Porte

06 ago11:52

Homem foi preso por porte ilegal de arma de fogo em Chapecó

Na manhã do domingo, dia 5, José Conceição Mota, 33 anos, foi preso pela Polícia Militar de Chapecó por porte ilegal de arma de fogo. Ele, a arma e as munições apreendidas foram encaminhadas para a Delegacia de Polícia. José  foi conduzido para o Presídio Regional de Chapecó.

Segundo informações da PM, José avistou o patrulhamento de rotina do setor leste da Polícia Militar e largou uma sacola nos fundos de uma casa na Rua Uruguai, no Bairro São Pedro. Na sacola os policiais encontraram um revólver calibre 38, municiado com cinco cartuchos, mais 26 munições intactas do mesmo calibre e dois cartuchos de espingarda calibre 28.

José já havia sido preso em 2006 por tráfico de drogas. Com ele os policiais haviam encontrado 41 pedras de crack.


Comente aqui
03 ago14:49

Homem é preso por ilegal de arma de fogo em Chapecó

Cassiano Pinheiro, 28 anos, foi preso em flagrante, pela Divisão de Investigações Criminais (DIC) de Chapecó por porte ilegal de arma de fogo e receptação qualificada. A prisão foi na tarde da quinta-feira, dia 2 de agosto, em Chapecó. Ele está preso no Presídio Regional da cidade.

Com ele foi apreendida o ferrolho e o cano de uma pistola, calibre .40, pertencente à Polícia Civil de Santa Catarina. A arma foi furtada da casa de um policial civil, em fevereiro deste ano.


Comente aqui
12 jun15:59

PM de Xaxim prende dupla por porte ilegal de arma de fogo

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Na madrugada desta terça-feira, dia 12, a Polícia Militar de Xaxim prendeu em flagrantes dois homens na Linha Diadema, interior da cidade, por porte ilegal de arma de fogo. Com eles os policiais também encontraram seis “torrões” de maconha e uma “bucha” de cocaína.

Durante rondas os policiais abordaram um veículo Uno em atitude suspeita. Dentro dele estavam um homem de 28 e outro de 44 anos. Em busca pessoal a PM encontrou na cintura de um deles um revólver calibre 32, com quatro cartuchos intactos. No interior do veículo foi localizado outro revólver calibre 32, com três cartuchos intactos, além de uma espingarda de pressão, uma caixa cheia de chumbinho, motosserra, facão e faca.

Os dois foram encaminhados para a Delegacia de Xaxim, prestaram depoimento e foram encaminhados para o Presídio de Xanxerê. Eles vão responder por porte ilegal de arma de fogo.


Comente aqui
12 out10:29

Homem preso por porte ilegal de armas

A Divisão de Investigação Criminal – DIC de Chapecó, com o apoio do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) da Polícia Militar, prendeu em flagrante, na segunda-feira, dia 10, Neuri Arruda, 38 anos, por posse ilegal de duas armas de fogo calibre 38, utilizadas horas antes em um roubo a um estabelecimento comercial, em Chapecó. No assalto, foram efetuados disparos de arma de fogo para intimidação das vítimas.

O caso

Após a ocorrência de assalto a um Frigorífico de Chapecó, a Polícia Civil recebeu informação de que um dos autores do assalto seria Juliano Narciso, que estaria em uma residência localizada na Rua Heitor Villa Lobos, no Bairro Esplanada, em Chapecó.

Em seguida, a DIC, com apoio da Polícia Militar, foi até o local, onde localizou Arruda, padrasto do suspeito Narciso. O padrasto estava com dinheiro e um aparelho de TV 42 polegadas recém comprada, situação avaliada pelos policiais como incompatível com a condição financeira dele.

Posteriormente, a equipe policial dirigiu-se até a residência de Arruda, onde encontraram escondidos dois revólveres calibre 38, municiados, mas incompleta, comprovando que os revólveres haviam sido utilizados anteriormente. As armas foram apreendidas e levadas à Delegacia, onde a vítima reconheceu os revólveres como sendo os utilizados no assalto.

Narciso, apontado como principal suspeito do roubo, não foi ainda pego pela polícia, pois, quando ele voltava para a residência, viu a presença dos policiais abordando o padrasto e empreendeu fuga. A motocicleta utilizada no roubo também foi encontrada nas proximidades da residência.

As investigações continuam para localizar Narciso.

Fonte: Polícia Civil Chapecó


Comente aqui