SC

25 jun20:28

Primeiro caso de meningite causada por vírus H1N1 é confirmado em Santa Catarina

Daisy Trombetta | daisy.trombetta@diario.com.br

Um caso de meningite causada por vírus H1N1 foi confirmado em Joaçaba, no Meio-Oeste catarinense, nesta segunda-feira. Conforme a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive), não há outras notificações do tipo no Estado.

O diagnóstico chama a atenção porque a Gripe A geralmente evolui para outras doenças, principalmente para a pneumonia. Só que, neste caso, pode ter ocorrido alguma mutação no vírus H1N1, que levou à meningite.

O médico neurologista que cuida do caso, Jean Ragnini, explica que na maioria dos casos é difícil identificar o vírus que leva à meningite, porque existem mais de 100 tipos. Mas, afirma que todos têm cura se o diagnóstico for precoce.

— O H1N1 não dá só gripe. Pode evoluir para outras doenças, mas ainda não tínhamos registros de casos de meningite causados por esse vírus — diz o médico. O paciente infectado tem 19 anos e o estado de saúde é considerado estável. A previsão é de que o jovem, que está internado há sete dias no Hospital São Miguel, tenha alta em uma semana. Ele recebe medicações tratar a meningite e também a Gripe A.

A suspeita do médico é de que o paciente possa ter contraído o H1N1 durante uma prova de vestibular que realizou na semana passada, quando teve contato com pessoas de várias cidades.

Conforme Maria Inês Sant’Anna Rodrigues, infectologista da Dive, não há registro de outros casos de meningite causada por H1N1 no Estado. Ela explica que como a Gripe A é considerada uma doença nova, podem existir outras evoluções de casos que ainda não foram notificadas, já que nem sempre é possível identificar o vírus causador da meningite.

— Qualquer vírus que entrar no sistema nervoso pode causar a meningite. Então o da H1N1 também pode, embora não existam outros casos notificados no Estado — explica.

A infectologista explica que o tratamento adotado para combater esta doença é o mesmo da convencional, já que o tipo viral – independente do causador – é o mais comum entre os infectados.

Comente aqui
25 jun15:31

Sobe para 151 o número de municípios em situação de emergência em SC

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Com o decreto de Braço do Norte, subiu para 151 o número de municípios em situação de emergência, devido à estiagem, em Santa Catarina.

Segundo a com a Defesa Civil do Estado já são 826.785 mil pessoas afetadas. Conforme avaliação de danos da Defesa de 142 municípios, dos 151 afetados, os prejuízos na agricultura e pecuária chegam a R$ 728.292 milhões.



