Série C

19 set10:37

Gral sente dores musculares e é poupado

darci.debona@diario.com.br

O atacante Rodrigo Gral não participou do treinamento de terça-feira, em virtude de dores musculares . Nesta quarta-feira ele será avaliado para ver se participa das atividades, prevista para a tarde. Pela manhã o grupo teve folga.



Sirli Freitas




O local de treinamento ainda não foi definido em virtude da chuva.  Pode ser no campo do Trevo ou na Água Amarela.

Gral não participava de um jogo oficial há três meses. No domingo, contra o Caxias, ele atuou 55 minutos e participou de dois dos quatro gols da equipe.

O diretor de futebol da Chapecoense, Cadu Gaúcho, disse que a expectativa é que o atacante se recupere para o confronto contra o Macaé, no Rio de Janeiro.  O jogo é sábado e a delegação sai de Chapecó na manhã de sexta-feira.

Comente aqui
17 set10:48

Gilton é o novo contratado da Chapecoense

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

O novo lateral esquerdo da Chapecoense, Gilton Ribeiro, 23 anos, será apresentado nesta tarde na Sala de Imprensa do Clube. Segundo o diretor de futebol, Mauro Stumpf, o atleta que estava no Joinville vai repor a vaga deixada por Esquerdinha que vai para o ABC de Natal.

Gilton, natural de Campo Grande/MS, iniciou a carreira no Porto Alegre em 2008, passou pelo Juventus e por três clubes do Japão (Kashima Antlers, Albirex Niigata e Cerezo Osaka).

O atacante Washington, que acompanhou a vitória do Verdão sobre o Caxias, por 4 a 0, no sábado e foi anunciado como um dos reforços da equipe não vai ficar na Chapecoense.

- Ele recebeu outra proposta e em conversa decidimos liberá-lo – disse Stumpf.

No entanto o diretor de futebol garantiu que o clube está fechando a contratação de outro atacante.

- A ideia é que ele seja apresentado ainda esta semana e esteja disponível para o jogo contra o Duque de Caxias/RJ em casa – finalizou Mauro.

A Chapecoense está em terceiro na tabela do Grupo B, com 19 pontos. O próximo jogo da equipe será no sábado, dia 22, contra o Macaé no Rio de Janeiro.


Comente aqui
17 set09:36

Não é o Santo Graal, mas deu vida nova ao Verdão

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

A Chapecoense encontrou seu “Santo Graal” na partida de sábado contra o Caxias, venceu por 4 a 0 e revigorou um time que fazia em média 0,7 gol por partida e não marcava há três jogos. Só num jogo o time fez metade do que tinha feito em 11 partidas pela Série C do Campeonato Brasileiro.

O responsável pela mudança dentro de campo foi o estreante Rodrigo Gral, com um sobrenome sugestivo por ter apenas um “a” a menos do que o cálice sagrado que teria sido utilizado por Jesus na Santa Ceita. Lendas celtas anteriores a Cristo também indicavam que o Graal seria um caldeirão mágico capaz de fazer os mortos voltar à vida.

Pois o Gral de Chapecó deu uma nova alma ao time, que correu e jogou e goleou como não tinha feito ainda nesta Série C. A Chapecoense bebeu da experiência e qualidade de Rodrigo Gral. O resultado é que o time voltou ao G4 no Grupo B e volta a sonhar com uma vaga na Série B.


“Estou muito feliz pela estreia, pelo carinho da torcida com a presença da minha família na arquibancada. Pude ajudar o time e o mais importante foi a vitória. Agora é manter a pegada e buscar a vaga na Série B”


OS PODERES DO GRAL OESTINO

1-POSICIONAMENTO- Enquanto muitos jogadores se amontoam na disputa das jogadas Gral mostrou que sabe como se posicionar, procurando se afastar dos zagueiros para receber lançamento ou antecipando para receber a bola. No segundo gol da Chapecoense, estava no local certo quando a bola bateu nele e sobrou para Fabiano marcar o segundo gol.

