Itamar Schulle

19 mar14:07

Chapecoense treina às 15h no CT da Água Amarela

Jogadores da Chapecoense, comandados por Itamar Schulle, treinam a partir das 15h no Centro de Treinamento da Água Amarela.

Equipe enfrenta o São Mateus, pela Copa do Brasil, nesta quarta-feira. Partida será na Arena Condá a partir das 20h30.

Comente aqui
17 mar15:52

Chapecoense X Marcílio Dias na Arena Condá

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Chapecoense conta com estreia o técnico Itamar Schulle neste domingo, contra o Marcílio Dias, para acabar com o jejum de sete jogos sem vitória no Campeonato Catarinense. O jogo inicia às 18 horas, no Índio Condá, que teve a ala Oeste interditada pelo Ministério Público.

O novo comandante teve apenas dois treinamentos para definir a equipe. Por isso não deve fazer muitas alterações em relação ao time que vinha jogando. Ele não poderá contar com o zagueiro Leonardo e o volante Diego Teles, que estão suspensos. Em compensação voltam o zagueiro Souza e o volante Diogo Roque, que não atuaram contra o Camboriú.

A grande mudança deverá ser na atitude do time. Schulle disse que conversou com os jogadores com o objetivo de resgatar a confiança deles e remotivar o grupo. O treinador disse que não pode faltar empenho no jogo de domingo. –A Chapecoense não pode fugir de sua característica de ser uma equipe aguerrida- destacou o treinador.

Ele quer resgatar a força do time no Índio Condá. –Sempre quando estive aqui tínhamos uma dificuldade a mais que era a pressão da torcida- lembrou. Agora ele quer ter esse apoio a seu favor.

Schulle afirmou que mesmo o Marcílio Dias estando numa situação difícil na tabela, a Chapecoense não pode diminuir a atenção, para não tropeçar novamente em casa, contra Metropolitano e Brusque.

Ele encara a partida como a primeira de uma série de seis decisões. A Chapecoense está em terceiro na classificação geral, com 21 pontos, mas pode sair do grupo dos quatro melhores em caso de derrota.


MINUTO A MINUTO


FICHA TÉCNICA


CHAPECOENSE

Nivaldo; Fabiano, Souza, Dema; Eliomar, Willian, Wanderson, Neném, Esquerdinha; Jean Carlos e João Paulo.

Técnico: Itamar Schulle



MARCÍLIO DIAS

Segalla; Willian, André Luiz, Anelka, Leandro Melo, Nelson Sergipano, Amaral, Valdir, Thomaz e Rafael Moretto.

Técnico: José Galli Neto.



Horário: 18 horas

Arbitragem: Clodoaldo Jusviack, auxiliado por Eberval Lodetti e Neusa Inês Back

Local: Estádio Índio Condá, em Chapecó.

Ingressos: R$ 15 (estudante) e R$ 30 (Geral). Sociais e Cadeiras estão interditadas.





Comente aqui
16 mar13:54

Chapecoense treina às 18h na Arena Condá

Os jogadores da Chapecoense chegaram por volta das 4h30 da manhã desta sexta-feira em Chapecó. Eles tiveram folga pela manhã e treinam à tarde. O time perdeu por 2 a 1 para o São Mateus, em Colatina/ES, na estreia da Copa do Brasil.

Esse será o primeiro contato do técnico Itamar Schulle com a equipe. Os trabalhos iniciam por volta das 18h na Arena Condá.

O Verdão, que está em terceiro na classificação geral do Campeonato Catarinense, vem em busca de vitória. A partida contra o Marcílios Dias é no domingo, às 18h, na Arena Condá.

Comente aqui
15 mar19:41

Schulle quer recuperar confiança da Chapecoense

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Com atraso de 1h15, devido ao trânsito na viagem de Novo Hamburgo para Chapecó, o novo treinador da Chapecoense, Itamar Schulle, foi apresentado nesta quinta-feira em Chapecó. Em compensação ele considera que não chegou tarde para recuperar a Chapecoense, que não vence há oito jogos, sete no estadual e um na Copa do Brasil.

-Ninguém somou todos esses pontos sem ter qualidade – disse o novo comandante, em relação aos 21 pontos que o time tem no Catarinense. Schulle disse que vai conversar com os jogadores e demonstrar que eles têm capacidade. O treinador afirmou que alguns atletas podem estar passando por mau momento e que sua missão é recuperar a autoconfiança do time.

O perfil do novo treinador indica que ele é exigente e disciplinador, mais ao estilo de Mauro Ovelha e diferente do antecessor Gilberto Pereira, que tinha um estilo mais “bonachão’. –Tem que ter trabalho, luta, empenho e dedicação- afirmou. Para ele nenhum jogador pode se acomodar por achar que é titular.

Ele preferiu não comentar sobre a derrota de quarta-feira na Copa do Brasil, por 2 a 1, para o São Mateus, pois não assistiu ao jogo. –Não vou comentar pelo que os outros falam- argumentou. Apenas afirmou que o resultado é reversível. Mas prefere se concentrar no jogo de domingo, em casa, contra o Marcílio Dias.

