Feminino

05 mar15:21

Universo Feminino 2012 em Pinhalzinho

A edição 2012 do Universo Feminino tem como tema “A Força da Mulher”. O evento regional que acontece na Efacip em Pinhalzinho está marcado para o dia 18 de março. A ação é do governo municipal e coordenado pela primeira dama Cristiana da Luz e pela vice-dama e Nair Cassol.

- O evento vai proporcionar às mulheres os mais diversos espaços e contatos com o universo feminino – disse Cristiana.

As novidades da programação ficam por conta do Espaço Zen. Local para as mulheres praticar aulas gratuitas de Yoga, Pilates e Massagem.

Elas também vão ter aulas de maquiagem gratuita, além dos espaços de calçados, roupas, exposição de produtos naturais, testes de saúde, artesanato, espaço sexy por natureza com lingerie, bijus, cosméticos, decoração com a presença de arquitetas, móveis e lançamento de carros.

Durante o matinê esta programado um desfile surpresa.

Para inscrições e informações os expositores interessados em um espaço gratuito devem procurar Prefeitura de Pinhalzinho ou entrar em contato pelo fone 49 8834-4550.


Comente aqui
15 fev14:11

Basquete feminino de Chapecó contrata reforços

O clube de Basquete Chapecó anunciou a contratação de duas novas atletas, que poderão agregar as equipes juvenil e adulta. Narel Hilda dos Santos, 18 anos, 1.91m, natural de Itapema – SC atuou no último ano pela equipe de Ourinhos/SP. Já Sabrina Cristina dos Santos, 18 anos, 1.70m, é natural de Balneário Piçarras e atuou em Joinville/SC.

As atletas vieram acrescentar uma equipe que disputa diversos campeonatos, dentre eles os Joguinhos Abertos, Jasc, Jogos Universitários e Campeonato Estadual. Ambas já possuem bolsa integral na Faculdade, para que além de bom desempenho como atletas, também tenham uma boa formação acadêmica.

De acordo com a técnica Aline Wonsick, as contratações foram excelentes e agora é só trabalhar o entrosamento com a equipe. – O principal objetivo do basquetebol feminino de Chapecó e manter a hegemonia no Estado na categoria juvenil e, na equipe adulta, ficar entre as três melhores do Estado – destaca.

Para o Secretário de Esporte e Lazer, Clóvis Marinello, o crescimento do basquete feminino em Chapecó já é notório. – Isso se deve ao trabalho de base realizado pelo Clube de Basquete Chapecó, pelo apoio da Prefeitura e do incentivo dos patrocinadores. Esperamos que as novas atletas, junto com as colegas de equipe e comissão técnica, tragam muitas alegrias para nossa cidade – ressalta.


Comente aqui
10 fev09:28

Ciência a serviço do futsal feminino de Chapecó

Uma das marcas do projeto de futsal feminino da Unochapecó/Nilo Tozzo/Aurora/PMC/Female é o planejamento. Todas as ações do clube são executadas a partir de um plano, o que minimiza as improvisações e facilita o alcance dos objetivos. Na preparação física não é diferente. A área é comandada pela professora Rosilene de Souza Marques, mais conhecida, por Paca. Com especialização em treinamento desportivo, a ex-atleta realiza um trabalho importante e conseguiu a confiança do grupo de atletas.

Nesta semana as atletas estão sendo submetidas aos testes físicos. Através deles são coletados informações fundamentais para a construção das etapas do ciclo de treinamento. – As atletas sabem da importância dessas avaliações e procuram dar o melhor de si – disse a preparadora física.

A ala Brenda é uma dessas atletas que se empenham ao máximo na preparação. Ela apresenta um histórico invejável e, em se tratando de lesões, a número 13 nunca ficou fora de um jogo. O segredo ela mesmo conta mesmo com treino, alimentação e descanso.


Comente aqui
09 fev14:58

Xanxerense acerta com o XV de Piracicaba

Depois de conquistar o campeonato Paranaense de Futsal e a Copa do Brasil pelo Foz Cataratas de Foz do Iguaçu/PR, Mayara Bordin não aceitou as condições impostas para a renovação do contrato e acertou com a equipe do XV de Novembro, de Piracicaba, interior de São Paulo.

Existia a expectativa da equipe de futebol feminino do Santos ser reativada o que não vai acontecer. Com isso a maioria das jogadoras está indo para o XV de Novembro de Piracicaba.

Mayara acaba de participar da primeira convocação da Seleção Brasileira de Futebol Feminino e esteve por duas semanas treinando na Granja Comary/RJ.


Comente aqui
07 fev16:57

Enxadrista de Concórdia é atual Campeã Catarinense de Xadrez Feminino

A final do Campeonato Catarinense Feminino de xadrez 2011, aconteceu entre os dias 2 a 5 de fevereiro de 2012, em Florianópolis .

A atleta do Clube Concordiense de Xadrez, Marciane Prior, foi a campeã depois de disputar seis partidas de alto nível. O evento contou a presença de 12 jogadoras de várias cidades do estado.