2-QUALIDADE NO PASSE- Gral mostrou o diferencial de um jogador que atuou em grandes clubes como Flamengo e Grêmio. No seu terceiro toque na bola ele não fez nada mirabolante. Apenas “escorou” a bola para a conclusão de Neném, como fazia nos tempos em que era garoto e jogava futsal em Chapecó. Em outro cruzamento apenas desviou a bola com o peito e ela caiu certinha nos pés de Eliomar. Ele só errou um passe na partida quando escorregou no gramado.

3-EXPERIÊNCIA- Logo no início da partida o atacante Cristiano subiu junto com Gral para disputar uma bola aérea e a zaga acabou afastando. Gral chamou Cristiano e o orientou para que ficasse apenas um na disputa, e o outro ficaria na sobra. Durante todo em que esteve em campo ele gesticulou e deu dicas para os companheiros.

4- CONFIANÇA- A confiança de Rodrigo Gral de que o time iria vencer era tanta que ele contagiou seus companheiros. O time que antes estava abalado por não marcar há três jogos e que atuava com a desconfiança da torcida, no sábado marcou com segurança e atacou com vibração. Até a torcida estava mais empolgada ao ver Gral em campo. Tanto que até uma faixa em sua homenagem já decorava a arquibancada da Ala Norte antes mesmo de iniciar a partida.





Comente aqui
16 set17:39

Washington acompanhou vitória

darci.debona@diario.com.br

Um dos novos reforços da Chapecoense, o atacante Washington, que veio do ABC, acompanhou a vitória do time sobre o Caxias, por 4 a 0, no sábado, no Índio Condá. Ele ficou animado com o desempenho da equipe.

-Foi uma vitória bacana, importante para a classificação- disse o jogador de 34 anos.

Ele já tem vários títulos estaduais como o Pernambucano de 2007, pelo Sport, o Baiano de 2009, pelo Vitória, e o Cearense de 2011, pelo Ceará. Disputou a Copa Libertadores de 2006, pelo Palmeiras.

Ele será apresentado nesta segunda-feira. Outra novidade, confirmada pelo diretor de futebol Mauro Stumpf, é o lateral esquerdo Gilton, 23 anos, que vem do Joinville.

Ele repõe a vaga de Esquerdinha, que vai para o ABC e fez sua última partida pel a Chapecoense no sábado

Comente aqui
15 set18:41

Chapecoense faz quatro na estreia de Gral e Dal Pozzo

Na tarde das estreias do atacante Rodrigo Gral e do técnico Gilmar Dal Pozzo a Chapecoense venceu o Caxias por 4 a 0 e subiu para a terceira posição no Grupo B da Série C do Campeonato Brasileiro.

Sirli Freitas/Agencia RBS

O time da casa parecia que tinha uma nova alma. Uma equipe que tinha feito oito gols em doze jogos, fez quatro em apenas um. Os dois estreantes foram decisivos para o resultado. O técnico Gilmar Dal Pozzo montou uma equipe equilibrada e pediu atitude para os jogadores.

Rodrigo Gral mostrou que é um atacante diferenciado. Ao estilo “Romário”, ele não correu muito. Mas correu certo e foi decisivo nos dois primeiro gols. Aos 19 minutos ele recebeu a bola de costas para o gol e apenas “escorou” a bola, como fazia nas categorias de base do futsal, para Neném concluir e marcar o primeiro gol.

Foi apenas o terceiro toque na bola durante o jogo, mas que já fez a diferença. -Treinei com o Neném durante a semana- explicou Gral, sobra a jogada. Dois minutos depois, Gral mostrou por que o atacante tem que estar no lugar certo, na hora certa. Na cobrança de escanteio, a bola bateu nele e, na sobra, Fabiano fez 2 a 0.

Gral abriu os braços para a torcida que já começa a vê-lo como um potencial ídolo. O time empolgou a torcida e ainda marcou mais um gol no primeiro tempo, aos  27 minutos, com Cristiano, desviando cobrança de falta de Paulinho Dias.

Há muito tempo a torcida não tinha tanta alegria no Condá. No segundo tempo, Athos fechou a goleada aos 39 minutos, entrando na área e tocando no canto do goleiro Paulo Sérgio. Com a vitória a Chapecoense foi a 19 pontos e voltou ao grupo dos quatro que passam para a segunda fase. Na próxima rodada a Chapecoense enfrenta o Macaé, sábado, no Rio de Janeiro.


1 comentário
15 set08:01

Rodrigo Gral estreia contra o Caxias

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Entre as novidades da Chapecoense para o jogo deste sábado, às 16 horas, contra o Caxias, a principal delas é o atacante Rodrigo Gral.

Ele é a esperança do time para acabar com o jejum de gols do time, que há três jogos não balança as redes do adversário. O atacante de 35 anos está ansioso para estrear. –Acho que não vou conseguir dormir. Gral até sonha em marcar o gol no estádio que frequentava quando era menino e tinha o sonho de ser um jogador de futebol.

-Já senti um gostinho com o gol que fiz no amistoso- lembrou, sobre o confronto contra o Atlético Paranaense.

Depois de passar pela seleção brasileira Sub-20 e grandes clubes como Grêmio e Flamengo, o atacante resolveu atuar pelo time de sua terra Natal. A intenção era estrear dois jogos antes, contra o Santo André. Mas houve demora na transferência da documentação do DPMM, de Brunei, para o Brasil.

-Só aumentou minha ansiedade, fiquei chateado, mas ajudou na preparação física- disse Gral. Ele não deve ter condições de jogar os 90 minutos. Mas quer fazer o melhor no tempo em que estiver em campo.

Além de Rodrigo Gral, outra estreia é do técnico Gilmar Dal Pozzo, que substitui o dispensado Itamar Schulle.



FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE

Nivaldo

Fabiano

André Paulino

Rafael Lima (Marcos Alexandre)

Eliomar

Wanderson

Paulinho Dias

Neném

Esquerdinha

Cristiano

Rodrigo Gral

Técnico: Gilmar Dal Pozzo


CAXIAS

Paulo Sérgio

Alisson

Jean

Lino

Dener

Umberto

Garroni

Mateus

Diego Torres

Juba

Leo Gamalho (Rafael Santiago)

Técnico: Picoli

Horário: 16 horas

Local: Arena Condá – Chapecó/SC

Arbitragem: Adriano Milzczvski, auxiliado por Marcos Rogério da Silva e Rafael Trombeta.

Ingressos: R$ 15 (estudantes, crianças entre 8 e 12 anos e aposentados), R$ 30 (geral), R$ 40 (Cobertas) e R$ 50 (cadeiras). Sócio tem 50% de desconto na compra de ingresso para acompanhante. Quem não for sócio ganha compra um ingresso e ganha dois. A promoção não vale para ingresso de R$ 15. Os pontos de venda antecipada são Maidana Esportes, Palácio dos Esportes e Posto de Marco.


Comente aqui
14 set15:33

Dal Pozzo fez treino fechado antes do confronto contra o Caxias

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

O novo treinador da Chapecoense, Gilmar Dal Pozzo, fez um treinamento fechado na manhã desta sexta-feira, na Arena Condá.  Até a imprensa ficou de fora de parte do coletivo. Mesmo assim as imagens foram restritas. O objetivo foi treinar jogadas ensaiadas.

Após o treinamento, que durou cerca de duas horas e meia, Dal Pozzo, disse que tem apenas uma dúvida para enfrentar o Caxias, amanhã, às 16 horas, no Índio Condá. Ele pode jogar com um esquema mais defensivo, com três zagueiros, utilizando Rafael Lima, ou então deixar dois zagueiros e escalar o volante Marcos Alexandre.

