Milho

05 abr11:04

Ingressos para a Femi 2012 estão à venda

Os ingressos para a 16ª Festa Estadual do Milho – Femi 2012, que acontece de 28 de abril a 6 de maio, já podem ser adquiridos.

Conforme o Coordenador da Comissão de Shows, Olnear Ceccatto, a empresa GDO Produções vencedora do processo licitatório, fica responsável pela contratação e despesa dos shows durante toda a feira. Em contrapartida, fica com os valores da bilheteria.


Pontos de venda:

Xanxerê: Prefeitura, Posto Calhandra, Lorenci Modas, Supermercado Badotti, Supermercado Máximo e Puro Glamour

Chapecó: Posto Guri, Lorenci Modas

Ponte Serrada: na Rádio Nambá

Faxinal dos Guedes: Lorenci Modas

Xaxim: O Boticário.

Pela internet: www.blueticket.com.br

Gustavo Lima faz show dia 4 de maio.


Confira os valores dos ingressos, de acordo com os shows:

28/04 – João Neto e Frederico

Antecipado R$ 16 (normal) e R$ 8 (estudante)

Na hora o valor será R$ 20 (normal) e R$ 10 (estudante)


29/04 – Paula Fernandes

Antecipado R$ 20 (normal) e R$ 10 (estudante)

Na hora R$ 25 (normal), R$ 12,50 (estudante)


30/04 – Nenhum de Nós e Detonautas

Antecipado R$ 16 (normal) e R$ 8 (estudante)

Na hora R$ 20 (normal) e R$ 10 (estudante)


1/05 – Teodoro e Sampaio

Entrada gratuita


2/05 – Nani Azevedo

Entrada gratuita


3/05 – Tchê Garotos

Entrada franca


4/05 – Gustavo Lima

Antecipado R$ 20 (normal) e R$ 10 (estudante)

Na hora R$ 25 (normal) e R$ 12,50 (estudante)


5/05 – Michel Teló

Antecipado R$ 20 (normal) e R$ 10 (estudante)

Na hora R$ 25 (normal) e R$ 12,50 (estudante)


6/06 – César Oliveira e Rogério Melo e Grupo Tradição

Antecipado e na hora R$ 10 (normal) e R$ 5 (estudante)


Também estão sendo comercializados ingressos para a Ala Vip, que ficará em frente ao palco. Para os dias 28 e 30 de abril o valor do ingresso para a Ala Vip é de R$ 25 antecipado e R$ 30 na hora.

Para os dias 29 de abril e 4 e 5 de maio R$ 30 antecipado e R$ 40 na hora.

Nos dias em que a entrada no Parque é gratuita, não haverá Ala Vip.

Os interessados no espaço dos camarotes podem entrar em contato com Coordenador da Comissão de Shows, Olnear Cecatto, através do telefone (49) 3441- 8554 ou 9974-7788.


Comente aqui
02 abr15:06

II Congresso Sul-Americano de Energias Renováveis em Xanxerê

Estão abertas as inscrições para o II Congresso Sul-Americano de Energias Renováveis e Meio Ambiente, que acontece nos dias 3 e 4 de maio, durante a realização da FEMI 2012 16 ª edição da Festa Estadual do Milho – Femi 2012, em Xanxerê.

As inscrições, que são gratuitas, podem ser feitas através do site www.congresso.xanxere.ifsc.edu.br até o dia 22 de abril. Estão disponíveis 950 vagas e tem como público alvo acadêmicos, professores, pesquisadores, empresários e profissionais ligados a área de Energias Renováveis e Meio Ambiente.

O congresso tem o objetivo de promover a discussão sobre a importância da produção e uso das energias renováveis, visando à aplicação prática do conceito de sustentabilidade. Conforme o Coordenador do Congresso, Marcelo Tadeu Socha, a intenção é ainda de promover a troca de conhecimentos e experiências.

