto J acaba também chegando até a maquininha de tempo e consegue retroceder até as vésperas do acerto de contas de Boris com K, a fim de salvar a vida do companheiro e evitar o ataque alien.

Em Chapecó está em cartaz também os filmes American Pie – O Reencontro, Piratas Pirados, Anjos da Lei e os Vingadores. Confira a programação completa do Cinema Arcoplex Shopping Pátio.



Comente aqui