Schulle disse que, a partir de domingo, começa uma série de seis decisões para a Chapecoense. Ele considera que a Chapecoense tem condições de disputar o título. –Foi por isso que eu vim para cá- declarou.

Sobre a necessidade de reforços, disse que primeiro vai conversar com a diretoria. O treinador deve assinar contrato até o final da Série C do Campeonato Brasileiro. A delegação da Chapecoense iria retornar do Espírito Santo durante a madrugada.

Comente aqui
15 mar10:39

Itamar Schulle será apresentado nesta quinta-feira

O novo técnico da Chapecoense, Itamar Schulle será apresentado na tarde desta quinta-feira em Chapecó.

A coletiva está marcada para às 16h na sala de imprensa do clube.

Schulle ouviu pela rádio o jogo de estreia do Verdão na Copa do Brasil.

Comente aqui
13 mar20:05

Itamar Schulle quer buscar títulos na Chapecoense

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

O técnico Itamar Schulle foi anunciado no final da manhã desta terça-feira como o substituto de Gilberto Pereira no comando da Chapecoense. Natural de Ituporanga/SC, o técnico de 44 anos atuou quatro anos no Juventus de Jaraguá do Sul, onde conquistou um acesso no Catarinense. Também treinou Brusque onde conquistou o primeiro turno do Catarinense de 2011 e uma vaga na Série D do campeonato Brasileiro. Passou ainda por Figueirense, Criciúma, Joinville, Brasil de Pelotas, e Novo Hamburgo, entre outros.

O novo técnico, que vai comandar a equipe no domingo contra o Marcílio Dias na Arena Condá, deve ser apresentado na tarde desta quinta-feira em Chapecó. Por telefone, concedeu a seguinte entrevista para o Diário Catarinense.


Diário Catarinense: Vocês estava bem no Novo Hamburgo, onde foi vice campeão da Taça Piratini, o que o fez optar pela Chapecoense?

Itamar Schulle: Já estava há quase 10 meses no Novo Hamburgo o que no Brasil é muito tempo. Na Chapecoense tenho a chance de disputar o Catarinense, a Copa do Brasil e a Série C. É uma vitrine maior. E eu estou sempre em busca de novos desafios.


DC: Quem você conhece do atual grupo?

Schulle: Já trabalhei com o Marcos Alexandre, o Leandrinho, o Leonardo e mais um ou dois. Outros eu joguei contra. Conheço a maioria do plantel.


DC: Acha que tem condições de brigar pelo Catarinense?

Schulle: A Chapecoense nos últimos anos sempre está brigando por título. Acho que temos condições de disputar o título do Catarinense, fazer uma boa campanha na Copa do Brasil e conseguir a vaga para a Série B do Campeonato Brasileiro.


DC:Precisa de muitos reforços para o atual elenco?

Schulle: Primeiro vou precisamos avaliar bem o atual grupo.


DC: Você foi escolhido para dar uma mexida no grupo que parecia apático nas últimas rodadas, esse é o perfil que pretende dar ao time?

Schulle: Tem que ter vibração, dedicação e vontade, principalmente no futebol. Todo o dia tenho que provar que sou capaz.


DC: Em outras vezes você chegou a ser cogitado para treinar a Chapecoense, por que não houve acerto?

Schulle: Nunca recebi convite oficial da Chapecoense.


DC: Então sua meta na Chapecoense será brigar por títulos?

Schulle: Quero deixar de ser vice. Fui vice pelo Botafogo da Paraíba, vice da Taça Piratini, agora quero ser campeão.


DC: Isso lembra o técnico Mauro Ovelha, que tinha só vices e foi campeão na Chapecoense?

Schulle: Torci muito por ele na final do ano passado. Ele merecia. Agora quero realizar os meus sonhos, os sonhos da torcida, dos jogadores e da direção.


Comente aqui
13 mar11:44

Itamar Schulle é o novo técnico da Chapecoense

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Itamar Schulle é o novo técnico da Chapecó. A confirmação é do diretor de futebol Mauro Stumpf. Ele deve ser apresentado nesta quarta-feira em Chapecó. Também foi contratado o auxiliar técnico Gerson Gusmão, que já vem atuando há algum tempo ao lado do treinador.

Vice-campeão da Taça Piratini, o primeiro turno do Gauchão, o técnico Itamar Schulle deixou o comando do Novo Hamburgo. De acordo com o clube, o treinador comunicou a saída aos jogadores e à direção em reunião realizada na manhã desta terça, no Estádio do Vale.


Perfil

Itamar Schulle, 44 anos, é natural de Ituporanga, no Alto Vale do Itajaí. Ele iniciou como técnico no Atlético Alto Vale, passou ainda pelos catarinenses São Bento, Juventus, Figueirense, Metropolitano e Joinville, além do Brasil de Pelotas/RS e São Carlos/SP.

Em 2011 foi campeão pelo Brusque do 1º Turno da Copa Santa Catarina.

Comente aqui