- Queremos também incentivar a criação e a implantação de possíveis projetos na área de energias renováveis na região da Amai e na região Oeste de Santa Catarina – destaca. Porém, esses projetos precisam garantir a sustentabilidade, agregação de valor, geração de empregos, inclusão social e a formação de mão de obra especializada.

O congresso acontece no anfiteatro da Unoesc – Campus Xanxerê nos períodos matutino e vespertino. Os participantes que obtiverem frequência de cem por cento e ainda visitarem o Campo Demonstrativo de Energias Renováveis que estará implantado no Parque de Exposições Rovilho Bortolluzzi durante toda a Femi, poderão obter o certificado digital de 20h expedido pelo Instituto Federal de Santa Catarina, Campus de Xanxerê.


Comente aqui
02 abr13:42

Concurso irá premiar vitrines mais criativas durante a Femi 2012

A Comissão de Eventos da 16ª Festa Estadual do Milho – Femi 2012, em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas – CDL e Associação Empresarial de Xanxerê – ACIX, abriu as inscrições para o Concurso de Vitrine Femi 2012.

O objetivo é de ampliar ainda mais a divulgação da feira e fazer com que o comércio se envolva e use da criatividade para abrilhantar as vitrines. – Nosso município nesta época da Femi abraça a causa e é fundamental ter o comércio do lado, pois cada pessoa que passa em Xanxerê vê a decoração típica e mostra as potencialidades da feira – comenta o Coordenador da Comissão de Eventos, Dioney Lorenci.

A expectativa é que mais de 50 estabelecimentos comerciais participem do concurso. As inscrições podem ser feitas na Acix e CDL até o 10 de abril. Serão avaliados quesitos como originalidade, beleza e conceituação temática. Uma equipe composta por pessoas ligadas a área irá avaliar o trabalho desenvolvido pelos inscritos.

A entrega da premiação acontecerá no dia primeiro de maio, Dia do Trabalhador. O primeiro colocado receberá o prêmio no valor de R$ 2 mil, R$ 1mil para o segundo e R$ 500 para o terceiro.


Comente aqui
28 mar17:27

Museu do Milho é um dos destaques da Femi 2012

O processo histórico do milho como a produção, máquinas e utensílios que já fazem parte do acervo do Museu serão evidenciados na 16ª Festa Estadual do Milho que acontece de 28 de abril a 6 de maio no Parque de Exposições Rovilho Bortoluzzi.

Conforme a Coordenadora do Museu, Magda Vicini, está sendo realizada uma pesquisa, na perspectiva de discutir qual será o futuro do cereal milho. – Estamos fazendo uma pesquisa para saber qual será o futuro da cultura do milho, tanto a questão da nutrição quanto o próprio cultivo, assim como seriam as máquinas – explica. Ela disse ainda que a ideia surgiu a partir da Semana Nacional dos Museus. A pesquisa será apresentada através de imagens e histórico.

A comissão busca a valorização do Museu, que é um diferencial, já que possui parte da história do município de Xanxerê, da Festa Estadual do Milho e é uma forma de reconhecimento da sua própria identidade cultural. A intenção é que através da visitação ao acervo, outras pessoas também façam doações de peças que poderão fazer parte da exposição. – Muitos se emocionam e vem contribuir ainda mais com o Museu do Milho. A característica mais forte são as peças agrícolas antigas de cultivo do milho. Além de mobiliários da época de 1930, 1940, que foi quando começaram a vir os imigrantes europeus para cá. A maioria das peças são doações – comenta Magda.

Cerca de 10 pessoas voluntárias estarão trabalhando no Museu nos dias da Feira para recepcionar os visitantes. – A expectativa é que muitas pessoas visitem o Museu e levem para casa um pouco desta cultura – completou.


Comente aqui
27 mar10:20

Espaço da arte reunirá artistas plásticos e artesãos na Femi 2012

Com o objetivo de valorizar o trabalho dos artistas plásticos e dos artesãos xanxerenses, a 16ª edição da Festa Estadual do Milho – Femi 2012 terá um espaço diferenciado para a exposição e comercialização das obras. Segundo a Coordenadora do projeto, Magda Vicini, o local fica em frente ao Milhão e contará com oito artistas plásticos locais.

