Masculino

09 dez10:54

Chapecoense Futsal empata na primeira partida da final do Estadual Sub 20

A Chapecoense Futsal conseguiu um bom resultado na primeira partida da final do Campeonato Catarinense sub 20. Jogando em casa no ginásio do SESC, os meninos terminaram a partida contra a CSM/Jaraguá em 4 a 4.

Para a partida de volta, que acontece às 19h30 da terça feira, dia 11, em Jaraguá do Sul, na Arena, as duas equipes estarão completas.

O jogo promete ser pegado, pois a equipe do Norte tem a vantagem de poder jogar por dois empates, no jogo e também na prorrogação, já os Oestinos precisam vencer.

A equipe de Chapecó viaja na manhã desta segunda-feira, dia 10. A Federação ainda não definiu a arbitragem para o confronto.


Comente aqui
19 nov14:30

Voleibol masculino de Chapecó fecha temporada 2012 com título dos Jasc

Um jogo histórico, dez títulos de Jasc para cada lado e todos os ingredientes necessários de uma grande final. A decisão do voleibol masculino dos 52º Jogos Abertos de Santa Catarina colocou frente a frente as duas principais equipes do estado na atualidade. Florianópolis, representante do estado na Superliga, e Chapecó, que vai disputar a Superliga B.

Depois de sofrer duas derrotas por 3 sets a 2 nas finais do estadual, a Aprov/Unoesc/Chapecó superou o favoritismo da equipe da capital e venceu a decisão dos JASC 2012 por 3 sets a 2. Foi a 11º título do voleibol masculino chapecoense na principal competição de Santa Catarina, o qual não conquistava desde 1995.

O jogo

No primeiro set, Florianópolis ganhou tranquilo. Abriu 16 a 10 e fechou em 25 a 23. Chapecó reagiu no segundo set e fechou em 25 a 20, empatando o jogo. A equipe da Capital esteve na frente novamente ao fechar o terceiro set em 25 a 18, dando a impressão que venceria o jogo. Mas o representante do oeste, comandados pelos experientes Joel e Badá, além do oposto Rodrigo, mostrou forças e fechou o 4º set em 25 a 19. O set de desempate foi dominado desde o início pela equipe de Chapecó, que abriu 4 a 0, depois fez 8 a 4 antes da virada, manteve a diferença e fechou o jogo em 15 a 11, em mais de 2h 30min.

- Nós vínhamos fazendo grandes jogos contra Florianópolis, mas nos momentos decisivos eles levavam a vantagem. Dessa vez, o nosso time acreditou até o fim e fomos premiados com este título – desabafou o técnico de Chapecó, Nilson Rex.

Foi o desfecho de uma temporada brilhante, que recolocou Chapecó no cenário do voleibol brasileiro. Em 2012, a equipe da Aprov/Unoesc/Chapecó participou de sete competições e em todas esteve na final. Além do título dos Jasc, Chapecó também foi campeão nos regionais dos Jogos Abertos de SC, dos Jogos Universitários Catarinense, das Olimpíadas Universitárias Brasileira e da etapa sul da Liga Nacional. O vice-campeonato veio na etapa final da Liga Nacional e no Campeonato Catarinense.


Comente aqui
16 nov15:02

Voleibol de Chapecó e Blumenau duelam por vaga na final do Jasc

A partir das 19h desta sexta-feira, 16 de novembro, chapecoenses e blumenauenses entram em quadra para definir o segundo finalista da 52ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina no voleibol masculino. A competição encerra neste sábado, em Caçador.

- São duas equipes de tradição e que colecionam títulos dos Jasc – disse Nilson Rex, técnico da equipe de Chapecó. Rex disse ainda que o jogo deve ser bem equilibrado dentro de quadra.

Até agora a Aprov/Unoesc/Chapecó soma quatro vitórias e um derrota na competição. O único revés foi contra Florianópolis, na fase de grupos, por 3 sets a 0. Nas quartas de final, Chapecó venceu Brusque por 3 sets a 0.

A final do voleibol masculino dos Jogos Abertos de Santa Catarina está marcada para às 14h deste sábado, no ginásio de esporte Paulo Schieffler.


Comente aqui
28 set14:49

Voleibol Masculino de Chapecó vai encarar Superliga B 2013

A equipe de voleibol masculino adulto de Chapecó confirmou nesta quinta-feira, 27 de setembro, a participação na Superliga B, em 2013. A confirmação foi feita pelo presidente da Associação Pró Vôlei (Aprov) e também técnico da equipe masculina, Nilson Rex, junto à Federação Catarinense de Voleibol (FCV) e à Confederação Brasileira de Voleibol (CBV).

