Exposição

21 nov16:32

“Monstros fantásticos e criaturas lúdicas”

O projeto Unocultural apresenta, nesta terça-feira, dia 22, mais uma atração artística, desta vez a arte dos desenhos produzidos pelo artista chapecoense Rogério Puhl, através da exposição “Monstros fantásticos e criaturas lúdicas”. A atividade acontece a partir das 19h30, no Atelier Marlowa/Cristina, com entrada gratuita.

Tendo como inspiração o contraste entre monstros e crianças, Rogério explora um universo imaginário com um estilo próprio de desenho, mas nunca igual. As formas e cores utilizadas pelo artista são carregadas de conceitos e significados múltiplos para cada espectador. Designer e ilustrador, Puhl mantém seu estúdio onde trabalha campanhas publicitárias e projetos artísticos pessoais.

O trabalho desenvolvido pelo artista pode ser conhecido através do blog do artista ou no Atelier Marlowa/Cristina, rua Quintino Bocaiúva 304-D, centro, nesta terça-feira, com o projeto Unocultural.


Comente aqui
18 nov14:53

Fotógrafa de Chapecó expõe na capital

A fotógrafa e professora do curso de Jornalismo da Unochapecó, Angélica Lüersen, participa da exposição “Retrato, Identidade e Cotidiano”, que faz parte do Festival de Fotografia Floripa na Foto. O evento realizado na capital contou com palestras, fóruns, workshops, leitura de portfólio, debates, projeções e exposições.  A mostra pode ser visitada até o dia 20 de dezembro.

A exposição, que tem a intenção de provocar o olhar, reúne 34 fotografias com dimensão de 2 x 3 metros. Para Angélica, sua participação está sendo muito importante. – Trata-se de algo novo, de uma proposta diferenciada para aproximar a fotografia do público em geral. Além do mais, como a exposição conta com fotógrafos de todo o Brasil e, principalmente,  de Santa Catarina,  estar entre os selecionados me faz perceber que a linguagem fotográfica é uma forma interessante de me aproximar e de experimentar e relacionar-me com a realidade – disse.

Para Angélica, a fotografia selecionada é bem característica da região Oeste. – Foi um ensaio fotográfico realizado no interior de Xavantina, a produção rural é um dos pontos altos da nossa região. Retratar o cotidiano dos agricultores me parece algo relevante socialmente, além de que tenho muito apreço por estas narrativas visuais – destacou a professora.

Exposição

Reunindo fotos de 34 artistas de todo Brasil, a exposição acontece até 20 de dezembro, no Terminal Urbano do Centro (Ticen), em Florianópolis.

Quanto a importância de participar da exposição, Angélica salienta que sempre é relevante, pois além de valorizar o trabalho, qualifica a forma de ‘escrever’ com a luz através da linguagem fotográfica. – Como jornalista, mostrar uma realidade local de maneira informativa mas, mais do que isso, compondo o discurso visual numa estética atrativa também se torna um desafio constante”, afirma.



Comente aqui
17 nov10:12

Panorama Sesc de Artes Visuais em Chapecó

A Galeria de Artes do Sesc Chapecó recebe mais uma edição do Panorama Sesc de Artes Visuais. A abertura será às 20h. Doze artistas participam da exposição.

A curadoria da mostra ficou a cargo da artista Letícia Cardoso, de Florianópolis. O projeto visa o mapeamento da produção atual de alguns dos artistas que já participaram do Pretexto, projeto de formação que acontece em todo estado catarinense.

Participam da exposição os artistas: Aline Assumpção (Blumenau), Diego de los Campos – Florianópolis, Helen H. Rampinelli (Criciúma), Karina Zen (Florianópolis), Lariessa Soligo da Campo e Liege Vesaro (Concórdia), Luciana Knabben (Balnerário Camboriú), Luciano Guralski (Chapecó), Osmery Gonzatti (São Miguel do Oeste), Priscila Lemos dos Anjos (Joinville), Teresa Hobi (Concórdia) e Zilda Aparecida (Xanxerê).

Visitação

A exposição permanece até dia 31 de dezembro de 2011. A visitação gratuita pode ser realizada de segunda a sexta em horário comercial, e sábados e domingos, das 18h às 20h. Maiores informações pelo telefone (49) 3319-9128.


A curadora da mostra Letícia Cardoso com os artistas Priscila Lemos dos Anjos, Karina Zen, Luciano Guralski, Tereza Hobi, Osmery Gonzatti, Lariessa Soligo da Campo, Aline Assumpção e Helen Rampinelli, após a mesa redonda.


Mesa Redonda

O evento, realizado na noite da quarta-feira dia 16, contou com a participação dos artistas, curadora e de interessados em arte. No encontro cada artista apresentou seus percursos artísticos e de como o Pretexto, e como o trabalho dos assessores colaborou para a formação profissional.


Comente aqui
14 nov17:37

Julgamento leiteiro na Expo São Miguel 2011

Os setores de pecuária e ovinocultura estiveram presentes na Expo São Miguel 2011, com a exposição de animais, venda e compra e também julgamento de vacas leiteiras. A Secretaria Municipal de Agricultura de São Miguel do Oeste organiza a atividade, que contou com a exposição de mais de 250 animais de altíssima qualidade genética e registrados, vindos de toda a região Extremo-oeste.

Conforme explica o diretor do departamento de Agricultura, Adair José Cunico, o julgamento de vacas leiteiras contou com mais de 150 animais participando em quatro categorias: até 10 meses, de 11 a 16 meses, novilhas cobertas e vacas. A premiação foi entregue às três primeiras colocadas de cada categoria. O julgamento aconteceu no sábado, dia 12, a partir das 14h, no pavilhão de remate de gado.

A atividade contou com a presença do prefeito Nelson Foss da Silva, do deputado estadual Dirceu Dresch, do secretário municipal de Agricultura, Atílio Stolarski, do presidente Núcleo de Ovinocultores, Paulo Siebel, do presidente Núcleo de Criadores de Gado de Leite, Lenoir Spironello e do representante da ABS PECPLAN, Vanderlei Sturmer.


Vencedores:


Raça Jersei

até 10 meses

Primeiro lugar: Cabanha Pinhal

Segundo lugar: Alves e Souza

Terceiro Lugar: Cabanha Pinhal


11 a 16 meses

Primeiro lugar: Cabanha Pinhal

Segundo lugar: Alves e Souza

Terceiro Lugar: Cabanha Princesa


Novilha Coberta

Primeiro lugar: Alves e Souza

Segundo lugar: Cabanha Pinhal

Terceiro Lugar: Cabanha Sturmer


Vaca

Primeiro lugar: Alves e Souza

Segundo lugar: Cabanha Sturmer

Terceiro Lugar: Cabanha Pinhal


Raça Holandesa

Até 10 meses

Primeiro lugar: Cabanha Nonemacher

Segundo lugar: Cabanha Mezalira

Terceiro Lugar: Cabanha Spirolnelo


11 a 16 meses

Primeiro lugar: Cabanha Nonemacher

Segundo lugar: Alves e Souza

Terceiro Lugar: Cabanha Familia Honr


Novilha Coberta

Primeiro lugar: Cabanha Nonemacher

Segundo lugar: Cabanha Wehebrink

Terceiro Lugar: Alves e Souza


Vaca

Primeiro lugar: Cabanha Nonemacher

Segundo lugar: Edson Griep

Terceiro Lugar: Alves e Souza



Comente aqui
03 nov18:21

Abertura 9º Salão Chapecoense de Artes Plásticas de SC

Será aberto às 20h, desta sexta-feira, dia 4, o 9º Salão Chapecoense de Artes Plásticas de Santa Catarina – SCAPSC, na Sala Cyro Sosnoski no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo De Nes.. O evento, realizado em Chapecó, reúne trabalhos de artistas de todo o estado nas modalidades escultura, objeto, pintura, desenho, cerâmica, gravura, fotografia, vídeo-arte, performance e instalação.

De acordo com a Diretora Presidente da Fundação Cultural de Chapecó, Roselaine Vinhas, o objetivo do Salão é apresentar e divulgar o trabalho de artistas visuais catarinenses que já possuam um percurso artístico definido e que tenham passagem pelo crivo de curadores e críticos.

- Esta é mais uma oportunidade de difusão da arte. Queremos aproveitar para fazer um agradecimento especial a todos os artistas que se inscreveram e parabenizar os selecionados – destaca.

Compõem o Salão, obras selecionadas dos artistas: Alexandre Antunes (Criciúma), Diane Sbardelotto (Tigrinhos), Diego de Los Campos (Florianópolis), Enio Griebler (Chapecó), Janaína Corá (Chapecó), Janor Vasconcelos (Criciúma), Juliano Zanotelli (Chapecó), Leonice Araldi (Chapecó), Linda Poll (Joinville), Mari Baldissera (Chapecó), Nilton Titotti (Joinville), Sandra Abello (Chapecó) e Silvana Leal (Florianópolis).

A exposição, promovida pela Prefeitura de Chapecó, através da Fundação Cultural, fica aberta até o dia 30 de novembro com visitação em horário comercial.


