SC

20 mar14:08

Paul McCartney fará show em Florianópolis

Roberta Ávila

O show de Paul McCartney no dia 25 de abril em Florianópolis será o maior espetáculo internacional já realizado em Florianópolis.

O contrato foi assinado nesta terça-feira e será o primeiro show do ex-Beatle em Santa Catarina. A informação já tinha se espalhado pela internet como boato, mas agora foi divulgada oficialmente. O evento será realizado no estádio da Ressacada como parte da turnê On The Run e devem ser vendidos 30 mil ingressos.

O show será realizado numa parceria entre o Grupo RBS, a DCSet Promoções e a PlanMusic, com apoio do Avaí Futebol Clube. Detalhes sobre o show serão divulgados em entrevista coletiva a ser realizada na quinta-feira, dia 22, às 15h, em Florianópolis.

Também estão confirmados shows do músico britânico em Recife nos dias 21 e 22 de abril, no estádio Arruda. A expectativa é que cerca de 130 mil ingressos sejam colocados à venda.

Em 2010, o Grupo RBS realizou em Porto Alegre o primeiro show do músico com a turnê Up and Coming na América Latina.

Yeah yeah yeah

Entre 2010 e 2011 Paul fez shows em Porto Alegre, São Paulo e no Rio de Janeiro. Ele também já se apresentou em Curitiba em 1990, mas é a primeira vez que fará shows em Santa Catarina e no Nordeste.

Em abril de 1990, McCartney tocou pela primeira vez no Brasil no estádio de futebol Maracanã, no Rio de Janeiro, e bateu o incrível record de público em uma apresentação de um artista solo: foram 184 mil pessoas presentes.

Em 2011, Paul chamou a atenção dos fãs e da mídia por falar várias frases em português durante os shows, que duraram sempre em torno de três horas. Ele também chamou fãs para subirem ao palco e espantou os organizadores dos eventos por pedir apenas chá e frutas para o camarim.

Como parte da nova turnê, o ex-Beatle também vai fazer apresentações em Montevidéu, no Uruguai; em Bogotá, na Colômbia; Guadalajara e Cidade do México, no México.


Personalidade

Paul McCartney fez parte da banda de rock Beatles, formada em Liverpool em 1960 e considerada um dos grupos musicais mais bem-sucedidos e aclamados da história da música popular.

Entre as conquistas colecionadas pelo grupo está o hit da música Yesterday, que é uma das mais reproduzidas de todos os tempos, e o fato de terem sido agraciados pessoalmente pela Rainha da Inglaterra, em 1966, como Membros do Império Britânico. Os Beatles também foram uma das bandas com maior número de músicas no top 10 da parada de sucesso Billboard, foram 71 músicas.

Paul por sua vez, foi o único a receber o título de “Sir”, honraria que lhe foi concedida pela Rainha em 1997 e que é o título de maior valor do Império Britânico. Ele entrou para o Livro dos Recordes (Guinness Book) com a maior rapidez na venda de ingressos da história: em apenas sete segundos se esgotaram todas entradas para um show do músico realizado em Las Vegas, nos Estados Unidos.

A fortuna de Paul, estimada em 2011 em R$ 1.3 bilhão. também é considera uma das maiores de toda Grã-Bretanha.

Em fevereiro de 2012 ele lançou seu último álbum, “Kisses on the Bottom”, que está disponível para reprodução na internet e também recebeu uma estrela na calçada da fama, em Hollywood.

Além de ser considerado um dos maiores instrumentistas vivos e um dos compositores mais bem-sucedidos de todos os tempos, Paul é conhecido por sua atuação como ativista em prol do vegetarianismo e dos direitos dos animais.


DIÁRIO CATARINENSE


1 comentário
19 mar14:35

PRF apreende 1.300 comprimidos e mais de 260 Kg de maconha na Divisa do PR com SC

Em duas ações da Operação Sentinela, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, no último fim de semana, cerca de 260 Kg de maconha e mais de 1.300 comprimidos que estavam sendo transportados de forma ilegal. Os produtos foram liberados e um homem fugiu.

