Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

A Copa e as quadras

08 de agosto de 2013 1

As obras da Padre Cacique/Foto de Lauro Alves


As obras da Copa do Mundo acabaram afetando o Carnaval de Porto Alegre. Por enquanto, negativamente.
Aliás, no pouco em que os dois assuntos se relacionam (Carnaval e Copa do Mundo), o saldo seria positivo, não fosse o atraso nas obras. Refiro-me à reforma das quadras das proximidades do Estádio Beira-Rio, na Avenida Padre Cacique.

Se tudo tivesse transcorrido dentro do cronograma inicial, a esta altura do ano, Imperadores do Samba, Praiana e as bandas Itinerante e Saldanha já estariam com suas novas sedes, bem planejadas, recebendo público, mesmo em dias de mau tempo.

Mas, como a maioria das obras que estão sendo executadas para deixar a cidade em condições de bem sediar o Mundial, as que envolvem as quadras também estão atrasadas. Com isso, as duas escolas de samba ainda aguardam por suas novas e modernas sedes. Enquanto isso, sofrem duplamente: com os transtornos das obras do entorno do Beira-Rio e com a precariedade de suas quadras.

A mais prejudicada, sem dúvidas, é a Imperadores do Samba. A escola teve de entregar boa parte de seu espaço para possibilitar o avança da duplicação da Avenida Edvaldo Pereira Paiva. Com isso, entre outras coisas, perdeu boa parte de sua cobertura, a praça da alimentação e os camarotes. Justamente em uma época em que está acostumada a realizar festivais de sambas-enredo.

Mas a Vermelho-e-Branco é guerreira. A escola já venceu Carnaval, tendo seu horário de ensaios limitado em apenas duas horas por dia, em 1990, seu último ano na Avenida Erico Verissimo. Com certeza, a resistência do samba voltará a prevalecer.

Força, Imperadores. Força, Praiana. Força Saldanha e Itinerante. Ao público, fica a convocação: vamos prestigiar as atividades lá realizadas, mesmo com as obras. Vamos fazer deste limão, uma saborosa limonada.    

Comentários (1)

  • Juliana diz: 8 de agosto de 2013

    É verdade, a situação do Imperador está bem complicada, e como somos a resistência do samba, isso não irá nos abalar!!!

Envie seu Comentário