Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Experiência no gol para garantir a classificação

14 de abril de 2012 0

Darci Debona | darci.debona@diario.com.br

Depois de cinco meses sem atuar numa partida oficial, em virtude de uma lesão no joelho direito, o goleiro Rodolpho voltou ao time há dois jogos, em grande estilo. E este é um dos trunfos da Chapecoense para garantir a classificação para as semifinais do Campeonato Catarinense, amanhã, contra o Criciúma.

Sirli Freitas / Agência RBS

Ele foi um dos responsáveis pelo empate por 1 a 1 com o Cruzeiro, quarta-feira, pela Copa do Brasil. Num dos lances, em que Wellington Paulista livrou-se dos zagueiros e ficou livre para marcar, Rodolpho saiu para fechar o gol e fez a defesa com o pé.

O mais interessante é que o goleiro campeão do ano passado já estava recuperado há uns dois meses mas amargava o banco até o jogo contra o Atlético de Ibirama. O motivo é que seu concorrente pela camisa número um é Nivaldo, goleiro destaque no título de 2007, e que está no clube desde 2006.

Nivaldo teve uma lesão no início do catarinense do ano passado e Rodolpho foi contratado no final do turno. Na primeira partida contra o Brusque, pegou pênalti e garantiu a vitória por 3 a 2. Depois, mesmo com a recuperação de Nivaldo, foi o dono da meta até conquistar o título. Na Série C vinha sentindo uma dor no joelho direito mas continuou jogado. Sua última partida havia sido no dia 30 de outubro, na vitória por 3 a 0 diante do Brasiliense. No início deste ano, como estava lesionado, Nivaldo voltou a ser titular. E não largou mais a posição até sofrer outra lesão, na coxa, antes do jogo contra o Atlético de Ibirama.

Embora disputem posição os dois goleiros mantém uma boa relação e comemoram as vitórias juntos. Rodolpho elogiou o trabalho do preparador de goleiro Anderson Boião, que mantém ambos em bom nível. –O importante é não desanimar e manter o trabalho- disse Rodolpho. Jogando um ou outro o time segue com segurança no gol. Bom para a Chapecoense, que conta com dois goleiros de bom nível.

Rodolpho disse que vai tentar fazer o melhor para manter a titularidade. E espera novamente uma boa atuação, assim como todo o setor defensivo, para garantir a classificação para as semifinais.

Envie seu Comentário