Prefeito

16 fev16:17

Chapecó busca no Uruguai R$ 12 milhões para Contorno Viário

Uma comitiva liderada pelo Prefeito de Chapecó José Caramori está reunida em Montevidéu, Capital do Uruguai, para pleitear um novo aporte de recursos para novos investimentos. As tratativas iniciaram em Brasília, durante audiência no Ministério do Planejamento. Em seguida, a comitiva seguiu para Montevidéu, onde se reuniu com a Embaixada Brasileira nesta quinta-feira. O objetivo é apresentar um projeto detalhado e toda a documentação exigida para a obtenção de recursos junto ao Fundo para a Convergência Estrutural e Fortalecimento Institucional do Mercosul (FOCEM), destinados à construção da segunda etapa do Contorno Viário Oeste.

A obra ligará a SC 283 a BR 282, entre o autódromo Internacional de Chapecó e a Linha Colônia Bacia. O trecho tem extensão total de 11 km e será uma importante via para facilitar o trânsito de cargas passadas e dinamizar o escoamento da produção. Orçada em R$ 12 milhões, também permitirá um novo acesso aos motoristas que desejam seguir viagem para o Leste ou Norte do Estado, sem precisar passar pelo centro de Chapecó.

Uma das principais justificativas apresentada pela Prefeitura ao Fundo, para ter acesso ao montante, é a importância de Chapecó frente ao Mercosul. O município é destaque na economia do Sul do país, principalmente na área agroindustrial; possui uma posição geográfica favorável e de fácil acesso aos países que compõem o Mercosul, além de ser sede de inúmeras universidades, como a Universidade Federal da Fronteira Sul – UFFS.

De acordo com o Secretário de Articulação Institucional de Chapecó, Luciano Buligon, que acompanha o Prefeito, as tratativas estão sendo intermediadas em Montevidéu pelo Embaixador Regis Arslanian, Chefe do Representante Brasileiro junto a Aladi (Associação Latino-Americana de Integração) e ao Mercosul. – Restam apenas alguns detalhes técnicos para a aprovação do projeto no Conselho, que deverá acontecer até o mês de junho. Após, o processo seguirá para o FOCEM, que fará a liberação do recurso – explicou Buligon.

Chapecó é a terceira cidade brasileira e a primeira do Estado de Santa Catarina a acessar o FOCEM. – É importante destacar ainda que o valor pleiteado, R$ 12 milhões, é a fundo perdido. Ou seja, não será necessária a devolução do recurso – explicou Caramori.


FOCEM

O Fundo para a Convergência Estrutural e Fortalecimento Institucional do Mercosul (FOCEM), com sede em Montevidéu, tem por finalidade aprofundar o processo de integração regional no Cone Sul, por meio da redução das assimetrias, do incentivo à competitividade e do estímulo à coesão social entre os países-membros do bloco.

Criado em dezembro de 2004 e estabelecido em junho de 2005, o Fundo se destina a financiar projetos para melhorar a infraestrutura das economias menores e regiões menos desenvolvidas do Mercosul, impulsionar a produtividade econômica dos Estados-partes, promover o desenvolvimento social, especialmente nas zonas de fronteira; e apoiar o funcionamento da estrutura institucional do bloco.

O Fundo é composto por contribuições não-reembolsáveis que totalizam US$ 100 milhões por ano, além de possíveis contribuições voluntárias. Os aportes são feitos em quotas semestrais pelos Estados-Partes do Mercosul: Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai*.


*Com informações do Ministério do Planejamento – 16/02/2012


Comente aqui
06 fev13:17

Eleição em Chapecó deve ser polarizada entre PSD e PT

Upiara Boschi | upiara.boschi@diario.com.br

É uma tradição desde as eleições de 2000: a cada quatro anos, os chapecoenses vão as urnas decidir se a cidade será governada por um político petista ou por um político ligado ao antigo PFL – hoje filiados ao PSD.

De um lado, o prefeito José Claudio Caramori (PSD) articula para contar com uma coligação de 14 partidos. Com a força do deputado federal licenciado João Rodrigues (PSD), de quem herdou o mandato, e do presidente da Assembleia Legislativa, Gelson Merisio (PSD), o atual prefeito deve conseguir um feito que parece impossível nas maiores cidades catarinenses: repetir nas eleições municipais a aliança que dá sustentação ao governador Raimundo Colombo (PSD).

Enquanto isso, o PT ainda discute quem será seu candidato. Principal nome do partido na cidade, o ex-deputado federal Claudio Vignatti está fora. Ele prefere correr o Estado e pavimentar uma candidatura majoritária em 2014.

Estão no páreo o deputado federal Pedro Uczai e a deputada estadual Luciane Carminatti. Os petistas garantem que a escolha do nome será feita sem disputa interna. Por enquanto, pende para Uczai, que governou a cidade de 2002 a 2004, quando o então prefeito José Fritsch renunciou para concorrer a governador.

Para enfrentar a ampla coligação governista, os petistas confiam na força do partido na região. Chapecó foi a única entre as maiores cidades do Estado em que a presidente Dilma Rousseff (PT) venceu José Serra (PSDB) na eleição presidencial.


Comente aqui
25 jan15:24

Decreto luto oficial em Xaxim

O prefeito em exercício Adacir Araldi, decretou no início da tarde desta quarta, 25, Luto Oficial em Xaxim em razão do falecimento de Gilda Folle Vicenzi, mãe do prefeito Tinho Vicenzi.

No decreto nº 012/2012, Araldi destaca que Dona Gilda foi uma das desbravadoras do município e uma das pioneiras no comércio e indústria de Xaxim.

Permanecem em funcionamento todos os departamentos e seções da administração municipal. Os funcionários públicos que queiram prestar sua última homenagem à Gilda Folle Vicenzi, mediante liberação do responsável do departamento ou seção, desde que não prejudiquem ou interrompam os serviços para a população.

Gilda Folle Vicenzi deixa marido, cinco filhos, 10 netos e três bisnetos.

O velório acontece na Capela Mortuária de Xaxim. O enterro será às 9h30 da quinta-feira, dia 26, no cemitério Municipal de Xaxim.


Comente aqui
17 jan10:46

Prefeito de Chapecó entrega reivindicações ao governador de SC

O prefeito em exercício Américo do Nascimento Júnior, aproveitou a visita do governador de Santa Catarina Raimundo Colombo, nesta segunda-feira e entregou um extenso e detalhado relatório sobre os prejuízos provocados pela estiagem em Chapecó.

Américo aproveitou o ato de anúncio de recursos dos governos estadual e federal, ao qual estiveram presentes além do governador do Estado, o vice, três ministros de Estado, o secretário de Estado da Agricultura e Pesca João Rodrigues e o presidente da Assembléia Legislativa de SC deputado Gelson Merísio. O documento finaliza com a reivindicação de recursos públicos do Governo do Estado para que o Município de Chapecó possa garantir a execução das ações necessárias ao atendimento das comunidades afetadas com a estiagem, bem como prevenir-se para futuras ocorrências de seca.

Américo do Nascimento, prefeito em exercício, quando entregou documento com as reivindicações ao governador Raimundo Colombo.

Foi relatado ao governador que Chapecó encontra-se em Situação de Emergência desde 30 de dezembro. A seca atinge direta e indiretamente cerca de 180 mil habitantes no meio urbano e outras 18 mil no meio rural. Além disso, o Município destaca-se na produção de alimentos – um dos maiores produtores do estado -, fato que movimenta a economia, em especial com a produção de milho, soja, feijão, fumo, trigo, pecuária de leite, piscicultura, avicultura e suinocultura.

O prefeito recorre aos números apurados pela Secretaria de Agricultura e Serviços Rurais e da EPAGRI para acentuar o volume de prejuízos, na casa dos R$ 21 milhões. Os prejuízos econômicos se caracterizam pelas perdas de 40% no milho safra = 11.880 ton. (plantio de agosto a dezembro), 30% na cultura da soja = 6.120 ton., 30% na cultura do feijão da safra = 800 ton. perdas de 30% na produção de carne bovina (equivalendo a 250 unidades animais (UA), 20% na produção de citrus (laranja = 795 ton), redução de 30% na produção de hortaliças (1.980 ton), 40 ton na produção de leite (novembro e dezembro) equivalentes a 9 milhões de litros.

Para Américo do Nascimento Júnior os prejuízos sociais podem ser caracterizados pela necessidade de abastecimento público através de caminhões-pipas contratados pela municipalidade. Isso gera instabilidade comportamental nas famílias, obrigadas a reduzir e/ou deixar de cultivar alguns produtos destinados à subsistência.

Chapecó já desembolsou mais de R$ 150 mil com equipe própria para transportar água e atender o consumo doméstico e animal do meio rural e urbano, com o propósito de amenizar o problema enfrentado pela população. Também foram adotadas medidas preventivas para enfrentar o problema da estiagem em anos anteriores. Entre elas, estão a implantação de 42 km de redes de água para consumo humano e abertura de 12 poços artesianos na área rural. Desta forma, das 26 comunidades do interior, 12 já foram atendidas, mas outras 14 ainda dependem de atenção.

Para fazer frente a essa realidade o prefeito em exercício Américo do Nascimento detalhou ao governador Raimundo Colombo a necessidade de materiais e equipamentos. São: dois caminhões-pipa; uma retro-escavadeira; um caminhão-caçamba; um veículo médio para Defesa Civil Municipal; 12 poços artesianos; 52 caixas d´água de 10 mil litros; 15 mil metros de mangueira de 1 polegada, além de canos, lona preta, telha de amianto, abertura de reservatórios de água (tanques ou açudes) e equipamentos para irrigação.


Comente aqui
13 jan14:58

Obras na Rua Victor Sopelsa estão na fase final em Concórdia

As obras na Rua Victor Sopelsa em Concórdia, que iniciaram na segunda-feira, dia 09, estão em fase de finalização. A pista já foi completamente aterrada e está recebendo a as britas que são a base da pavimentação. O tráfego deve ser aberto neste sábado, após o encerramento desta primeira etapa de trabalho.

Depois do projeto ser encaminhado para a Caixa Econômica Federal, aprovado e licitado, recebe somente a parte final que é a camada asfáltica e a calçada para pedestres.

Segundo o prefeito João Girardi a obra está sendo executada dentro do prazo previsto e bastante necessária para prevenir, no caso de ocorrência de temporais, que a água invada a pista, prejudicando o tráfego dos veículos.

O prefeito também visitou a Rua Ernesto Lorenzetti, no Bairro do Parque de Exposições, onde as obras para pavimentação estão em andamento. São 100 metros de extensão, decididos nas reuniões do Orçamento Participativo, no valor de R$ 58.551,57.


Comente aqui
09 jan16:52

Trabalhos de revitalização da Getúlio Vargas reiniciam

O Prefeito de Chapecó em Exercício, Américo do Nascimento Junior, autorizou na manhã desta segunda-feira, o reinício das obras de revitalização da Avenida Getúlio Vargas. Os trabalhos foram interrompidos no mês de dezembro do ano passado, a pedido dos empresários, devido às festividades de final de ano que movimentam o comércio chapecoense. A retomada das atividades foi acompanhada por representantes das entidades Acic, CDL e Sicom.

Esta nova fase compreende a reformulação de mais seis quadras da Avenida, de um total de 10 (quatro já estão concluídas). A primeira a receber as melhorias está localizada entre as ruas Sete de Setembro e Guaporé. De acordo com o Américo, a retomada das obras está sendo realizada antes da data prevista, 10 de janeiro, e a intenção é concluir os trabalhos até o final do mês de abril.

- A proposta é criar uma identidade única para a Avenida, com canteiros centrais padronizados quanto à pavimentação e mobiliários urbanos, renovar a arborização e o paisagismo, facilitar o fluxo de pessoas e veículos. A nova Avenida vai oferecer mais segurança, além de disponibilizar espaços de convivência para a comunidade – destaca Américo do Nascimento Junior.


Mudanças

Entre as principais alterações estão o aumento na largura da via em 50 cm em cada sentido; nova paginação de piso; aumento no número de vagas para motos no canteiro central; remoção de árvores da espécie Legustro; novos canteiros com flores; trabalho especial no canteiro central em frente à praça, onde foram plantadas sete palmeiras imperiais; criação de espaços para monumentos; trabalho decorativo na base dos super postes e melhoria da iluminação noturna através de novos postes.

O projeto de revitalização foi apresentado ao público no dia 1 de outubro de 2010. Desde o dia 5 de abril de 2011, em cumprimento à ordem de serviço 36/2011, contrato 128/2011, firmado entre o Município e a Engedix Soluções em Engenharia Ltda., as obras estão em execução. O valor dos serviços contratados, com fornecimento de material e mão de obra, soma R$ 2.515.324,34 – recursos do Município e do Badesc – Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina.


1 comentário
29 dez17:25

Chapecó 94 anos

Aos 94 anos de Chapecó temos muito a comemorar. O atual momento vivido por Chapecó revela um município em plena sintonia com o desenvolvimento. Somos uma cidade pólo no sul do país, a sétima economia de Santa Catarina e a cidade referência no Oeste. Em Chapecó, capital e social caminham juntos, oferecendo melhor qualidade de vida para quem nasceu aqui e para quem escolheu viver nessa terra.

Conhecer hoje o nosso município é como receber um convite cheio de oportunidades que só uma cidade pólo tem a oferecer. Grandes universidades, saúde de qualidade, comércio e indústria forte, gastronomia e turismo de eventos em constante desenvolvimento, além do espaço à cultura e atenção às questões sociais e ambientais.

Ao longo deste quase um século, a história do nosso município foi construída através de pessoas de fibra e de coragem, sempre à frente de seu tempo. Desde a época dos desbravadores, a evolução econômica de Chapecó sempre esteve ligada diretamente ao empreendedorismo e aos valores da nossa gente. Dos balseiros do ciclo da madeira e da erva-mate, à transformação de uma terra essencialmente e primariamente agrícola, ao processamento de carnes, nos tornamos um dos principais centros agroindustriais do Brasil.

