clicRBS
Nova busca - outros

Xanxerê

09 dez10:28

Homem morre em acidente envolvendo três veículos, em Xaxim

Um acidente envolvendo três veículos com placas de Chapecó e Caçador resultou na morte do passageiro Juliano Augusto Borges, de 28 anos, no final da tarde do sábado, 8. A colisão ocorreu no Km 524 da BR-282, em Xaxim.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal de Xanxerê, o condutor do Pálio em que estava Borges perdeu o controle do carro em uma curva e bateu na lateral de um Vectra, que desviou para o acostamento. Porém, o impacto causado pela batida fez com que o Pálio voltasse para a pista e colidisse de frente com um caminhão.

O condutor do Pálio, Ronaldo Luiz Pereira, de 21 anos, sofreu lesões leves e o passageiro Vanderson de Meda, 25 anos saiu ileso. Do Vectra, apenas um menino de 12 anos teve ferimentos leves. Já o motorista Edes Brás Iaramenco, 32 anos e passageira Ivanete Borin, 40 anos, saíram ilesos.

O motorista do caminhão, placas de Caçador, Jeferson Rodrigo Leuchtenberger, 23 anos, também não se feriu.


Comente aqui
05 dez17:51

Estádio de Xanxerê é reprovado em vistoria

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

O estádio que a Chapecoense pretende sediar seus jogos no primeiro turno do Campeonato Catarinense de 2013, o Josué Annoni, em Xanxerê, foi reprovado na vistoria realizada na tarde desta quarta-feira, dia 5, pelos Bombeiros.

-No momento não apresenta condições- afirmou o capitão Charles Alexandre Vieira, da Diretoria de Atividades Técnicas dos Bombeiros de Santa Catarina.

Ele afirmou que o estádio apresenta aspecto abandonado e não tem sinalização, extintores e luzes de emergência, entre outros itens.

Também será necessário arrumar e dimensionar os portões, pintar a numeração das arquibancadas. Vieira, que está vistoriando todos os estádios que sediarão jogos do catarinense, considerou que o Josué Annoni é o em piores condições.

Outros dois estádios foram reprovados, o Renato Silveira, do Guarani de Palhoça, e o estádio da Baixada, do Atlético Hermann Aichinger. No entanto, no casos de Guarani e do Atlético, as medidas são mais simples.

No caso de Xanxerê será necessário realizar e apresentar com urgência um Projeto de Prevenção de Incêndios, com previsão dos extintores, iluminação, sinalização e escoamento da torcida.

Aprovado e implantado o plano, os bombeiros farão uma nova vistoria. Vieria disse que o prazo inicial de que os laudos deveriam estar concluídos até o dia 15 de dezembro, de acordo com o Estatuto do Torcedor, 35 dias antes do campeonato, terá que ser prorrogado. A última data é cinco dias antes da estreia.

-O prazo é exíguo, mas é possível com a boa vontade de todos- explicou Vieira, que é torcedor do Avaí e em Xanxerê encontrou outro bombeiro que é torcedor avaiano, o capitão Walter Parizotto, que comanda a unidade local.

O mais interessante é que o primeiro jogo da Chapecoense no Oeste seria justamente contra o Avaí, no dia 23 de janeiro.

-Vamos lotar a arquibancada visitante- brincou Parizotto, mesmo sem ainda existir uma arquibancada visitante.

Atualmente o estádio conta com apenas uma arquibancada, que é coberta, de um lado, com capacidade estimada em 1,4 mil torcedores.

O gerente de futebol da Chapecoense, Carlinhos Almeida, disse que já está cotando arquibancadas móveis, para chegar a uma capacidade de quatro a cinco mil torcedores. Ele afirmou que até a nova grama da Arena Condá ficar pronta a Chapecoense prefere sediar os jogos em Xanxerê, onde há uma torcida fiel ao clube, pois fica a apenas 45 quilômetros de Chapecó. O Plano “B” é o estádio Domingos Machado de Lima, em Concórdia, que fica a 90 quilômetros de Chapecó.

O diretor de esporte da Prefeitura de Xanxerê, Luiz Vicente Paglia Júnior, disse que o município quer sediar os jogos da Chapecoense e vai investir R$ 106 mil na reforma do estádio, com auxílio de R$ 80 mil do Governo do Estado.

– Se depender do município a Chapecoense joga aqui – finalizou.


Comente aqui
04 dez12:45

Taça de Ciclismo supera expectativas em Xanxerê

A Taça Carlos Hacker/Unimed realizada no domingo, dia 2, em Xanxerê, atraiu duzentos atletas dos três estados da região Sul do Brasil.