151 municípios em situação de emergência

Abelardo Luz

Abdon Batista

Agrolândia

Água Doce

Águas de Chapecó

Águas Frias

Alto Bela Vista

Armazém

Anchieta

Anita Garibaldi

Atalanta

Araranguá

Arabutã

Arroio Trinta

Arvoredo

Balneário Gaivota

Bandeirante

Barra Bonita

Belmonte

Bocaina do Sul

Bom Jesus

Bom Jesus do Oeste

Braço do Norte

Brunópolis

Caibi

Campo Erê

Campos Novos

Capinzal

Catanduvas

Caxambu do Sul

Celso Ramos

Chapecó

Concórdia

Cordilheira Alta

Coronel Freitas

Coronel Martins

Correia Pinto

Criciúma

Cunha Porã

Cunhataí

Descanso

Dionísio Cerqueira

Entre Rios

Ermo

Erval Velho

Faxinal dos Guedes

Flor do Sertão

Formosa do Sul

Forquilhinha

Fraiburgo

Frei Rogério

Galvão

Grão Pará

Guaraciaba

Guarujá do Sul

Guatambu

Herval d´Oeste

Ibiam

Ibicaré

Içara

Imbuia

Iomerê

Ipira

Iporã do Oeste

Ipuaçu

Ipumirim

Iraceminha

Irani

Irati

Itá

Itapiranga

Ituporanga

Jaborá

Jacinto Machado

Jardinópolis

Joaçaba

Jupiá

Lacerdópolis

Lajeado Grande

Lindóia do Sul

Luzerna

Macieira

Maracajá

Maravilha

Marema

Meleiro

Modelo

Mondaí

Nova Erechim

Nova Itaberaba

Novo Horizonte

Ouro

Ouro Verde

Paial

Palma Sola

Palmitos

Paraíso

Passos Maia

Peritiba

Pinhalzinho

Pinheiro Preto

Piratuba

Planalto Alegre

Ponte Alta

Ponte Serrada

Praia Grande

Presidente Castello Branco

Princesa

Quilombo

Rio das Antas

Rio do Campo

Riqueza

Romelândia

Saltinho

Salto Veloso

Santa Helena

Santa Rosa do Sul

Santa Terezinha

Santa Terezinha do Progresso

Santiago do Sul

São Bernardino

São Carlos

São Domingos

São João do Oeste

São João do Sul

São José do Cedro

São José do Cerrito

São Lourenço do Oeste

São Miguel da Boa Vista

São Miguel do Oeste

Saudades

Seara

Serra Alta

Siderópolis

Sombrio

Sul Brasil

Tangará

Tigrinhos

Timbé do Sul

Treze Tílias

Tunápolis

Turvo

União do Oeste

Urupema

Vargeão

Vargem

Vargem Bonita

Videira

Xanxerê

Xavantina

Xaxim


Lista atualizada do dia 21 de junho de 2012, pela Defesa Civil.


Comente aqui
25 jun09:57

Semana começa com tempo estável e temperaturas amenas em SC

As temperaturas baixas na Serra de SC, comuns durante todo o inverno, já começaram a ser registradas. Os termômetros da Epagri/Ciram registraram -0,9ºC no amanhecer desta segunda-feira, a primeira durante a estação mais fria.

Em todo o Estado as temperaturas também foram baixas, de acordo as estações automáticas da Epagri/Ciram. Em Bom Jardim da Serra, a mínima chegou a 0,1ºC.

As cidades do Oeste também tiveram temperaturas muito baixas. Em Caçador chegou a 3,8ºC, 4,9ºC em Rio das Antas e 5,4ºC em Campos Novos.

O amanhecer mais quente do Estado foi Timbé do Sul, no Extremo-Sul, com 14ºC, seguido de Laguna, que teve 13,6ºC.


Temperaturas mínimas de hoje:

-1,4ºC Urupema e Bom Jardim da Serra

0,7ºC São Joaquim

3,4ºC Caçador

4ºC Major Vieira

5,3ºC Lages

9,8ºC Florianópolis

9,3ºC Criciúma

9,2ºC Chapecó

9,8ºC Blumenau

13ºC Joinville

Dados: Ciram/RBS/Aeroporto/Ceops


A explicação da Epagri/Ciram para as baixas temperaturas é a presença de uma massa de ar frio e seco. Em função disso, o calor irradiado pelo sol chega ao solo durante o dia. No entanto, permite que este calor se dissipe durante a noite.

O órgão estatal que monitora as condições climáticas no Estado prevê que esta segunda-feira deve ser de tempo estável e com temperaturas de até 23ºC, semelhante ao que deve ocorrer nos próximos dias.



DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
22 jun09:28

Sol e frio no primeiro fim de semana de inverno

O tempo terá mudanças no primeiro fim de semana de inverno em Santa Catarina. A chuva se afasta em direção ao mar e permite o ingresso de uma massa de ar seco e frio no Estado. Com isso, o sábado e o domingo serão de tempo seco e baixas temperaturas em todas as cidades.

>> Veja mais informações no blog de Leandro Puchalski

A previsão indica frio no amanhecer de sábado. As temperaturas devem ficar perto de 0°C em cidades da Serra e entre 7°C e 9°C nas demais regiões. As áreas com maiores temperaturas pela manhã serão no Litoral, com mínima variando de 12°C a 14°C.

Para o domingo não devem ocorrer grandes mudanças no comportamento do tempo. O amanhecer será frio, um pouco menos do que no sábado, com previsão de temperatura mais agradável à tarde. Em boa parte das cidades catarinenses os termômetros devem atingir os 20°C ao longo do dia.

O sol aparece, mas com maior variação de nuvens, principalmente na noite de domingo e madrugada de segunda-feira. Apenas o Extremo-Oeste poderá ter chuva fraca no final do domingo.


Previsão para esta sexta-feira:

A chuva que cai sobre Santa Catarina desde a noite de quinta-feira deve se afastar da costa. Ao longo da manhã, regiões como Oeste e Serra ainda terão predomínio da instabilidade, com termômetros marcado entre 13°C e 15°C à tarde.

No decorrer do dia a previsão é que o tempo fique seco, mas com muitas nuvens. Nas demais regiões as temperaturas ficam um pouco mais elevadas, mas a sensação será de frio.


