Vanessa

24 mai15:51

Cirurgia de Vanessa da Female Chapecó foi um sucesso

Toda atleta de alto rendimento está sujeita a lesões. Uma realidade dura, mas que muitas encaram com coragem. Com a ala Vanessa, camisa 7 do futsal feminino da Unochapecó/Nilo Tozzo/Aurora, não foi diferente. Nesta quarta-feira, dia 23, ela passou por reconstrução de ligamentos no tornozelo direito, feita com sucesso no Hospital da Unimed, em Chapecó.

A cirurgia foi realizada pelo Dr. Carlos Henrique Mendonça Silva, ortopedista especializado em medicina esportiva. O médico acompanha há aproximadamente dois anos as atletas da Female. Operou jogadoras como a capitã Valéria e a ala Tampa. Segundo Mendonça, a cirurgia correu bem, de modo que indica um bom processo de recuperação.

A lesão ocorreu em treino na semana passada, rompendo totalmente dois ligamentos. Ainda assim, a Super Vanessa atuou por alguns minutos no jogo de terça pelo Catarinense, contra o Barateiro/Brusque. A previsão é de que a atleta fique afastada de três a cinco semanas. Há seis anos atrás, a jogadora eleita duas vezes melhor do mundo pelo Umbro Awards by FutsalPlanet.com sofreu intervenção no joelho esquerdo – que a deixou afastada por quase um ano.

Comente aqui
09 jan09:56

Vanessa, a melhor do mundo

O site futsalplanet, promotor do prêmio que destaca os melhores atletas, treinadores, árbitros e equipes de uma temporada, divulgou no sábado, dia 07, o resultado da categoria de Melhor Jogadora de 2011 (Best Woman Player of the World) e o título foi para Vanessa Cristina Pereira, ala da Female Chapecó. A atleta já havia vencido o mérito na edição passada, se tornando a primeira a acumular duas conquistas neste prêmio.

Vanessa disputava com Jéssika, colega de equipe, Luciléia (Kindermann), Ana Azevedo (Vermoim-Portugal) e Sarita (Ponte Ourense-Espanha). É política do prêmio não divulgar a classificação final das outras indicadas.

A temporada 2011 de Vanessa iniciou na Espanha, disputando a Liga Espanhola pelo Burela. Lá, a atleta ajudou a equipe a subir na tabela de classificação, alcançando a quarta colocação. Em junho, retornou a Female e retomou o caminho das conquistas. Pelo clube venceu Taça das Nações, Torneio de Espinho, Taça Brasil, Campeonato Catarinense e Jogos Abertos de Santa Catarina. Pela Seleção Brasileira faturou o Campeonato Sulamericano e o Torneio Mundial.

Neste domingo, Vanessa, em férias, publicou através de sua rede social um agradecimento. – Saindo um pouco das piscinas e do descanso para procurar uma net e vir agradecer mais uma vez a Deus, minha família, meu amigos, a minha equipe de Chapecó e todas as outras que passei, aos treinadores que fizeram parte da minha carreira. Em especial ao Eder e a todas as minhas companheiras de equipe – disse.

Nos próximos dias a futsalplanet.com vai divulgar os vencedores de outras categorias. A Female Chapecó segue concorrendo ao prêmio de Melhor Treinador do Ano, com Eder Popiolski, e a de Melhor Equipe. Publicação dessas categorias acontece dias 12 e 14 de janeiro, respectivamente.


Comente aqui
12 dez12:28

Bicampeãs mundiais do futsal feminino

O bicampeonato mundial conquistado pela Seleção Brasileira de Futsal Feminino teve a ala Jéssika como a goleadora principal do 2º Torneio Mundial Feminino de Futsal. A jogadora marcou oito gols durante a campanha vitoriosa do Brasil, que terminou no sábado, 10, com o triunfo verde-amarelo por 4 a 3, sobre a Espanha na decisão, realizada em Fortaleza/CE.

Aos 21 anos, Jéssika levou para casa o troféu ‘Bola de Ouro’ concedido ao goleador do campeonato. – Ser a artilheira da competição dá uma motivação ainda maior para seguir treinando forte. Nada mais recompensador do que conquistar a artilharia somada ao título do campeonato – disse a atleta.

>> Brasil bate a Espanha e conquista o bi do Torneio Mundial



Cely, Giga Paraná, Vanessa e Jéssika participaram do Jornal do Almoço na RBSTV Chapecó.



Volta às quadras

Na terça-feira as atletas da Female Chapecó fazem em Caçador a primeira partida da final do Campeonato Estadual de Fustal, contra o time de casa.

Na quinta-feira, dia 15,  elas recebem Caçador na ADC, às 20h.

- Esperamos a torcida e o apoio dos chapecoenses – fez o convite a goleira da equipe, Giga Paraná.


Comente aqui
10 dez14:37

Brasil é bi-campeão mundial no futsal feminino

O Brasil é bi-campeão do 2º Torneio Mundial Feminino de Futsal. O time passou pela Rússia na semifinal da competição, com um placar de 5 a 1. E agora pouco venceu a Espanha por 4 a 3 na final , no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza/CE.

Vanessa da Female de Chapecó fez o gol do título.

- Eu sabia que ia ser díficil. Mas o grupo trabalhou bem – disse Vanessa.

A atleta ofereceu o gol para a família e para a equipe de Chapecó. Além de Vanessa, Giga Paraná, Cely e Jessika foram convocadas para a seleção brasileira.

- Com certeza elas estão colhendo os frutos merecidos – disse o técnico Vander Iacovino. Ele parabenizou ainda as equipes onde as atletas jogam e treinam durante o ano.



Comente aqui
07 dez12:17

Brasil vence Espanha com gol de Vanessa da Female Chapecó

O Brasil está classificado para a semifinal do 2º Torneio Mundial Feminino de Futsal. A vaga veio com a vitória sobre a rival Espanha, por 2 a 1, na noite da terça-feira,no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza/CE. As brasileiras assumiram a liderança isolada do grupo A, com seis pontos, três a mais que as espanholas e venezuelanas.

Nesta quarta-feira as sul-americanas enfrentam Angola, às 20 horas, dependendo de um empate para confirmar o primeiro lugar da chave. Já a Espanha encara a Venezuela, às 16 horas, em um confronto direto pela segunda vaga do grupo para a semifinal da competição.


O jogo

Desde os primeiros movimentos as brasileiras pressionaram em busca do gol. Após algumas chances, Jessiquinha conseguiu furar o bloqueio defensivo rival, após o avanço pela ala esquerda ela chutou forte e rasteiro, vencendo a goleira Sonia Bernal, aos 8min33.

As espanholas, no entanto, responderam rápido. Após a cobrança de um escanteio, Sara Moreno chutou de fora da área e balançou as redes da meta defendida por Jozi, aos 9min28. Após o gol, as européias conseguiram encaixar a marcação e dificultaram as ações para as brasileiras.

As anfitriãs, porém, conseguiram voltar ao comando do placar aos 15min16, quando Vanessa acertou um belo chute de fora da área, fechando a contagem da primeira etapa: 2 a 1. Na metade final do confronto, a partida seguiu equilibrada. As ibéricas se lançaram mais ao ataque, enquanto o Brasil tentava ampliar o marcador para garantir de vez o triunfo.

À medida que o tempo avançava a tensão aumentava, inclusive com as duas equipes disputando os minutos finais com os respectivos limites de faltas no segundo tempo estourados.

Faltando 26 segundos para o final da partida, a Espanha teve uma chance de empatar, em um tiro livre da marca dos dez metros, mas Sara Iturriaga mandou contra a trave esquerda da goleira Giga, confirmando o triunfo verde-amarelo.

A ala brasileira Vanessa falou sobre as dificuldades para vencer as rivais. – Ficamos felizes pela vitória, mas não pelo segundo tempo. Nossa equipe se propôs a marcar, e nosso ataque não esteve muito qualificado. O que importa são os três pontos e, a partir de agora, não dá mais para errar – completou.


FONTE: CBFS


Comente aqui
05 dez13:57

Torneio Mundial de Futsal inicia nesta segunda-feira

O II Torneio Mundial de Seleções inicia nesta segunda-feira, em Fortaleza/CE. Oito seleções disputam a competição que teve o Brasil como campeão na primeira edição realizada na Espanha, em 2010. O Brasil está no grupo A, junto com Venezuela, Espanha e Angola. Na outra chave estão Portugal, Argentina, Japão e Rússia.

A seleção brasileira estreia, às 20h, contra a Venezuela no último jogo da rodada de abertura. Antes, entram em quadra Angola e Espanha, 14h, Portugal e Japão, 16h e Rússia e Argentina 18h.

O selecionado brasileiro conta com quatro atletas da Female de Chapecó: Giga, Vanessa, Jessika e Cely. Vanessa sentiu uma lesão no pé e foi poupada de treinos durante a semana, contudo participou do último realizado no ginásio Paulo Sarasate, local da competição.


Comente aqui
25 nov09:50

Força chapecoense na seleção brasileira

A seleção brasileira se apresenta nesta sexta-feira, 25, e inicia a fase de treinamentos objetivando o bicampeonato do Torneio Mundial de Seleções. O técnico Vander Iacovino chamou 15 atletas, sendo quatro da Female de Chapecó. Giga Paraná, Cely, Vanessa e Jessika ajudaram a conquista brasileira do Sulamericano em outubro passado e foram reconvocadas.


Trabalho reconhecido: atletas de Chapecó vão defender o Brasil no II Torneio Mundial.


A segunda edição do Torneio Mundial de Seleções, que acontece de 05 a 12 de dezembro, em Fortaleza/CE, vai contar com oito equipes divididas em dois grupos. O Brasil, atual campeão, está na chave A ao lado de Espanha, Angola e Venezuela. A chave B é composta por Portugal, Rússia, Japão e Argentina. Pelo regulamento, as equipes enfrentam-se em turno único dentro das próprias chaves e as duas melhores seleções de cada garantem vaga na semifinal. As equipes vencedoras do confronto eliminatório fazem a decisão do Mundial. O Brasil estreia na competição no dia 05 de dezembro, às 20h, diante da Venezuela.

Seleção Brasileira – 2º Torneio Mundial Feminino

Goleiras

Jozi – CD Burela (Espanha)

Julia – Kindermann/Uniarp/GGNet (SC)

Giga – Unochapecó/NTozzo/Aurora/PMC/Female (SC)


Fixas

Taty – Unesc/FME/Criciúma Construções (SC)

Cilene – Jacareí Futsal (SP)

Gaby – Unesc/FME/Criciúma Construções (SC)


Alas

Neguinha – Nacional Gás/Unifor (CE)

Vanessa – Unochapecó/NTozzo/Aurora/PMC/Female (SC)

Jéssika – Unochapecó/NTozzo/Aurora/PMC/Female (SC)

Jessiquinha – Jacareí Futsal (SP)

Marcela – Unesc/FME/Criciúma Construções (SC)

Ari – Unesc/FME/Criciúma Construções (SC)


Pivôs

Ju Delgado – Los Molinos/Mostoles (Espanha)

Luciléia – Kindermann/Uniarp/GGNet (SC)

Cely – Unochapecó/NTozzo/Aurora/PMC/Female (SC)


Comente aqui
16 nov09:27

Vanessa Pereira, a melhor do mundo, no futsal feminino do Jasc

Cristiano Rigo Dalcin | cristiano.dalcin@diario.com.br

Eleita a melhor do mundo em 2010 pelo site Planet Futsal, Vanessa Pereira, 23 anos, comandou o time de Chapecó na goleada de 9 a 0 sobre Itajaí, na tarde da terça, 15, na quadra do ginásio da Unesc. Com passes precisos, a armadora fez assistências para Jessika, Cely e Miúda e também deixou a sua marca, com um golaço, após pegar o rebote da defesa do time de Itajaí.

Natural de Patos de Minas (MG), Vanessa atua em Santa Catarina desde que 2007, após ser descoberta na Taça Brasil Sub-17 jogando pelo time de Governador Valadares. Depois de atuar pelo Kindermann, de Caçador, Vanessa foi contratada pela Unochapecó, e já tem três títulos de Jogos Abertos. O primeiro, por Caçador, em 2007, e os outros dois por Chapecó, em 2009 e 2010.

De origem humilde, a futura fisioterapeuta não se deslumbra com o reconhecimento de ser considerada a melhor jogadora do mundo:

- Procuro de ver isso de uma fora positiva. A gente sempre fica feliz, mas isso muda um pouco o trabalho, porque a cobrança é sempre maior – explica.

A comparação com Falcão é inevitável, mas ela garante não ter a mesma habilidade do craque.  Seu estilo é outro.

- Ela é perfeita nos fundamentos. Além de colocar as companheiras na cara do gol, é artilheira – explica o técnico de Chapecó, Eder Popiolski.

A atleta será a principal atração da Seleção dirigida por Vander Iacovino e formada por jogadoras de times de SC. De Chapecó, também estão a goleira Giga e as alas Cely e Jessika. As demais jogam por Caçador e Criciúma. Juntas, vão defender o Brasil no Mundial em Fortaleza, em dezembro.

Nesta quarta-feira, ela é destaque da edição impressa do Diário Catarinense.

Comente aqui