- É um novo recorde de participação em provas de ciclismo no Oeste catarinense – disse o diretor da prova, Douglas Moi Bueno.

Profissionais, amadores, iniciantes e crianças enfrentaram o sol forte e a temperatura de 30º C em três percursos.

A Taça Carlos Hacker/Unimed teve a participação de um ciclista olímpico. Daniel Rogelin, que disputou a Olimpíada de Atlanta (EUA), em 1996, pedalou no percurso principal (52 quilômetros) e elogiou a prova.

- Foi um trajeto bem seletivo, com um visual bacana, para competir e usufruir a natureza – comentou o atleta, que reside em Chapecó.

A largada e a chegada ocorreram na praça central de Xanxerê, que também sediou a premiação.


Comente aqui
30 nov15:25

Obras do esgoto sanitário em Xanxerê estão 70% concluídas

Cerca de 70% das obras do esgoto sanitário de Xanxerê estão prontas. Nesta primeira etapa, 1.035 residências vão ser atendidas. De acordo com a Prefeitura após a conclusão da segunda etapa aproximadamente 65% das moradias do município vão ter a coleta de esgoto.

Os trabalhos iniciaram pela rua Victor Konder, sendo que a tubulação passará pela Coronel Passos Maia, Rui Barbosa, Sete de Setembro, Dr. José de Miranda Ramos, Coronel Santos Marinho, General Osório, Floriano Peixoto, Papa João XXIII, Fidêncio de Souza Mello, Almirante Tamandaré, Arthur Dambroso, Ivo Sguissardi, Antônio Victorio Giordani, Irineu Bornhausen, Presidente Vargas e Barão do Rio Branco. A estação de tratamento foi construída na Linha Invernadinha, interior do município.

O valor total desta primeira etapa é de cerca de R$ 9 milhões.


Plano Municipal de Saneamento Básico

No sábado, dia 1º de dezembro, será assinada a ordem de serviço para a elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico no município.

A assinatura será realizada às 9 horas, no gabinete do prefeito Bruno Linhares Bortoluzzi, com a presença do Superintendente Estadual da Funasa/SC. Após a assinatura, será feita uma vistoria as obras do esgoto sanitário e também à Estação de Tratamento.


Comente aqui
29 nov10:42

Primeiros jogos da Chapecoense no Catarinense podem ser realizados em Xanxerê

Juliano Zanotelli |juliano.zanotelli@rbsoline.com.br

Com a troca do gramado da Arena Condá , que deve levar 90 dias, os primeiros jogos da Chapecoense, no Campeonato Catarinense 2013, podem acontecer no Estádio Municipal Josué Annoni de Xanxerê. A confirmação depende da aprovação da Federação Catarinense de Futebol. Para isso uma vistoria está marcada para o dia 5 de dezembro.

- A definição deve sair até o dia 7 de dezembro – disse o presidente da Chapecoense, Sandro Pallaro.

O presidente destacou ainda que os sócios que estiverem em dia com o clube terão acesso gratuito aos jogos.

Pallaoro está confiante que os jogos aconteçam mesmo em Xanxerê. Caso o estádio da cidade nãos seja aprovado as partidas podem acontecer no Estádio Domingos Machado de Lima em Concórdia.


Comente aqui
26 nov09:31

Dois jovens morrem após veículo sair da pista e cair em barranco na BR-282 em Xanxerê

[Atualizada 17h07]

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Dois jovens morreram após o veículo que eles estavam sair da pista e cair em um barranco. O acidente foi por volta das 2 horas da madrugada desta segunda-feira, na BR 282 em Xanxerê. O motorista do veículo Gol, placas de Xanxerê, Fernando Bielinki, 29 anos e o passageiro David Alves dos Santos, 22, não resistiram ao impacto da colisão e morreram no local.

Os ocupantes Renato Rodrigues, 21 anos, e Márcio Quintino de Moraes, 24, foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros de Xanxerê e encaminhados para o Hospital São Paulo de Xanxerê.

De acordo com Assessoria do Hospital, Renato segue internado na Unidade de Terapia Intensiva e Márcio teve alta no início da tarde desta segunda.

Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Instituto Médico Legal de Xanxerê.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal de Xanxerê os jovens faziam o sentido Faxinal dos Guedes – Xanxerê.


Comente aqui
23 nov15:35

Fundação Catarinense de Cultura realiza oficinas no Oeste

A Fundação Catarinense de Cultura (FCC), através do Sistema Estadual de Museus (SEM/SC), leva a seis cidades catarinenses a “Oficina de Sustentabilidade dos Museus”. O evento terá duas palestrantes e uma delas é a responsável pelo setor Museológico do Centro de Memória do Oeste de Santa Catarina (Ceom/Unochapecó), Denise Argenta. Na região Oeste, o curso acontece em Xanxerê, nos dias 29 e 30 deste mês.