Veja algumas temperaturas registradas nesta manhã:

Chapecó – 9,3°C

Lages – 5,2°C

Criciúma – 13,5°C

Joinville – 17,2°C

Florianópolis – 16,4°C


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
22 jun08:43

No Oeste, 15 editais de concursos para prefeituras estão sob investigação do Ministério Público

Darci Debona | darci.benona@diario.com.br

O Ministério Publico de Santa Catarina vai fazer um levantamento para saber quantos concursos públicos realizados por prefeituras estão sob suspeita de irregularidades. A decisão foi tomada pelo coordenador do Centro de Apoio à Moralidade Administrativa do Ministério Público, o promotor Davi do Espírito Santo. Mas ele afirmou que já são mais de 30 processos investigados.

No Oeste, foi divulgada uma lista de 15 concursos suspeitos de irregularidades que devem ser investigados pelo Ministério Público de Santa Catarina. O trabalho é das promotorias de Chapecó e Xaxim, com o apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Chapecó.

Os contratos sob suspeita envolvem as prefeituras de Xaxim, Planalto Alegre, Formosa do Sul, Arabutã, São Lourenço do Oeste, Catanduvas, Alto Bela Vista e Arvoredo. Todos os contratos envolvem a SC Cursos e Treinamentos Ltda, nome fantasia de SC Assessoria e Concursos, ou a Dell’Osbel & Vieira Ltda, ou então ambas. A SC Cursos e Treinamentos teve um concurso anulado no dia 5 de junho em Xaxim, por suspeita de vazamento de gabarito. A anulação foi decretada pelo prefeito Gilson Vicenzi, após recomendação do Ministério Público.

Durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão, o Gaeco, que teve o apoio das polícias Civil e Militar, foram encontrados no escritório e na casa dos proprietários da empresa, Sandra Dell’Osbel e Emerson Dell’Osbel, carimbos de várias empresas.

De acordo com o Ministério Público, os dois eram sócios da SC Concursos e Treinamentos e da Dell’Osbel & Vieira Ltda, que chegaram a concorrer entre si em alguns concursos. O promotor de Justiça Fabiano Baldissarelli disse que os dossiês sobre estes concursos serão encaminhados para as promotorias das comarcas destes municípios, que devem dar prosseguimento às investigações.

Além disso, o Ministério Público encaminhou para a juíza de Xaxim, Surami Heerdt, um pedido de suspensão das atividades da SC Cursos e da Dell’Osbel & Vieira Ltda. Também foi pedido que não seja feito qualquer tipo de contrato entre o poder público com qualquer empresa que tenha como sócios Sandra Dell’Osbel e Emerson Dell’Osbel.


Contratos sob suspeita

Licitações vencidas pelas empresas SC Assessoria e Concursos ou Dell’Osbel & Vieira Ltda

1) Em Xaxim, (Edital 24, Licitação 38/2010), de 12/04/2010. Contratação de empresa para realização de concurso público. Valor: R$ 3 mil;

2) Em Xaxim, (Edital 17, Licitação 84/2009), de 17/11/2009. Contratação para realização de concurso público. A SC Assessoria concorreu com a Dell Osbel & Vieira Ltda. Venceu SC Assessoria e Consultoria. Valor: R$ 12,1 mil;

3)Em Planalto Alegre, (Edital CV6/2011), de 03/02/2011, para a elaboração de processo seletivo para a contratação de professores e instrutores. Valor: R$ 7,920 mil;

4)Em Planalto Alegre, (Edital 40, Licitação 40/2010), de 11/08/2010. Elaboração de projeto político-pedagógico. A Dell Osbel & Vieira Ltda concorreu com a SC Assessoria e Consultoria e com a PL Consultoria e Assessoria. Venceu a a Dell Osbel & Vieira Ltda. Valor: R$ 12,1 mil;

5) Em Planalto Alegre, (Edital 23/2009, Licitação 23/2009), de 31/03/2009. Realização de concurso público. Venceu a Dell Osbel & Vieira Ltda. Valor: R$ 16,1 mil;

6) Em São Lourenço do Oeste, Edital CV 22/2010), de 17/12/2010, para organizar concurso público. Venceu a SC Assessoria e Consultoria. Valor: R$ 27 mil;

7) Em Alto Bela Vista, Edital 8, Licitação 14/2009), de 12/02/2009. Prestação de serviços técnicos em gestão pública. Venceu a Dell Osbel & Vieira Ltda. Valor: R$ 49,35 mil;

8) Em Alto Bela Vista, (Edital PR3/2011), de 24/02/2011. Contratação de prestadora de serviços de assessoria em gestão pública. Venceu a Dell Osbel & Vieira. Valor: R$ 34,5 mil;

9) Em Arabutã, (Edital 11, Licitação 32/2009), de 14/04/2009, para a contratação de implantação de fiscalização e controle da documentação relativa a circulação dos produtos primários. Venceu a Dell Osbel & Vieira Ltda. Valor: R$ 12,96 mil;

10) Em Arabutã, (Edital 3, Licitação 4/2009), de 16/01/2009, para a contratação de assessoria de contabilidade e gestão pública. Venceu a Dell Osbel & Vieira Ltda. Valor: R$ 55,44 mil;

11) Em Arabutã, (Edital PR48/2010), de 27/01/2011. Contratação de serviços de natureza tributária e de assessoria em gestão pública. Venceu a Dell Osbel & Vieira Ltda. Valor R$ 84,75 mil;

12) Em Catanduvas, Edital 0050CV2009, Licitação 0085/2009), de 17/12/2009. Processo seletivo para o Executivo. Venceu a SC Assessoria e Consultoria Valor: R$ 9,12 mil;

13) Em Formosa do Sul, (Edital 68/2010), de 04/01/2011. Seleção para contratação por prazo determinado. Venceu a SC Assessoria e Consultoria. Valor R$ 34,1 mil;

14) Em Formosa do Sul, (Edital 13/2010, Licitação nº 52/2010), de 03/09/2010. Contratação de inventário do patrimônio público. Venceu a SC Assessoria e Consultoria. Valor R$ 15,12 mil;

15) Em Arvoredo, (Edital 16, Licitação 49/2008), de 19/12/2008. Contratação de assessoria contábil. Parte da licitação foi vencida pela Dell Osbel & Vieira. Valor R$ 33,6 mil.


Concurso anulado

Concurso 01/2012, aplicado em Xaxim pela SC Treinamentos e Concursos, foi anulado no dia 5 de junho, pelo prefeito Gilson Vicenzi, após recomendação do MP. por suspeita de vazamento do gabarito da prova, realizada no dia 6 de maio.


Em julgamento

Contrato Administrativo 01/2010, em 14 de janeiro de 2010, celebrado entre o município de Macieira, pelo prefeito Emerson Zanella, e a empresa SC Assessoria e Consultoria Ltda., então representada por Sandra Leite Dell’osbel, no valor de R$ 28,755 mil. Há suspeita de frustração do caráter competitivo da licitação.


Contrapontos


O que disseram as empresas

Os sócios das empresas SC Cursos e Treinamentos Ltda e da Dell’Osbel e Vieira Ltda, Sandra Dell’Osbel e Emerson Dell’Osbel, não foram encontrados ontem e na quarta-feira para falar sobre as suspeitas em relação aos outros 15 contratos que estão sob suspeita. Mas, na terça-feira, Sandra Dell’Osbel divulgou uma nota informando que a empresa aguarda da conclusão das investigações do Ministério Público. Ela afirma que tudo não passa de suspeita por enquanto e que, se os fatos forem comprovados, tomará as providências para responsabilizar quem cometeu algum ilícito. A nota cita que as gerentes não contribuíram para nenhuma fraude em concurso público e que a aplicação do concurso em Xaxim aconteceu na mais absoluta lisura. Em relação a carimbos de outras empresas encontradas nas ações de busca e apreensão do MP, ela disse que pertenciam a empresas antigas de seu marido.


O que disseram os prefeitos

Sérgio Luiz Schmitz — Alto Bela Vista

Disse que o último concurso foi realizado há três anos e não teve nenhuma suspeita de fraude. O concurso foi feito por uma empresa de Porto Alegre, que não lembro o nome.


Edegar Rohrbeck — Planalto Alegre

— Não teve nenhum problema nos concursos realizados em seu município — disse.


Jorge Comunello — Formosa do Sul

Lembrou que, quando contratou a empresa, estava tudo legal. E não vê problema caso o Ministério Público queira averiguar os processos.


Jackson Patzlaff — Arabutã

Disse que foi realizada a licitação para os concursos e não houve problema.


Neuri Meneguzzi — Arvoredo

Disse que não fez concurso com a empresa de Xaxim e confirmou que há um contrato para assessoria contábil, embora não saiba os detalhes.


