Festival

15 set18:17

Festival Dança Chapecó

O 6º Festival Sul-Brasileiro Dança Chapecó, promovido pela Escola de Artes, reúne mais de mil bailarinos e coreógrafos. Além de subir ao palco e de prestigiar as apresentações os participantes dos três estados do sul tem a oportunidade de participar de oficinas. Até sábado estão previstas mais de 200 apresentações no Teatro Municipal do Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo De Nes.

São 45 grupos que concorrem nas categorias: balé clássico de repertório e balé clássico livre; contemporâneo; jazz; street dance; danças folclóricas, populares e livres. As premiações chegam a quase R$ 8 mil reais. Os espetáculos podem ser prestigiados todas as noites a partir das 19h. Os ingressos custam R$ 12, crianças, idosos e estudantes pagam R$ 6.


Programação para esta sexta-feira

8h30min – Cursos Dança Chapecó

10h – Apresentações Palco Aberto na Sala Cyro Sosnoski

10h – Abertura Feira do Dança Chapecó na Sala Cyro Sosnoski

13h30min – Ensaios

14h – Cursos Dança Chapecó

16h30min – Apresentações Palco Aberto na Sala Cyro Sosnoski

19h – Dança Chapecó – apresentações da competição



Comente aqui
14 set12:44

Festival Dança Chapecó

A sexta edição do Dança Chapecó inicia nesta quarta-feira, dia 14.

O Festival vai reunir durante quatro dias, mais de 800 bailarinos e coreógrafos de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. O evento será realizado no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo De Nes. Além das tradicionais apresentações, conta ainda com oficinas de capacitação e a Feira da Dança. Os espetáculos iniciam todas as noites às 19h.



Octávio Nassur (jurado), Rafael Zago (bailarino), Luana Spíndola (bailarina), Eva Schul (jurada), Neyla Caramori (diretora Escola de Artes), Ricardo Scheir (jurado) e Fernanda Delai (organização Festival).


Comente aqui
13 set15:20

Festival Tecendo o Riso em Concórdia

Entre os dias 06 e 11 de outubro de 2011, o município de Concórdia sedia o Festival de Teatro Tecendo O Riso. É promovido pela Fundação Municipal de Cultura e por Grupos de Teatro Independente de Concórdia: Carretel Cia Teatral, Piliquinha e Desvio do Septo e pelo SESC-Concórdia. As apresentações em palco italiano serão no Teatro Municipal Maria Luiza de Matos e palco alternativo, na Praça Dogello Goss. Toda programação será gratuita.

Foram convidados para participar do evento três grupos de teatro de Concórdia. A Carretel Cia Teatral apresentará o espetáculo Adolfo Mayer em Revista. O Grupo Teatral Desvio do Septo apresentará A Cantora Careca. O Grupo Teatral Piliquinha encenará O Cortiço, obra do escritor brasileiro José de Alencar.


Apresentações grupos selecionados:

Foram selecionadas para o Festival as seguintes companhias teatrais:

A Cia Teatral Bocarela das Palavradas apresentará o espetáculo de rua “O Enfermeiro”, adaptado do conto de Machado de Assis e inspirado na obra “o doente imaginário” de Moliere. Os atores tocam, cantam e constroem os cenários as vistas do público, além de interpretarem a historia que vem abordando as relações humanas que envolvem a religião, o poder e a ascensão social, formando um casamento perfeito dos dois gênios da literatura e comédia satírica.

A Duavesso Cia de Teatro apresentará a peça “Comadre´s”. Através da oralidade eloqüente, os atores envolvem o público com cochichos, malicias e olhares cômicos, não deixando o silêncio gritar. As Comadre’s fazem das fofocas um trampolim, saltando do real para o imaginário através de um cenário que vai modificando-se durante a apresentação. O espetáculo é recheado de surpresas, principalmente quando se fala de bolsas de mulher, pois do nada inusitadamente faz-se surgir objetos femininos de uso diário.

Cia Mútua apresentará Flasches da Vida, e trata fragmentos cotidianos. São sete inusitadas histórias que se intitulam. Como reagir frente a uma porta trancada, a um carro enguiçado ou a um chiclete grudento? Quem nunca culpou o juiz pela derrota de seu time? Espetáculo solo e sem texto que usa a mímica de forma extremamente cômica para mostrar situações comuns. Alguns adereços, onomatopéias e exíguo cenário auxiliam as cenas deste trabalho embasado na ação física, no equilíbrio-desequilibrado do clown, no improviso do jogo cênico e na relação com a plateia.