O programa é destinado aos profissionais da área museológica, entre eles gestores municipais de cultura, agentes e produtores culturais. Os temas abordados no encontro tratam sobre economia da cultura e economia criativa, sustentabilidade, captação de recursos, além de elaboração de projetos culturais. As oficinas fazem parte do terceiro módulo do Programa de Capacitação Museológica e ocorre nos meses de novembro e dezembro.

A oficina é gratuita e visa atender a demanda apresentada pela classe museológica do Estado. Os objetivos, segundo a pesquisadora, são de apresentar os principais problemas e soluções encontrados na prática da gestão cultural, além da importância do planejamento e metodologia para a sustentabilidade dos museus. Ela destaca que um dos principais diferenciais desta edição do evento está no fato de ser a primeira vez que profissionais de museus da região são convidados a ministrar oficinas nos programas de capacitação do Sistema Estadual de Museus da Fundação Catarinense de Cultura.


Parcerias do projeto

Para a realização do projeto, que já passou por dois municípios, Denise aponta a parceria entre o Ceom/Unochapecó e o Museu Histórico de Pinhalzinho, já que a coordenadora Fernanda Ben também irá ministrar palestras no evento. As palestras já ocorreram nos municípios de Mafra, nos dias 6 e 7 de novembro, e Rio do Sul, em 8 e 9 de novembro. Ainda no mês de novembro, Curitibanos recebe as oficinas, nos dias 27 e 28. Já em dezembro Orleans e São José terão as atividades, a primeira nos dias 4 e 5 e a última nos dias 6 e 7.

A proposta da oficina tem a perspectiva do trabalho conjunto e a região Oeste é uma das que mais desenvolve parcerias interinstitucionais a fim de garantir o funcionamento, a otimização dos trabalhos e a ampliação das ações dos museus. “Essa é apenas uma das propostas que o curso se dispõe a estimular em todas as regiões do Estado”, enfatiza Denise.

Para se inscrever em uma das edições que ainda irão acontecer, os interessados devem enviar e-mail, com nome, endereço completo, instituição, função, telefone, e-mail e a cidade desejada para a participação. Deve ser encaminhado para capacitacaosem@fcc.sc.gov.br, até 48 horas da realização da oficina.


Comente aqui
22 nov09:24

Tradição religiosa do Maranhão é apresentada no Oeste

O projeto Sonora Brasil chega a sua última etapa em Santa Catarina trazendo o grupo Caixeiras do Divino, do Maranhão. As instrumentistas apresentam as diversas etapas da Festa do Divino de São Luís, um dos mais importantes festejos da cultura popular do Maranhão. As Caixeiras do Divino circulam por 24 cidades catarinenses, dentre elas Concórdia, Chapecó, São Miguel do Oeste e Xanxerê.


Sobre as Caixeiras do Divino

A festa do Divino Espírito Santo se destaca como um dos mais importantes festejos da cultura popular do Maranhão, ocorrendo em dezenas de cidades. Toda festa do Divino gira em torno de um grupo de crianças que, durante o período dos festejos, são vestidas com trajes nobres e tratadas com regalias. O ritual pode durar até 15 dias e conta com uma estrutura bastante complexa, com várias etapas, podendo apresentar variantes significativas em cada localidade. No Maranhão, essa festa está diretamente ligada às religiões afro-brasileiras.

Entre os elementos mais importantes da festa do Divino estão as caixeiras, senhoras devotas que cantam e tocam caixas acompanhando todas as etapas da cerimônia. É sua responsabilidade conhecer todo o ritual e o repertório relacionado, que é vasto e variado, e ainda precisam ter a habilidade do improviso para responder a situações imprevistas no decorrer das etapas.

Dona Maria Rosa, Dona Maria de Jesus, Dona Zezé de Iemanjá, Dona Rosa Barbosa e Dona Rosa Dias, as caixeiras do Divino de São Luis do Maranhão, apresentarão as várias etapas do festejo através de seus respectivos cânticos, acompanhados das caixas. O canto, ora em uníssono ora a duas vozes, pode apresentar variações na melodia principal, como ocorre tradicionalmente nas práticas da tradição oral, e suas características interpretativas traduzem a força alcançada pela relação de devoção ao Divino Espírito Santo.


