São Lourenço do Oeste

11 nov15:53

Acusado de sequestro é morto em São Lourenço do Oeste

[Atualizado 15h52]

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Daniel Masiero, 21 anos, foi sequestrado no final da tarde da quarta-feira , dia 9 de novembro em São Lourenço do Oeste. Na noite da quinta, 10, durante a entrega do resgate, Ivonei Martins Franca, 26 anos, foi baleado e morreu no hospital.

Segundo o Delegado Regional, Carlos Augusto Morbini, Ivonei que é natural de Chapecó e tinha passagens na delegacia da cidade por roubos, foi alvejado por não obedecer a ordem dos policiais. – Foi solicitado que ele parasse o carro, mas como não acatou, os policias precisaram intervir – disse.

A família informou a Polícia Militar sobre o ocorrido na manhã da quinta-feira. Durante a madrugada o sequestrador havia feito contato com a mãe de Daniel e pediu para não comunicar a Polícia sobre o caso.

Após o contato, as Policias Militar e Civil iniciaram uma operação de monitoramento e acompanhamento. Por volta das 20h de quinta, eles acompanharam a entrega do resgate na Linha Anghinoni, interior de Renascença, no Paraná.

No local escolhido para o recebimento do resgate, Ivonei foi atingido por tiros e a vítima resgatada sem ferimentos. O sequestrador foi conduzido ao Hospital de São Lourenço do Oeste, mas não resistiu e morreu.

Dentro do veículo os policiais encontraram uma arma.

O delegado Marcelo Marins, disse que a investigação do caso vai ser realizada na cidade e encaminhada para o Poder Judiciário. – O veículo foi encaminhado para a Polícia Civil de Renascença no Paraná. Após perícia o carro deve ser entregue para a família – disse.

O corpo de Ivonei foi encaminhado para o IML de São Lourenço do Oeste.


O sequestro

Marilde Masiero, mãe do jovem sequestrado concedeu entrevista na manhã desta sexta-feira para a Rádio Doze de Maio de São Lourenço do Oeste. Emocionada ela disse que não esperava nunca passar por isso.

- Nossa mãe nunca esperava na minha vida passar por uma hora dessas. Dá para se recuperar. Devagarzinho, a gente recupera. – disse.

Ela contou que Daniel foi quem fez o contato com a família. – Ele ligou do celular dele. E o seqüestrador pediu R$ 60 mil para mim e para ele pedia R$ 100 mil – lembra.

A mãe disse ainda que o seqüestrador pediu para ver um terreno no final da tarde de quarta-feira e como o filho estava de folga acompanhou o homem até um loteamento. Os pais de Daniel fizeram o pagamento de R$ 7 mil para o resgate. O dinheiro foi devolvido a família.

Daniel, que é filho único, está bem e em casa.


Comente aqui
11 nov11:45

Sequestrador é morto em São Lourenço do Oeste

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Daniel Maziero, 21 anos, foi seqüestrado no final da tarde da quarta-feira , dia 9 de novembro em São Lourenço do Oeste. Na noite da quinta, 10, durante a entrega do resgate o seqüestrador foi baleado e morreu no hospital.

Segundo o Delegado Regional, Carlos Augusto Morbini, o homem natural de Chapecó, tinha passagens na delegacia da cidade e foi alvejado por não obedecer a ordem dos policiais. – Foi solicitado que ele parasse, mas como não acatou, os policias precisaram intervir – disse.

A família informou a Polícia Militar sobre o ocorrido na manhã da quinta-feira. Durante a madrugada o seqüestrador havia feito contato com a mãe de Daniel e pediu para não comunicar a Polícia sobre o caso.

Após o contato, as Policias Militar e Civil iniciaram uma operação de monitoramento e acompanhamento. Por volta das 20h de quinta, eles acompanharam a entrega do resgate na Linha Anghinoni, interior de Renascença, no Paraná.

No local escolhido para o recebimento do resgate, o seqüestrador foi atingido por tiros e a vítima resgatada sem ferimentos. O seqüestrador foi conduzido ao Hospital de São Lourenço do Oeste, mas não resistiu e morreu.


