Groli

24 jan08:46

Da roça para os gramados

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Uma versão 2012 de Douglas Groli, que foi da Chapecoense para o Grêmio. A comparação de Fabiano, destaque da Chapecoense na primeira rodada do Campeonato Catarinense, com o zagueiro revelação do clube no ano passado, é inevitável. Os dois têm cara de alemão, jogam na mesma posição, ambos são do Extremo Oeste de Santa Catarina, iniciaram em clubes amadores e também jogaram nos juniores da Chapecoense.

-Tem semelhança sim- reconhece Fabiano, que é amigo de Groli no Facebook. –Somos da mesma região e somos pessoas humildes- comparou Fabiano. Groli nasceu em São Miguel do Oeste e foi auxiliar de pedreiro do pai.

Fabiano Leismann nasceu em São João do Oeste, distante 54 quilômetros de São Miguel do Oeste, e ajudava os pais a tirar leite das vacas, alimentar os suínos e cuidar da lavoura de fumo.

Aos 12 anos começou a jogar nos aspirantes do Sete de Setembro, time da linha Medianeira, no interior de São João do Oeste. Lá defendeu ainda os times amadores São José e Aliança, vencendo três campeonatos microrregionais.

Depois foi treinar na escolhina Genoma Colorado, de Itapiranga, onde foi campeão estadual e terceiro no Campeonato Brasileiro Sub-16. Por indicação do técnico foi parar no São Luiz de Ijuí-RS, onde ficou duas temporadas nos juniores, em 2008 e 2009. Voltou para São João do Oeste, onde jogou quatro meses, até ser convidado para jogar na Chapecoense, pelo ex- atacante Índio, maior goleador da história da Chapecoense.

Fabiano chegou a ser relacionado por Mauro Ovelha em alguns jogos do Catarinense do ano passado. Mas somente começou a jogar no time titular no final da Série C, contra o Joinville e Brasiliense. –Depois que a Chapecoense não tinha mais chance o Mauro Ovelha me colocou para pegar experiência- disse o zagueiro, que está com 20 anos. Na época, pelos bons treinamentos, ele já era apontado como o substituto de Groli.

Com a boa estreia no catarinense, ele confirmou a expectativa. –Foi muito bom pois tive o apoio da família e o reconhecimento dos amigos- declarou. Após o jogo ele foi jantar com os familiares e a namorada, que foram assistir a partida. Ontem, ele conferiu as mensagens na internet e deu entrevistas. –Curti a vitória e o gol que foi muito importante- explicou. Foi o primeiro gol da carreira.

Agora seu objetivo é fazer um bom campeonato e quem sabe seguir os passos de Groli. –Mas sempre com humildade- concluiu. A expectativa é que o Extremo Oeste dê mais uma boa safra de zagueiro.



Comente aqui
10 nov16:06

Ex-Chapecoense teve proposta para jogar na Europa

Recém-contratado pelo Grêmio e ainda sem vestir a camisa do clube, Douglas Groli, 22 anos, recebeu proposta da Itália.

O clube não aceitou os R$ 2 milhões.

Comente aqui
21 out19:44

Groli se despede da Chapecoense

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Com a mesma camisa verde pólo com que esteve em Porto Alegre, na terça-feira, o zagueiro Groli esteve hoje na Arena Condá, onde concedeu entrevista coletiva e se despediu dos ex-companheiros da Chapecoense.

–No Olímpico brinquei que ele ainda era da Chapecoense- disse o diretor de futebol Cadu Gaúcho.

Outra dica do diretor foi de que ele eliminasse qualquer roupa vermelha a partir de agora. Groli disse que já tinha uma camisa do tricolor gaúcho.

–Eu sempre quis jogar no Grêmio, é a realização de um sonho- afirmou.

O jogador disse que sentiu um êxtase ao chegar no estádio Olímpico.

–Tu vê os caras na tevê e agora vou estar lá, jogando com eles- declarou.

Até o início do ano, jogar num dos principais times do país era um sonho ainda distante. Groli estava na base do clube há três anos e era reserva do time.

Até que ele foi escalado como titular no jogo contra o Concórdia, no final do primeiro turno do Campeonato Catarinense. Daí não saiu mais do time e conquistou o tetracampeonato. Levou dois troféus de prata no Prêmio Top da Bola, como revelação e zagueiro.

Teve seu salário aumentado durante e após o estadual. Na Série C do Campeonato Brasileiro teve uma queda de produção. Inclusive foi expulso no domingo passado, contra o Ipatinga, e a Chapecoense, que vencia por 2 a 0, levou uma virada para 3 a 2.

–Gostaria de ter saído de uma maneira melhor- lamentou.

Mesmo assim o jogador sai valorizado pela direção.

–A torcida não pode esquecer tudo o que ele fez pelo clube- disse o presidente, Sandro Pallaoro.

A Chapecoense vai receber quatro parcelas mensais de R$ 150 mil. Dinheiro que pode ser investido em reforços e na melhoria do gramado. O clube ainda ficou com 30% do passe. O Grêmio pode comprar mais 15% até final de julho, por R$ 500 mil.

Nesta sexta mesmo o jogador viajou para São Miguel do Oeste, onde mora sua família. Ele vai curtir férias até o início de janeiro, quando se apresenta em Porto Alegre. O irmão Márcio, que joga no Guarani de São Miguel do Oeste, onde Groli começou aos 14 anos, adorou ver Groli jogando no Grêmio. Só o pai, Orestes, vai ter que conter sua paixão pelo Internacional.

Quando jogava nos juniores, Groli ajudava o pai na construção civil, durante as férias. Desta vez o jogador garante que isso não vai acontecer.

–Vou jogar uma bomba na betoneira- brincou.

Ele pode voltar a jogar em Chapecó em 2012, caso o Grêmio enfrente a Chapecoense pela Copa do Brasil.

–Aí o Groli vai fazer um pênalti para nós- brincou um dos repórteres.

Mas o que todo mundo deseja é que o jogador tenha sucesso no clube gaúcho. Tanto que a maioria já tirou foto com ele para mostrar para os outros caso ele fique famoso.



Comente aqui
18 out17:29

Groli assina por quatro anos com o Grêmio

Tatiana Lopes | tatiana.lopes@rbsonline.com.br

O Grêmio já fechou a negociação com o zagueiro Douglas Groli, da Chapecoense. Na tarde desta terça, ele esteve no Olímpico realizando exames médicos, foi aprovado e já assinou um pré-contrato que dura quatro anos.

O diretor executivo Paulo Pelaipe explicou que, inicialmente, o clube adquiriu 35% dos direitos do jogador, e tem a prioridade de compra de mais 15% até 2012. As tratativas foram feitas entre Grêmio e um grupo de investidores.

Groli será apresentado em janeiro, quando também oficializará o contrato com o Grêmio. Segundo Pelaipe, outros clubes grandes já estavam de olho no zagueiro de 22 anos. Ele fará a pré-temporada do ano que vem com o grupo tricolor.

Comente aqui
18 out14:44

Groli faz exames médicos no Grêmio

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

O zagueiro Groli, da Chapecoense, está em Porto Alegre fazendo exames médicos no Estádio Olímpico. A informação foi confirmado no início da tarde de hoje pelo presidente da Chapecoense, Sandro Pallaoro. O atleta foi acompanhado do diretor de futebol do time do Oeste, Cadu Gaúcho.

Pallaoro afirmou que, caso o zagueiro seja aprovado, o Grêmio passa o contrato para a Chapecoense assinar.

-Nós só vamos anunciar quando assinarmos o contrato e recebermos o dinheiro- disse o presidente.

O Grêmio vai pagar R$ 700 mil por 70% do passe do atleta. A Chapecoense vai receber R$ 600 mil. Outros R$ 100 mil ficarão para o grupo de empresários de Porto Alegre, que viabilizou o negócio.

Groli deve retornar para Chapecó após os exames, mas não deve mais jogar pelo time do Oeste. Primeiro porque está suspenso do próximo jogo, contra o Joinville. E não deve ficar para o último jogo, contra o Brasiliense. Como a Chapecoense está eliminada, joga apenas para cumprir tabela.

Groli tem 22 anos e se destacou no Campeonato Catarinense, onde levou o troféu de Prata na categoria revelação e zagueiro.



Comente aqui
14 out17:33

Grêmio e empresário devem fechar parceria para contratação de zagueiro da Chapecoense

Vinicius Rebello | vinicius.rebello@rbsonline.com.br*

O zagueiro Douglas Groli, de 22 anos, deve ser confirmado nos próximos dias como o primeiro reforço do Grêmio para a próxima temporada. O empresário Jorge Machado está praticamente fechado com a Chapecoense e irá adquirir 70% dos direitos do atleta e repassá-lo ao tricolor. A Associação ficaria com 30%. O valor inicial da negociação era de R$ 600 mil, pelo mesmos 70% e agora chegou a R$ 700 mil.

– É uma parceria que estamos montando em cima de um zagueiro que o Grêmio tinha interesse. O Douglas Groli é um jogador da Chapecoense que tem um futuro imenso. Estamos fechando o negócio, mas ainda não existe nada certo – disse o empresário Jorge Machado.

A ideia inicial é que o jogador assine um contrato longo com o Grêmio. O presidente da Chapecoense, Sandro Pallaoro, confirmou a negociação:

– Estamos tratando com um grupo de empresários há mais de um mês. parece que eles queriam colocar ele no Grêmio, mas nós não sabemos ao certo. Tudo está muito bem encaminhado, mas nada concretizado – confirmou o dirigente da ACF.

O vice-diretor de futebol do clube, João Carlos Maringá, disse que a negociação verbal está acertada, mas falta formalizar o contrato.

- Isso deve acontecer na próxima semana – disse.

Douglas Groli deve se apresentar no Estádio Olímpico no início da temporada para realizar exames médicos. O jogador é um dos destaques da Chapecoense, que está na segunda fase da Série C.

A diretoria do Grêmio não confirma a negociação.


* Colaborou Juliano Zanotelli

Comente aqui
05 out16:24

Groli carimba mais um

Natural de São Miguel do Oeste, Groli faz aniversário nesta quarta-feira. O zagueiro da Chapecoense completa 22 anos.

O zagueiro revelação da Chapecoense na conquista do tetracampeonato catarinense em 2011, tem contrato com o clube até dezembro de 2013. Neste ano ele ficou em segundo lugar como Revelação e como zagueiro no Troféu Top de Bola 2011, promovido pelo Instituto Mapa.


Groli carimba mais um aniversário.


No dia 17 de julho de 2011, o jogador marcou o primeiro gol pelo time. Foi contra o Caxias, na estreia da Chapecoense na Série C do Campeonato Catarinense.

Groli foi assediado por clubes gaúchos e paulistas no segundo semestre deste ano. Um grupo de empresários quis levar o zagueiro para o Grêmio ou até um clube de São Paulo, mas a oferta acabou não se concretizando. No entanto não está descartada a negociação do passe para liberação após a Série C.

>> Acompanhe tudo sobre o Verdão no Blog da Chapecoense.

Comente aqui
18 set22:05

Groli pode ir para o Grêmio

O único problema da Chapecoense para a segunda fase é que o time pode estar perdendo o zagueiro Groli.

Uma das revelações do Campeonato Catarinense o zagueiro de 20 anos está em negociação com o Grêmio. A informação foi confirmada pelo vice-presidente da Chapecoense, João Carlos “Maringá”. Ele afirmou que está em andamento uma negociação com representante do clube gaúcho. A Chapecoense receberia um valor pela venda e manteria 30% do passe do atleta.

Ele não citou o valor mas, nos bastidores, circula a informação de que o valor ofertado por 70% do passe seria R$ 600 mil.

Maringá disse que a direção espera definir essa situação até terça-feira pois, pois se a negociação for concretizada, o clube vai atrás de outro reforço. O certo é que a Chapecoense não aceita emprestá-lo. Só se for venda.


Confira todas as novidades do Verdão no Blog da Chapecoense.

Comente aqui