Apresentações no Oeste

26/11 – Concórdia

Local: Memorial Attilio Fontana, 20h


27/11 – Chapecó

Local: Universidade Federal da Fronteira Sul, 20h


28/11 – São Miguel do Oeste

Local: Auditório do Centro Empresarial Andromeda, 20h


29/11 – Xanxerê

Local: Auditório do La Salle, 20h


Comente aqui
19 nov11:28

Chapecoense pode usar estádio de Xanxerê para jogos do Catarinense

Juliano Zanotelli | juliano.zanotelli@rbsonline.com.br

Com a troca do gramado da Arena Condá confirmada, assim que a Chapecoense terminar sua participação na Série C, a diretoria da Chapecoense está em busca de estádios para a realização dos primeiros jogos do Campeonato Catarinense 2013. Nesta tarde o presidente Sandro Pallaoro visita o Estádio Municipal Josue Annoni em Xanxerê.

Pallaoro será recebido pelo atual prefeito de Xanxerê, Bruno Bortoluzzi e pelo prefeito eleito Ademir Gasparini.

- Estamos a disposição da Chapecoense e esperamos atender as necessidades do time e da federação – disse Bruno.

A visita está marcada para as 14 horas no estádio. Outra cidade que será visitada pela diretoria do clube é Concórdia.


Troca do gramado

A Prumo Construtora e Incorporadora, de Chapecó, irá fazer o trabalho de troca de gramado. O campo terá que ser nivelado e a grama, do tipo Bermuda, a mesma de estádios como o Olímpico e Beira Rio, será colocada em rolos.

O projeto de R$ 639 mil prevê sistema de drenagem e irrigação automática. A previsão é de que a troca leve 90 dias.


Comente aqui
19 out11:36

Show de manobras em Xanxerê

  Adrenalina vai correr nas veias dos apaixonados por aventura no próximo dia 20 de outubro. Programe na sua agenda, a partir das 20 horas, um grande show de manobras irá acontecer na Rua Rui Barbosa, em frente a Igreja Matriz Senhor Bom Jesus, no centro de Xanxerê. Será o “Show Espetacular Volkswagen” com o piloto João Paulo Steves, exclusivo da Volkswagen do Brasil.


Conforme a Auto Xanxerê, que está promovendo o Show, durante as provas a platéia verá toda superioridade de segurança e tecnologia das máquinas Volkswagen. O Show vai contar com manobras de derrapagens, pára-choque humano, testes de freio, teste de cambio onde faz engates de marcha ré, derrapagens com o piloto sentado no banco do carona, o piloto andando em somente duas rodas e muita participação do público.


Conheça um pouco do piloto
Filho do grande piloto de manobras Steves, o piloto que imortalizou a Parati com o cavalo de pau e criou a manobra do pára-choque humano, João Paulo faz manobras impressionantes com os Volkswagen em apresentações pelos quatro cantos do Brasil.


João Paulo já correu de Kart e foi campeão da Copa do Brasil, Campeonato Paulista e Brasileiro, correndo ao lado de Felipe Massa, Antonio Pizonia e outros campeões, mas descobriu que seu real talento era seguir os passos do pai, fazendo manobras radicais e levantando o público da arquibancada com sua pilotagem precisa e agressiva. Com apenas 18 anos e 23 dias de idade, João Paulo foi o mais jovem piloto do mundo a ter andado com um carro sobre duas rodas.


O Show Espetacular Volkswagen divide-se em três partes. Na primeira, o piloto realiza manobras de cavalos de pau, pára-choque humano, testes de frenagem, teste de câmbio, que consiste em engatar a ré enquanto o veículo está a mais de 80km/h. João Paulo também faz a manobra de estacionamento de ré, cavalo de pau dirigindo o carro do banco do passageiro e até pelo banco de trás do veículo.

 Na segunda parte, as manobras são em duas rodas, nesta hora a emoção é garantida e dividida com o público. Quando possível, alguém do público é convidado a experimentar a sensação de andar em duas rodas e a emoção é grande. O Show Espetacular é encerrado com o salto sobre rampas, distantes 12m uma da outra, onde João Paulo Steves atravessa uma barreira de fogo em pleno ar.


A equipe Steves há muito tempo faz trabalhos para a TV e cinema. Desde a década de 70, a equipe já gravava cenas de capotamento e manobras radicais para novelas da Rede Globo, filmes, para o seriado Os Trapalhões, nos anos 80 para o Fantástico e Programa Viva a Noite. Já nos anos 90, foi a vez do Domingo Legal e as famosas manobras do Pára-choque humano com artistas, pegadinhas do Topa Tudo por dinheiro e várias apresentações nos mais diversos programas.


E hoje o piloto exclusivo da Volkswagen realiza várias matérias para programas de TV.





Comente aqui