O sequestro

Marilde Maziero, mãe do jovem sequestrado concedeu entrevista na manhã desta sexta-feira para a Rádio Doze de Maio de São Lourenço do Oeste. Emocionada ela disse que não esperava nunca passar por isso.

- Nossa mãe nunca esperava na minha vida passar por uma hora dessas. Dá para se recuperar. Devagarzinho, a gente recupera. – disse.

Ela contou que Daniel foi quem fez o contato com a família. – Ele ligou do celular dele. E o seqüestrador pediu R$ 60 mil para mim e para ele pedia R$ 100 mil – lembra.

A mãe disse ainda que o seqüestrador pediu para ver um terreno no final da tarde de quarta-feira e como o filho estava de folga acompanhou o homem até um loteamento. Os pais de Daniel fizeram o pagamento de R$ 7 mil para o resgate. O dinheiro foi devolvido a família.

Daniel, que é filho único, está bem e em casa.



Comente aqui
08 nov09:43

Geração tecnológica

O Prefeito de São Lourenço do Oeste Tomé Francisco Etges vivenciou o resultado concreto do projeto “Cidade Digital”, ao receber no gabinete um grupo de alunos da Escola Básica Municipal Santa Maria Goretti, para uma entrevista. Munidos dos laptops os alunos ao invés da tradicional caneta, digitavam em tempo real a entrevista concedida pelo Prefeito.

Ao mesmo tempo em que Tomé respondia as perguntas era notória sua satisfação em ver o resultado concreto de seu projeto pessoal. Os computadores entregues pelo Governo Municipal em outubro já fazem parte do cotidiano dos alunos da Rede Municipal de Ensino.


Cidade Digital

Quinhentos alunos do 6º ano a 8ª série do Ensino Fundamental da Rede Municipal de Ensino receberam um laptop educacional cada um. Segundo o prefeito, essa nova ferramenta tecnológica vai auxiliar os alunos no desenvolvimento das atividades pedagógicas, tanto em sala de aula, quanto nas tarefas realizadas em casa.

- A entrega dos laptops é mais uma etapa do projeto “Cidade Digital” que está sendo implantado no município. Os professores também receberam um notebook – disse.

O próximo passo agora é a liberação do sinal de Internet gratuito para professores e alunos da Rede Municipal.


Comente aqui
05 nov09:04

Mais calçamento em São Lourenço do Oeste

A prefeitura de São Lourenço do Oeste está executando obras de pavimentação com pedras irregulares na Rua Irineu Bornhausen, no Bairro São Francisco.

Ao todo, serão pavimentados 6.724,40 metros quadrados que se estende entre a Rua Felipe Schimit até a Rua Frei Antonio Coletti. Além do calçamento, a referida rua receberá também toda a infraestrutura como: colocação de tubulação, bocas de lobo, meios fios, e placas de sinalização.

O trecho é a principal ligação do Loteamento Nespolo um dos locais do Bairro São Francisco que mais está crescendo na cidade.

Para a realização desta obra que há muito vinha sendo reivindicada pelos moradores daquela localidade, serão investidos recursos no valor de R$ 218,287,63 recursos oriundos do Ministério das Cidades através de Emenda Parlamentar do Deputado Federal João Pizzolatti.


Comente aqui
01 nov14:05

São Lourenço do Oeste ganha flores de verão

A Prefeitura de São Lourenço do Oeste está realizando o plantio de flores da estação de verão em todos os canteiros das ruas que já receberam a nova pavimentação asfáltica.

As mudas foram produzidas no Viveiro Municipal de Mudas que além de serem de boa qualidade, apresentaram uma economia de até 80% no custo de produção.

Ao todo, devem ser plantadas mais de 80 mil mudas de espécies como o tagete e a salvia que dão um colorido especial na cidade durante a estação mais quente do ano.