9º SCAPSC

Foram analisadas 48 inscrições. Sete não foram homologadas pela comissão organizadora por não preencherem os pré-requisitos presentes no item três do edital nº004/2011 – FCC.

A Comissão de Seleção estabeleceu os seguintes critérios gerais avaliativos: a) coerência do dossiê individual, b) qualidade da informação apresentada pelo dossiê e c) relevância da proposta artística e percurso profissional.

A partir desses critérios 13 artistas e 20 obras foram selecionadas. Três trabalhos serão premiados.



Comente aqui
03 nov11:15

Efacip inicia dia 11

Já começou a contagem regressiva para a Exposição Feira Agropecuária Comercial e Industrial de Pinhalzinho – Efacip 2011 “O show da inovação”, que inicia dia 11 de novembro e prossegue até o dia 15, feriado de Proclamação da República, no Parque de Exposição Vereador Roque Oberher.

Vários atrativos estão programados ao longo desses cinco dias. Mais de 160 expositores devem apresentar ao público grandes inovações nos segmentos da indústria, comércio, agricultura e prestação de serviços.

Entre os atrativos estão:Palestras sob a coordenação do Sebrae e Agente Local da Inovação; O 1º leilão de gado leiteiro; Rodada de Negócios, onde será possível conhecer possíveis fornecedores e parceiros; Exposição de duas forças federais: Exército e Marinha; Caminhão Fórmula Truck; Trilha do Saber; Exposição de carros antigos e o mais esperado, o Pavilhão da Inovação que será o grande diferencial da feira, onde poderão ser encontradas Instituições que apresentarão conteúdos inovadores e novas tecnologias; demonstrações de trabalhos referentes a energias renováveis e muito mais. Além de outras novidades que estão sendo preparadas e que estará evidenciando a condição de pólo micro regional do município.


Ingressos já estão a venda

Também já estão disponíveis os ingressos para a Efacip, com preços acessíveis. Antecipados são comercializados à R$ 10 e permanentes à R$ 35 podendo ser adquiridos até dia 11 de novembro ao meio dia.

No dia, a entrada custa R$ 13 e estudante paga meia, Crianças com até oito anos de idade não pagam. E como mais uma opção de visitação, a Efacip terá um dia de entrada franca, que será na segunda-feira (14/11) até as 16h.


Shows

11/11 – João Neto e Frederico ;

12/11 – Armandinho;

13/11 – Banda Mercosul [gravação do DVD com a participação de Edson e Hudson, Teodoro e Sampaio e Gilmar Brasil];

14/11 – Cesar Oliveira e Rogério Mello, também Pedro Bento e Zé da Estrada;

15/11 – Tchê Garotos .


Confira os pontos de venda

Os ingressos podem ser adquiridos no site da feira www.efacip.com.br ou ainda nas agências Sicoob de toda região.

Em Pinhalzinho no Posto Esplanada, Posto Pinhalzinho, Posto da Cooper, Posto Minuano, Prefeitura Municipal de Pinhalzinho e Conveniência Lounge & Pub de Pinhalzinho.


Comente aqui
28 out16:01

“As flores do mal” exposição é aberta na Galeria Agostinho Duarte

A Galeria Agostinho Duarte, da Unochapecó, apresenta a exposição “As flores do mal”, que tem como base a poesia e o universo soturno de Charles Baudelaire. As obras foram produzidas pelos integrantes do Grupo de Artistas Fronte (GAF) e estão expostas desde quinta-feira, 27 de outubro, até 14 de novembro.

Cada integrante escolheu uma parte de livro de Baudelaire, para servir de base para suas produções artísticas. A exposição conta com trabalhos das mais diferentes linguagens. Questões como beleza, morte, vingança e o tempo vem à tona, e cada um dos acadêmicos mescla suas vivências ao texto de Baudelaire, criando trabalhos que não visam a mera apreciação passiva, mas querem evocar no espectador os seus sentimentos mais ocultos.

O Grupo de Artistas Fronte é formado por Audrian Cassanelli, Carla Naides da Costa, Débora Poltronieri, Elizandra Bet, Juliana Povala, Lourdes Maria Fredo, Marcos Bettú, Nairalda Oligliari e Tayze Covatti.


Comente aqui
26 out18:37

Dom Quixote do Oeste

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Dois dragões entalhados num painel de madeira com 1,40 metro de altura por 2,20 metros de largura marcam o início da carreira artística de Francisco José Bracht, em 1981. –Foi a primeira peça que eu comercializei- afirmou Xiko Bracht, que está com uma exposição no Centro Empresarial Chapecó, mostrando seus 30 anos de carreira.