Por volta de 6h40min de domingo, um Honda Civic foi abordado em um posto de combustíveis, no Km 361 da BR-163 em Lindoeste/PR, na divisa com Santa Catarina. O motorista apresentou os documentos do carro, mas fugiu logo que entrou no carro. Os policiais seguiram até que ele parou o veículo e saiu em direção ao mato.

No carro, os policias perceberam que o carro estava adulterado. No interior, eles encontraram 298 tabletes escondidos no interior do veículo. O carro e a droga foram encaminhados para a Delegacia de Cascavel/PR, para investigar o caso e tentar identificar o homem.

Outro resultado da Operação Sentinela foi a apreensão de mais de 1.300 comprimidos no sábado à noite em Francisco Beltrão, ainda na divisa do PR com SC. Todo o material estava com um passageiro de um ônibus que vinha de Foz do Iguaçu/PR em direção a Blumenau, no Vale do Itajaí.

Entre os medicamentos encontrados há 200 comprimidos de oximetolona, 100 comprimidos de sibutramina 15mg, 80 comprimidos de pramil 50mg, 800 comprimidos de Stanozoland 10mg, 05 ampolas de Decaland Depot 200mg, 5 ampolas de deca 50 e 270 cápsulas de Oxy elite pro. Todos são anabolizantes, remédios para disfunção erétil e inibidores de apetite.

A carga apreendida, que pode ter origem no Paraguai, foi encaminhada para a Polícia Federal de Cascavel. A identidade do homem não divulgada pela PRF.


DIÁRIO CATARINENSE


Comente aqui
19 mar13:37

Sobe para 108 o número de municípios em situação de emergência em Santa Catarina

Subiu para 108 o número de municípios atingidos pela estiagem em Santa Catarina. O último decreto encaminhado para a Defesa Civil do Estado foi Balneário Gaivota.

Segundo a Defesa Civil chega a 626.829 o número de pessoas afetadas.

108 municípios em situação de emergência

Abelardo Luz

Águas de Chapecó

Águas Frias

Alto Bela Vista

Anchieta

Arabutã

Arroio Trinta

Arvoredo

Balneário Gaivota

Bandeirante

Barra Bonita

Belmonte

Bom Jesus

Bom Jesus do Oeste

Caibi

Campo Erê

Caxambu do Sul

Celso Ramos

Chapecó

Concórdia

Cordilheira Alta

Coronel Freitas

Coronel Martins

Cunhataí

Cunha Porã

Descanso

Dionísio Cerqueira

Entre Rios

Erval Velho

Faxinal dos Guedes

Formosa do Sul

Flor do Sertão

Galvão

Guaraciaba

Guarujá do Sul

Guatambu

Herval d´Oeste

Ibicaré

Iomerê

Ipira

Iporã do Oeste

Ipuaçu

Ipumirim

Iraceminha

Irati

Irani

Itá

Itapiranga

Jaborá

Jardinópolis

Joaçaba*

Jupiá

Lajeado Grande

Lindóia do Sul

Luzerna

Maravilha

Marema

Modelo

Mondaí

Nova Erechim

Nova Itaberaba

Novo Horizonte

Ouro

Ouro Verde

Paial

Palma Sola

Palmitos

Paraíso

Passos Maia

Peritiba

Pinhalzinho

Pinheiro Preto

Piratuba

Planalto Alegre

Ponte Serrada

Presidente Castello Branco

Princesa

Quilombo

Riqueza

Rio das Antas

Romelândia

Saltinho

Santa Helena

Santa Terezinha do Progresso

Santiago do Sul

São Bernardino

São Carlos

São Domingos

São João do Oeste

São José do Cedro

São José do Cerrito

São Lourenço do Oeste

São Miguel da Boa Vista

São Miguel do Oeste

Saudades

Seara

Serra Alta

Sul Brasil

Tangará

Tigrinhos

Treze Tílias

Tunápolis

União do Oeste

Vargeão

Videira

Xanxerê

Xavantina

Xaxim

Lista atualizada em 19 de março de 2012, pela Defesa Civil.