Gilson Vicenzi— Xaxim

Na segunda-feira, através da assessoria de imprensa afirmou que, ao saber da suspeita de irregularidade, mandou anular o concurso.


Tomé Etges — S. Lourenço do Oeste

Ele ressaltou que o concurso realizado pela SC Assessoria e Consultoria teve o acompanhamento do Ministério Público em todos os processos.


Catanduvas — Claudinei Cella, secretário de Administração e Finanças

Disse que desde a instalação da Promotoria de Justiça, os concursos são acompanhados pelo MP.


Macieira — Emerson Zanella

A telefonista disse que o prefeito falaria hoje. No contato no seu celular a ligação caiu na caixa postal.

Comente aqui
20 jun09:41

Último dia de outono deve ser de tempo instável em Santa Catarina

O outono se despede de Santa Catarina com tempo instável. A previsão da Epagri/Ciram é que a quarta-feira seja de tempo com menos nebulosidade a partir do Oeste. No Litoral, no entanto, há possibilidade de chuva fraca em boa parte do dia.

>> Veja mais informações no blog de Leandro Puchalski

O meteorologista Leandro Puchalski participa de chat às 9h30min desta quarta-feira para explicar as mudanças no tempo em SC com a chegada do inverno.

As cidades que ficam entre a Grande Florianópolis, o Vale do Itajaí e o Litoral Norte ainda devem registrar chuva fraca devido ao jato subtropical e um sistema de baixa pressão sobre estas regiões.

As temperaturas devem se manter estáveis ao longo do dia. Na Grande Florianópolis, a temperatura máxima deve ser de 18ºC e no Oeste pode chegar a 20ºC. Os ventos sopram de sudeste a leste com velocidades que podem chegar a 40 Km/h.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
19 jun16:55

NHT estuda nova rota em Santa Catarina

[Atualizado 09h35 - 20/06/12]

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

A possibilidade da criação de uma nova rota aérea em Santa Catarina foi discutida na manhã desta terça-feira na sede da NHT Linhas Aéreas em Porto Alegre. O voo, com destino à Florianópolis, sairia de São Miguel do Oeste e faria escalas nos aeroportos de Concórdia e Lages. Participaram do encontro o diretor do Grupo Acauã, Jorge Barouki e representantes de Concórdia e São Miguel do Oeste

Segundo o diretor de planejamento da empresa, Jeffrey Kerr, a reunião foi produtiva e o grupo estuda a possibilidade de disponibilizar o voo ainda neste ano.

O aeroporto Pedra Ferro, de Concórdia, está preparado para receber o voo pois, desde o fechamento do Aeroporto Serafim Enoss Bertaso, de Chapecó, a NHT voltou a operar um voo de Concórdia para Curitiba. O voo chega às 13h20 e decola às 13h40, de segunda à sexta-feira.

Porém os aeroportos Hélio Wassun de São Miguel e Federal de Lages precisam cumprir algumas adequações exigidas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

– Precisamos agora que sejam regularizados esses pontos – disse o diretor.

Horários e periodicidade de voos ainda não foram definidos. – Vamos ter mais reuniões com os representantes dos municípios para definir esses pontos – comentou Jeffrey.

Para o secretário de desenvolvimento econômico de São Miguel do Oeste, Paulo Cuccarollo, esse que pode ser o primeiro voo comercial da cidade, será um avanço para São Miguel e para os 30 municípios da região do Extremo-Oeste.

- Antes não tínhamos a demanda, mas hoje percebemos que já se faz necessário – disse.

Participaram ainda da reunião o presidente da CDL de São Miguel do Oeste, José Carlos Gerhardt, o presidente da Associação Comercial e Industrial de São Miguel do Oeste (Acismo), Irton Lamb, o prefeito de Concórdia, João Girardi e o assessor de comunicação de Concórdia, Antonio Benini.

A empresa gaúcha NHT foi comprada pelo grupo catarinense. O negócio ainda depende da aprovação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). O pedido foi protocolado no dia 18 de maio.


Voo em Xanxerê

O diretor de planejamento disse ainda que a empresa estuda a criação de um voo na cidade de Xanxerê, ainda neste ano.


Comente aqui
19 jun11:52

Gripe A já causou a morte de pelo menos 29 pessoas em Santa Catarina neste ano

A 29ª morte por Gripe A H1N1 foi registrada na madrugada desta terça-feira. O paciente era um homem de 59 anos que estava internado desde o dia 2 na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santa Isabel, em Blumenau. Desde o início do ano, a Secretaria Estadual de Saúde tem monitorado o registro de infecções e as mortes em decorrência do vírus.

