Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Ciclistas despertam admiração...

03 de dezembro de 2018 0

Cidade [Singer]

Pode ser pela falta de costume de alguns. Pode ser pela perda do costume de parte da sociedade.
Mas a cultura da bicicleta está voltando!

Dias atrás subi o Morro da Cruz, até as instalações da NSC. Ao chegar fui abordado por uma moça, que com ar de admiração me disse;  Passei do teu lado na subida e reparei que pedalavas rápido, não é difícil subir?
Respondi que em virtude de estar usando marcha de força, o pedal gira mais e dá essa impressão, e que é uma questão de costume e condicionamento. Nas primeiras vezes podemos achar muito díficil, mas com o uso rotineiro da bicicleta o condicionamento   vai sendo “criado”. Em pouco tempo estarás assim também.  Afinal como iniciei esta postagem, a íngreme subida do Morro da Cruz, desperta admiração daqueles que percebem os ciclistas subindo pedalando sem parar até o topo, assim ciclistas são admirados pelos seus “feitos”, seja uma cicloviagem, a   realização de um AUDAX, participação em eventos, ou até mesmo no meu caso que tenho a bicicleta como principal e basicamente o único veículo para deslocamentos urbanos, especialmente casa-trabalho-casa, muitos me questionam admirados,  como faço? Sempre respondo, é uma questão de costume e repeitando as regras de circulação (Código de Trânsito Brasileiro), utilizando uma bicicleta em boas condições, roupas claras, etc, se torna relativamente bem seguro e, aqui deixo duas dicas muitos importantes, e infelizmente desrespeitadas com frequência por aqueles que ainda não foram conscientizados.

NÃO pedalem na contramão, NÃO utilizem auriculares/fones de ouvido.
dicaaudalio

Na verdade apenas quero compartilhar uma constatação que venho tendo há anos. O uso da Bicicleta desperta admiração em muitas pessoas. Muitas gostariam de usar a bicicleta em seus deslocamentos diários, mas a falta de respeito por alguns motoristas e a fata de infraestrutura adequada, afasta esta parcela da sociedade.

E se você se identificou com esta postagem e quer pedalar, deixe um comentário que posso te ajudar, seja indicando grupos de pedal ou até mesmo um “bike anjo” para te acompanhar nas primeiras pedaladas!

Cicloabraços e vamos pedalando….

 

 

Envie seu Comentário