João Girardi

07 out13:01

Dois candidatos a prefeito de Concórdia votaram pela manhã

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Neste ano três candidatos concorrem ao cargo de prefeito de Concórdia no Meio-Oeste. Pela manhã dois candidatos foram às urnas.

O primeiro a votar foi João Girardi (PT) da Coligação Concórdia Sempre Melhor (PRB, PP, PDT, PSC, PR, PPS e PC do B). O candidato, que concorre a reeleição, votou às 9h na Escola João Teobaldo Magarinos no bairro Vista Alegre.

Cézar Luiz (PSD) da Coligação Tá na Hora de Mudar (PTB, PMDB, DEM, PSB, PV e PSDB), que concorre ao pleito pela primeira vez votou às 11h30 no Colégio CNEC, no centro da cidade.

O candidato Paulo Afonso (PSOL) Coligação Sol para Todos (PHS), que também concorre pela primeira vez, deve votar às 16 horas na Sociedade Concordiense Auxílio Fraterno(Scaf).


Comente aqui
10 jul16:19

PSD e PMDB se unem contra quarto mandato seguido do PT em Concórdia

O atual prefeito João Girardi (PT) e o radialista Cesar Luiz Pichetti (PSD) devem polarizar a eleição de Concórdia. Os dois nomes foram confirmados pelas convenções partidárias e já tiveram os pedidos de registro divulgados no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Além deles, participa da disputa Paulo Afonso Piovezan, pelo PSOL.

João Girardi vai tentar manter a hegemonia petista na cidade, governada pelo partido desde a eleição do hoje deputado estadual Neodi Saretta (PT), em 2000. O PT repete a chapa vencedora da última eleição, com o atual vice-prefeito Neuri Santhier (PT). Completam a aliança PRB, PP, PDT, PSC, PR, PPS e PC do B.

Para encerrar a sequência de mandatos petistas, PSD e PMDB se uniram em torno de Cesar Luiz. Os peemedebistas chegaram a lançar os nomes do deputado estadual Moacir Sopelsa e do ex-secretário regional de Concórdia, Idair Piccinin, mas acabaram fechando com os pessedistas. É a primeira vez que o partido não tem cabeça-de-chapa na cidade. O vereador Closmar Zagonel (PMDB) será candidato a vice-prefeito na aliança, que conta também com PTB, DEM, PSB, PV e PSDB.

Paulo Afonso Piovezan será candidato pelo PSOL em chapa pura, com Vitalino Luiz Ramos de vice. Em 2008, ainda pelo DEM, Piovezan foi candidato a vereador e teve 75 votos. Ele também concorreu ao Senado em 2010 e alcançou 0,35% dos votos.

Comente aqui
16 jan10:37

Santhier assume o cargo de prefeito de Concórdia

O prefeito João Girardi passou o cargo para o vice-prefeito Neuri Santhier, na tarde da sexta-feira, dia 13. Girardi sai de férias e deve retornar no fim do mês. – Transmito o cargo com tranquilidade porque sei que Santhier tem a capacidade necessária para administrar o município enquanto eu estiver fora da cidade – disse Girardi.

João Girardi e Neuri Santhier.

Segundo Santhier, é uma honra ficar à frente do Executivo mais uma vez. – Darei continuidade ao trabalho que vem sendo realizado pelo prefeito João Girardi com todo o comprometimento e responsabilidade que estabelece o cargo – afirmou Neuri.

Nesta semana Neuri deve assinar a Ordem de Serviço para o começo das obras na Escola Básica Municipal Melvin Jones, no Bairro Santa Cruz, onde será investido R$ 171.954,70.


Comente aqui
10 dez12:11

Barragem será inaugurada em Concórdia

O projeto e execução da Barragem fazem parte do Plano de Contenção de Cheias que iniciou em 2008 e já realizou o alargamento do Rio dos Queimados, próximo à empresa Sadia, com 525 metros de extensão, aumentando em mais de 70% a vazão de água, no valor de R$ 2,5 milhões. A inauguração da obra está marcada para as 10h do dia 17 de dezembro.

- A barragem é a segunda etapa de um Plano bastante consistente e que vai reduzir o risco de alagamentos em nossa cidade – disse o prefeito João Girardi.

A obra tem 14 metros de altura e 102 metros de largura, com investimentos que ultrapassam os R$ 4,5 milhões, sendo R$ 3 milhões repassados pelo Governo Federal. – Foram meses de trabalho motivador, pois sabemos que a nossa população merece que cuidemos de sua segurança em todos os aspectos – adiantou o prefeito Girardi.

Dentro do plano ainda estão previstas mais duas obras: a galeria extravasora de Rua Dr. Maruri, que tem uma extensão de 1.350 metros e ainda a reforma e manutenção do canal existente. Estes projetos prevêem um investimento de R$ 29 milhões.

O prefeito visitou o local da barragem para acompanhar o progresso dos trabalhos finais. – É bom ficar atento a tudo que está sendo feito para que esteja de acordo com o que foi planejado – disse. Para ele é uma obra essencial e muito esperada pelos concordienses.


Comente aqui