Entre os dias 8 a 12 de fevereiro acontece em Piratura a final do Campeonato Catarinense Abs de Xadrez 2011. O atleta Denisos da Silva, do Clube Concordiense, está classificado e vai representar o município.


Comente aqui
07 fev14:10

Mais de 5 mil pessoas passaram pelo Telecentro Comunitário de Concórdia

Segundo dados da Secretaria Municipal de Administração – SEMAD, o Telecentro Comunitário de Concórdia, localizado na Estação Rodoviária, recebe uma média de 20 pessoas por dia. Somente em janeiro, 420 pessoas passaram pelo local.

No ano passado mais de 5 mil pessoas passaram pelo local e realizaram atividades de pesquisa e elaboração de trabalhos entre outros.


Comente aqui
14 dez11:11

Female larga na frente na final do Catarinense

A primeira partida da final do Catarinense de Futsal Feminino foi realizada na noite da terça-feira, 13, no ginásio Paulo Schiffer, em Caçador. O time de Chapecó, mesmo atuando na casa do adversário, se impôs em quadra e venceu com o placar de 4 x 3.

A partida iniciou com a Female criando boas oportunidades. Aos 4 min, em uma bela troca de passes, Vanessa abriu o marcador para Chapecó. Lara, aos 12 min, empatou o jogo para as anfitriãs, Brenda marca logo em seguida deixando novamente as chapecoenses à frente no placar e, faltando poucos minutos para o fim do primeiro tempo, com um belo chute Gisele empata para Caçador, definindo assim o placar da primeira etapa 2×2.


Tampa (com a bola), marcou o gol da vitória para as chapecoenses.


A postura de Caçador mudou no segundo tempo. Com um jogo mais agressivo e aproveitando algumas falhas na marcação de Chapecó, Luana rouba a bola e chuta forte fazendo o terceiro gol de Caçador aos 4 min do segundo tempo. Mas Chapecó não se abala e arrisca com a goleira-linha Gigá Paraná que chuta de longe e empata a partida aos 7min .

Faltando menos de 2 min para o final da partida, em uma jogada ensaiada de falta, Tampa recebe a bola e chuta forte sem chances para a goleira Júlia, pondo assim, números finais a partida, Female 4 x 3 Caçador.

A vitória estabelece a vantagem de empate à equipe de Chapecó no jogo da volta, programado para quinta-feira, dia 15, às 20h no Ginásio Plínio Arlindo De Nes.


Comente aqui
12 dez12:28

Bicampeãs mundiais do futsal feminino

O bicampeonato mundial conquistado pela Seleção Brasileira de Futsal Feminino teve a ala Jéssika como a goleadora principal do 2º Torneio Mundial Feminino de Futsal. A jogadora marcou oito gols durante a campanha vitoriosa do Brasil, que terminou no sábado, 10, com o triunfo verde-amarelo por 4 a 3, sobre a Espanha na decisão, realizada em Fortaleza/CE.

Aos 21 anos, Jéssika levou para casa o troféu ‘Bola de Ouro’ concedido ao goleador do campeonato. – Ser a artilheira da competição dá uma motivação ainda maior para seguir treinando forte. Nada mais recompensador do que conquistar a artilharia somada ao título do campeonato – disse a atleta.

>> Brasil bate a Espanha e conquista o bi do Torneio Mundial



Cely, Giga Paraná, Vanessa e Jéssika participaram do Jornal do Almoço na RBSTV Chapecó.



Volta às quadras

Na terça-feira as atletas da Female Chapecó fazem em Caçador a primeira partida da final do Campeonato Estadual de Fustal, contra o time de casa.

Na quinta-feira, dia 15,  elas recebem Caçador na ADC, às 20h.

- Esperamos a torcida e o apoio dos chapecoenses – fez o convite a goleira da equipe, Giga Paraná.


Comente aqui
10 dez15:53

Brasil bate a Espanha e conquista o bi do Torneio Mundial

O Brasil é bicampeão do Torneio Mundial de Futsal Feminino. A conquista veio após uma decisão épica diante da Espanha, neste sábado, no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza/CE. Após o empate por 3 a 3 no tempo normal, as donas da casa conseguiram abrir a vantagem na prorrogação e ficaram com a taça com o triunfo por 4 a 3.

Assim como ocorreu na edição passada da competição, realizada na Espanha, o Brasil conseguiu superar todos os seus rivais e confirmou a hegemonia da modalidade também entre as mulheres. Além do título, o time do técnico Vander Iacovino teve também a goleadora do Torneio Mundial Feminino. Jéssika ficou com o troféu ‘Bola de Ouro’, com oito gols.

No jogo, as espanholas surpreenderam as brasileiras e conseguiram abrir o marcador logo a 1min13, com um gol de Isabel García. O primeiro tempo seguiu com um panorama único: o Brasil atacando e a Espanha se segurando, se aproveitando da manhã inspirada da goleira Sonia Bernal e dos erros nas finalizações das rivais.

