Pacto

13 nov09:41

Governo divulga vencedoras da licitação da primeira etapa do Pacto por Santa Catarina em rodovias

Roberta Kremer | roberta.kremer@diario.com.br

O governo do Estado divulgou quais são as empresas que venceram a licitação para o primeira etapa do Pacto por Santa Catarina para estradas com financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). As vencedoras foram Ivaí, Setep, CBEMI e Enpo/ Fortunato.

Nessa fase, houve a concorrência pública para 10 obras de construção e recuperação em nove rodovias, com investimento de R$ 333,6 milhões. A ideia é dar a ordem de serviço entre dezembro deste ano e janeiro de 2013.

A concorrência pública para os 10 projetos estava orçada em R$ 393 milhões e, na concorrência, houve o desconto de 15,13%. Estão contempladas obras reivindicadas há anos pela população, como o anel viário e o acesso secundário que ligarão Criciúma, no Sul do Estado, à BR-101, e devem ser construídas pelas empresas Ivaí e Setep. A restauração de 55 quilômetros da SC-114, entre Painel e São Joaquim, na Serra, ficará a cargo da empresa CBEMI e a concorrência para construir o Contorno de Garuva foi vencida pelo consórcio Enpo/ Fortunato.

Conforme o presidente do Departamento de Infraestrutura (Deinfra), Paulo Meller, o sexto financiamento do BID com o governo de Santa Catarina é negociado há mais de dois anos. O contrato deve ser assinado ainda em dezembro.

— São obras de restauração e implantação de rodovias que vão encurtar distância entre municípios. Interferem na segurança viária, e no desenvolvimento do Estado, já que no Brasil a economia é transportada basicamente por meio terrestre — afirma Meller.

De acordo com o Deinfra, a segunda etapa de licitação de obras rodoviárias com financiamento do BID VI está previsto para o segundo semestre de 2013. Os trechos a serem recuperados e novos projetos estão em avaliação. As duas fases juntas devem construir, pavimentar e restaurar 222 quilômetros de rodovias estaduais. No total, serão investidos R$ 678 milhões, com 70% do valor financiado pelo BID. É o maior crédito concedido para SC em 30 anos de parceria.


DIÁRIO CATARINENSE


Comente aqui
01 ago11:44

Obras do acesso à BR 282 serão reiniciadas

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

O secretário de Infraestrutura de SC, Valdir Cobalchini, anunciou nesta manhã em Chapecó o reinício das obras de duplicação da BR 480, conhecido como Acesso Plínio Arlindo de Nes, que faz ligação com a BR 282. A obra ficou parada uma semana para alguns reajustes como readequação de redes de água, telefonia e energia, além das desapropriações.

– Como não podemos interromper o fluxo de veículos para resolver essas questões tivemos que fazer alguns ajustes – disse.

Nesta quarta-feira funcionários da empresa vencedora do edital devem voltar ao trabalho no viaduto, localizado no trevo da BR 282. Já as obras na duplicação iniciam na próxima semana. Cobalchini disse ainda que o pagamento, por parte do Governo do Estado,da empresa vencedora do edital está em dia e que as obras devem ser concluídas em 2013.



O secretário de Infraestrutura de SC, Valdir Cobalchini e o secretário da SDR de Chapecó Eldimar Jagnow.



- Não estamos com nenhum atraso – disse o secretário.

Na coletiva de imprensa o secretário falou também sobre o Pacto por SC que irá revitalizar duas rodovias do Oeste. Na SC 283, que liga Chapecó à Águas de Chapecó, devem ser investidos R$ 6 milhões na revitalização de 40 quilômetros, já na SC 480, rodovia que liga Chapecó com o Rio Grande do Sul, vão ser investidos R$ 29 milhões na restauração completa da pista de 20 quilômetros.

- As obras devem iniciar ainda neste ano após o edital apontar a empresa vencedora da licitação – disse o secretário. Cobalchini disse que a revitalização na SC 480 deve ser concluída em 2014, já as obras na SC 283, ainda em 2013.


Comente aqui