- Esta é uma forma de disponibilizarmos um espaço para os artistas de Xanxerê, criando um local alternativo para a arte visual que sempre foi uma área forte e há muitos anos não se promove exposições. Esse grupo de artistas já faz parte da Associação Xanxerense de Artistas Plásticos – explica Magda. O grupo foi formado através de inscrições prévias, divulgadas e abertas desde o mês de fevereiro.


Artesanato

O artesanato também será ponto forte do espaço já que aproximadamente 11 artesãs estarão desenvolvendo peças relacionadas com a história do município e também sobre a cultura do milho. – Os visitantes da Femi terão um artesanato diferenciado e que realmente venha tratar sobre a história de Xanxerê e a cultura do milho – comenta.

A Femi 2012 acontece de 28 de abril a 6 de maio, no Parque de Exposições Rovilho Bortoluzzi.


Comente aqui
26 mar15:07

Óleo de cozinha terá destino correto durante a Femi 2012

Preservar o meio ambiente e conscientizar a população e os visitantes da importância dessa preservação. Este é um dos objetivos da Comissão do Meio Ambiente da Festa Estadual do Milho – Femi 2012.

Durante todos os dias de feira, o óleo de cozinha das lanchonetes e restaurantes será recolhido para ter o destino correto. A comissão irá distribuir recipientes onde o material será depositado para posterior descarte.

Conforme o Coordenador da comissão, Gilso Cherobin, ainda serão dispostas em toda a extensão do Parque de Exposições lixeiras ecológicas para a separação e descarte de materiais. – Vamos trabalhar forte na questão do lixo, da separação. Todos os restaurantes terão as lixeiras e deverão separar o lixo – disse.

Ao todo serão cerca de 700 lixeiras somente para o lixo reciclável. Já o lixo orgânico será descartado em tambores. – Queremos despertar essa consciência nas pessoas para que elas não joguem o lixo no chão e sim no local adequado para que o Parque de Exposições fique limpo – completou.


Comente aqui
19 mar10:19

Campo Erê realiza abertura da colheita estadual

A secretaria municipal de Agricultura e o Sindicato dos Produtores Rurais de Campo Erê realizaram, neste domingo, dia 18, a Abertura da Colheita Estadual. O ato simbólico da abertura da colheita de grãos acontece todos os anos no município, que já obteve em algumas safras, o título de maior produtor brasileiro de milho por área.

No entanto, nem mesmo as terras produtivas e a tecnologia livraram as lavouras do município de uma safra afetada pela seca. As pequenas espigas demonstram a quebra na produção. A esperança é de que no próximo ano o prejuízo seja compensado.

A abertura da safra ocorreu na propriedade de Orestes Roman, ao mesmo tempo em que era realizado o rodeio do CTG Estância do Oeste. Participaram do ato representantes e autoridades estaduais.


Comente aqui
18 mar15:04

Festa Estadual do Milho em Xanxerê terá palestra sobre Turismo Rural

Mostrar para os agricultores uma nova opção que pode gerar renda alternativa para as propriedades é o objetivo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, através de uma palestra que acontecerá no auditório do Parque de Exposições Rovilho Bortoluzzi durante a realização da XVI Festa Estadual do Milho – Femi 2012. O evento contará com a presença de técnicos e agricultores do projeto “Acolhida na Colônia”, que veio para o Brasil em 1998 e foi desenvolvido em Santa Rosa de Lima/SC.

Segundo a responsável pela palestra, Eliane Lanner, a intenção é reunir agricultores, estudantes e a comunidade para apresentar uma nova ideia que pode ser aplicada em Xanxerê e na região, especialmente pelas potencialidades turísticas do município. – A Femi é voltada para vários segmentos e acredito que esta é uma boa oportunidade para trazer esse projeto. O nosso foco são os agricultores, para que eles conheçam um pouco de uma ideia que deu certo em Santa Rosa de Lima e que pode dar certo em Xanxerê – afirma.

O evento acontecerá no dia 02 de maio, às 14h, no auditório na Femi 2012, sendo que a entrada será gratuita no Parque neste dia.

Mais informações com Eliane Lanner, pelo telefone (49) 3441 8568.


Comente aqui
12 mar09:02

SC tem 100 municípios em emergência pela estiagem

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Santa Catarina atingiu ontem a marca de 100 municípios em situação de emergência em virtude da estiagem que atinge o estado desde novembro. O decreto mais recente é o de Treze Tílias, que registra perda de 30 a 40% nas lavouras de milho.

As perdas no Estado já somam R$ 549 milhões segundo levantamento do Centro de Socieconomia e Planejamento Agrícola (Cepa) da Epagri. O gerente do Cepa/Epagri, Ilmar Borchardt, disse que as perdas no milho já estão praticamente consolidadas. Mas esse número pode aumentar nas lavouras de soja. Ele afirmou que as perdas são mais acentuadas no Oeste, mas que já avançou até municípios próximos a Lages.

Os maiores prejuízos são nas lavouras de milho e soja. A safra de milho, por exemplo, deve ser a menor do estado desde 2006. Isso acarreta uma série da prejuízos em cascata. Isso porque aumenta o déficit de milho do estado, que deve chegar a dois milhões de toneladas. Na avaliação do presidente da Companhia Integrada para o Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) e vice-presidente da Federação da Agricultura do Estado de Santa Catarina (Faesc), Enori Barbieri, a estiagem tira a competitividade da agroindústria catarinense, inibe investimentos no estado e aumenta o custo dos alimentos para o produtor. –Os R$ 549 milhões são irrelevantes perto dos outros prejuízos que acarretam- calculou. Barbieri disse que a necessidade de trazer milho de outros estados aumenta o custo de produção de aves, suínos e leite. Isso aumenta também o custo dos alimentos para o produtor. A saca de arroz aumentou de R$ 20 para R$ 27. A saca de soja, que estava em torno de R$ 40, foi para R$ 47. E o milho, que deveria estar em torno de R$ 20 a saca, está em R$ 24 a R$ 25. Bom para quem consegue colher. Mas o produtor que perde com a estiagem tem menos produção para aproveitar essa alta.

O presidente da Cooperativa Regional Alfa (Cooperalfa), Romeu Bet, estima que deverá comprar cerca de dois milhões de sacas de soja de outros estados para atender a necessidade da indústria de óleo e farelo de soja. Normalmente a cooperativa recebe seis milhões de sacas. Bet disse que a busca de soja de fora aumenta os custos. Além disso a estiagem acaba interferindo no faturamento. Outro impacto é a venda de menos insumos, já que o produtor deve reduzir investimentos na lavoura.

Ele afirmou que enquanto produtores do Planalto Norte tem uma safra normal, no Oeste há perdas até superiores a 50% na lavoura de soja.

O secretário de Agricultura de Santa Catarina, João Rodrigues, afirmou que a estiagem acaba impactando também no comércio. –Os agricultores vão deixar de trocar o carro e fazer outras compras- explicou. É um efeito em cascata em que todos perdem um pouco.


Safra antecipada e plano de trocar o trator adiado

A falta de chuva antecipou a colheita das lavouras de soja em 15 a 20 dias. O agricultor Marcelo Segatto, de Caxambu do Sul, já colheu nove hectares dos 39 que plantou. A perda é superior a 50%. No ano passado ele colheu 70 sacas por hectare. Neste ano a média é de 30 sacas. O motivo é que, pela falta de umidade, as plantas secaram e o grão ficou pequeno e murcho. Isso também aumentou o desconto no silo.


O agricultor Marcelo Segatto, de Caxambu do Sul.


– A qualidade é ruim- lamentou o produtor. Segatto investiu cerca de R$ 800 por hectare. Mesmo com a perda, deve sobrar uns R$ 7 mil da lavoura. –Tenho que passar o ano com esse dinheiro- lembrou.

Com isso o plano de trocar o trator que é de 1998 terá que ser adiado. –Só no ano que vem- prevê.



Produtor teve quebra de 70%

A colheita do milho confirmou o que o produtor Ernício Stroher já esperava, uma quebra acentuada na lavoura em virtude da estiagem. A quebra na propriedade localizada no interior de Dionísio Cerqueira chegou a 70%, segundo cálculos do produtor.

–No ano passado colhi 180 sacas por hectare e agora colhi 50- explicou.

Stroher plantou 4,5 hectares de milho. Destes, fez 1,5 hectares de silagem para o gado e, em três hectares, colheu grão. A safra não será suficiente para pagar o financiamento de R$ 12 mil. Colhendo 150 sacas ele vai receber apenas cerca de R$ 7,5 mil. E ainda tem que descontar 10% para pagar a colheitadeira e mais as impurezas que são descontadas no silo. Ele encaminhou o Proagro e espera ter um desconto no financiamento. Ele lamentou que, da boa safra do ano passado, investiu parte para fazer uma lavoura melhor. O lucro do ano anterior acabou perdendo na estiagem.


MILHO EM SC


Área (mil hectares)

2003: 856

2004: 816

2005: 796

2006: 784

2007: 706

2008: 715

2009: 667

2010: 593

2011: 541

2012: 573


Produção (milhões de toneladas)

2003: 4,31

2004: 3,25

2005: 2,80

2006: 2,88

2007: 3,86

2008: 4,13

2009: 3,26

2010: 3,69

2011: 3,60

2012: 3,11


Produtividade (quilos por hectares)

2003: 5.034

2004: 3.992

2005: 3.386

2006: 3.680

2007: 5.470

2008: 5.780

2009: 4.895

2010: 6.302

2011: 6.401

2012: 5.436


Fonte: Cepa/Epagri


SOJA EM SC

PRODUÇÃO (mil toneladas)


2003: 712

2004: 642

2005: 599

2006: 799

2007: 1.104

2008: 943

2009: 975

2010: 1.374

2011: 1.490

2012: 1.398


ÁREA PLANTADA (mil hectares)


2003: 257

2004: 314

2005: 355

2006: 332

2007: 377

2008: 372

2009: 385

2010: 440

2011: 457

2012: 447


PRODUTIVIDADE (quilos por hectare)


2003: 2.770

2004: 1.907

2005: 1.710

2006: 2.406

2007: 2.930

2008: 2.534

2009: 2.530

2010: 3.123

2011: 3.259

2012: 3.127


Fontes: Cepa/Epagri


Comente aqui
09 mar09:48

Definidos shows da Femi 2012

A Comissão Central Organizadora da 16ª Festa Estadual do Milho – Femi, que será realizada de 28 abril a 6 maio em Xanxerê, divulgou a lista dos shows. Serão 10 atrações nacionais.


Michel Teló fará show no sábado, dia 5 de maio.


Shows

28/04 [sábado] – João Neto e Frederico

29/04 [domingo] – Paula Fernandes

30/04 [segunda-feira] – Detonautas e Nenhum de Nós

1/05 [terça-feira] – Teodoro e Sampaio

2/05 [quarta-feira] – Show Gospel

3/05 [quinta-feira] – Tchê Garotos

4/05 [sexta-feira] – Gustavo Lima

5/05 [sábado]– Michel Teló

6/05 [domingo] – atração será definida


Segundo a Comissão de Shows, a proposta, apresentada pela GDO Produções, está dentro do esperado e de acordo com os nomes solicitados em edital. Ainda deve ser anunciada uma atração para o dia 6, último domingo da feira.

Os investimentos da empresa para a contratação dos shows giram em torno de R$ 1,2 milhão.

A divulgação oficial dos shows e o lançamento da 16ª Festa Estadual do Milho acontece na quarta-feira, dia 14, às 20h, no Clube Xanxerense.

Maiores informações no site oficial da Femi.


Comente aqui