* A Defesa Civil do Estado ainda não recebeu a documentação deste município.


Comente aqui
19 mar09:08

Semana começa com tempo instável e temperaturas de até 30ºC em SC

A segunda-feira começa com o tempo instável em praticamente todas as regiões de SC. De acordo a previsão da Epagri, o sol aparece em boa parte do Estado, embora haja mais nuvens entre a Serra e o Litoral. As temperaturas não devem passar de 30ºC, segundo o órgão que monitora as condições climáticas.

>> Confira mais detalhes no Blog do Puchalski

Além de mais nuvens, o dia deve ser marcado por chuviscos no início e fim do dia, principalmente no Litoral Norte do Estado.

Em função da presença do sol, as temperaturas devem subir rapidamente durante o dia, mas variando entre 12ºC e 20ºC no amanhecer e com máximas previstas de 30ºC no Extremo-Oeste e 28ºC na Grande Florianópolis.

Não há previsão de temporais para esta segunda-feira e os ventos, que sopram de nordeste a leste, devem ser de fraca intensidade, não passando de 35 Km/h. Esta é a última semana do verão, que aos poucos vai dando lugar para o outono.


DIÁRIO CATARINENSE


Comente aqui
17 mar15:46

Chuva na região da estiagem fica até 90% abaixo do esperado para março em SC

Apesar da previsão de chuva no Oeste e Meio-Oeste nos próximos dias, os volumes não serão significativos a ponto de reverter a situação da estiagem em Santa Catarina. Nesta sexta-feira, o número de municípios em situação de emergência chegou a 107, afetando mais de 600 mil pessoas.

Em quinze dias, algumas cidades da região registraram de 70% a 90% de chuva abaixo do previsto para todo o mês. Em São Miguel do Oeste, choveu cerca de 15mm no período. A média histórica em março é de 159,7. Já em Chapecó, onde o esperado era de 177,5, o volume foi de 56,7mm, cerca de 25% do esperado.

Nos próximos dias, o tempo deve permanecer seco, com sol e nuvens especialmente nas regiões mais atingidas pela estiagem. A partir de quinta-feira, uma frente fria deve passar pelo Sul, provocando chuva mal distribuída no Estado.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
15 mar10:05

Quinta-feira deve ser de chuva fraca em todas as regiões de Santa Catarina

A chegada da frente fria em Santa Catarina deixa o tempo instável no começo do dia. Ainda pela manhã devem ocorrer pancadas isoladas de chuva em todas as regiões. As temperaturas não devem passar de 30ºC no Oeste e 28ºC na Grande Florianópolis.

O tempo deve melhorar ao longo do dia, quando diminui a quantidade de nuvens. Esta mudança deve começar pelo Oeste do Estado.

Em função da frente fria, as temperaturas diminuem gradativamente, diminuindo a sensação de ar abafado registrada nos últimos dias.

As rajadas de ventos, que sopram de sul a sudeste, podem chegar a 55 Km/h e há chance de descarga elétrica em praticamente todo o Estado, principalmente à noite.


DIÁRIO CATARINENSE

Comente aqui
13 mar09:18

Terça-feira deve ser de sol e calor em todas as regiões de Santa Catarina

A terça-feira ainda deve ser de muito calor em Santa Catarina. A previsão da Epagri, órgão que monitora as condições climáticas, prevê que as temperaturas cheguem a 37ºC no Sul do Estado e 36ºC no Extremo-Oeste e Vale do Itajaí. Na Grande Florianópolis, não deve passar de 33ºC.

A presença de nuvens deve aumentar a partir desta terça-feira e há chance de pancadas isoladas de chuva entre o fim da tarde e o início da noite.

Em função das altas temperaturas e dos ventos com velocidades de até 35 Km/h soprando de nordeste a noroeste com variação de sudeste, a sensação de ar abafado deve permanecer.

