Sul

16 ago12:03

Obras do acesso à UFFS em Chapecó são iniciadas

Iniciaram nesta semana os trabalhos de terraplanagem no traçado do acesso à Universidade Federal Fronteira Sul. Essa é a primeira fase prevista no Projeto Executivo de implantação da via de acesso à instituição que será executada em três etapas.

Na primeira etapa será implantado um trevo no acesso, junto à SC 459 no acesso à Guatambu. A segunda etapa compreende a uma seção transversal composta de duas faixas de rolamento de 3,5 metros cada, faixa de segurança externa de 1m e faixa de segurança interna com 30 cm, uma em cada sentido. Além disso, canteiro central com 4,5 metros de largura, faixa central de 1,5 metros de largura, grama e passeios laterais de 1,5 metro de cada lado.

Para a última etapa, o projeto prevê alargamento de 5,70 metros de cada lado da seção, mais duas faixas de rolamento de 3,5 metros cada, uma em cada sentido, e estacionamentos com 2,50 metros de largura nos dois lados. A seção final conterá quatro faixas de rolamento de 3,5 metros cada uma, duas de cada lado, canteiro central com 4,5 metros, mais estacionamentos internos com largura de 2,5 metros de cada lado.

As obras estão orçadas em R$ 7,2 milhões, R$ 1,1 milhão na primeira etapa, R$ 4,9 milhões na segunda, e o restante, R$ 1,1 milhão, na etapa final. Os serviços incluem além do trevo, terraplenagem, pavimentação, drenagem, sinalização e iluminação, entre outros. Para a primeira etapa, os recursos estão garantidos e disponíveis na Caixa Econômica Federal.

De acordo com o projeto, a implantação da via de acesso à UFFS tem extensão total de 2.045,04 metros a partir da rodovia SC-459 no acesso a Guatambu.


1 comentário
19 jun14:36

Inverno começa às 20h09min desta quarta-feira no hemisfério sul

A chegada do inverno tem data e hora definidas: no hemisfério sul, a mais gelada das quatro estações começa às 20h09min do dia 20 de junho. Mas em 2011 o inverno começou no dia 21 de junho. O meteorologista da RBS Leandro Puchalski explica o motivo dessa diferença e projeta como será a nova estação.

— A data e horário vem do movimento de translação da Terra em torno do sol. Como o eixo da Terra tem uma inclinação, isso faz com que a orientação dela em relação ao sol tenha uma mudança contínua. Portanto, a altura do sol, ângulo de elevação acima do horizonte, varia no decorrer do ano. Agora no inverno essa altura é menor fazendo com que os raios solares fiquem mais espalhados, chegando até nós com menor energia e radiação solar. Os dias ficam mais curtos. Todas estas mudanças fazem com que as condições do tempo comecem a mudar, trazendo o clima da estação — explicou Puchalski.

Em 2012, o inverno não deve ter atuação de fenômenos como El Niño e La Niña. Significa que transcorrerá dentro do padrão. Com a presença das massas de ar frio de origem polar, os termômetros irão registrar marcas abaixo de 0°C.

— Mas tudo dentro do normal. Claro que teremos os períodos de extremos, principalmente em julho, que é um mês de temperaturas mais baixas para o Sul do país. Com isso teremos as temperaturas negativas e não descartamos a chance de neve. Inclusive estamos esperando que o fenômeno aconteça — explicou o meteorologista Clóvis Corrêa, da Epagri, órgão que monitora o clima em SC.

Sobre as características do inverno, Leandro Puchalski faz um alerta.

— Podemos ter a presença de ciclones extratropicais, próximo ao Litoral, que oferecem perigo às embarcações por causa dos ventos fortes e do mar agitado com ressaca. Além da presença da geada e da neve. Essa não é a previsão propriamente dita, mas algumas características marcantes que sabemos que o inverno de Santa Catarina tem.

Os volumes de chuva irão depender da influência das frentes frias, que podem passar por Santa Catarina com mais ou menos intensidade, conforme a ação dos ventos. Em julho, as regiões da Serra e Meio-Oeste deverão ter os maior volumes. Agosto deve ser o mês mais seco e setembro o mais chuvoso.

— Isso ocorre porque começa neste mês a maior influência de áreas de instabilidade que se formam na Argentina e Paraguai avançando primeiramente para o Oeste. O tipo de nuvem que se forma em uma condição destas é favorável a maiores volumes de chuva — disse Puchalski.

Nesta quarta-feira, às 9h30min, internautas poderão tirar suas dúvidas sobre o inverno em um bate-bato com o meteorologista Leandro Puchalski.

Segundo Puchalski, os primeiros dias ainda devem apresentar pouca mudança, principalmente no que se refere a temperatura.