A etapa complementar começou com o empate do Brasil. Logo aos 20min10, Jessika passou para Marcela que recebeu na área e dividiu com a arqueira espanhola. A bola morreu no fundo das redes e decretou a igualdade na capital cearense. As européias, no entanto, conseguiram retomar a vantagem aos 29min25, quando Sara Moreno fez jogada individual e finalizou no canto rasteiro de Jozi.

Após o gol, o Brasil foi para cima e logo conseguiu uma nova igualdade. Jéssika tabelou com Ju Delgado e chutou forte, fazendo 2 a 2, aos 32min48. Foi o oitavo gol da jogadora na competição, consolidando sua posição de artilheira do Torneio Mundial Feminino.

A Espanha conseguiu nova vantagem aos 38min01, quando Rosangela Sousa recebeu de costas para o gol e girou chutando no canto direito de Jozi. O gol obrigou o técnico do Brasil, Vander Iacovino, a adotar a ala Neguinha como goleira-linha. No último minuto, após intensa troca de passes, a bola sobrou para Vanessa que finalizou forte, fazendo 3 a 3, aos 39min22.

Tempo extra

Com o limite de cinco faltas atingido, as européias acabaram se complicando na prorrogação. Aos 42min16, o Brasil teve uma chance em um tiro livre da marca dos dez metros, mas a goleira Belén de Uña parou o chute de Vanessa. Porém, logo na sequência, as brasileiras roubaram uma bola no ataque e Marcela passou para Vanessa tocar entre as pernas da arqueira rival, aos 43min07.

Nos instantes finais do tempo extra, as ibéricas passaram a usar Natália Flores como goleira-linha, mas a tática não surtiu efeito e o Brasil pôde comemorar a conquista do bicampeonato mundial diante de seu torcedor. “Sabíamos que seria difícil, mas não imaginamos que seria tanto. Este título representa todo o grupo, por isso não me sinto a única responsável. Nosso elenco é muito unido e mostrou isso nesta decisão”, comentou a ala Vanessa, que marcou dois dos gols na decisão.

O treinador do Brasil, Vander Iacovino, falou sobre a conquista de mais uma taça a frente do time. – As jogadoras vieram de um período intenso de jogos, e foram 15 dias de muito trabalho. Elas merecem este título. Já conquistei muitos troféus, mas ganhar qualquer título comandando a Seleção Brasileira Feminina é especial, pois as dificuldades são enormes e o valor a ser dado é muito maior -  destacou.


Fonte: CBFS

Comente aqui
02 dez10:06

Vôlei feminino de Chapecó é destaque

Fim de temporada, mas o ano foi positivo para o vôlei feminino de Chapecó. Em 2011 a equipe se consolidou como a segunda força da modalidade em Santa Catarina, ficando atrás apenas da equipe de Rio do Sul, que tem o maior investimento do Estado e vai disputar a Superliga Nacional de Vôlei Feminino, que começa dia 10 de dezembro.

Neste ano Chapecó foi vice-campeã estadual e dos Jogos Abertos de Santa Catarina, em Criciúma. Em ambas as competições perdeu a final para Rio do Sul. A equipe do Alto Vale ainda foi ‘carrasco’ de Chapecó na decisão da etapa Sul da Liga Nacional, disputada em Pomerode/SC. O vice-campeonato, porém, valeu vaga para a fase nacional, em Saquarema/RJ, onde Chapecó ficou em quinto lugar. Os dois primeiros colocados garantiam vaga para a Superliga 2011/12.

A equipe comandada pelo técnico Fernando Picolli também ficou em segundo lugar nos Jogos Universitários Brasileiros (JUB’s), disputados em Campinas/SP. Na final, derrota para a Unip de São Paulo. Mas Chapecó subiu no lugar mais alto do pódio outras três vezes em 2011: foi campeã dos JUC’s – Jogos Universitários Catarinenses – em Tubarão; campeã da fase regional dos Jasc, em Xaxim; e campeã da 2ª Copa APROV de Vôlei, disputada em Chapecó, que contou com a participação de Blumenau, Grêmio Náutico União de Porto Alegre e Univates de Lageado/RS.

Para 2012 a meta principal é disputar a Liga Nacional B e tentar o acesso para a Superliga na temporada 2013/14. – A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) quer fazer uma espécie de segunda divisão nos mesmos moldes da Superliga. Oito equipes devem fazer parte desta Liga B. Jogariam todas contra todas, garantindo o acesso para as duas primeiras colocadas – explica o técnico Fernando Picolli.

A competição iniciaria em dezembro de 2012 com término em março de 2013. – As equipes que disputaram a fase nacional da Liga este ano, no Rio de Janeiro, devem ser convidadas pela CBV para esta nova competição – complementa Picolli.

O técnico ressalta também que todas as atletas da equipe são acadêmicas, numa parceria com a Unochapecó. Elas treinam manhã e tarde, todos os dias, e estudam à noite. A equipe tem ainda o patrocínio da Prefeitura de Chapecó, Unochapecó e Linger, e apoio da Apti, ACB Bebidas e Clínica de Olhos Dr. Delso Bonfanti.


Comente aqui