O tagete encanta pela sua cor amarelo/ouro, sendo impossível passar despercebido enquanto, que a salvia fascina pela sua cor vermelho marcante que ornamentará os canteiros cruzamentos e esquinas da cidade. A prefeitura está fazendo a sua parte, cabe agora aos lourencianos ajudar a cuidar dos canteiros deixando a cidade cada vez mais bonita.


Comente aqui
31 out14:26

Audiências públicas discutem a Municipalização do Ensino Fundamental

A Comissão de Educação, Cultura e Desporto da Assembleia Legislativa, a pedido da deputada Luciane Carminatti realiza, nesta semana, novas audiências públicas para discutir sobre a Municipalização do Ensino Fundamental em Santa Catarina.

Na quinta-feira, três, o debate acontece em Quilombo, às 18h30, na EEB Professora Jurema Savi Milanez. Na sexta-feira, dia quatro, será a vez de São Lourenço do Oeste debater sobre o tema, a partir das 18h30, no Centro Comunitário da Capela Santa Catarina. Na semana que vem, quinta-feira, dia 10, a audiência pública ocorre em Chapecó, na sede da Acamosc, às 18h30.

- Estamos realizando estas audiências, no sentido de democratizar o debate, já que o Estado está negociando com cada prefeitura a adesão. Não concordamos com a municipalização e estamos preocupados com a forma de negociação adotada pelo estado, porque mais uma vez os municípios terão que assumir um compromisso, sem ter a garantia de que receberão recursos suficientes para dar conta do gerenciamento da educação infantil e do ensino fundamental – disse a deputada Luciane Carminatti.

As audiências estão sendo realizadas com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores em Educação em SC (Sinte). Já foram realizadas audiências em Maravilha, Florianópolis e Lages.


Comente aqui
28 out09:44

Moleque Bom de Bola

Na noite desta quinta-feira, dia 27, foi lançada a Fase Estadual do Moleque Bom de Bola em São Lourenço do Oeste. O evento realizado em parceria pela Fesporte, RBSTV, Parati, Governo Municipal e Comitê Desportivo Municipal.

A abertura do Moleque de Bom de Bola acontece no dia 22 de novembro no campo do Bom de Bola junto ao Instituto Bom de Bola Parati ao lado do Santuário Jubilar.

As competições finais acontecem de 22 a 27 de novembro, e marcam os 20 anos do Projeto. Essa será a primeira vez que São Lourenço do Oeste sedia a etapa estadual.

Adalir Pecos Borsatti (presidente Fesporte), Marisa Fantin (vice-presidente Instituto Bom de Bola), Angelo Fantin (fundador Parati), Tomé Francisco Etges (prefeito São Lourenço do Oeste) e Mauro Vanin (gerente executivo RBSTV Chapecó).


Moleque Bom de Bola

Em 1992, uma iniciativa do Governo do Estado de Santa Catarina buscou parceria com a RBS TV para apoiar a realização de um campeonato escolar, para o qual foi dado o nome de “ Moleque Bom de Bola “, na sua primeira edição contou com a participação de 186 municípios e 23 mil alunos atletas.

Em 1995 a Parati assumiu oficialmente o patrocínio exclusivo do Moleque Bom de Bola e passou a atuar diretamente na sua organização, conceituação e desenvolvimento.

Em 2011 teve a inscrição de 267 municípios, 1050 escolas e mais de 77 mil alunos e alunas atletas.

Durante essas 20 edições passaram pelo Projeto mais de um milhão de alunos atletas e muitos dos participantes chegaram até os Clubes Brasileiros, europeus, seleção sub 17 e seleção brasileira. Entre eles podemos citar: Fábio Pinto, Eduardo Costa (Vasco), Artur Benhart (Avaí), Maicon (Seleção Brasileira) Marquinhos (Grêmio) Douglas (Grêmio) Diego Cavinato (Itália) Patrick (Atlético Mineiro) Fernandinho (Atlético Paranaense), Ketlem Wiggers (Santos), Catata (Casaquistão) Daniel Bamberg (Suécia) Gadeia (Seleção Brasileira de Futsal) entre outros.

O Bom de Bola tem por finalidade contribuir para o desenvolvimento integral dos alunos-atletas, numa etapa importante na vida dos jovens, do ponto de vista das vocações, do caráter e da vida social e civil.

O Objetivo do projeto é promover a cidadania e a educação em tempo livre através do esporte social participativo nas escolas e cidades e contribui para a formação e educação desses jovens para a vida profissional e social.

Mais que promover uma competição saudável e divertida, o Moleque Bom de Bola forma um grande time de cidadãos. Alunos e Alunas das escolas catarinenses aprendem os valores do espírito de equipe e do respeito mútuo. E, juntos aos seus educadores e familiares, se preparam para os desafios presentes e futuros.



Comente aqui
10 out17:38

Seis equipes classificadas na etapa de Faxinal do Guedes do Moleque Bom de Bola

Neste fim de semana encerrou mais uma etapa do Moleque Bom de Bola, em Faxinal dos Guedes. Por causa do número de escolas inscritas as regiões leste e oeste classificaram três times no masculino e no feminino.

No feminino as escolas classificadas foram: Lourdes Lago, de Chapecó, Balduino Rambo, Tunápolis, e a última vaga foi para Elza Mancelo Moura de Guarujá do Sul. Já os clasificados dos meninos foram: José Marcolino Eckert, de Pinhalzinho, São Vicente, de Itapiranga, e Raul Pompéia de Campo Erê.

A última etapa regional, de um total de quatro, acontece em Araranguá, de 12 a 16 de outubro.

Comente aqui
22 set16:57

Moleque Bom de Bola

A escola municipal José Maria do interior de Abelardo Luz será a representante da região da SDR Xanxerê na fase regional do campeonato escolar de futebol Moleque Bom de Bola 2011. A equipe feminina conquistou o título na etapa microrregional em Lageado Grande.

Esta é a primeira vez que uma escola da cidade se classifica para a fase regional do Projeto. A próxima etapa será disputada de cinco a 10 de outubro em Faxinal dos Guedes. Participam das disputas alunos com idade entre 12 e 14 anos de escolas de nove regiões do estado. As melhores equipes se classificam para a fase estadual.


Alunas da Escola do Assentamento José Maria de Abelardo Luz


O professor e auxiliar técnico César Farias ressalta que a equipe vai retomar os treinos para a próxima fase. – Agora a responsabilidade dobrou. Conseguimos o título e agora vamos nos preparar para fazer bonito e representar bem todos municípios da nossa região – disse.

A etapa estadual será realizada de 22 a 27 de novembro, em São Lourenço do Oeste.

O Moleque Bom de Bola é uma parceria da Fundação Catarinense de Esporte – Fesporte, Secretarias de Desenvolvimento Regional, empresas parceiras e prefeituras.


Comente aqui
19 set14:32

Papai Noel pode ser representante de SC em evento de tecnologia

Enquanto o Natal não chega, um Papai Noel antenado, de São Lourenço do Oeste, se ocupa com outras tarefas: como ficar de olho em seu Twitter, interagir com amigos no Orkut e manter o site oficial sempre atualizado.

Agora, Élio Lazzarotto está concorrendo com outras quatro pessoas para palestrar em um evento de tecnologia, entretenimento e design, o TEDx, que ocorre no dia 29 de setembro em São Paulo. O bom velhinho já palestrou no encontro em Porto Alegre e Curitiba.

Cada concorrente escreveu uma ideia para compartilhar. A do Papai Noel do Brasil — o “nome e sobrenome” foram registrados no Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (Inpi) — é pedir que as pequenos enviem cartinhas contando o que os adultos podem fazer pra tornar vida das crianças melhor.

Na página de votação, ele fala que após ler e responder cada carta terá um “perfil das necessidades locais, gerando uma lista de sugestões de políticas públicas para os governantes”.

Desde 1999, o Papai Noel do Brasil responde a todas cartinhas enviadas para seu CEP próprio (89990-960). Já foram mais de 1 milhão de cartas, cerca de 150 mil por ano.

Para ajudar o catarinense a subir no palco do TEDx é só clicar AQUI e votar. A votação termina nesta segunda-feira às 23h59min.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui