SC

03 set10:09

Dupla de Chapecó é prata no Tênis de Mesa

A equipe de tênis de mesa da PMC/Unoesc/Nord Eletric/Aurora, que representa Chapecó nos 25º Joguinhos Abertos de Santa Catarina, em Curitibanos, subiu ao pódio depois de 19 anos. A dupla feminina, formada por Eduarda Piaia e Marina Michelin, conquistou a medalha de prata na competição. Essa é a terceira medalha do tênis de mesa chapecoense em 25 anos de Joguinhos. Em 1993 a equipe também foi prata e em 1994 foi bronze.

As chapecoenses fizeram uma campanha muito boa, chegando invicta na decisão. Como venceram todos os jogos, as meninas de Chapecó chegaram a final pela chave dos vencedores. Na final, São Bento do Sul, que veio da chave dos perdedores, precisava vencer as chapecoenses duas vezes. E foi isso que aconteceu, São Bento venceu Chapecó duas vezes seguidas por 3 a 2 e ficou com o ouro.

- Jogamos muito bem hoje, mas vacilamos no momento decisivo. Mesmo assim estou feliz em estar me despedindo dos Joguinhos com essa medalha de prata. Mas ainda vamos lutar por mais – analisou Eduarda.

Além da medalha da dupla, Chapecó segue na briga também pelo título geral da competição, onde o campeão será apontado pelo somatório dos resultados das provas de dupla, do individual e da equipe. Chapecó está na semifinal da equipe, que acontece na terça-feira, e nesta segunda-feira tem boas possibilidades de medalha também no individual.

- As atletas estão crescendo durante a competição e isso é fundamental para chegarmos bem na reta decisiva – comentou o técnico Giancarlo Valentini.

A melhor colocação da história do tênis de mesa chapecoense feminino nos Joguinhos Abertos foi em 1993, em Joaçaba, quando a equipe ficou com o vice-campeonato no geral.


Comente aqui
03 set09:01

Semana começa com sol entre nuvens e temperatura deve chegar aos 27°C em SC

A atuação de uma massa de ar seco garante tempo firme neste início de semana em Santa Catarina. A segunda-feira será de sol entre nuvens na maior parte das regiões. À tarde as temperaturas devem variar entre 25°C e 27°C.

>> Confira mais detalhes do tempo no Blog do Puchalski


Veja registros desta manhã nas estações meteorológicas da RBS*:

— Chapecó: 16°C

— Lages: 11°C

— Criciúma: 15°C

— Joinville: 17°C

— Blumenau: 17°C

— Florianópolis: 19°C

(*Dados das 7h30min)


Na faixa Leste do Estado os termômetros devem registrar marcas mais baixas ao longo do dia, ficando entre 20°C e 23°C. Segundo o meteorologista da RBS Leandro Puchalski, isso ocorre em razão de uma massa de ar frio que passa pelo oceano.

Para terça-feira, a previsão aponta nevoeiros pela manhã e temperaturas amenas à tarde. A semana será de pouquíssima chuva em SC.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
31 ago09:32

Agosto termina com sol e temperaturas voltam a subir

Depois de um amanhecer com nevoeiro na Grande Florianópolis, a presença do sol — mesmo que entre nuvens — provoca elevação das temperaturas ao londo do dia. E as condições do tempo seguem firmes durante o fim de semana, fechando o mês de agosto com calor acima da média para esta época do ano.

>>  Confira mais detalhes do tempo no Blog do Puchalski

Ao longo da sexta-feira, o sol predomina em todas as regiões. O destaque fica para o Sul do Estado, que pode ter calor de 28°C. Nos demais pontos os termômetros devem ficar entre 22°C e 24°C.

Vale registrar ainda o salto nas temperaturas em algumas regiões. Pela manhã as estações do Ciram chegaram a marcar 0°C em Urupema e Bom Jardim da Serra.


Veja temperaturas registradas por volta das 8h30min*:

— Chapecó: 15°C

— Joinville: 15°C

— Blumenau: 17°C

— Criciúma: 16°C

— Florianópolis: 18°C

(*Dados das estações meteorológicas da RBS)


Fim de semana

O sol vai aparecer entre nuvens em todas as cidades. Há previsão de nebulosidade um pouco mais intensa entre a noite de sábado e a manhã de domingo, mas o tempo fica firme.

