Palestras

23 nov15:35

Fundação Catarinense de Cultura realiza oficinas no Oeste

A Fundação Catarinense de Cultura (FCC), através do Sistema Estadual de Museus (SEM/SC), leva a seis cidades catarinenses a “Oficina de Sustentabilidade dos Museus”. O evento terá duas palestrantes e uma delas é a responsável pelo setor Museológico do Centro de Memória do Oeste de Santa Catarina (Ceom/Unochapecó), Denise Argenta. Na região Oeste, o curso acontece em Xanxerê, nos dias 29 e 30 deste mês.

O programa é destinado aos profissionais da área museológica, entre eles gestores municipais de cultura, agentes e produtores culturais. Os temas abordados no encontro tratam sobre economia da cultura e economia criativa, sustentabilidade, captação de recursos, além de elaboração de projetos culturais. As oficinas fazem parte do terceiro módulo do Programa de Capacitação Museológica e ocorre nos meses de novembro e dezembro.

A oficina é gratuita e visa atender a demanda apresentada pela classe museológica do Estado. Os objetivos, segundo a pesquisadora, são de apresentar os principais problemas e soluções encontrados na prática da gestão cultural, além da importância do planejamento e metodologia para a sustentabilidade dos museus. Ela destaca que um dos principais diferenciais desta edição do evento está no fato de ser a primeira vez que profissionais de museus da região são convidados a ministrar oficinas nos programas de capacitação do Sistema Estadual de Museus da Fundação Catarinense de Cultura.


Parcerias do projeto

Para a realização do projeto, que já passou por dois municípios, Denise aponta a parceria entre o Ceom/Unochapecó e o Museu Histórico de Pinhalzinho, já que a coordenadora Fernanda Ben também irá ministrar palestras no evento. As palestras já ocorreram nos municípios de Mafra, nos dias 6 e 7 de novembro, e Rio do Sul, em 8 e 9 de novembro. Ainda no mês de novembro, Curitibanos recebe as oficinas, nos dias 27 e 28. Já em dezembro Orleans e São José terão as atividades, a primeira nos dias 4 e 5 e a última nos dias 6 e 7.

A proposta da oficina tem a perspectiva do trabalho conjunto e a região Oeste é uma das que mais desenvolve parcerias interinstitucionais a fim de garantir o funcionamento, a otimização dos trabalhos e a ampliação das ações dos museus. “Essa é apenas uma das propostas que o curso se dispõe a estimular em todas as regiões do Estado”, enfatiza Denise.

Para se inscrever em uma das edições que ainda irão acontecer, os interessados devem enviar e-mail, com nome, endereço completo, instituição, função, telefone, e-mail e a cidade desejada para a participação. Deve ser encaminhado para capacitacaosem@fcc.sc.gov.br, até 48 horas da realização da oficina.


Comente aqui
05 jun07:43

Palestras serão realizadas no dia Meio Ambiente em Xanxerê

Para marcar o Dia do Meio Ambiente, a Secretaria de Políticas Ambientais de Xanxerê realiza, nesta terça-feira, dia 5, palestras em duas escolas para destacar a importância de preservar o meio ambiente.

As palestras, que acontecem às 8h30 na Escola Municipal Pequeno Príncipe e às 10h30 no Colégio Intelectus, são oferecidas a todos os colégios do município para esclarecer dúvidas que os alunos possam ter com a questão ambiental.

De acordo com o diretor de Políticas Ambientais, Gilso Cherobin, nas palestras são abordados vários assuntos. – Sendo que no momento também está sendo tratada a questão da separação do lixo doméstico, onde os moradores farão a separação do material reutilizável do material orgânico, melhorando assim a coleta desses materiais para reciclagem e o que é orgânico é destinado ao aterro sanitário – destacou Cherobin.

Xanxerê é conhecida no país como a primeira cidade a implantar o uso das sacolas retornáveis e, com isso, deixou de despejar no Meio Ambiente aproximadamente 33 caminhões de sacolas plásticas.

- Conseguimos diminuir o impacto ambiental que esse material causa ao meio ambiente, e agora vamos fazer de Xanxerê uma cidade cada vez mais bonita e sustentável com a coleta seletiva – completou Cherobin.


Comente aqui
17 out13:57

Palestras sobre o trabalho no campo

A Secretaria de Agricultura de São José do Cedro em parceria com o curso de Agronomia da Universidade do Oeste de Santa Catarina – Unoesc, promovem uma série de palestras voltadas ao trabalho no campo. Os eventos acontecem durante a VII Semana Acadêmica de Agronomia, com o tema Novas Tendências e Tecnologias.

O primeiro evento será na próxima quinta-feira, dia 20, às 19h, na Gruta São Cristovão. A noite contará com duas palestras, a primeira será sobre produção de silagem e absorção de nutrientes, com o Dr. João Ricardo Alves Pereira. A segunda palestra da noite tratará sobre biorremediação e fitorremediação e solos contaminados, e será ministrada pelo Dr. Sérgio Machado Côrrea.

Na sexta-feira, dia 21, a primeira palestra, que inicia às 19h, será sobre fisiologia de plantas cultivadas e a obtenção de rendimentos, com o Dr. Cristiano Reschke Lajús. A segunda palestra da noite encerra a atividade com a mestra Márcia Eliza Cattanio, que vai discorrer sobre a qualidade do leite e a Normativa 51.

O secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Pedrinho Casarin, destaca que a Administração de São José do Cedro vai disponibilizar transporte para os agricultores participarem. Conforme Casarin, os ônibus saem às 18h30 de São Vendelino e de Padre Réus e passam em todas as comunidades no trajeto até São José do Cedro.

- Formamos essa parceria com a Unoesc porque a semana acadêmica vai oferecer palestras importantes para os agricultores. A participação é fundamental porque os temas são voltados para a melhoria na qualidade do trabalho e produção no campo – disse Casarin.

As palestras são gratuitas.


Comente aqui