Escolas

12 dez16:42

SDR Xanxerê municipaliza escolas em seis cidades

Nesta segunda-feira o Governo do Estado oficializou a transferência para os municípios de 14 escolas estaduais sob jurisdição da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Xanxerê.  Atualmente, a SDR Xanxerê conta com 56 escolas estaduais.

A municipalização será total ou parcial conforme decisão tomada por representantes da área da Educação do município e do Estado. O secretário regional Carlos Augustinho Colatto e a gerente de Educação, Marivete Brunel Zaffari, participam da solenidade, junto aos prefeitos dos municípios com escolas municipalizadas.

Segundo a gerente, a municipalização é um processo democrático. – Estamos conversando com os professores e a comunidade escolar. O processo de transferência de gestão está sendo gradativo, conforme interesse dos municípios, sempre respeitando o direito do aluno e dos funcionários da unidade escolar -  explica.

De acordo com o secretário Colatto, o objetivo da municipalização é melhorar a qualidade do ensino público. – O Estado, municipalizando o Ensino Fundamental, estará melhorando o atendimento oferecido no ensino médio, que é o que tem mais problemas de evasão escolar – conclui.


Como vai ficar

Serão transferidos para os municípios os prédios e alunos do 1º ao 9º ano das escolas Alexandre Antoniolli, em Faxinal dos Guedes, e Diadema, em Xaxim.

O espaço físico será compartilhado entre alunos da rede estadual e da rede municipal nas seguintes escolas que municipalizam turmas do 1º ao 5º ano: EEB Professor Tertuliano Turíbio de Lemos, em Faxinal dos Guedes; EEB Gomes Carneiro, EEB Professora Neusa Massolini e EEB Professor Custódio de Campos, em Xaxim.

As escolas municipais receberão alunos do 1º ao 5º ano da EEB Padre Antonio Vieira, em Ipuaçu; EEB Kyrana Lacerda, em Vargeão; e EEB Celestino José do Nascimento, em Ouro Verde. Serão doadas aos municípios os imóveis das escolas EEF Serenita Carlesso da Silva e EEF Toldo Velho, de Ipuaçu; EEF Neri Barbosa Giachini e EEF Dr. Rui Pimentel, de Xanxerê.

Os professores continuam vinculados à Secretaria de Estado da Educação, sem perda de direitos e com os vencimentos garantidos.

Comente aqui
28 nov19:11

Segurança e Prevenção a Violência nas Escolas

O Projeto Segurança e Prevenção a Violência nas Escolas, iniciado em julho de 2011, tem o objetivo de orientar professores, funcionários, pais e alunos das escolas da rede Municipal e estadual de Chapecó. Apresentando alternativas voltadas à prevenção da violência nas escolas, a fim de contribuir para a construção de uma sociedade mais humana, justa e solidária.

A violência é, infelizmente, uma prática que vem sendo disseminada em todas as esferas sociais, inclusive nas instituições de ensino, seja na rede pública ou privada. Dentre as variáveis que levam ao aumento da violência na sociedade brasileira estão à desigualdade social, o enfraquecimento de conteúdos culturais, éticos e morais, a família desestruturada, as diferenças culturais, maus tratos e uma ausência de cultura de paz nos sistemas de relações sociais.

Segundo o soldado Marcelo Wundervald, diante das inúmeras ocorrências envolvendo violência nas escolas, o projeto busca executar as seguintes atividades:

- Incentivar o debate sobre o tema “violência nas escolas”, visando à busca de estratégias e ações voltadas a minimizar a violência na escola;

- Orientar a cerca de questões de segurança, objetivando a prevenção de delitos no âmbito escolar;

- Orientar sobre qual o procedimento a ser adotado em caso de violência nas escolas;

- Resgatar junto aos alunos adolescentes valores morais e éticos voltados ao convívio social;

- Resgatar junto aos pais dos alunos a responsabilidade da família sobre a formação e educaçã0o destes adolescentes;

Encerrado no mês de novembro, o Projeto de Segurança e prevenção a violência nas escolas alavancou os debates críticos entre Policia Militar e adolescentes. Tomando a frente e representando a Policia Militar, o soldado Marcelo Wundervald protagonizou as palestras envolvendo a todos através de uma linguagem simples, mas rica em informações através das experiências de mais de 13 anos como policial. – É preciso falar na mesma frequência dos jovens, na mesma faixa vibratória, para que palestrante e publico estejam sintonizados na mesma linguagem – disse o Soldado.

Foi de grande valia e ótimos resultados a recepção nos colégios, sempre após as palestras eu era rodeado por adolescentes para agradecer, esclarecer duvidas particulares, e para saber como fazia para entrar na Policia Militar.

- Para o que vem pretendemos dar continuidade a este projeto – completou Marcelo.


Comente aqui
25 nov16:06

Suco de escolas de Cunhã Porã são apreendidos

Uma inspeção conjunta do Ministério Público de Santa Catarina, MPSC, com a Vigilância Sanitária Municipal e o Conselho Tutelar apreendeu 849 litros de suco de uva em sete estabelecimentos de ensino e creches da rede municipal de ensino de Cunha Porã. O suco, produzido em fevereiro de 2009, apresentava, no rótulo, o prazo de validade de 2 anos.

A inspeção foi realizada na segunda-feira, 21, em decorrência de procedimento instaurado na Promotoria de Justiça para averiguar a denúncia de que crianças e alunos estavam consumindo suco vencido.

Além das garrafas, também foram recolhidas embalagens vazias equivalentes a 384 litros de suco. A Vigilância Sanitária encaminhou amostras do material apreendido ao laboratório do Senai em Chapecó para verificar a qualidade do produto.

Diretoras e merendeiras dos estabelecimentos e a nutricionista da prefeitura municipal serão ouvidas na Promotoria de Justiça de Cunha Porã.


Fonte: MPSC


Comente aqui
07 nov15:40

Matrículas abertas para 2012

A Secretaria Municipal de Educação de Xanxerê, através de Edital de Matrícula 01/SME/2011, está com as matrículas abertas a partir desta segunda-feira, dia 7, na Rede Municipal de Ensino.

De início são ofertadas aproximadamente 4 mil vagas, nas 21 unidades escolares do município, que vão desde a Creche (Educação Infantil) até a 8ª série do Ensino Fundamental.

Na primeira semana de matrícula serão atendidos os alunos que já frequentam as Escolas Municipais e num segundo momento os demais interessados. Os pais deverão procurar diretamente as unidades escolares mais próximas de suas residências, atendendo as diretrizes do zoneamento.

Para os alunos que já estão nas escolas, basta os pais comparecerem as unidades escolares e formalizar a matrícula. Já os alunos novos devem trazer todos os documentos exigidos no edital: Certidão de Nascimento, CPF e Identidade, Histórico Escolar da Escola de origem, Comprovante de residência, Cópia da Carteira de vacinação, Comprovante de recebimento de Bolsa Família (se recebe).

- Toda a equipe da secretaria está pronta e capacitada para receber as matrículas, formando assim o corpo discente para o ano de 2012 – destaca o secretário de Educação, Félix Dalmutt.


Comente aqui
26 set12:59

Final Oratória nas Escolas

No domingo, dia 25, foi conhecido o vencedor da Terceira Edição do Concurso de Oratória nas Escolas promovido pela JCI Chapecó. Nicolas Guilherme Zanovello, 12 anos, representando a Escola Municipal Herbert de Souza, do bairro Efapi, conquistou o primeiro lugar.

Dezenove alunos, de 7ª e 8ª série, de 19 escolas municipais estavam classificados. Eles discursaram sobre o tema Meio Ambiente Sustentável: qual é o meu jeito de mudar o mundo?


Antonio Zanovello (pai de Nicolas), Nicolas Guilherme Zanovello (vencedor Oratória nas Escolas), André Luiz Capelari (coordenador do projeto) e Clair Winck de Souza (diretora Escola Municipal Herbert de Souza).



A etapa final foi realizada no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes de Chapecó.

O objetivo do concurso é proporcionar aos alunos a oportunidade de desenvolver a capacidade de liderança, responsabilidade social, espírito empresarial e companheirismo.

Nicolas se prepara agora para a etapa regional.



1 comentário
20 set15:30

Moleque Bom de Bola mobiliza escolas do Estado inteiro

clicEsportes


Em 1992 nascia o maior campeonato escolar de futebol do Brasil, o Moleque Bom de Bola. Na sua 1ª edição foram 186 municípios e mais de 23 mil alunos/atletas participantes. Em 2011 teve a participação de 267 municípios, 1050 escolas e 77 mil alunos/atletas.

Durante estes 19 anos muitos talentos do futebol catarinense passaram pelo projeto e chamaram a atenção de grandes clubes brasileiros, europeus, da seleção brasileira sub 17, sub 20 e Seleção principal. Nomes como André Santos, Marquinhos, Eduardo Costa, Leandro Damião, Filipe, são alguns exemplos do Moleque Bom de Bola.