A chegada de uma frente fria vinda do Sul do país deve provocar a instabilidade a partir das regiões Sul, Serra e Extremo-Oeste, onde há possibilidade de chuva nesta terça-feira. Nas demais regiões, o tempo deve ficar apenas com sol entre nuvens.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
12 mar09:09

Segunda-feira deve ser de sol e calor em Santa Catarina

O tempo bom do fim de semana deve continuar nesta segunda-feira em Santa Catarina. De acordo com a Epagri-Ciram, órgão que monitora as condições climáticas no Estado, a previsão é de sol e calor em todas as regiões. Também pode haver nevoeiros isolados ao amanhecer entre o Planalto e o Litoral.

>> Confira mais detalhes no Blog do Puchalski

Os termômetros podem chegar aos 31ºC na Grande Florianópolis, Sul, Vale do Itajaí e Meio-Oeste. No Oeste e Norte do Estado a temperatura pode alcançar os 33ºC.

Comente aqui
12 mar09:02

SC tem 100 municípios em emergência pela estiagem

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Santa Catarina atingiu ontem a marca de 100 municípios em situação de emergência em virtude da estiagem que atinge o estado desde novembro. O decreto mais recente é o de Treze Tílias, que registra perda de 30 a 40% nas lavouras de milho.

As perdas no Estado já somam R$ 549 milhões segundo levantamento do Centro de Socieconomia e Planejamento Agrícola (Cepa) da Epagri. O gerente do Cepa/Epagri, Ilmar Borchardt, disse que as perdas no milho já estão praticamente consolidadas. Mas esse número pode aumentar nas lavouras de soja. Ele afirmou que as perdas são mais acentuadas no Oeste, mas que já avançou até municípios próximos a Lages.

Os maiores prejuízos são nas lavouras de milho e soja. A safra de milho, por exemplo, deve ser a menor do estado desde 2006. Isso acarreta uma série da prejuízos em cascata. Isso porque aumenta o déficit de milho do estado, que deve chegar a dois milhões de toneladas. Na avaliação do presidente da Companhia Integrada para o Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) e vice-presidente da Federação da Agricultura do Estado de Santa Catarina (Faesc), Enori Barbieri, a estiagem tira a competitividade da agroindústria catarinense, inibe investimentos no estado e aumenta o custo dos alimentos para o produtor. –Os R$ 549 milhões são irrelevantes perto dos outros prejuízos que acarretam- calculou. Barbieri disse que a necessidade de trazer milho de outros estados aumenta o custo de produção de aves, suínos e leite. Isso aumenta também o custo dos alimentos para o produtor. A saca de arroz aumentou de R$ 20 para R$ 27. A saca de soja, que estava em torno de R$ 40, foi para R$ 47. E o milho, que deveria estar em torno de R$ 20 a saca, está em R$ 24 a R$ 25. Bom para quem consegue colher. Mas o produtor que perde com a estiagem tem menos produção para aproveitar essa alta.

O presidente da Cooperativa Regional Alfa (Cooperalfa), Romeu Bet, estima que deverá comprar cerca de dois milhões de sacas de soja de outros estados para atender a necessidade da indústria de óleo e farelo de soja. Normalmente a cooperativa recebe seis milhões de sacas. Bet disse que a busca de soja de fora aumenta os custos. Além disso a estiagem acaba interferindo no faturamento. Outro impacto é a venda de menos insumos, já que o produtor deve reduzir investimentos na lavoura.

Ele afirmou que enquanto produtores do Planalto Norte tem uma safra normal, no Oeste há perdas até superiores a 50% na lavoura de soja.

O secretário de Agricultura de Santa Catarina, João Rodrigues, afirmou que a estiagem acaba impactando também no comércio. –Os agricultores vão deixar de trocar o carro e fazer outras compras- explicou. É um efeito em cascata em que todos perdem um pouco.


Safra antecipada e plano de trocar o trator adiado

A falta de chuva antecipou a colheita das lavouras de soja em 15 a 20 dias. O agricultor Marcelo Segatto, de Caxambu do Sul, já colheu nove hectares dos 39 que plantou. A perda é superior a 50%. No ano passado ele colheu 70 sacas por hectare. Neste ano a média é de 30 sacas. O motivo é que, pela falta de umidade, as plantas secaram e o grão ficou pequeno e murcho. Isso também aumentou o desconto no silo.