- Vamos aceitar esse desafio de voltar ao cenário nacional, onde o passo seguinte será o retorno a elite do voleibol brasileiro – disse Rex.

No fim de agosto, a equipe de Chapecó recebeu o convite da CBV para participar da Superliga Série B após os chapecoenses terem conquistado o vice-campeonato da Liga Nacional, realizado em Chapecó.

De acordo com Nilson Rex o projeto para 2013 ainda não está viabilizado por completo, mas o foco é concretizá-lo o quanto antes.

- Nosso prazo de confirmação venceria na segunda-feira, dia 1º de outubro, e da mesma forma não teríamos tempo hábil de confirmar todos os parceiros para a próxima temporada – disse o dirigente.

Agora a equipe tem até o final do ano para viabilizar o projeto de 2013.


Comente aqui
07 set10:55

Equipes de Handebol Feminino e Basquetebol Masculino de Concórdia jogam nesta sexta-feira

As modalidades de Handebol Feminino e Basquetebol Masculino disputam nesta sexta-feira, dia 7, a semifinal dos 25º Joguinhos Abertos de SC. O Handebol Feminino folgou na quinta, enquanto que o Basquetebol Masculino garantiu vaga na semifinal ao vencer a equipe de Jaraguá do Sul de 75 à 64.

Na Semifinal o Basquetebol masculino enfrenta a equipe de Joinville às 13h30min. O Handebol Feminino enfrenta a equipe de Blumenau às 15h30.


Comente aqui
06 set09:26

Voleibol Masculino de Chapecó fará amistoso em Florianópolis

Bruna Bernardes | bruna.bernardes@rbsonline.com.br

Apresentado oficialmente na última segunda-feira, o Super Imperatriz Vôlei estreia nesta quinta-feira, 6, diante da torcida. A equipe de Floripa recebe Aprov/Unoesc/Chapecó para uma partida amistosa, às 20h, no Capoeirão. O time do Oeste foi campeão da última edição da Liga Nacional (competição de acesso à Superliga B), realizada em Chapecó, em agosto.

Um duelo catarinense para dar às boas vindas aos torcedores do esporte, que não compareciam ao ginásio há seis meses, desde a eliminação da extinta Cimed da Superliga.

— Escolhemos fazer este jogo de apresentação à nossa torcida contra Chapecó, por se tratar de um duelo catarinense. Queremos fortalecer isso — disse Marcelo Vanzelotti, supervisor da equipe.

A entrada é gratuita.


DIÁRIO CATARINENSE

Comente aqui
31 ago12:23

Voleibol Masculino de Chapecó é convidado para a Superliga B

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) confirmou o convite para que o voleibol masculino de Chapecó participe da Superliga B, em 2013. A Aprov/Unoesc/Chapecó tem até o fim do mês de setembro para dizer sim ou não à segunda divisão do voleibol brasileiro.

Com a desistência da equipe de Morro da Fumaça, que representou Santa Catarina em 2012 na Superliga B, o convite foi automaticamente feita ao clube chapecoense que sagrou-se vice-campeão da Liga Nacional no fim de semana passado.

- O campeão da Liga tinha a vaga garantida pelo regulamento, mas como houve uma desistência, acabou abrindo uma segunda vaga para a competição – explicou o presidente da Associação Pró-Vôlei de Chapecó e técnico da equipe masculina, Nilson Rex.

De acordo com Rex, nas próximas duas semanas vamos nos reunir com os atuais patrocinadores da equipe e também com outros possíveis apoiadores para buscar viabilizar financeiramente a participação de Chapecó neste calendário nacional.

- Está etapa já vinha sendo traçada dentro do nosso projeto e agora precisamos que mais algumas portas se abram para concretizar o planejamento – disse Rex.

Segundo o dirigente, a estimativa é que sejam necessários pelo menos R$ 30 mil a mais no orçamento do clube para viabilizar a participação de Chapecó na Superliga B, entre dezembro de 2012 e março de 2013. O campeão da Série B garante uma vaga na Superliga 2013/2014.

Comente aqui
30 ago14:20

Definidas as doze equipes de futsal masculino que vão disputar a Regional Oeste do Jasc 2012

Encerraram nesta semana as três etapas microrregionais classificatórias para o regional do Jasc 2012 e a Chapecoense Futsal já conhece seus adversários.

Campeã do ano passado, a Chapecoense Futsal não precisou disputar a etapa microrregional neste ano. A equipe de Xanxerê, que será sede da fase regional, também teve a vaga garantida.

A etapa regional Oeste será realizada de 9 a 15 de outubro. Serão doze equipes divididas em três chaves com quatro equipes cada, a formação das chaves serão definidas somente no congresso técnico, ainda sem data definida.