— O amanhecer de sexta-feira e os do fim de semana deverão ter frio, mas nada muito intenso — adianta ele.


>> Leia mais no Blog do Puchalski


Nesta quarta-feira, as horas que antecedem a chegada do inverno devem ser marcadas pela presença de um centro de baixa pressão no mar deve deixar o dia com muitas nuvens e com possibilidade de chuva, principalmente pela manhã, em todo o Litoral, Vale do Itajaí e em cidades do norte próximas do mar.

Na Serra, também há possibilidade de chuva, mas com menor possibilidade. No Oeste, sobretudo próximo a Argentina, a o dia deve ser de muitas nuvens, alternadas com algumas aberturas de sol e tempo seco na maior parte do dia.



DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
06 jun11:09

Curso de Medicina da UFFS será oferecido em Passo Fundo

O Ministério da Educação (MEC) anunciou no final da tarde desta terça-feira, dia 5, o plano de expansão das vagas para cursos de Medicina em todo o país. A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) foi a única instituição contemplada no Sul do Brasil, com 40 vagas. O curso, que estava sendo disputado pelas cidades de Chapecó e Passo Fundo/RS, será oferecido na cidade gaúcha.

- O fato da UFFS ter sido contemplada no plano de expansão do curso de Medicina representa o reconhecimento dos poderes da República, e específico do Ministério da Educação, ao Dinamismo da instituição e aos princípios que orientam suas ações – afirmou o reitor da UFFS, Jaime Giolo, que reuniu a imprensa nesta manhã.

O reitor agradeceu também o Ministro da Educação, Aloizio Mercadante, pela confiança depositada na instituição.

Ao todo são 2.415 vagas, distribuídas em instituição públicas federais 355 vagas em cursos existentes e 1.260 vagas em cursos novos, totalizando 1.615 vagas. Em instituições privadas, 800 vagas.

Das vagas em cursos novos das universidades federais, 140 foram destinadas para a região norte, 640 para a região nordeste, 220 para a região centro-oeste, 220 para a região sudeste e 40 vagas para a região sul.


Histórico

A UFFS encaminhou uma proposta de inclusão da instituição no plano de expansão dos cursos de Medicina, em 17 de maio de 2012, ao Ministério da Educação. O projeto, enviado pelo reitor, trazia duas demandas de cidades para sediar o curso: Passo Fundo/RS e Chapecó/SC. A decisão foi tomada pelo próprio Ministério da Educação.

Veja a íntegra da apresentação do plano de expansão dos cursos de medicina no site do MEC.


Comente aqui
23 mai16:16

Seminário na UFFS em Chapecó contribui para criação de política indígena

Ouvir experiências, refletir e discutir como serão as políticas de ingresso e permanência dos povos indígenas na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) são os objetivos do evento que acontece nos dias 29 e 30 na Unidade Seminário da instituição, em Chapecó. O “I Encontro sobre Diversidade na UFFS: Políticas de Inclusão Indígena” é aberto à comunidade externa e as inscrições podem ser feitas através do site da instituição, até o dia 28 de maio.

O encontro inicia no dia 29, com a palestra “Política Indígena no Brasil”, com o professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), José Otávio Catafesto de Souza.

A programação do dia 30 segue com a mesa-redonda “Inclusão Indígena na Universidade: experiências de ensino, pesquisa e extensão”, da qual participam os professores da Universidade Estadual de Maringá/PR, Lúcio Tadeu Mota e Rosangela Faustino e novamente o professor da UFRGS José Otávio Catefesto de Souza.

O evento é uma ação da comissão responsável pela criação da política indígena na UFFS, formalizada em abril de 2012. Conforme o professor Elsio José Corá, a comissão tem representantes em todos os campi e procura, com o evento, abordar ensino, pesquisa e extensão com o olhar voltado à política de inclusão indígena.


Comente aqui
25 abr17:14

Rompimento de cabo deixa quatro estados com serviços de internet e telefone prejudicados

O rompimento de um cabo de fibra óptica em Campina Grande do Sul (PR), na região metropolitana de Curitiba, foi o responsável pelos problemas de transmissão de três operadoras de telefonia e banda larga em São Paulo, no Paraná, em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul. Técnicos já estão no local promovendo reparos e a previsão é de que os serviços se normalizem por volta das 18h.

Tim, Vivo e GVT estão com o sinal intermitente ou ausente nesta tarde. Usuários têm dificuldades para completar ligações ou para conectar à internet. Por esse motivo, algumas instituições, como os bancos e lotéricas, não estão conseguindo operar, pois estão estão desconectadas da rede.

>> Estados do Sul do país estão sem sinal de internet e telefone de três companhias

De acordo com a assessoria da GVT, três pontos da rede de longa distância que faz a comunicação de dados para várias operadoras de telefonia e banda larga que operam na região foram rompidos.

* Com informações da Rádio CBN

DIÁRIO CATARINENSE



Comente aqui
17 abr16:46

Cenários para carne de frango brasileira são destaque no XIII Simpósio Brasil Sul de Avicultura

O XIII Simpósio Brasil Sul de Avicultura deste ano terá novo horário, a programação científica vai começar, pela primeira vez, na tarde de terça-feira e encerrar na manhã de quinta-feira, às 12h do dia 19 de abril.

O evento mais tradicional da avicultura brasileira é consolidado pelo alto nível técnico das palestras e deve reunir nesta edição mais de 2 mil participantes de toda a América Latina, entre médicos veterinários, zootecnistas, produtores, representantes da agroindústria, pesquisadores, empresários e as principais empresas de todos os elos da cadeia produtiva. O XIII SBSA vai acontecer no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes, em Chapecó, em Santa Catarina.

Este ano a programação científica do encontro vai reunir especialistas renomados internacionalmente para destacar a qualidade dos ingredientes e o futuro da produção animal. O encontro será aberto com um debate sobre Salmonelas e participação de profissionais e consultores de empresas produtoras, técnicos brasileiros de renome internacional e pesquisadores das principais universidades brasileiras. Este tema exige uma atualização constante dos profissionais do setor, declarou o presidente do Núcleo Oeste de Médicos Veterinários e Zootecnistas de Chapecó (Nucleovet), que organiza o encontro, João Batista Lancini.

- É uma preocupação crescente dos técnicos brasileiros, das empresas, e, inclusive dos governos para assegurar, cada vez mais, alimentos de melhor qualidade na mesa dos brasileiros e dos consumidores de outros países importadores – afirma Lancini.

Comente aqui
16 abr09:45

Simpósio Brasil Sul de Avicultura em Chapecó

A contaminação por micotoxinas é um dos principais desafios da avicultura. A ocorrência destas substâncias tóxicas em matérias-primas para ração de aves pode levar a perda de produtividade do plantel e até a morte dos animais em casos extremos.

O Professor da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e um dos principais especialistas em micotoxinas do mundo, Carlos Augusto Mallmann, vai destacar o impacto econômico da incidência de micotoxinas na avicultura e os aspectos que envolvem fatores de contaminação durante a palestra “Principais micotoxinas que impactam a produção de aves e suas alternativas de controle”.

A palestra acontece nesta quarta-feira, dia 18 de abril, a partir das 17h, na sala Welcy Canal, no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes, em Chapecó. O XIII Simpósio Brasil Sul de Avicultura (XIII SBSA) acontece de 17 a 19 de abril.

Este tema ganha mais importância em função da continuidade de incidência de algum grupo, destacou o especialista. – O impacto na produção é cada vez maior porque outros setores da atividade, como ambiência, manejo, genética e nutrição, estão cada vez mais controlados, de maneira que as micotoxinas, que ainda tem prevalência muito grande, tem grande impacto econômico na atividade – disse.


Micotoxinas

Mallmann lembra que o atual cenário de grande demanda e preços elevados de grãos é bastante favorável a incidência de micotoxinas. – É especialmente preocupante se considerarmos que o atual patamar de preços das commodities agrícolas exige eficiência produtiva dos avicultores para manter a competitividade – disse o especialista.

A palestra “Principais micotoxinas que impactam a produção de aves e suas alternativas de controle”, promovida pela Agroceres Multimix, terá entrada gratuita.


Comente aqui
06 abr16:37

UFFS divulga edital do processo seletivo para primeiro mestrado da instituição

Já está publicado o edital do processo seletivo do primeiro curso de mestrado da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) em Estudos Linguísticos. Os interessados em participar do processo de seleção devem ler atentamente o edital e se preparar para o processo.

Inscrições

As inscrições serão abertas a partir do dia 2 de maio até o dia 25 de maio, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30, na Secretaria Geral da Pós- Graduação na UFFS – Unidade Bom Pastor, do Campus Chapecó -SC. Será aceito envio de inscrições pelo Correio, via Sedex, aos cuidados da Secretaria Geral da Pós-Graduação, desde que a postagem ocorra até o dia 25 de maio.


Vagas

Serão oferecidas 20 vagas no Curso de Mestrado em Estudos Linguísticos, para o ingresso no segundo semestre de 2012. As vagas serão distribuídas entre os docentes das linhas de pesquisa de acordo com a seguinte especificação: Nove vagas para a linha de pesquisa em Práticas Discursivas e Subjetividades; sete vagas para a linha de pesquisa em Diversidade e Mudança Linguística e quatro vagas para a linha de pesquisa em Língua e Cognição: representação e processamento da linguagem.


Público alvo

Poderão se inscrever no processo seletivo do Mestrado candidatos que concluíram curso superior de Graduação reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC), no país e/ou no exterior, ou candidatos que comprovem, mediante declaração de Instituição de Ensino Superior, que terão concluído o curso de Graduação até o ato de matrícula.


Etapas

O Processo Seletivo constará de três etapas diferenciadas e eliminatórias, na seguinte ordem: exame de proficiência em língua estrangeira, de caráter eliminatório; prova escrita, de caráter eliminatório e classificatório; e arguição do pré-projeto e do Curriculum Vitae, de caráter eliminatório.


Documentação

Todos os documentos necessários, bibliografia e demais informações sobre o processo seletivo do mestrado em Estudos Linguísticos da UFFS estão no edital N°114/UFFS/2012 que pode ser encontrado na página da UFFS > Boletim Oficial (no menu da direita) > Editais.


1 comentário
19 mar10:04

Interleite Sul será lançada nesta quarta-feira em Chapecó

Café da manhã para jornalistas e uma entrevista coletiva sobre o mercado do leite no Sul, no Brasil e no mundo marcarão o lançamento do maior evento sulbrasileiro do setor, o Interleite Sul 2012 (3o Simpósio sobre a Produção Competitiva de Leite). O encontro entre promotores do evento e a imprensa acontece nesta quarta-feira, dia 21, às 8h no salão nobre do Lang Palace Hotel.

Na ocasião, o coordenador geral do Interleite Sul, Marcelo Pereira de Carvalho, fará várias abordagens, entre elas, as tendências para o leite no Brasil e impactos nas empresas de insumos; o mercado de leite em 2012 no Brasil e no mundo, detalhando tendências, cenários de oferta, consumo e preços.


Simpósio

O Interleite Sul reunirá mil profissionais do setor – produtores, industrializadores, pesquisadores etc – no período de 3 a 5 de abril, no Centro de Cultura e Eventos Plínio de Nes, em Chapecó. Mais de duas dezenas de palestras de alto nível com os maiores especialistas do segmento de lácteos compõem a programação.

Informações sobre o evento e as inscrições estão disponíveis no site www.interleite.com.br/sul.


Comente aqui
23 fev11:38

Bem-estar animal em debate no Interleite Sul

A garantia de bem-estar animal de todas as espécies criadas pelo homem para a produção industrial de proteínas tornou-se uma exigência da comunidade internacional e uma prioridade para a indústria da carne. O tema estará em debate no maior evento sulbrasileiro da área de lácteos, o Interleite Sul 2012 (3o Simpósio sobre a Produção Competitiva de Leite) que reunirá 1.000 profissionais do setor no período de 3 a 5 de abril, no Centro de Cultura e Eventos Plínio de Nes, em Chapecó.

O simpósio reunirá produtores de leite, técnicos e consultores ligados à cadeia leiteira, estudantes, dirigentes, laticinistas, governo e pesquisadores envolvidos com políticas públicas para o leite. A realização é do MilkPoint e AgriPoint, em parceria com o Núcleo Oeste de Médicos Veterinários.

Mais de duas dezenas de palestras de alto nível compõem a programação, entremeada com intervalos (“milk break”) e espaços empresariais para anúncio de produtos e de inovações tecnológicas voltados ao setor lácteo.Conforto térmico e bem-estar animal como fatores limitantes para a produtividade de rebanhos leiteiros é o tema que o zootecnista Mateus Paranhos da Costa abordará dia 4 de abril, às 9h30.

O coordenador geral do Interleite Sul 2012, Marcelo Pereira de Carvalho, mostra que a terceira edição do mais tradicional evento da pecuária leiteira do Brasil foi adaptado à realidade e às necessidades da região Sul. – O programa dessa edição foi cuidadosamente elaborado a partir da consulta a diversos técnicos dos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além da experiência e visão de nossa equipe – disse.

O resultado foi um programa abrangente, tratando de importantes temas estruturais que interessam a toda a cadeia, além de temas aplicados sobre as principais áreas técnicas: qualidade do leite e mastite, sanidade, reprodução, pastagens, conforto e nutrição.

Além do programa altamente qualificado, o Interleite é um espaço em que os participantes podem trocar informações e fazer negócios. Para levar delegações de técnicos ou produtores, as empresas e cooperativas têm condições especiais.

Informações sobre o evento e as inscrições estão disponíveis no site www.interleite.com.br/sul.


Comente aqui