Profissão

14 nov12:30

Aposentado de Chapecó trabalha há seis anos como Papai Noel

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Hercílio Pedroso, 81 anos, trabalha há seis anos, como Papai Noel em Chapecó. Para o aposentado este é um bom período para ganhar um dinheiro extra e aumentar a renda. Durante o ano, o pai de cinco filhos, trabalha com a venda de calçados e tapetes no bairro São Cristovão, onde mora com um deles.

O homem que trabalhou como pedreiro e carpinteiro já foi contratado para representar o bom velhinho em supermercados, Centro de Tradições Gaúchas (CTG) e em eventos da Prefeitura de Chapecó.

Para dar um ar mais verdadeiro ao personagem, ele cultiva a barba desde o mês de junho.

- A minha barba é branquinha natural, não é como a de alguns papais-noéis que ficam avermelhadas por causa do cigarro – destacou Hercílio.

Para vestir a roupa vermelha do bom velhinho, Hercílio cobra R$ 100 por hora durante os dias que antecedem a data e o mesmo valor, a cada 20 minutos, na noite de natal para fazer a entrega dos presentes.

O aposentado aproveitou o momento e fez questão de cumprir a tradição e desejar a todos um Feliz Natal!


Comente aqui
27 jul10:50

BR 282 está interditada para caminhões de cargas em Maravilha e São Miguel do Oeste

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Desde as 7 horas desta sexta-feira a BR 282 está interditada em Maravilha e São Miguel do Oeste. Apenas caminhões de carga são impedidos de transitar. Automóveis, ambulâncias e cargas vivas estão liberados. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, a Manifestação dos Transportadores de Cargas não tem previsão de término. Porém a Justiça Federal expediu interdito proibitório para que a rodovia seja liberada. Ação judicial pode ser cumprida a qualquer momento.

Na quinta-feira a BR 163 também foi trancada em Dionísio Cerqueira.

Segundo o coordenador do Movimento União Brasil Caminhoneiro (MUBC) em Santa Catarina, Odimar Roman, a manifestação não tem prazo para terminar.

- Vamos ficar paralisados até recebermos uma resposta do governo – disse Roman. Ele informou ainda que a paralisação pode continuar no final de semana e com isso poderá faltar mercadorias nos grandes centros.

O coordenador do movimento disse ainda que deve ser realizada nesta tarde uma manifestação no Trevo de entrada de Chapecó, na BR 282. O horário ainda não foi definido.

Em São Miguel do Oeste cerca de 50 motoristas estão paralisados no trevo de entrada da cidade. Em Maravilha a rodovia está trancada no Km 605.

A manifestação iniciou no dia 25 de julho Dia de São Cristóvão, padroeiro dos motoristas. A categoria reivindica oito pontos de reivindicação. Entre elas os motoristas não aceitaram a Lei 12.619, sancionada pela presidente da República Dilma Rousseff, que regulamenta a profissão de motorista do transporte de cargas e de passageiros. A Lei entra em vigor nesta sexta-feira.

Na prática, as regras proíbem os profissionais de dirigir por um período superior a quatro horas sem descanso mínimo de 30 minutos. Além disso, a nova lei também obriga os motoristas a ter repouso diário de 11 horas a cada 24 horas e descanso semanal de 30 horas para motoristas empregados.


Fechada também em Catanduvas, no Meio-Oeste

A BR 282 está fechada no Km 406, em Catanduvas. Cerca de 80 manifestantes estão no local. De acordo com a PRF a previsão é que a pista seja liberada até as 12h.


Comente aqui
27 mai12:00

Conhecendo mais a profissão de Contador

Buscando levar mais conhecimento e falar sobre os desafios da profissão, a Faculdade Anglo-Americano de Chapecó recebeu na noite da quinta-feira, dia 24 de maio, o presidente do Sindicont, Dalvair Anghében que falou sobre “Os rumos da Profissão Contábil”. No encontro onde participaram alunos dos cursos de Ciências Contábeis e também Administração, o presidente falou sobre as entidades representativas da área contábil, como o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina (CRCSC), o Sindicont, as atribuições do contabilista, as dificuldades do mercado e deu dicas aos alunos sobre como desenvolver um bom trabalho.


Presidente do Sindicont palestrou para alunos da Faculdade Anglo-Americano.


De acordo com Anghében, hoje o mercado contábil está em constante evolução e necessita de profissionais preparados. Ainda segundo o presidente, a contabilidade é uma das áreas que mais oferece emprego, pois todas as áreas econômicas e privadas, com ou sem fins lucrativos necessitam de profissionais de contábeis.

- Uma dica para quem estuda em uma determinada áreae trabalha em outras áreas, que procure um emprego na área que está desenvolvendo seu estudo, pois com isso você poderáter melhor aproveitamento e ser um profissional de maior destaque – comentou.

Em relação ao mercado contábil, o dirigente afirma que Chapecó vive um grande momento. – O mercado melhorou muito, está mais seletivo e as empresas estão atrás de bons profissionais – disse.


Oportunidade

Para a coordenadora do curso de Ciências Contábeis, Josiane Marostica, o encontro foi produtivo, um momento em que os alunos puderam conhecer mais sobre o CRC/SC, seus cursos e seus projetos. – A palestra foi fundamental para que os alunos tenham conhecimento dos órgãos de classe e possam enxergar além da sala de aula. Além disso, eles puderam ter conhecimento das atividades desenvolvidas pelo Sindicont e CRC/SC, que abrangem não somente os profissionais da área contábil – destacou Josiane.


Comente aqui
30 jan12:20

Motorista pode ter profissão regulamentada

Ainda no primeiro semestre do ano o motorista poderá ter sua profissão regulamentada. A expectativa do presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas da Região de Chapecó – Sitran Valmor Zanella está baseada na previsão da Câmara dos Deputados aprovar até a metade do ano a emenda substitutiva tratando do assunto. A matéria já passou pelo Senado Federal.

O substitutivo ao Projeto de Lei na Câmara visa a regulamentação da profissão do motorista, de sua jornada de trabalho e do tempo de direção. As partes envolvidas na questão entendem que a lei não deve tratar somente da regulamentação da profissão, mas que deve ser mais ampla, por envolver temas que estão em constante discussão na sociedade. Entre eles a segurança no trânsito, principalmente em rodovias, controle da jornada de trabalho e tempo de direção dos motoristas.

- Regulamentar a profissão do motorista é uma antiga aspiração e significa reconhecer o valor deste profissional a quem dedicamos admiração e profundo respeito – destaca Zanella.



Comente aqui