Exposição

17 nov07:06

Chicken Parade é atração em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Depois das vacas espalhadas pelo mundo, dos porquinhos em Xavantina, chegou a hora das galinhas invadirem a cidade. Nove galináceas de 1,5 metros feitas em fibra de vidro formam a Chicken Parade: Intervenções Urbanas. A exposição está no Calçadão da Rua Benjamin Constant em Chapecó e pode ser visitada até o mês de dezembro.

O projeto desenvolvido há quatro anos pelo curso de Artes Visuais da Unochapecó tem como objetivo tirar a arte das galerias e a tornar acessível para a comunidade.

Levando em conta o tema “Chapecó: cultura e memória” seis professores e seis acadêmicos do curso pintaram nove protótipos. Depois de aprovados, as galinhas gigantes começaram a receber a pintura com tinta acrílica. Essa produção levou cerca de 20 dias.

Márcia Moreno com o protótipo da galinha "Cartografando Chapecó".

Nas pinturas são retratados aspectos históricos, culturais e econômicos da cidade. Tem destaque também a imigração portuguesa, a memória dos balseiros, a cultura indígena e a colonização da região.

A galinha “Cartografando Chapecó”, da coordenadora do curso de Artes Visuais, Márcia Moreno, apresenta as constantes transformações da cidade influenciadas pelas agroindústrias.

- Muitas pessoas vem para trabalhar nessas empresas e participam dessa transformação cartográfica da cidade – disse Márcia.

No trabalho a artista apresenta o mapa da cidade, dois pontos turísticos bem conhecidos, a Igreja e a fachada do Prédio do Museu de Arte e História de Chapecó. No dorso da galinha foram pintados trilhos de trem.

- A chegada da ferrovia pode ser a próxima transformação na cidade – explicou Márcia.

Pig or chicken? da artista Gina Zanini.

A professora e artista visual, Gina Zanini, uma das idealizadoras do projeto, começou a trabalhar com galinhas pequenas de cerâmica em 2009. As primeiras foram apresentadas como objetos e fotografias em galerias, museus e supermercados.

Agora ganham uma dimensão amplificada e, segundo a artista, causam um certo estranhamento de quem as vê pela primeira vez.

- Elas não são apenas galinhas. Afinal boa parte da economia do Oeste vem da produção e reprodução das “suináceos” (termo cunhado pela artista para representar galinhas e suínos) – disse Gina. Na exposição ela apresenta o trabalho intitulado: Pig or chicken?

Conheça das galinhas que integram a exposição:

Comente aqui
16 out19:11

Exposição “Paisagens do Tempo” na Galeria de Arte de Chapecó

“Paisagens do Tempo”, exposição da artista plástica gaúcha Viviane Diehl, será lançada nesta quarta-feira, 17 de outubro, às 18h30, na Galeria de Artes de Chapecó, Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes. 

 A mostra estará aberta para visitação até 2 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 13h às 19h, em uma realização do Sesc com apoio da Fundação Cultural de Chapecó.

A exposição trata uma poética de conceitos do tempo, dos ciclos, do retorno na existência. As obras exploram vários processos cerâmicos, entre eles modelagens por placas, moldes, módulos em formas circulares, que são presença marcante na produção da artista. As peças recebem ainda tratamento de texturas e relevos, com alguns detalhes onde aparecem a cor e a mistura de material orgânico, como a erva mate.

Serviço

O quê: Exposição “Paisagens do Tempo”
Quando: Abertura em 17 de outubro, às 20h30. Visitação até 2 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 13h às 19h
Onde:
Galeria de Arte de Chapecó, Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes, Chapecó (SC)
Quanto:
Gratuito
Informações:
(49) 3319.9128

Comente aqui
08 out16:35

Exposição Tá escuro aqui! será aberta em Chapecó

“Quando a escuridão toma conta, criamos possibilidades entre dois caminhos: ter medo ou aproveitar e de qualquer forma deixar a imaginação fluir. “Tá escuro aqui!”, e quem se permite entrar nesse universo de fantasias e mistérios, cria um sentimento inexplicável que somente a imaginação pode nos oferecer. Apague a luz!

Ana Carolina Orlandin, 19 anos, é Heybanana, uma nova aposta no cenário da ilustração. Utiliza como inspiração os desenhos do Tim Burton, as aquarelas do Conrad Roset e o Rock and Roll. Sempre gostou de desenhar personagens de desenhos animados na sua infância/adolescência e mais tarde passou a usar o desenho de maneira ilustrativa. Ingressou no curso de Design Visual na Unochapecó e descobriu nele um mundo de possibilidades.

Em 2010 teve seus trabalhos publicados no site Abduzeedo.com, em 2011 criou a capa do compacto em vinil da banda Marujo Cogumelo. Heybanana vem se estabelecendo ao criar um estilo próprio. Usa o computador, mas gosta muito de usar técnicas manuais, desenhos a mão com nanquin e aquarela, que ela utiliza na exposição “Tá escuro aqui!”.