>>  Confira todas as notícias sobre Gripe A

O homem, que não teve a identidade divulgada, foi diagnosticado com Gripe A na semana passada e estava na UTI havia 10 dias. Este é o quinto caso na cidade.

De acordo com os dados da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive), atualizados no dia 17 de junho, Santa Catarina já registrou 309 casos de infecção por Gripe A, confirmados laboratorialmente.

O número é o segundo maior da história do Estado, atrás apenas de 2009, quando 144 pessoas morreram em decorrência da infecção.

Até agora, Blumenau aparece como o município com o maior número de casos: 38. Fraiburgo aparece em segundo, com 22 e Itajaí em terceiro, com 19. Florianópolis registrou nove casos até agora.


DIÁRIO CATARINENSE

Comente aqui
19 jun11:47

Justiça Eleitoral de SC vai contar com 566 técnicos de urnas nas eleições deste ano

A Justiça Eleitoral de Santa Catarina contará com 566 técnicos de urna nas eleições municipais, no período de 13 de agosto a 10 de outubro nas cidades que só tiverem 1º turno e até 31 de outubro onde houver 2º turno.

Os profissionais serão contratados pela empresa vencedora da licitação que está sendo realizada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e lidarão com as 18.090 urnas eletrônicas disponíveis para as 105 zonas eleitorais do Estado nas eleições deste ano.

Os técnicos preparam e oferecem suporte técnico às urnas eletrônicas, além de auxiliar no treinamento dos mesários.

Com informações do Tribunal Regional Eleitoral (TRESC).

DIÁRIO CATARINENSE


Comente aqui
19 jun11:10

Ministro anuncia, em Chapecó, editais para projetos de ferrovias

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Dois projetos de linhas ferroviárias para Santa Catarina foram anunciados ontem pelo ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, que esteve ontem na Associação Comercial de Chapecó, palestrando no seminário “Ferrovias e Desenvolvimento Regional”. Passos anunciou que foi publicado ontem no Diário Oficial da União um edital para o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental da Ferrovia Norte Sul, ligando Chapecó com o Rio Grande do Sul e o Centro Oeste do país. O primeiro lote, de 650 quilômetros, será de Panorama-SP a Chapecó. O segundo lote, de 550 quilômetros, ligará Chapecó ao porto de Rio Grande-RS. Os estudos servirão de base para a licitação do projeto.

Passos disse que, em 60 dias, serão lançados o edital para o projeto de ferrovia Leste/Oeste em Santa Catarina, para o trecho entre o Porto de Itajaí e Chapecó. A obra terá 400 quilômetros.

O Ministério tem R$ 100 milhões para investir em estudos e projetos no Sul do País, até 2025. A meta nesse período é aplicar R$ 33 bilhões no Sul do pais, em ferrovias. No país o investimento será de 200 bilhões, para aumentar em 12,5 mil quilômetros a malha ferroviária. O objetivo é ampliar em 10% a participação das ferrovias na matriz de transportes do país.

O presidente da Frente Parlamentar das Ferrovias do Congresso Nacional, Pedro Uczai, disse que a região Sul deve ser beneficiada com 1,6 mil quilômetros de malha ferroviária. Ele afirmou que este meio de transporte é mais caro na implantação mas depois tem menor custo de transporte, manutenção e menos impacto ambiental.

Para o presidente da Aurora Alimentos, Mário Lanznaster, as ferrovias são uma necessidade para que Santa Catarina não perca as agroindústrias. Ele afirmou que a Ferrovia Norte Sul é fundamental para baratear o custo de milho, já que Santa Catarina tem déficit de dois milhões de toneladas do produto.

O ministro Paulo Passos anunciou ainda que as obras de pista da duplicação da BR 101 devem ser concluídas até o final do ano, restando outras obras como a ponte de Laguna a Imaruí, que já começou, e a execução do Túnel do Morro dos Cavalos e do Morro do Formigueiro. Este túnel terá nova licitação. Ele também afirmou que o novo acesso rodoviário de Florianópolis será está previsto no Plano de Aceleração do Crescimento.

Até julho devem estar prontos os projetos dos lotes de duplicação de 70 quilômetros da BR 470, entre Navegantes e Indaial, para licitação. O presidente da Associação Comercial de Chapecó, Maurício Zolet, entregou ao ministro apoiando as ferrovias e solicitando readequação da BR 282.


Comente aqui