Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Nivea Viva o Samba: Porto Alegre recebe espetáculo gratuito no domingo

14 de março de 2014 0

Neste final de semana a Capital vai parar e fazer uma reverência ao samba.

No domingo, dia 16, Porto Alegre receberá o Nivea Viva o Samba.

 Marcos Hermes / Divulgação

Marcos Hermes / Divulgação

A série de espetáculos, já conhecida dos gaúchos, reunirá no Anfiteatro Pôr-do-Sol nada menos que Alcione, Martinho da Vila, Diogo Nogueira e Roberta Sá. O show é gratuito e está previsto para começar às 16h30min.

A grande ideia é mostrar a união de diferentes gerações de sambistas. O público poderá conferir interpretações da obra de  Noel Rosa, Ary Barroso, Clara Nunes, Chico Buarque, Vinicius de Moraes e Dorival Caymmi.

Programão mais que certo, não dá para perder!

Está chegando a hora de botar o pé na passarela do samba!

27 de fevereiro de 2014 0

 

009c9e92

 

Será mais um Carnaval em nossas vidas. Não apenas mais um Carnaval, pois nunca um é igual ao outro. Há sempre grandes expectativas por trás de um ano de trabalho. Amanhã, a partir das 22h10min, as escolas de samba do Grupo Especial começam a pisar na passarela do Porto Seco para uma grande disputa.

 

Neste ano, diferentemente do ano passado, não há interdição do complexo, nem o risco de que isso aconteça. Soma-se a isso toda a preparação, com ensaios e trabalho de barracão, e está justificada a lotação da passarela. Quem ainda não adquiriu seu ingresso, poderá fazê-lo amanhã ou sábado, no local.

 

A Copacabana, que desfile pela Grupo A, no próximo domingo, homenageando a Portela, tem fantasias de alas disponíveis a R$ 50 para quem ainda desejar participar. Outra opções são para a velha guarda e para a Ala Amigos da Copacabana, ambas a R$ 100. Contatos na quadra (Rua São Felipe, 96) ou pelos telefones 9285-3827 e 8614-7122.

 

A banda Vuco-Vuco sai no dia 8 de março, na Cohab Cavalhada. A concentração será na frente do Bar do Celso. Aliás, como será o Dia Internacional da Mulher, estará bem apropriado para os foliões que, tradicionalmente, as homenageiam com suas vestimentas.

 

Dois eventos tradicionais em Porto Alegre, principalmente no que diz respeito a Carnaval participativo, vão dar seguimento ao circuito Cidade Baixa em Alta, durante o Carnaval, na Rua da República. No próximo sábado, a partir das 16h, sai a Banda DK, que nas décadas de 70 e 80, animou e arrastou jornalistas, músicos, boêmios, intelectuais, entre outros grupos, pelas ruas do Menino Deus e Cidade Baixa.

 

Na terça-feira, também na Rua da República e a partir das 16h, tem a Rua do Perdão que, assim, como a Banda DK, foi idealizada por Waldemar de Moura Lima, o Pernambuco, um dos foliões mais conhecidos da Capital.
A estrutura no Cidade Baixa em Alta foi reforçada, tanto em banheiros, como em seguranças e limpeza. Além da Limpeza do DMLU temos uma empresa contratada para retirar o lixo logo após o evento.

 

O Bloco Só Alegria desfila neste domingo, com concentraçao a partir das 22h, na Avenida Saquarema, em Atlântida Sul. Os abadás estão disponíveis no barracão (Rua do Farol, 548), a R$ 25.

 

O que esperar do Carnaval de 2014? A turma do Chora Cavaco debate o assunto

26 de fevereiro de 2014 0

Na próxima sexta e sábado a Capital gaúcha vai parar para assistir um dos maiores espetáculos de nossa cultura.

É isso, gente, finalmente chegou a hora. Depois de um ano invadiremos o Porto Seco novamente.

Marcelo Oliveira / Agência RBS

Marcelo Oliveira / Agência RBS

A novidade de 2014 são sambas-enredo muito bem elaborados.

A turma do Chora Cavaco – Vinicius Brito, Renato Dorneles e Luiz Armando Vaz -, debatem como será a folia este ano.

Assista aqui e dê seu palpite: O que esperar do Carnaval de Porto Alegre em 2014?

Carnaval já toma as ruas de Porto Alegre

21 de fevereiro de 2014 0
Foto: Divulgação, PMPA

Foto: Divulgação, PMPA

Deveremos ter amanhã, no Sambódromo do Porto Seco, o grande ensaio geral do Carnaval. Se os horários forem rigorosamente cumpridos, teremos 11 horas e meia de Muamba Oficial, com a participação de todas as escolas do Grupo Especial. Tudo, é claro, com entrada franca. Estivemos ontem no Porto Seco e constatamos que está quase
tudo pronto. Mas falta um detalhe decisivo: a vistoria, pelo Corpo de Bombeiros, nas estruturas provisórias (e já se vão dez anos da inauguração do sambódromo). O procedimento, segundo informado pela própria prefeitura, só será
feito horas antes do início da muamba. Independentemente de quem seja a culpa, é lamentável que, mais uma vez, isso ocorra: a realização, ou não, de um evento que envolve dezenas de milhares de pessoas, só seja definida horas antes.

Blocos na rua

* Na Cidade Baixa, o tão esperado dia está chegando: amanhã, o Bloco Maria do Bairro vai tomar a Rua Sofia Veloso, partindo da esquina com a Lima e Silva, cantando o samba sobre Caco Velho e tantos outros sucessos de Carnaval. A mobilização é grande. Começa às 16h.
* Junto com o Maria do Bairro, estará na rua o Areal do Futuro. O bloco (ou escola de samba infanto-juvenil) foi
fundado em 2004, após o término da escola Integração do Areal da Baronesa. Cleusa, Paulinho e Daniel não deixaram a peteca cair no tradicional berço do samba.
* Ali, bem pertinho, na esquina das ruas Lima e Silva e República, o Bloco Deixa Falar, com suas tradicionais marchinhas de Carnaval, também estará fazendo a festa neste sábado, a partir das 16h.
* Amanhã, na sede da Associação Comunitária Sargento Raimundo Correa Garcia, na Rua Bororó, 21, Vila Bororó
(atrás do Hospital da Brigada Militar), tem bailes de Carnaval da terceira idade, das 16h às 18h, e infantil das 18h às 20h. Depois, o bloco da entidade toma a rua para fazer a festa.

Falando nisso…

* O regulamento do Carnaval de Porto Alegre deste ano corrige o que, na minha opinião, foi um equívoco, no ano passado. Desta vez, serão duas rebaixadas e haverá o ascenso de apenas uma do Grupo A. Com isso, em 2015, voltaremos a ter dez escolas no Grupo Especial, cinco por noite de desfile. Beleza.

* A edição de hoje do Clube da MPB terá como tema Outros Carnavais: Marchinhas e Sambas. Um dos convidados é
o artista Paulo Canavezi, que tocará com a Banda do Clube. Já Zeca Brito, outra presença confirmada, chegará com uma formação especial do Bloco Maria do Bairro, apresentando sambas e composições próprias. Será no Meme Santo
de Casa – Estação Cultural (Rua Lopo Gonçalves, 176), às 21h. Ingressos a R$ 30.

* Neste domingo, a partir das 17h30min, no Ginásio Municipal de Alvorada, serão escolhidas as cortes mirim, infantil e adulta do Carnaval do município. Além disso, haverá a coroação da corte gay. Participarão as escolas Moleques de Alvorada, Unidos da Intersul, Algarve do Futuro, Estrela do Umbu, Tradição Alada, Astros de Alvorada, Trevo de Ouro, Deixa Falar, Bem Vinda e Periferia. A entrada é franca.

Impasse sobre as bancas do Sambódromo

12 de fevereiro de 2014 0

Uma mudança no modelo de economato para as bancas de lanches da praça de alimentação e dos setores de
arquibancadas do Sambódromo gerou um impasse entre comerciantes e as entidades responsáveis pela organização do Carnaval.

Cerca de 30 comerciantes que atuaram no ano passado foram ao barracão da Liga das Escolas de Samba de Porto Alegre (Liespa) reclamar da alteração.

- Até o ano passado, saía um edital e disputávamos as bancas por sorteio. Neste ano, privatizaram e querem fazer a gente de empregados. Querem nos pagar só 15% do faturamento bruto – reclamou Vilson Antônio Michquinis.

● Ecônomos estão definindo

Pelas novas regras, à exceção de seis entidades que, por atuarem há muitos anos, foram mantidas, nos demais casos, por contrato, as bancas foram entregues a ecônomos.

– Eles (os ecônomos) optaram por terceirizar os espaços (bancas). E eles estão tratando individualmente com cada um dos interessados. E são eles que estão estabelecendo os produtos que serão comercializados – explicou o presidente da Liespa, Juarez de Souza.

Blocos de Carnaval vão agitar o Bairro Cidade Baixa. Confira a agenda!

08 de fevereiro de 2014 1
Bloco do Jeito que Tá Vai lota por onde passa - Foto: Gustavo Vara

Bloco do Jeito que Tá Vai lota por onde passa – Foto: Gustavo Vara

Nem só de escolas de samba vive o Carnaval de rua de Porto Alegre. Neste sábado, o Bloco Panela do Samba dá a largada no circuito Cidade Baixa em Alta. A partir de agora, serão seis finais de semana e nove datas com muita folia e participação de 13 blocos (sem contar os que não fazem parte do circuito).

Em 2013, o público total em todo o Cidade Baixa em Alta foi estimado em mais de 80 mil pessoas. para este ano, ainda é esperado um contigente maior de foliões.

- A ideia é reunir de 8 mil a 10 mil pessoas por dia. Teremos uma estrutura muito boa, com banheiros químicos, segurança da Brigada Militar e privada. Também estaremos organizados para deixar as calçadas livres para os moradores circularem durante a passagem dos blocos, respeitaremos o horário de encerramento, sempre às 22h, e deixaremos as ruas limpas – anuncia o coordenador da Associação Cidade Baixa Em Alta, Tiago Faccio.

Blocos e bandas fazem parte da história do Carnaval porto-alegrense. É uma tradição que o pernambucano (há muitos anos radicado em Porto Alegre), Waldemar de Moura ajudou a implantar na Capital, com entidades como a Banda DK e eventos como a Rua do Perdão. Porém, houve um tempo em que esse tipo de manifestação espontânea esteve esquecida por aqui. Até que, há oito anos, com o Bloco Maria do Bairro, o maior na atualidade, começou a ressurgir.

Por meio da Secretaria Municipal da Juventude, a prefeitura investe R$ 200 mil no circuito, que ainda conta com verba de um patrocinador.

Confira a programação:

8/2: Panela do Samba
9/2: Areal do Futuro
15/2: Galo do Porto
16/2: Filhos do Cumpadi Washington e Do Jeito Que Tá Vai
22/2: Maria do Bairro
23/2: Bloco do Império da Lã e Skafolia
1/3: Banda DK
8/3: Bloco do Isopor e Ziriguidum
15/3: Turucutá e Peregrinos do Samba

Com Porto Seco interditado, trabalho mudou de lugar para as escolas de samba

06 de fevereiro de 2014 0


Para fazer Carnaval, é preciso ter criatividade. E, com a interdição dos barracões do Porto Seco, na Capital, devido à falta de um Plano de Prevenção e Combate a Incêndio (PPCI), o jogo de cintura é ainda mais necessário para que as escolas encontrem outros espaços de trabalho. A 23 dias da festa,
o tempo é artigo de luxo e não pode ser desperdiçado.

Transferência para São Leo

Além dos ateliês que, tradicionalmente, já confeccionam fantasias, quadras e espaços alugados se
transformaram em opções para continuar a montar os bastidores da festa. A Imperadores do Samba, por exemplo, transferiu parte do trabalho para salas em São Leopoldo.

– É onde estamos fazendo as esculturas de isopor. E muitas funcionárias levaram fantasias para fazer em casa – relata o carnavalesco da escola, Silvio Oliveira.

Ele teme que, com a interdição, seja preciso acelerar o ritmo de trabalho nos próximos dias e a
qualidade da festa seja comprometida.

Uma nova organização

Na Bambas da Orgia, além da confecção de fantasias nos ateliês, a quadra da escola, na Avenida Voluntários da Pátria, está acolhendo a equipe de trabalho. Os adereços e esculturas dos carros são
montados ali, e depois serão aplicados nas alegorias.

– Bagunçou um pouco, mas o pessoal não se abalou. A logística mudou. Algumas coisas a gente trouxe, outras têm de esperar para fazer lá – explica o carnavalesco Marco Aranha.

O vice-presidente da escola, Edgar Damião dos Santos, conta que precisa ir e voltar diversas vezes ao Porto Seco para buscar material e levar o que está ficando pronto. Ele é um dos que têm autorização para entrar rapidamente nos barracões.

– Estamos nessa luta. Tive de dispensar dois serralheiros, porque não tem como eles trabalharem.
Depois, assim que tiver liberado, a nossa ideia é funcionar 24 horas – planeja.

Liberação para essa quinta-feira

Conforme o coordenador de Manifestações Populares da Secretaria Municipal da Cultura de Porto
Alegre, Joaquim Lucena, na quarta-feira foram finalizados os ajustes necessários nos barracões
e entregue o pedido para uma nova vistoria do Corpo de Bombeiros. Ele acredita que o problema seja resolvido.

– A expectativa é que quinta-feira seja liberado – afirmou Lucena.

Descida da Borges depende de ônibus

06 de fevereiro de 2014 0

O Coordenador de Manifestações Culturais da SMC, Joaquim Lucena, já antecipou que a realização da
Descida da Borges (Avenida Borges de Medeiros), na sexta, depende da situação do transporte público:
se a greve dos rodoviários for mantida, o evento será cancelado.

Muambas agitam Canoas

06 de fevereiro de 2014 0

Pela primeira vez, as muambas de Carnaval serão realizadas em diferentes pontos de Canoas, no
calendário do Carnaval na Paz 2014.

A primeira será neste sábado, no Bairro Rio Branco, com participação das escolas de samba
Acadêmicos da Grande Rio Branco e Estado Maior da Rio Branco. A segunda muamba será no domingo, na Rua 17 de Abril (Avenida Principal), Parada 9 do Bairro Guajuviras. Participam as
escolas Aquarela do Samba, Nossas Raízes e Unidos do Guajuviras.

Animação e gente bonita. É a segunda-feira da Saldanha

05 de fevereiro de 2014 0
Fotos: Luiz Armando Vaz

Fotos: Luiz Armando Vaz

Em mais uma etapa de sua preparação para tomar as ruas de Copacabana, no Rio, no Carnaval, a Banda Saldanha recebeu um bom público na segunda-feira. Além do ensaio dos músicos, cantores e ritmistas, quem compareceu – apesar da greve no transporte coletivo – foi brindado com um show de Andrezinho Mocidade (ex-Molejão). Mas, ensaio e show à parte, mais uma vez, a beleza feminina foi atração.


A ex-princesa do Carnaval Bárbara Nascimento (C) marcou presença, com sua graça e ginga. E, relembrando sua trajetória em escolas de samba como a Império do Sol, a Imperatriz Dona Leopoldina e a Praiana, dançou à frente da bateria.


Andrezinho tem sido habitué nos ensaios da banda. Todos os anos ele vem dar o seu recado, cantando sambas-enredo
variados e sucessos do Molejão.


Estreante nos ensaios da Saldanha, Camila Ely (D), 25 anos, levou a prima, a chilena Olivia Ely (E), 22 anos, para
conhecer um pouco do samba e do Carnaval brasileiro. Olivia, que mora em Viña del Mar, fica na capita gaúcha até o dia 17 deste mês.


Amigas inseparáveis, a operadora de telemarketing Vanessa Rodrigues (E) e analista de RH Fernanda Ros, ambas de 27 anos, não se acanharam e mostram toda a ginga. Como costuma dizer o presidente da banda, Pedro Diogo: “Deixe de manha, não te acanha e vem pra Saldanha”.