As tardes devem registrar máximas na casa dos 24°C na maior parte do Estado, podendo chegar aos 30°C no Sul catarinense. No domingo o calor também será maior entre o Norte e o Vale do Itajaí.

Mas para quem vai curtir o Viva Serra, o meteorologista da RBS Leandro Puchalski faz o alerta:

— Leve agasalho, já que a Serra sempre tem frio à noite — avisou.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
30 ago12:29

Atletas de São Miguel do Oeste disputam a fase estadual do 25º Joguinhos Abertos de SC

A delegação composta por 50 atletas e equipes técnicas de São Miguel do Oeste competem nas modalidades de basquete, xadrez, tênis e futsal na fase estadual do 25º Joguinhos Abertos de Santa Catarina. Os jogos serão realizados em Curitibanos.

Os atletas do Xadrez e do Tênis viajaram na quarta-feira, dia 29 e tem jogo nesta quinta-feira, dia 30. O Basquete segue no sábado e tem disputas no domingo, às 15h30, contra Campos Novos, segunda, dia 3, às 17h15, contra Brusque, e na terça pela manhã, contra Jaguará do Sul. O Futsal também inicia na competição na segunda-feira.


Comente aqui
30 ago09:14

Universidades federais de SC terão mais 1,6 mil vagas para alunos de escola pública

Em cerimônia fechada à imprensa, a presidente Dilma Rousseff sancionou a Lei das Cotas nas universidades, que terão quatro anos para reservar 50% das vagas de todos os cursos e turnos a estudantes que cursaram integralmente o ensino médio em escola pública.

Uma parte dessas vagas deve ser dedicada a negros, pardos e índios, e outra a alunos com renda familiar igual ou menor a 1,5 salário mínimo per capita. A maioria das universidades já adota algum tipo de ação afirmativa, mas poucas atingem um índice de 50% das vagas.

Com isso, Santa Catarina terá que reservar, nos próximos quatro anos, mais 1,6 mil vagas para estudantes cotistas, sendo 1,2 mil na UFSC e as demais na Universidade Federal da Fronteira Sul, com sede em Chapecó. O Instituto Federal de Santa Catarina já reserva a metade das vagas a cotistas. acordo com o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, foi vetado apenas o artigo 2º, que dizia que o ingresso dos cotistas seria feito a partir das médias obtidas no ensino médio — o governo quer que o critério seja o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

— A importância desse projeto tem a ver com um duplo desafio: primeiro, é a democratização, o acesso às universidades, e segundo, o desafio de fazer isso mantendo um alto nível de ensino e a meritocracia — disse.

Para Dilma, o Brasil precisa fazer frente a esses dois desafios.

— Nada adianta manter uma universidade fechada e manter a população afastada em nome da meritocracia. De nada adianta abrir a universidade e não preservar a meritocracia — afirmou.

Dados do último Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) apontam para uma distância entre a rede pública e a particular no ensino médio: enquanto a rede pública estadual atingiu média de 3,4, na rede privada a nota foi de 5,7.

Para minimizar as críticas ao projeto e ao seu impacto na qualidade de ensino nas universidades, Mercadante apresentou números comparativos dos desempenhos dos estudantes das redes pública e privada na última edição do Enem.

Os alunos concluintes do ensino médio da rede pública obtiveram média de 474,2 pontos, inferior à dos alunos do ensino privado — 569,2.

O ministro, no entanto, chamou a atenção para a média dos 150 mil concluintes da rede pública com melhor desempenho — nesse universo, a média foi de 582,2 pontos, superior à média da totalidade dos alunos da rede privada.


Comente aqui
30 ago09:10

Nuvens abrem espaço para o sol ao longo do dia em Santa Catarina

A manhã começa com bastante nuvens em Santa Catarina, mas o sol deverá predominar em boa parte do Estado. Em alguns pontos, chuva fraca pode cair em períodos curtos, em todas as regiões.

A maior concentração de nuvens fica no Litoral, e no Litoral Norte uma circulação marítima deve provocar chuviscos isolados. As temperaturas seguem em elevação com vento fraco de leste a nordeste.

Na Grande Florianópolis pode haver chuva fraca e nevoeiro, com temperatura máxima prevista de 24ºC. Na região Serrana, da Grande Florianópolis, também poderá ocorrer chuva fraca, com temperaturas um pouco mais baixas, e a mínima pode chegar a 10ºC.