O agricultor Marcelo Segatto, de Caxambu do Sul.


– A qualidade é ruim- lamentou o produtor. Segatto investiu cerca de R$ 800 por hectare. Mesmo com a perda, deve sobrar uns R$ 7 mil da lavoura. –Tenho que passar o ano com esse dinheiro- lembrou.

Com isso o plano de trocar o trator que é de 1998 terá que ser adiado. –Só no ano que vem- prevê.



Produtor teve quebra de 70%

A colheita do milho confirmou o que o produtor Ernício Stroher já esperava, uma quebra acentuada na lavoura em virtude da estiagem. A quebra na propriedade localizada no interior de Dionísio Cerqueira chegou a 70%, segundo cálculos do produtor.

–No ano passado colhi 180 sacas por hectare e agora colhi 50- explicou.

Stroher plantou 4,5 hectares de milho. Destes, fez 1,5 hectares de silagem para o gado e, em três hectares, colheu grão. A safra não será suficiente para pagar o financiamento de R$ 12 mil. Colhendo 150 sacas ele vai receber apenas cerca de R$ 7,5 mil. E ainda tem que descontar 10% para pagar a colheitadeira e mais as impurezas que são descontadas no silo. Ele encaminhou o Proagro e espera ter um desconto no financiamento. Ele lamentou que, da boa safra do ano passado, investiu parte para fazer uma lavoura melhor. O lucro do ano anterior acabou perdendo na estiagem.


MILHO EM SC


Área (mil hectares)

2003: 856

2004: 816

2005: 796

2006: 784

2007: 706

2008: 715

2009: 667

2010: 593

2011: 541

2012: 573


Produção (milhões de toneladas)

2003: 4,31

2004: 3,25

2005: 2,80

2006: 2,88

2007: 3,86

2008: 4,13

2009: 3,26

2010: 3,69

2011: 3,60

2012: 3,11


Produtividade (quilos por hectares)

2003: 5.034

2004: 3.992

2005: 3.386

2006: 3.680

2007: 5.470

2008: 5.780

2009: 4.895

2010: 6.302

2011: 6.401

2012: 5.436


Fonte: Cepa/Epagri


SOJA EM SC

PRODUÇÃO (mil toneladas)


2003: 712

2004: 642

2005: 599

2006: 799

2007: 1.104

2008: 943

2009: 975

2010: 1.374

2011: 1.490

2012: 1.398


ÁREA PLANTADA (mil hectares)


2003: 257

2004: 314

2005: 355

2006: 332

2007: 377

2008: 372

2009: 385

2010: 440

2011: 457

2012: 447


PRODUTIVIDADE (quilos por hectare)


2003: 2.770

2004: 1.907

2005: 1.710

2006: 2.406

2007: 2.930

2008: 2.534

2009: 2.530

2010: 3.123

2011: 3.259

2012: 3.127


Fontes: Cepa/Epagri


Comente aqui
07 mar09:22

Temperaturas devem passar dos 30ºC em todas as regiões de SC nesta quarta-feira

Uma massa de ar seco e quente mantém o predomínio de sol e as temperaturas elevadas em SC nesta quarta-feira. A previsão da Epagri, órgão que monitora as condições climáticas no Estado, aponta que as temperaturas devem chegar a 36ºC no Extremo-Oeste e 32ºC na Grande Florianópolis.

>> Confira mais detalhes no Blog do Puchalski

Nas demais regiões, as temperaturas também devem ficar altas. No Sul, Litoral Norte, Vale do Itajaí e Meio-Oeste, deve chegar a 33ºC.

Com poucas nuvens desde o início do dia, o céu deve ficar limpo também à noite. Os ventos não devem passar de 35 Km/h e soprando de nordeste.

Essa condição deve se manter por toda a primeira quinzena de março, com poucas variações. Entre os dias 16 e 17, porém, a passagem de uma frente fria deve retomar a condição de chuva no Estado.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui