Tiros

17 ago10:28

Adolescente de 17 anos foi morto com três tiros, próximo a uma escola, em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Ronaldo Dionathan Casagrande, 17 anos, morto com três disparos de revólver calibre .38 na noite desta quinta-feira em Chapecó, está sendo velado no Pavilhão da Associação dos Moradores do Bairro Passo dos Fortes. O enterro será às 17h desta sexta-feira no cemitério municipal. Um adolescente de 15 anos assumiu a autoria do crime e foi apreendido pela Polícia Militar. Nesta manhã ele saiu da delegacia da Polícia Civil e foi levado para prestar esclarecimentos para o promotor no Fórum da cidade. O juiz deve decidir até o meio-dia se o adolescente ficará apreendido ou será liberado.

De acordo com o delegado Augusto Mello Brandão o adolescente de 15 anos teria assumido a autoria do caso. Mas o caso está ainda com informações desencontradas, pois uma testemunha disse que o adolescente teria apenas assumido a autoria do crime.

– Estamos apurando essas informações – disse o delegado.

O homicídio foi por volta das 22h50 na Rua Borges de Medeiros, próximo a uma escola estadual. Segundo a Polícia Militar o adolescente de 15 anos teria alugado a arma utilizada no crime, de outro adolescente de 16 anos, pelo valor de R$ 300. Ainda segundo informações da PM, o adolescente teria pago R$ 10 para outra pessoa levar ele de moto até a escola.

O fato pode ter sido desencadeado após uma briga entre os adolescentes no dia 11 de agosto, quando Ronaldo teria ameaçado o suspeito pelo crime com uma arma. Ronaldo tem passagem pela polícia em 2011 após se envolver em briga.


Comente aqui
24 jul10:26

Mulher foi assassinada com três tiros em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Marli Fátima Cavalheiro, 38 anos, está sendo velada no Salão Comunitário do Bairro Quedas do Palmital. O enterro será às 15 horas no Cemitério Jardim do Éden em Chapecó. Marli foi encontrada sem vida, com dois tiros na cabeça e um nas costas. O crime foi na noite da segunda-feira, dia 23, na Rua Imperatriz, no Loteamento Dom José Gomes em Chapecó.

De acordo com o delegado Danilo Fernandes, que atendeu a ocorrência, o suspeito foi identificado.

- Ele deve se apresentar ainda nesta terça-feira – disse Danilo.

O irmão do suspeito foi encaminhado para a Delegacia após o homicídio. Ele prestou depoimento e foi liberado.

Segundo informações da Polícia Militar, Marli teria sofrido uma tentativa de homicídio no dia 14 de fevereiro deste ano. Na data ela realizou duas ligações para a PM dizendo que a casa onde morava havia sido atingida por disparos de arma de fogo.

Uma guarnição foi até o local e abordou dois homens em atitude suspeita próximo a casa da vítima. Com eles os policiais encontraram uma quantia de maconha e um revólver. Um deles assumiu a posse da arma e que teria efetuado disparos contra a casa de Marli. Os dois foram encaminhados para a Delegacia de Polícia e após prestar depoimento foram liberados.

O caso será investigado pela Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Chapecó.


Comente aqui
24 jun16:00

Policial é morto com três tiros em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

O policial militar José Jadir Seabra, 41 anos, morreu após levar três tiros na madrugada deste domingo em Chapecó. Ele estava de folga da corporação e estaria trabalhando como segurança em um clube no centro da cidade. A câmera de monitoramento próxima ao local flagrou o momento em que um adolescente de 15 anos fez os disparos. O soldado, pai de quatro filhos e que atuava a 16 anos na Polícia Militar, será enterrado na manhã desta segunda-feira no cemitério da Linha Tomazelli, interior de Chapecó.

O crime aconteceu por volta das duas horas da manhã na Rua São João. A câmera da Polícia Militar, que fica a uns 30 metros do local, flagrou a ação. Um adolescente de 16 anos entregou a arma para outro de 15. Ele se afastou das pessoas que estavam na entrada do bar, escondeu a arma debaixo do casaco, voltou e efetuou os disparos. A ação não levou mais que 10 segundos.

O soldado chegou a ser socorrido pelo Samu, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Regional do Oeste de Chapecó.

A arma do crime e os adolescentes foram apreendidos três horas depois no bairro São Pedro. Eles foram encaminhados para a Delegacia de Polícia onde prestaram depoimento e confessaram o crime para o delegado Alex Passos. Para o delegado o que assusta é banalidade como essas pessoas cometem esse tipo de crime.

- Eles disseram que o policial estava tirando onda deles e eles não poderiam deixar a situação assim – contou o delegado. Alex disse ainda que uma briga dentro do bar pode ter ocasionado o homicídio.

- Estamos investigando também o envolvimento de outras pessoas – disse o delegado.