Essa realidade reflete diretamente na geração de empregos formais, acima da média nacional e estadual nos últimos quatro anos. Pesquisas em nível nacional, a exemplo das divulgadas pela revista Você S/A apontam, reiteradamente, Chapecó entre as 20 cidades da região sul do país na geração de empregos e entre as 100 melhores cidades do Brasil para fazer carreira. Nos últimos seis anos, cerca de 7 mil empresas foram instaladas em nosso município e a economia alcança índices altamente positivos.

É por isso que temos muito a comemorar. Somos um povo hospitaleiro, que respeita a nossa história, realiza as ações do presente e ajuda a construir a Chapecó dos nossos descendentes.

José Caramori – Prefeito de Chapecó


Comente aqui
26 dez17:29

Balanço de ações e obras realizadas Chapecó

Com o auditório repleto de autoridades, representantes de entidades, secretários municipais, vereadores e profissionais da imprensa, o Prefeito de Chapecó, José Caramori, apresentou mais uma edição do Programa “Prestando Contas”.

O Prefeito apresentou o relatório anual das atividades, obras e projetos desenvolvidos em todas as áreas da gestão pública municipal neste ano de 2011.

- Esta é uma forma de transparência do nosso Governo. Uma possibilidade do cidadão saber sobre os investimentos efetuados em cada área em 2011, além de ter o conhecimento das obras já executadas, das que estão em andamento no município e dos projetos que estão em fase de elaboração para execução em 2012”, destaca o Prefeito.


Comente aqui
20 dez14:37

Amerios tem novo presidente

O município de Cunha Porã sediou na manhã da segunda-feira, 19, a Assembleia Geral da Associação dos Municípios do Entre Rios – Amerios. O encontro, o último deste ano, teve como objetivo avaliar a Expomerios e prestação de contas, eleição da nova diretoria da entidade, além de confraternização entre prefeitos, primeiras damas e assessores.

A primeira etapa da reunião foi realizada na Prefeitura de Cunha Porã e o almoço foi no sitio da Mutty onde houve a revelação do amigo secreto. O prefeito de Maravilha, Orli Berger foi eleito e assume a presidência automaticamente no dia primeiro de janeiro de 2012, em substituição ao

prefeito de São Miguel da Boa Vista, Miltom Muller.

Entre os primeiros projetos está a realização de um amplo treinamento com a participação do

Tribunal de Contas do Estado para todos os prefeitos e assessores, com o objetivo de orientar à todos sobre os procedimentos em ano eleitoral.

- Ninguém pratica uma irregularidade porque queira praticar, mas sim por falta de orientação e para isso estaremos trabalhando, dando a oportunidade de todos terem acesso às informações – disse o presidente da Amerios.



Comente aqui
19 dez15:37

Chapecó recebe Prêmio “Prefeito Educador”

A educação municipal em Chapecó continua sendo destaque. No dia 14 de dezembro, o Prefeito José Caramori recebeu o Prêmio “Prefeito Educador”. A condecoração foi entregue na cidade de São Carlos e concedida pelo Centro de Excelência em Gestão Pública, com o apoio das instituições de ensino superior Celer Faculdades e Centro Universitário de Maringá/Cesumar.

Astrit Tozzo, secretária municipal educação e José Caramori.

Quarenta e três cidades das regiões Oeste e Extremo-Oeste Catarinense e do Noroeste do Rio Grande do Sul efetuaram inscrição para participar. Destes, apenas 18 municípios receberam o Prêmio, após atingirem os quesitos estabelecidos e avaliados pela instituição idealizadora.

Além dos avanços em infraestrutura e na proposta de investimento na capacitação e valorização dos professores nos últimos anos, a Administração Municipal tem priorizado o atendimento de 100% da demanda da educação infantil; a oferta de uma alimentação balanceada, elaborada com produtos saudáveis e por profissionais qualificados; a participação na comunidade escolar através de projetos e programas, envolvendo pais, alunos e professores e o uso e a incorporação de novas tecnologias no processo de ensino e aprendizagem, como a informática.

De acordo com o Prefeito José Caramori, receber este Prêmio é uma forma de reconhecimento aos trabalhos desenvolvidos desde 2005, sempre com transparência no uso dos recursos destinados à área. – A educação em Chapecó avança a cada dia. A comprovação são os ótimos resultados obtidos no último Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Em 2009 nós mantivemos e ampliamos o nosso conceito, estando a frente das médias estadual e nacional – destacou o Prefeito.


Comente aqui