Os dragões estão num dos 28 painéis que tratam da retrospectiva da carreira do artista, que deixou sua marca em vários pontos da cidade de Chapecó. Destaque para dois murais feitos em parceira com o argentino José Kura, um sobre a Etnia Indígena, na Rodoviária de Chapecó, e outro sobre o Ciclo da Madeira, na Praça Coronel Bertaso. A obra da praça contou com a participação também da artista Daniela Almeida e alunos da Unochapecó, utilizando a técnica chamada “muralismo”. Bracht tem obras semelhantes em São Paulo, Argentina e várias cidades do Oeste Catarinense, como Itapiranga, Xanxerê e Xaxim.

Ele já elaborou mais de mil troféus para premiações. Um dos que mais se orgulha é o troféu “Empresário do Ano”, concedido pela Associação Comercial e Industrial de Chapecó, onde bateu ninguém menos que Paulo de Siqueira, artista que criou o monumento O Desbravador. –Para mim foi o principal prêmio- afirmou.

Após trabalhar com bronze, madeira e muralismo, Bracht agora se aproxima de Siqueira, ao trabalhar sucata. A nova fase veio após um período depressivo do artista, desanimado com a falta de retorno econômico para seu trabalho. Aí ele identificou-se com o personagem Dom Quixote, de Miguel de Cervantes, desenvolvendo a série “Os Guerreiros”, composta das 28 esculturas que estão sendo expostas pela primeira vez. –Elas refletem as minhas lutas para sobreviver da arte- comparou o artista.

Ele mesmo se retrata como um Dom Quixote em algumas da obras. Numa delas, o cavaleiro está a frente de uma série de moinhos de vento.

–São as minhas ilusões, que vou enfrentando uma a uma- explicou.

Xiko disse que começou a pensar nas obras ao ver os pedaços de sucata na oficina de um cunhado. Como auxílio de um sobrinho, começou a recolher as peças. Conforme o formato da peça, ia imaginando algo.

–Sou bem intuitivo e gosto de improvisar- afirmou o artista.

O suporte de prateleira quebrado virou o bico de um galo. Chapas de aço unidas formaram o corpo. Engrenagens de bicicleta se transformaram em asas de uma águia. O que era lixo vira arte nas mãos de Xiko Bracht. Ele pode não ter o retorno econômico que imaginava com sua arte. Mas ela está presente na vida da cidade. E ter uma obra sua contemplada, é a maior gratificação do artista, que torna a cidade de Chapecó mais bela e interessante.

Exposição

Tema: “Xiko Bracht, 30 anos de vida artística – Série Os Guerreiros”

Quando: De 20 de outubro a 4 de novembro

Acervo: 28 painéis e 28 esculturas

Horário de visitação: De segunda a sexta-feira, das 8h às 18h ou com agendamento pelo telefone no Sindicato do Comércio Varejista  (49)3319-4600

Local: Centro Empresarial de Chapecó, na Avenida Getúlio Vargas, 1748

Entrada: gratuita


Comente aqui
25 out11:53

Herpes labial: saiba como evitar crises, que tendem a aumentar no verão por conta da exposição ao sol

Quem convive com crises de herpes nos lábios deve redobrar os cuidados no verão. De acordo com o médico Omar Lupi, a exposição ao sol diminui a quantidade de linfócitos, e baixa a imunidade. Mesmo se a dose de sol não deixar a pessoa “vermelha”, já é o suficiente para baixar a imunidade e ativar o vírus do herpes.

A reação da crise normalmente começa com uma leve irritação na pele. Depois surgem no local pequenas vesículas cheias de líquido, que se rompem e formam feridas doloridas. É nesse período que o vírus é transmitido de uma pessoa para outra.

— A proteção solar adequada é fundamental. O sol, mesmo que em dose não elevada baixa a imunidade. No caso do herpes labial recorrente, o paciente deve usar um protetor labial, cujo fator de proteção não deve ser inferior a 30, podendo ser usado várias vezes por dia, a cada 2h — indica o especialista.

Além do sol, os mecanismos que normalmente detonam as crises — estima-se que de cada cem pessoas, 25 enfrentaram ou estão enfrentando uma manifestação de herpes, que atinge principalmente os lábios e os órgãos genitais — costumam ser o estresse, alterações hormonais e alguns tipos de alimentos.

Segundo o médico, alimentos ricos em arginina podem intensificar os efeitos do herpes. A substância está presente também no abacaxi, kiwi, sementes oleosas,como castanha do pará, castanha de caju, amendoim, avelã, nozes e pistache.