O lançamento da exposição é nesta terça-feira, dia 09 de outubro, às 19h30, na Galeria de Artes Agostinho Duarte, que fica no bloco C da Unochapecó em Chapecó.

Confira outros trabalhos no flickr.com/heybanana

Serviço:

Exposição Tá escuro aqui!

Horário: 19h30

Local: Galeria Agostinho Duarte, na Unochapecó – Chapecó/SC


Comente aqui
06 out11:56

Chapecó recebe a exposição O Traço

O Arquiteto e agora, Artista Plástico, Daniel Romanelli está nos preparativos finais para sua primeira exposição. Denominada O Traço, a exposição vai reunir mais de 40 obras onde rostos femininos prevalecem.

A exposição será aberta na loja de móveis Aquário Ambientes, a partir das 20 horas.


1 comentário
24 set07:59

Dez árvores estão em exposição em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Moradores do Oeste podem conhecer até o sábado, dia 29 de setembro, as dez árvores do projeto Tree Parade Brasil. Feitas em fibra de vidro e com 1,5 metro, elas foram confeccionadas por alunos da Apae e de seis escolas municipais e três estaduais de Chapecó. As árvores estão expostas no Paseo Avenida em Chapecó. A entrada para visitação é gratuita.

A estudante Ana Fortes aproveitou a sombra da árvore para descansar.

Na abertura da exposição, no dia 21 de setembro, dia da árvore, foi realizada a entrega de 150 mudas de árvores nativas e frutíferas, além da distribuição de 300 lixeirinhas para veículo.

- Elas foram confeccionadas nos moldes do ecodesign, utilizando retalhos de tecidos e não precisam ser jogadas fora a cada lavação – disse a bióloga Priscila Rech, uma das responsáveis pelo projeto.

De acordo com Priscila, cerca de 500 pessoas, entre comunidade escolar e outras entidades, foram envolvidas.

O projeto inspirado na Cow Parade, busca através da arte promover a busca pela sensibilização e preservação ambiental.

- A Tree é muito mais que uma intervenção artística, ela quer chamar a atenção da população para a preservação ambiental – disse Priscila.

O projeto foi desenvolvido pela Ong SOS Terra, Projeto Mata Ciliar, do Consórcio Iberê, e Fundema de Chapecó, com apoio de empresas locais.

Após a mostra, as árvores, que foram patrocinadas, podem ser leiloadas ou doadas para as escolas.


Adentro

No Paseo Avenida acontece também a exposição de nove artistas da Associação dos Artistas Visuais da Região Oeste de Santa Catarina (Adentro). A mostra da Adentro segue até o dia 5 de outubro.

Serviço:

Tree Parade Brasil

Local: Paseo Avenida – Av. Getúlio Vargas, 1670 N • Centro • Chapecó – SC • (49) 3324.7034

Visitação gratuita até o sábado, dia 29 de setembro.


Escolas participantes:

- Apae;

- Escola Básica Municipal Alípio José da Rosa;

- Escola Básica Municipal Victor Meirelles;

- Escola Parque Cidadão Leonel Brizolla;

- Escola Básica Municipal Diogo Alves;

- Escola Básica Municipal Florestan Fernandes

- Escola Básica Municipal Rui Barbosa;

- EEB Bom Pastor;

- EEB Marechal Bormann;

- EEB Luiza Santin.



Comente aqui
17 set16:43

Exposição da artista chapecoense Sonia Loren será aberta nesta terça-feira

Será aberta nesta terça-feira, às 19h30, na Galeria Municipal de Artes Dalme Marie Grando Rauen, na Praça Coronel Bertaso em Chapecó, a Exposição “Memórias de outrora, agora! Os trapos em série”, da artista chapecoense Sonia Loren.

A primeira mostra individual de Sonia apresenta fotografias e composições que se utilizam de fragmentos do dia-a-dia.

>> Confira a AGENDA do clicRBS Chapecó

A visitação pode ser feita gratuitamente até o dia 19/10, das 13h às 19h.


ABERTURA EXPOSIÇÃO “Memórias de outrora, agora! Os Trapos em Série” – da artista Sonia Loren

Pocket Show acústico com Gustavo faccio (voz & violão) e André Morandini Nicareta (cajón)

Horário: 19h30

Local: Galeria Municipal de Artes Dalme Marie Grando Rauen – Praça Coronel Bertaso em Chapecó/SC

Informações 49 3321-8553


Comente aqui
11 set14:19

Galeria Agostinho Duarte recebe nova exposição em Chapecó

A nova exposição da Galeria de Artes Agostinho Duarte, intitulada “Paisagem do Tempo”, está aberta na Unochapecó e permanecerá para visitação até 1º de outubro. A mostra apresenta uma reflexão sobre a existência, pensada a partir da passagem do tempo e é apresentada em peças que representam este movimento, que se modificam de uma peça para outra com tratamentos diferenciados da superfície cerâmica.