Classificam-se para a fase estadual três equipes, a cidade de Caçador será a sede, a Chapecoense Futsal espera fazer uma boa campanha e conquistar a vaga para a fase estadual.

- Estamos em um bom momento e com o investimento que temos, a obrigação de conquistar uma das vagas é grande – comentou o treinador Agnaldo.


Equipes classificadas JASC 2012

Xanxerê – Cidade sede

Chapecó (Chapecoense Futsal) – Campeã Regional Oeste 2011

Pinhalzinho (Adesp/Serpil Móveis) – Campeã 1ª etapa Microrregional

Palmitos – Campeã 2ª etapa Microrregional

Xaxim (Xaxiense) – Campeã 3ª etapa Microrregional

Saudades (Dray/Horus Faculdades) – Vice Campeã 1ª etapa Microrregional

Galvão – Vice Campeã 2ª etapa Microrregional

Seara (Futsal Schumann) – Vice Campeã 3ª etapa Microrregional

São José do Cedro – 3º colocado 1ª etapa Microrregional

São Lourenço do Oeste (Casa do MDF Futsal) – 3º colocado 2ª etapa Microrregional

Faxinal do Guedes – 3º colocado 3ª etapa Microrregional

Cunha Porã – 4º colocado 1ª etapa Microrregional


Comente aqui
27 ago09:54

Voleibol Masculino de Chapecó é vice na Liga Nacional

O ginásio de esportes Ivo Silveira parecia o velho caldeirão das décadas de 80 e 90. Completamente lotado, o palco da final da Liga Nacional 2012 colocou frente a frente as duas melhores campanhas da fase decisiva. Aprov/Unoesc/Chapecó e Escola do Corpo, de São José dos Campos (SP) disputaram o título da competição e também uma vaga na Superliga B 2012/2013. A competição encerrou no sábado, dia 25 de agosto.

No primeiro set, os chapecoenses usaram bem o saque e desperdiçaram poucos contra-ataques. Mesmo assim, o equilíbrio foi a tônica. Chapecó fechou em 25 a 22. Na segunda parcial os donos da casa estiveram desligados o tempo todo e os paulistas venceram com folga, 25 a 17. A história se repetia até a metade do terceiro set, mas aí os chapecoenses despertaram em quadra e a torcida levantou na arquibancada. Os dois times seguiram se alternando no marcador, mas no último ponto do set o time de São Paulo montou um paredão e fechou no bloqueio, 25 a 23. O quarto set foi administrado o tempo todo pelos paulistas, que venceram por 25 a 20, 3 sets a 1, em 2 horas de jogo.

- Enfrentamos um grande adversário e um ginásio lotado. Esse título é muito importante para o nosso projeto – falou o técnico paulista Reinaldo Bacilieri.

Pelos lados de Chapecó, o abatimento entre os jogadores era visível, mas o técnico Nilson Rex enalteceu a campanha feita durante o torneio.

- As duas equipes estão de parabéns. Eles mereceram o título e para nós valeu por este resgate do torcedor. Nosso objetivo é retornar a Superliga e vamos lutar por isso. Hoje, provamos que a torcida quero o retorno – disse Rex.

Na decisão de terceiro e quarto lugar, a Unifor (CE) venceu Monte Cristo (go) por sets 1.


Comente aqui
25 ago08:04

Chapecó quer a Série B também no vôlei

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

O voleibol de Chapecó pode atingir a Série B nacional antes do futebol. Para isso a Aprov/PMC/Unoesc precisa vencer hoje a Escola do Corpo-SP, na final da Terceira Divisão da Liga Nacional 2012. O confronto, que será transmitido pelo Sportv, inicia às 19h30, no Ivo Silveira.

As duas equipes foram as melhores entre as seis que se classificaram para a fase final, disputada em Chapecó. Ao todo 27 equipes disputaram o nacional. O campeão tem acesso garantido para a Superliga B no ano que vem.

-Estamos resgatando um pouco da história do voleibol de Chapecó- lembrou o técnico Nilson Rex, que na década de 90 participou a equipe do Frigorífico Chapecó, que chegou a ser o terceiro melhor time do país.

Naquela época a equipe contava com jogadores de seleção, como Giba, Giovani e Carlão, além dos argentinos Milincovic e Weber. O técnico era Renan.

Um dos remanescentes dos tempos áureos do vôlei de Chapecó, o ponteiro Badá, 38 anos, estará em quadra hoje. Há 15 anos Chapecó não tem um time na principal divisão do país. A proposta da Aprov é resgatar a modalidade na cidade. Pelo menos o público já demonstrou que comprou a ideia, pois o público chegou a atingir 800 pessoas em algumas noites. A expectativa é de mais de mil pessoas na final.


Comente aqui