Eles podem responder por homicídio duplamente qualificado com motivo fútil e emboscada.

Após serem ouvidos pelo promotor do Ministério Público, Fabiano Baldissarelli, os adolescentes foram encaminhados para o Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep) de Chapecó.

Nesta segunda-feira eles devem ser apresentados ao juiz e ao promotor da Vara da Infância e Juventude. Em cinco dias o promotor deve fazer a representação para dar início a ação de ato infracional.

- A medida a ser tomada pode ser desde uma advertência até três anos de internação em estabelecimento educacional – disse o promotor.

Segundo o irmão da vítima, Gelson Seabra, o Policial trabalha como segurança há pelos menos quatro anos no local.

– Não era todos os finais de semana. Só quando ele tinha folga do serviço – disse Gelson.

O proprietário do clube não foi localizado para falar sobre o assunto.


1 comentário
16 abr12:15

Família foi assaltada e mantida refém em Chapecó

Uma família foi assaltada e mantida refém na noite deste domingo, dia 15, em Chapecó. Duas vítimas e dois assaltantes ficaram feridos. Dois homens foram presos e dois adolescentes apreendidos pela Polícia Militar.

O assalto foi por volta das 23 horas, na rua Amazonas, no bairro Universitário. A família estava de carro e entrava em casa, quando foi rendida por três homens. Um quarto ficou em um veículo, do lado de fora da residência.

Vizinhos perceberam a ação dos assaltantes e avisaram a Polícia Militar. Enquanto isso, um dos familiares, que é delegado no Rio Grande do Sul e estava armado, atraiu os assaltantes para fora da casa. Eles começaram a trocar tiros. O delegado foi atingido no tórax.

Depois de buscas e com a ajuda de testemunhas, a PM conseguiu chegar aos outros assaltantes e a caminhonete de uma das vítimas, que foi roubada na fuga.

Foram presos Antonio Ferreira de Matos, de 22 anos, que levou dois tiros nas pernas e Elton Faccin, que estava dando cobertura aos assaltantes. Os dois já estão no Presídio Regional de Chapecó e vão responder por tentativa de latrocínio.

Os dois adolescentes, um de 16 e outro de 17 anos devem ser encaminhados ao Centro de Internação Provisória.

O delegado atingido no tórax passou por cirurgia e segue internado em estado grave na UTI do Hospital Regional de Chapecó. O quadro dele é estável.


RBS TV CHAPECÓ


Comente aqui
02 mar10:35

Homem é morto com dois tiros em Chapecó

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Por volta da 21h40 desta quinta-feira a Polícia Militar de Chapecó encontrou o corpo de Claudir Ribeiro Hoffmann, 38 anos, caído sobre um colchão nos fundos da casa onde morava com a esposa e um filho. Ele estava nu e com marcas de dois tiros na cabeça. Havia sinal de um terceiro tiro na parede da casa. A Polícia Civil suspeita que a esposa tenha efetuado os três disparos.

O casal brigava desde 2009 e teriam registrado 16 boletins de ocorrência. – Atendi eles pela última vez em dezembro de 2011, um havia feito boletim contra o outro e três dias depois vieram até a delegacia retirar a queixa – disse o delegado Alex Passos,

Divergências sobre a compra da casa onde os dois moravam pode ter motivado o crime. Segundo o delegado, após os disparos a mulher teria ligado para uma vizinha e pedido para que ela chamasse socorro para atender Claudir. Ela fugiu para o interior de Trindade do Sul, no Rio Grande do Sul, com o filho.

Alex disse que o revólver calibre 32 encontrado no local seria de propriedade da mulher. – Ela havia comentado com algumas pessoas que compraria a arma – disse.

O Instituto Geral de Perícias esteve no local. O pedido de prisão preventiva foi decretado e a Polícia segue as buscas.


Comente aqui
10 jan09:25

Homem foge depois de disparar 20 tiros e é ferido com arame farpado no pescoço em Chapecó

Um homem de 22 anos disparou cerca de 20 tiros com uma pistola 9mm contra uma casa, no bairro Jardim Itália, em Chapecó, na noite da última segunda-feira. Dois disparos atingiram o morador da casa nas pernas e outros 18 acertaram a porta da residência. Quando a Polícia Militar chegou, ele fugiu e acabou se enroscando em um arame farpado, o que causou lesões leves no pescoço.

Ainda durante a fuga ele atirou contra os policiais, que revidou. Nenhum dos disparos acertou o alvo e ninguém ficou ferido. Quando foi detido, ele não estava mais com a pistola, mas foram encontradas aproximadamente 10 gramas de crack em seu poder.

Ele foi conduzido ao Hospital Regional do Oeste para tratamento das feridas, após ser medicado ele foi detido pela Polícia Militar e encaminhado para a Delegacia.


DIÁRIO CATARINENSE

Comente aqui