A Companhia Teatral Trip Teatro por sua vez, apresentará o espetáculo O Incrível Ladrão de Calcinhas que possui uma história de detetives baseada no estilo do Cine Noir, caracterizado por filmes tipo “B” das décadas de 40 e 50, onde a falta de caráter e o crime são as marcas mais presentes. O escritório do Detetive Bill Flecha é procurado por Srta. Velda, uma “mulher-fatal” que tem sua “peça íntima” roubada e pagará qualquer quantia para tê-la de volta. O que parecia um crime banal dá origem a uma série de outros crimes violentos, onde todos são suspeitos até que se prove o contrário, ou até que seus corpos sejam encontrados em algum beco escuro. A cenografia foi inspirada no “Expressionismo Alemão”, movimento artístico que contribuiu para o surgimento do Cine Noir.


Workshop e oficina de teatro:

Oficina “Princípios da Linguagem do Teatro de Animação”, ministrada por Willian Walter Sieverdt, da Cia Trip Teatro, com o objetivo de abordar os princípios de Linguagem que caracterizam o Teatro de Animação. A oficina será ministrada por meio de exposição oral dialogada, com recursos visuais e através de exercícios teatrais e construção e manipulação de bonecos. Vagas limitadas.

Workshop Mímica – a arte do movimento ministrado pela Cia Mútua. O workshop traçará um panorama sobre as técnicas da mímica clássica, mímica corporal e pantomima. De maneira teórica e prática serão abordados: a) Movimento X Ação; b) Volume X Peso; c) A visualização do invisível; d) A conscientização mecânica do corpo atuante, e e) Mímica NÃO É descubra o nome do filme. Vagas limitadas.

Acompanhe a programação do Festival de Teatro Tecendo O Riso na Fundação Municipal de Cultura de Concórdia (49.3442-3930) e SESC Concórdia (49.3442.0303)


Festival de Teatro Tecendo o Riso

De 6 a 11 de outubro de 2011

Local:  Teatro Maria Luiza de Matos e Praça Dogello Goss


Comente aqui
13 set12:06

3º Festival de Dança e Festival de Dança Mário de Andrade

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Regional Seara realizou nesta segunda-feira, 12, o 3º Festival SDR/Seara em Dança e o Festival de Dança Mário de Andrade. 60 coreografias foram inscritas e 21 casais disputaram a Dança de Salão. As apresentações foram no Ginásio Municipal de Esportes de Seara.


Os grupos vencedores:


Categoria Adulto:

1º Grupo Corpo e Arte – Arvoredo;

2º EEB Arabutã; 3º APAE – Seara.


Categoria Pré-Mirim:

1º Projeto Dançar – Xavantina;

2º Projeto Bom na Escola, Bom de Bola – Ipumirim;

3º Fundação Cultural de Seara.


Categoria Mirim:

1º Oficina de Danças de Lindóia do Sul;

2º Fundação Cultural de Seara;

3º Fundação Cultural de Seara;


Categoria Infanto-Juvenil:

1º Fundação Cultural de Seara;

2º Fundação Cultural de Seara;

3º Projeto Dançar da Prefeitura Municipal de Xavantina.


No Festival de Dança Mário de Andrade os classificados foram:


Categoria Mirim:

1º Projeto Dançar da Prefeitura de Xavantina e EEB Luiz Sanches Bezarra da Trindade;

2º Alma Dance – Núcleo de Educação Ottaviano Nicolau / Lindóia do Sul;

3º Corpo e Movimento – EBM Valentin Bernardi / Itá.


Categoria Infanto-Juvenil, que garante vaga ao primeiro e segundo colocado, para a Etapa Regional Centro –Oeste, em Três Barras de 27 a 29 de setembro: 1º Pé de Seda – Prefeitura de Arvoredo e EEB Benta Cardoso; 2º Grupo de Danças do projeto Extracurricular Dança – EEB Padre Isidoro Benjamim Moro; 3º Corpo e Movimento – EBM Valentin Bernardi / Itá.

Na Dança de Salão, Júlio e Jaqueline Bertela, da EEB Francisco Maciel Bageston, de Paial, conquistaram o 1º lugar na Categoria Infanto Juvenil. Devido ao resultado eles garantem vaga para a Etapa Regional. Já na Categoria Mirim, o primeiro lugar ficou com os alunos Mateus e Amanda, do Núcleo de Educação Ottaviano Nicolau, de Lindóia do Sul.




Comente aqui
13 set11:35

6º Dança Chapecó

Chapecó será palco de um dos maiores eventos artístico-culturais do Estado: a 6ª Edição do Dança Chapecó. O Festival vai reunir durante quatro dias, mais de 800 bailarinos e coreógrafos de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. O evento será realizado no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo De Nes a partir desta quarta-feira, dia 14. Além das tradicionais apresentações, conta ainda com oficinas de capacitação e a Feira da Dança. Os espetáculos iniciam todas as noites às 19h.



Até agora 44 grupos das categorias do infantil ao adulto, já efetuaram inscrições e concorrer em diversos ritmos: balé clássico e livre; contemporâneo; jazz, street dance e danças folclóricas e populares.

As premiações somam R$ 8 mil e vão contemplar o melhor grupo, melhor bailarino, melhor bailarina, melhor coreografia e bailarino(a) revelação. Os demais participantes também recebem troféu e medalhas.

Para avaliar o desempenho dos bailarinos, sete jurados de renome nacional estarão presentes. Dentre eles, o diretor da Escola Pavilhão D Centro de Artes de São Paulo, Ricardo Scheir e o bailarino do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, Rodrigo Negri. Eles vão avaliar as apresentações em cinco quesitos: técnica, musicalidade, interpretação, figurino e concepção coreográfica.

De acordo com a Diretora da Escola de Artes e Primeira Dama do município, Neyla Caramori, a expectativa é superar os cinco mil visitantes do ano passado. – O Dança Chapecó já se consolidou no Sul do País como um dos maiores eventos culturais. Esta é uma oportunidade de mostrarmos nossas potencialidades artísticas, ganharmos visibilidade nacional na área, além de revelar novos talentos – destaca Neyla.


Mais atrações

Paralelo ao Festival haverá uma Feira com artigos e lembranças com visitação das 10h às 19h30min com entrada gratuita. A tradicional Mostra de Dança também será realizada. Será disponibilizado um palco onde os grupos que não competem vão poder se apresentar, todos dos dias, no horário das 10h às 11h30min e das 16h às 17h30min. As duas atrações terão entrada gratuita.

Os ingressos para as apresentações já estão disponíveis na Escola de Artes ao custo de R$ 12 adulto e R$ 6 para crianças, idosos e estudantes.


Comente aqui
07 set16:53

Márcio Pazin e Carol são premiados em SP

A dupla Márcio Pazin e Carol ficaram em primeiro lugar no Festival de Música Popular Jundiaí Canta Encanto, em São Paulo. A final foi no Teatro Polytheana, no domingo, dia quatro.

Com a música ‘Eu, você e a flor’, a dupla de Chapecó recebeu R$ 6 mil e troféu personalizado. O segundo lugar ficou com Edu Alves, de São Paulo com a canção ‘Lua dos Poestas’ e a terceira colocação com Vinicius Medrado e Amanda Ribeiro, de Jundiaí, com ‘Alegrias e Quintais’.


Participaram da final doze bandas e cantores diversas cidades do país.


2 comentários
04 set11:45

Festival Concórdia em Dança

Organizado pela Fundação Municipal de Cultura, o Festival Concórdia em Dança 2011, está com inscrições abertas. O prazo final é 29  de setembro.


Os interessados podem obter a ficha de inscrição no site da Prefeitura de Concórdia. O evento acontece de 13 a 15 de outubro no Centro de Eventos.


Segundo a Assessoria de Imprensa da Prefeitura, o objetivo do Festival é fomentar a produção cultural por meio da dança. As categorias em disputa são pré-infantil (4 a 9 anos), infantil (10 a 12 anos), Junior (13 a 14 anos), sênior (15 a 16 anos), avançado (17 a 20 anos) e adulto avançado (acima de 21 anos).


Comente aqui
24 ago17:09

Patinação no gelo em Itá

A pista permanece na cidade até domingo, dia 28.

Umas das grandes atrações do III Festival de Inverno de Itá é a Pista de Patinação no Gelo. De acordo com a Assessoria de Imprensa do município, mais de oito mil pessoas, entre turistas e itaenses, puderam sentir a emoção de patinar no gelo.

A pista permanece em Itá até domingo, dia 28. Os ingressos para 30 minutos de patinação custam R$ 5.

Programação

Quem quiser aproveitar os últimos dias do III Festival de Inverno de Itá tem como opções na programação no sábado, 27, apresentação teatral da Companhia de Pernas pro Ar, às 10h, no centro da cidade, apresentações culturais a partir das 14h, desfile do Bier Wagen, às 17h, jantar típico alemão às 20h e baile alemão às 23h.

No domingo o festival termina com mais apresentações culturais a partir das 10h, e novamente a exibição da Companhia de Pernas pro Ar, a partir das 14h.

Comente aqui