Como foi apresentado apenas na terça-feira à tarde, um dia após a saída de Itamar Schulle, Dal Pozzo teve apenas quatro dias para treinar. Por isso seu principal trabalho para o confronto contra os gaúchos é trabalhar a parte psicológica dos jogadores. –Precisamos de atitude em campo- declarou. O treinador considera que depende do time resgatar o orgulho do torcedor, que não tem comparecido em grande número no estádio. A média de público fica abaixo dos três mil torcedores.

O time que deve enfrentar o Caxias é Nivaldo, Fabiano, André Paulino e Rafael Lima (Marcos Alexandre); Eliomar, Wanderson, Paulinho Dias, Neném e Esquerdinha; Cristiano e Rodrigo Gral.

Comente aqui
14 set09:59

Gilmar Dal Pozzo mantém base de Schulle na Chapecoense

O novo técnico da Chapecoense, Gilmar Dal Pozzo, deve manter a base do time que vinha atuando sob o comando de Itamar Schulle, que saiu na segunda-feira. No lugar dos suspensos Leonardo e Jô, volta o zagueiro André Paulino e estreia o atacante Rodrigo Gral. No gol, Nivaldo, liberado da suspensão, retoma a vaga que estava com Juliano.

Nas demais posições o time que enfrenta o Caxias deve ser o mesmo que perdeu para o Vila Nova, por uma zero, no domingo passado. O confronto contra os gaúchos é sábado, às 16 horas, no Índio Condá.

Comente aqui
13 set17:42

CBF altera jogo da Chapecoense

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta quarta-feira, dia 12 de setembro, a confirmação da alteração do jogo do dia 7 de outubro. Como será dia de eleição, o jogo contra o Brasiliense foi antecipado para o sábado dia 6 de outubro.

A partida será às 16h na Arena Condá.

Comente aqui
13 set16:23

Ingressos para Chapecoense x Caxias estão à venda

Os ingressos para a partida Chapecoense x Caxias/RS já estão à venda. O jogo deste sábado, dia 15, na Arena Condá, será o primeiro sob o comando do técnico Gilmar Dal Pozzo. Ele assumiu o grupo na terça-feira após a saída de Itamar Schulle. A equipe está em sexto na tabela do Grupo B, com 16 pontos.


Valores

R$ 50 – cadeiras

R$ 40 – cobertas

R$ 30 – gerais

R$ 15 – aposentados, estudantes e crianças entre 8 e 12 anos


A Assessoria de Imprensa da Chapecoense emitiu nota alertando que os sócios que estiverem inadimplentes com o clube serão impedidos de assistir os jogos até que as pendências sejam regularizadas. A Secretaria atende, durante a semana, das 8h30 às 12h e das 13h30 até às 18 horas.


Promoções

Diretoria faz campanha promocional para lotar a Arena Condá:

1. O Sócio torcedor terá direito a comprar ingresso com 50% de desconto em qualquer setor da Arena. A compra dos mesmos deverá ser realizada na Secretaria do Clube;


2. Torcedores “não sócios” que comprar ingresso, no valor normal, poderão retirar de forma gratuita um segundo ingresso para um acompanhante no mesmo setor da Arena. Este ingresso só será retirado nos pontos de venda, até sábado ao meio dia;


3. Pacote promocional Empresa de ingressos válidos para as próximas quatro partidas que a Chapecoense jogará em casa durante esta fase. Deverão ser adquiridos no mínimo 50 ingressos por jogo. O investimento é de R$15 por ingresso, com pagamento em duas parcelas (50% no ato da compra e 50% com cheque para 30 dias).


Pontos de Venda: Palácio dos Esportes, Maidana Esportes e Posto de Marco.


Os portões da Arena serão abertos 2 horas antes do início da partida.

Comente aqui