O técnico tetracampeão no futebol masculino do Moleque Bom de Bola, Daniel Skrsypcsak, da Escola São Vicente, de Itapiranga, extremo-oeste de Santa Catarina, afirma que a cada ano mais jogadores mostram potencial para jogarem por clubes profissionais:

— Torço muito para que isso aconteça. Muitas vezes até os acompanho. Mesmo que, a longo prazo, esse sonho não se concretize, sempre coloco a eles a importância de aproveitar a experiência e saber que tiveram a oportunidade que milhares de garotos dessa idade desejam ter.


As fases regionais deste ano vão começar:

Regionais – Setembro

20 a 24 Regional Leste Norte – Guaramirim (RBS TV Joinville)

24 a 29 Regional Centro Oeste – Três Barras ( RBS TV Joinille)


Regionais – Outubro

05 a 09 Regional Oeste – Faxinal do Guedes (RBS TV Chapecó)

12 a 16 Regional Sul – Araranguá ( RBS TV Criciúma)

Comente aqui
15 set09:44

Agentes Mirins Contra a Dengue

O Programa Agentes Mirins Contra a Dengue é formado por cem alunos de 5ª e 6ª séries de escolas municipais.

O grupo que foi capacitado terá a missão de atuar nas escolas como multiplicador de informações de como prevenir os focos da dengue, através de um material elaborado pela Administração Municipal de Chapecó, através das Secretarias da Saúde e da Educação.

- Já realizamos, na semana passada, a capacitação dos gestores e agora dos agentes para que possamos colocar em prática esse projeto que será de fundamental importância nessa luta contra a dengue- ressalta Junir Lutinski, biólogo da Vigilância Ambiental.

Nesta primeira fase do programa os agentes multiplicarão informações a todo o público escolar, para que também cheguem até os pais. Será enviado um questionário para cada aluno, com uma série de itens relacionados com a dengue que deverá levado para casa e respondido com os pais.

Através das respostas do questionário será realizado um diagnóstico e programado metas para dar continuidade ao programa.

A ideia é ampliar esse grupo de agentes mirins abrangendo também as escolas estaduais e estender o convite as particulares.


Lançamento

O programa será lançado nesta sexta-feira, dia 16, às 9h, na Chapecó Criança, Rua Regente Diogo Feijó, nº 1045 D, Bairro São Cristóvão.



Comente aqui
06 set14:02

Programação cívica em Xanxerê

Nesta manhã desta terça-feira foi realizada a última solenidade cívica nas escolas das redes municipal, estadual e particular de ensino antes do desfile. Nesta quarta-feira, dia sete, 10 mil pessoas devem participar do desfile na rua Cel. Passos Maia. Caso chova a programação será cancelada.


A solenidade desta terça foi marcada por apresentações cívico-culturais das escolas em homenagem à Pátria. Os alunos da EEB Romildo Czepanhik encenaram a música Chorinho Brasileiro. Os alunos do Colégio Integração apresentaram a música Aquarela do Brasil e depois o Coro Falado – Independência do Brasil.


Alunos da EMEB Cirilo Dall Óglio apresentaram Dança de Rua, da cantora Daniela Mercury. Já os alunos da EMEB Pequeno Trabalhador cantaram a música Sob Os Olhos do Pai, da cantora Lurdes Pesi. Ainda da EEB Romildo Czepanhik, as alunas Karina e Maieli apresentaram a poesia Brasil Ver De Novo.


A apresentação da fanfarra da EEB Romildo Czepanhik encerrou a solenidade.


Desfile Cívico


Segundo a Assessoria da Prefeitura o Desfile de Sete de Setembro não será realizado caso chova. A cerimônia de abertura está marcada para às 8 horas, na rua Cel Passos Maia.



Comente aqui
26 ago09:36

Semana Paulo de Siqueira

Nesta sexta-feira escolas participantes recebem premiação.

Durante a segunda edição da Semana Paulo de Siqueira, estudantes de instituições de ensino de Chapecó confeccionaram ‘desbravadores’ com material reciclado. As obras ficaram expostas no Museu de História e Arte de Chapecó.

De acordo com a Assessoria da Prefeitura, às 14h30min desta sexta-feira, acontece a entrega de premiação para as escolas que participam e cumpriram todas as etapas propostas pelo projeto. As instituições vão receber uma coleção de livros, certificado de participação e um CD com fotos dos alunos participando de todo o processo. A entrega será no Museu de História e Arte de Chapecó, na Avenida Getúlio Vargas.

Comente aqui