Complementos protéicos para malhar também agravam, já que vários desses suplementos são ricos em arginina. Se estiver fazendo atividade física, o paciente deve levar o suplemento ao dermatologista para que ele avalie, ou substitua por outros produtos.

Embora não exista uma cura definitiva para o herpes simples — os tratamentos até hoje não são eficazes porque o vírus habita estruturas do sistema nervosa chamadas de gânglios paravertebrais onde a medicação não chega bem — é possível amenizar os sintomas com pomadas tópicas que auxiliam a cicatrização das feridas. Existem também remédios com base em antivirais — como o aciclovir, por exemplo —, que podem promover a regressão da doença se tomados no início de cada crise.

A carne vermelha e os derivados do leite ajudam a controlar o herpes. Estes alimentos são ricos em lisina, um antídoto natural da arginina.


Como prevenir uma crise:

:: Hábitos saudáveis, tanto físicos como emocionais, reduzem comprovadamente a incidência da doença

:: Quando o assunto é o herpes, não há dúvida, o melhor conselho é aprender a gerenciar o estresse

:: Outros cuidados: evitar a exposição excessiva ao sol (a radiação ultravioleta diminui a ação das células de defesa do organismo) e usar filtro solar com FPS 15, ou mais, inclusive para a região labial.


O que é?

O herpes labial é uma infecção causada pelo vírus Herpes simplex. Ele começa como uma irritação na pele, que evolui para pequenas bolhas cheias de líquido. É nessa fase que ocorre o contágio. Uma vez rompidas, essas bolhas se transformam em feridas que podem levar até 14 dias para cicatrizar.


Como é transmitido?

A transmissão do vírus normalmente ocorre na infância, quando há contato direto com uma pessoa cuja doença está na fase de contágio (bolhas). Uma vez exposta a ele, a criança pode desenvolver ou não a infecção. As crises de herpes tendem a se manifestar durante a adolescência e a vida adulta.


Por que ocorre?

O mecanismo que desencadeia as crises de herpes labial não está totalmente elucidado. Se suspeita, no entanto, que o problema esteja relacionado ao enfraquecimento do sistema imunológico da pessoa contaminada pelo vírus.


O que desencadeia as crises?

Exposição excessiva ao sol, estresse, alterações hormonais e alguns tipos de alimentos podem detonar os episódios da doença.


Existe cura?

Não há cura para o herpes labial. Existem medicamentos que podem ajudar na cicatrização das feridas ou barrar a evolução de uma crise.


Como evitar o contágio?

:: Evite o contato direto com a infecção, especialmente na fase vesicular (bolhas).

:: Lave as mãos com água e sabão sempre que tocar na ferida.

:: Evite o contato das mãos contaminadas com os olhos ou outras partes do corpo.

:: Não fure as bolhas ou arranque a crosta das feridas.


DONNA DC/ CADERNO VIDA



Comente aqui
24 out10:44

1ª Efacisb - Exposição Feira Agropecuária, Comercial e Industrial de São Bernardino

Confira a programação completa da 1ª Efacisb – Exposição Feira Agropecuária, Comercial e Industrial de São Bernardino.  Todos esses atrativos serão com passagem gratuita, com exceção do baile do dia 29 com Os Montanari.

Informações complementares sobre a feira podem ser obtidas na Prefeitura Municipal de São Bernardino com a Comissão Central Organizadora através do telefone (49) 3654-0054.


Programação

28 de Outubro

17h – Abertura do parque de exposições

19h – Solenidade de abertura de Iª EFACISB

20h – Show com Os Canarinhos de Cristo.

22h – Show com Banda Alma Latina


29 de Outubro

9h– Abertura do parque

9h30 – Palestra sobre bovinocultura de leite

12h – Almoço participantes

14h – Tarde criança

19h – Os 4 Latinos

22h – Chopp Fest com Os Montanari (1º chopp na lona – inédito na região)

3h – Encerramento


30 de Outubro

9h – Abertura do parque

10h – Valores da nossa terra

14h– Banda KM

16h – Show com Deivid e Eduardo

18h – Banda Mercosul

21h – Show com Gilberto e Gilmar

24h – Encerramento


Veja alguns pontos de vendas

Os ingressos antecipados, no valor de R$ 12,  podem ser adquiridos em toda a região:

Em Campo Erê: Salão do Juraci, Chica doces e Salgados

Em São Lourenço do Oeste: Sorveteria Massoca e Lanchonete Bernardi

Em Presidente Jucelino: auto Posto São Valentin

Em Três Voltas: Mercado Dreski

Em São Bernardino: Com as Agentes de Saude


Comente aqui