::: Confira mais detalhes do tempo no Blog do Puchalski

Veja algumas temperaturas registradas por volta das 7h:

— Chapecó: 15°C

— Joinville: 12°C

— Blumenau: 14°C

— Criciúma: 13°C

— Florianópolis: 12°C

(Dados das estações meteorológicas da RBS)


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
29 ago09:17

Quarta-feira é de sol entre nuvens e temperatura deve chegar aos 21°C

Depois do nevoeiro que atingiu grande parte do Estado ao amanhecer, o tempo seco vai predominar na maioria das regiões nesta quarta-feira. A temperatura nas primeiras horas do dia ficaram entre 7°C e 9°C entre a Serra e o Oeste. À tarde os termômetros deve atingir máximas entre 19°C e 21°C.

>> Confira mais detalhes do tempo no Blog do Puchalski

A chance de chuva é pequena e apenas para pontos no Litoral, Vale do Itajaí, e Planalto Norte. Nas demais áreas, inclusive Grande Florianópolis, o dia será de sol entre nuvens. Para Capital catarinense há risco de chuva fraca no final do dia por causa da umidade vinda do mar.

Veja algumas temperaturas registradas por volta das 8h:

— Chapecó: 9°C

— Joinville: 15°C

— Blumenau: 15°C

— Criciúma: 11°C

— Florianópolis: 15°C

(Dados das estações meteorológicas da RBS)

Para a quinta-feira a previsão é de tempo de seco na maior parte do Estado. A temperatura máxima fica em torno de 20°C à tarde. O frio segue pela manhã e ao anoitecer. E essas condições devem predominar para o período entre sexta-feira e domingo.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
28 ago08:45

Chuva fina e baixas temperaturas em SC

A terça-feira é mais um dia de baixas temperaturas em Santa Catarina. Em Bom Jardim da Serra, por exemplo, fez 4ºC nas primeiras horas da manhã. Em Chapecó, no Oeste, o termômetro amanheceu na casa dos 9°C. Além do frio, o dia terá predomínio da nebulosidade em todas as regiões.

::: Confira mais detalhes do tempo no Blog do Puchalski


Veja outras temperaturas registradas ao amanhecer:


— Chapecó: 9°C

— Criciúma: 11°C

— Florianópolis: 15°C

— Blumenau: 15°C

— Joinville: 16°C

(Dados das estações meteorológicas da RBS às 7h45min)


Instabilidade

A chuva fraca marcou o início da manhã desta terça-feira. E essas condições devem permanecer até o fim do dia na Grande Florianópolis, Vale do Itajaí, Litoral Norte e Planalto Norte.

A chance de aberturas de sol ocorre a partir do Oeste e Sul de Santa Catarina.


DIÁRIO CATARINENSE


Comente aqui
28 ago08:44

Carne suína de SC recebe sinal verde para exportação ao Japão

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Santa Catarina deve iniciar ainda em 2012 os embarques de carne suína para o Japão, principal importador mundial, que já chegou a comprar 1,3 milhão de toneladas do produto em um ano, e mercado cobiçado pelo Estado há pelo menos duas décadas.

Nesta segunda-feira, dia 27, às 8h, o governador Raimundo Colombo recebeu a ligação do embaixador do Brasil no Japão, Marcos Bezerra Galvão, informando que o Estado tinha sido avaliado positivamente na reunião da Comissão de Avaliação de Risco de Sanidade Animal, do Ministério da Agricultura, Pesca e Florestas do Japão.

Colombo esteve em setembro de 2011 em missão no Japão para estreitar os laços. Os japoneses também visitaram SC no ano passado, onde conferiram unidades da Aurora, BRF Brasil Foods, Marfrig, Pamplona e Sul Valle. A expectativa é que essas plantas sejam habilitadas para venda ainda neste ano.

— Nossa expectativa é para outubro. Isso muda tudo. SC passa a ter um mercado estável e que remunera melhor — avalia o governador.

O secretário da Agricultura, João Rodrigues, também prevê agilidade na liberação. E considera que a notícia é a redenção da suinocultura catarinense, que vem enfrentando forte crise principalmente pelo aumento de custos.

O presidente da Companhia Integrada para o Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), Enori Barbieri, destacou que a conquista é resultado de um trabalho de quase 30 anos de produtores, indústrias e governo do Estado. SC conquistou, em 2007, o Certificado de Zona Livre de Aftosa Sem Vacinação. Ele acredita que a presença das indústrias catarinenses na venda de frango vai facilitar os contatos.