A responsável pela exposição é a professora e artista Viviane Diehl, da cidade de Carazinho/RS. Ela trabalha com arte há mais de 28 anos e explica que todas as peças são de argila.

- Elas são predominantemente circulares, que não detém princípio ou fim, mas um contínuo e constante movimento que constrói um diálogo com a materialidade do barro – disse Viviane.

As peças recebem ainda tratamento de texturas e relevos, com alguns detalhes onde aparecem a cor e a mistura de material orgânico, como a erva mate.

No dia 27 de setembro a artista Viviane vai estar na galeria, localizada no boco C do campus da Unochapecó, junto ao Café Brasiliano, a partir das 19h30, para uma conversa.


Comente aqui
05 set14:56

Mercoarte será aberta nesta quarta-feira em Chapecó

A 7ª Mercoarte – Feira do Artesanato Chapecoense será aberta às 17h desta quarta-feira. A feira organizada pela Fundação de Ação Social (Fasc), desde 2007, pode ser visitada gratuitamente no Calçadão da Rua Benjamin Constant, entre as avenidas Getúlio Vargas e Nereu Ramos.

Cerca de 77 expositores participam da feira que tem como objetivo divulgar o trabalho dos artesãos de Chapecó.

A Mercoarte segue até o domingo, dia 9 de setembro, das 13h às 19h.


Comente aqui
29 ago09:48

Chapecó recebe obra de Victor Meirelles

Como parte das comemorações dos 180 de nascimento de Victor Meirelles, a Fundação Cultural de Chapecó (FCC) e o Museu Victor Meirelles promovem nesta quinta-feira, dia 30 de agosto, às 18 horas, a exposição da obra Estudo de Paisagem, de autoria de Victor Meirelles, pertencente ao acervo do Museu.

Na mesma data, pela manhã, às 10h30, acontece a palestra Victor Meirelles, Vida e Obra, proferida pelo museólogo Rafael Muniz de Moura, integrante da equipe técnica do Museu Victor Meirelles.

O evento é uma das atividades que o Museu Victor Meirelles preparou para este mês de agosto, em homenagem ao pintor catarinense.

A exposição da obra Estudo de Paisagem fica na FCC até 28 de setembro e é uma oportunidade para a comunidade de Chapecó conhecer mais de perto a obra do artista catarinense.



Programação

Dia 30 de agosto de 2012

10h30 – Palestra sobre a vida e obra de Victor Meirelles de Lima (1832-1903), com Rafael Muniz de Moura (Museu Victor Meirelles/IBRAM/MinC) – Sala Cyro Sosnoski – Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo De Nes


18h – 21h – Abertura da exposição com a obra “Estudo de Paisagem”, s/data, grafite sobre papel, 31,8 x 48,2 cm do artista Victor Meirelles de Lima.

Local: Galeria Municipal de Arte do Centro de Cultura e Eventos – Rua Assis Brasil, 20D, Centro, Chapecó/SC




Visitação pode ser realizada de segunda a sexta-feira, das 13h às 19h, até o dia 28 de setembro.

Informações: (49) 3319-1010


Comente aqui
28 ago16:01

Exposição da Maratona Fotográfica de Chapecó abre nesta quinta-feira

Aproximadamente 750 fotografias vão estar expostas a partir de quinta-feira, dia 30 de agosto, na Escola de Artes de Chapecó. Os registros fazem parte da 8ª Maratona Fotográfica – Cidade de Chapecó, realizada no dia 19 de agosto. Cerca de 70 maratonistas fotografaram durante 12 horas, sendo um tema diferente a cada hora.

Todas as fotos passaram pela comissão que analisou criatividade, coerência com o tema e plasticidade. Nesta quinta-feira, às 20h, além da abertura da exposição fotográfica haverá a premiação dos registros selecionados pela comissão, tanto individualmente quanto no conjunto da obra.


Prêmios

Para este ano estão previstas premiações em duas categorias: Júnior e Sênior. Na categoria Júnior será premiado o melhor conjunto de obra colorido e o melhor preto e branco (ambos realizados com máquina digital). Os vencedores receberão R$ 300 cada.

Na categoria Sênior serão as seguintes premiações: Melhor conjunto de obra Máquina Fotográfica Digital Colorida (R$ 500); Melhor conjunto de obra Máquina Fotográfica Digital P&B (R$ 500); Melhor ideia (R$ 200 e passa a ser a foto para confecção da camiseta da Maratona do ano seguinte); Melhor fotografia de cada tema (R$ 200 sendo 12 fotos premiadas).


Comente aqui