Mãos

11 jul15:23

Ciclo de circulação do vírus da gripe A pode estar no final, em Santa Catarina

Santa Catarina pode estar vivenciando as semanas finais do período de circulação do vírus da gripe A, que costuma ser de seis semanas. A estimativa, baseada em dados coletados em anos anteriores, é de que o Estado estaria entre a quinta e a sexta semana.

Para o diretor da Vigilância Epidemiológica do Estado (Dive), Fábio Gaudenzi de Faria, as características do inverno neste ano _ que teve períodos de calor entremeando dias frios _ dificultaram a capacidade de prever o fim da circulação do vírus.

_ Podemos estar no final da curva descendente, mas é uma avaliação muito preliminar. As mudanças de temperatura proporcionam uma diminuição da circulação do vírus, mas podem deixar o pico menos alto e mais prolongado _ explica o diretor.

Para ele, independente da circulação do vírus estar no final ou não, as medidas de prevenção e as formas de contágio são sempre as mesmas, e é importante que a população não deixe os cuidados de lado:

_ O que faz a redução drástica e imediata do vírus é a higiene da tosse e do espirro e o hábito de lavar as mãos.

Até o momento, segundo o último relatório da Dive, foram confirmados 600 casos de contaminação por H1N1 em todo o Estado e 47 óbitos em decorrência da doença. Em Blumenau, foram registrados 64 casos positivos e 10 óbitos.

Segundo a Vigilância Epidemiológica de Blumenau, no momento, há 20 pessoas internadas, sendo três em UTI, e 18 pessoas aguardando resultados de exames feitos Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen).


JORNAL DE SANTA CATARINA



Comente aqui
21 abr10:01

Feira Mãos da Terra em Chapecó

Foi aberta nesta sexta-feira em Chapecó a Feira Internacional de Cultura e Artesanato – Mãos da Terra. A mostra é uma ótima oportunidade para conhecer a cultura de vários povos, a beleza e o encanto do artesanato do mundo inteiro. A feira acontece até o dia 29 de abril no pavilhão 4 da Efapi, das 14 às 22 horas. Os ingressos custam R$ 5, os maiores de 60 anos e as crianças até 12 anos não pagam. O Estacionamento é gratuito.

De acordo com Marcus Romera, organizador da feira, a exposição reúne peças de artesanato dos mais variados estilos dos quatro cantos do planeta e por valores acessíveis.

- A feira é uma grande oportunidade para conhecer diversas culturas, fazer uma viagem pelo mundo, sem sair de Chapecó – disse.

O público que visitar a feira poderá comprar o artesanato produzido em cinco continentes e, ao mesmo tempo, conhecer um pouco da cultura, costumes e hábitos de diferentes povos.

2ª Mostra do Artesanato Chapecoense

Durante o período da feira, acontece as 2ª Mostra do Artesanato Chapecoense. Nesse espaço ficam em destaque os artesãos e o artesanato produzido em Chapecó. Cerca de 200 artesãos vão expor seus produtos que são produzidos em materiais como tecido, madeira, borracha, cerâmica, crochê, tricô e ainda o artesanato indígena.


Comente aqui
08 dez14:23

Coral Cênico de Mãos

O Coral Cênico de Mãos é um grupo de Jovens Xanxerenses fundado pela ACEM e voltado para surdos e ouvintes e cujo objetivo é divulgar e unificar a inclusão do mesmo com o universo da Linguagem Brasileira de Sinais – Libras.

Com este intuito, está marcado para as 20h desta sexta-feira, dia 09, no auditório do Colégio Estadual Presidente Artur da Costa e Silva, a apresentação do Coral Cênico de Mãos. O show tem objetivo de arrecadar brinquedos e de divulgar, através da música, da dança e da expressão seu trabalho junto a Comunidade Xanxerense.


Comente aqui