— Nossa expectativa é de vender 130 mil toneladas de carne no primeiro ano e, depois, chegar a 30% a 40% (do mercado japonês) — disse Barbieri.

Para ele, a notícia vai representar a retomada de investimentos em SC. Barbieri afirmou que neste ano houve um aumento de produção de 50 mil toneladas em SC, já com a expectativa de vendas para o Japão, e que isso acabou contribuindo para a crise. Só a unidade da BRF Brasil Foods em Campos Novos, inaugurada no ano passado, tem capacidade para abate de 7,2 mil suínos por dia.

— Nossa perspectiva é dobrar as exportações catarinenses a partir de 2013 — projetou a ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti.

O diretor de agropecuária da Aurora Alimentos, Marcos Zordan, afirmou que a unidade de Chapecó situada na saída para Guatambu e a planta de São Miguel do Oeste foram visitadas pelos japoneses e poderiam exportar. Zordan informou ainda que estão sendo investidos R$ 45 milhões na unidade de Joaçaba, com capacidade de 1,5 mil suínos/dia, com foco na exportação. Empresários japoneses que compram de empresas de SC já vinham sondando sobre a abertura do mercado.

O presidente do Sindicato das Indústrias de Carnes e Derivados de SC, Cléver Pirola Ávila, comparou a aprovação japonesa à conquista de um troféu. Mas ele é mais cauteloso nas avaliações. Ele ressaltou que ainda é necessário redigir um documento que é o Certificado Sanitário Internacional, que vai definir as regras para a compra. Os suínos terão que ser nascidos em SC e a ração precisa ser livre de ractopamina, aditivo que aumenta a produtividade.

Ávila prevê investimentos no aumento da capacidade de produção das unidades em SC. Mas avalia que neste ano apenas alguns embarques serão efetivados, pois as indústrias terão que se adaptar aos cortes exigidos pelos japoneses.

O vice-presidente de relações institucionais da Marfrig, João Sampaio, disse que a notícia é muito boa mas também é cedo para falar em números.

— Nós vamos ter que disputar em preço com outros mercados que já fornecem para o Japão — pondera.

Ele considera que SC já tem uma estrutura capaz de atender a demanda do Japão. Para Zordan, há opção de trocar mercados que remuneram menos pelo Japão, tanto internamente como externamente. Ele projeta que é possível um aumento de preço da carne para o consumidor. Ela deve subir 5% em breve, não em função da abertura dos japoneses, mas pelo aumento do custo de produção.

O presidente da Associação Catarinense dos Criadores de Suínos, Losivânio de Lorenzi, disse que a notícia é boa mas prefere aguardar os primeiros embarques para comentar a respeito.

— Outra vezes já ocorreram anúncios que acabaram não se confirmando — destacou.

Ele lembra que o setor ainda enfrenta o alto custo de produção e a falta de milho, que não foi resolvida pelo governo federal.

— Até agora atenderam apenas 10% do necessário — calculou.

Antes de vender para o Japão, o setor precisa receber milho do Centro-Oeste.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
27 ago09:32

Semana começa com instabilidade e temperatura de 6,7°C no Oeste de SC

O clima de inverno voltou e Santa Catarina registra temperaturas baixas nesta segunda-feira. Muitas nuvens e condição de chuva, principalmente no Litoral e no Planalto, deixam o tempo instável. É resultado da da frente fria que passou pelo oceano e atua no Estado.

Veja algumas temperaturas registradas ao amanhecer:

— Chapecó: 6,7°C

— Criciúma: 11,7°C

— Joinville: 16°C

— Blumenau: 15,5°C

— Florianópolis: 16,7°C

(Dados das estações meteorológicas da RBS às 7h30min)


>> Confira mais detalhes do tempo no Blog do Puchalski

>> Quase um mês sem uma chuva significativa em Chapecó


No Oeste e Meio Oeste, uma massa de ar seco reforça as chances de aberturas de sol. O vento sopra na direção sudeste, com rajadas variando de fracas a moderadas.

Na Grande Florianópolis, chuva pode ocorrer acompanhada de descarga elétrica. A temperatura deve cair no decorrer do dia, com máxima prevista de 18ºC e mínima de 15ºC.


DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui