Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts com a tag "bento gonçalves"

Disponível no YouTube

02 de outubro de 2015 0

Já está disponível no YouTube o documentário Os Reis do Cha-Cha-Cha: Memórias da Música de Baile de Bento Gonçalves. A produção dirigida por Gustavo Bohm Bottega foi lançada em maio, mas não teve sessões em Caxias.

Vale o acesso aqui…

Olhar crítico à colheita

17 de setembro de 2015 0
Crédito: Karinny Matias

Crédito: Karinny Matias

O trabalho dos agricultores na colheita da uva, emoldurado pelas impressionantes paisagens da Serra, já serviu de matéria-prima para muitos audiovisuais feitos por aqui. Mas, para o diretor Boca Migotto, encher os olhos não é exatamente o maior objetivo do documentário À Sombra das Videiras, que estreia em Bento nesta sexta. Produzido por alunos do Núcleo Audiovisual Cenecista em parceria com profissionais da cidade – como o diretor de fotografia André Majola –, o filme de 20 minutos propõe olhar um pouco mais focado à reflexão.

– A maioria dos patriarcas das famílias de agricultores da Cooperativa Aurora tem mais de 60 anos, e os filhos não estão interessados em continuar o trabalho. Acho que o filme discute como a região está se preparando para dar conta da colheita – explica o diretor, que esteve em Caxias no sábado lançando o doc Filme Sobre Um Bom Fim.

Gravado entre dezembro de 2014 e fevereiro deste ano, À Sombra das Videiras acompanhou a rotina de três famílias do
distrito bento-gonçalvense de Faria Lemos e a relação desses “nativos” com quem vem de fora para trabalhar na colheita.

– A gente quis fazer uma coisa mais cinema direto, acompanhando os personagens sem muita entrevista – explica o diretor.

O filme, que tem verba do Fundo Municipal de Cultura, será exibido às 19h30min desta sexta, na Fundação Casa das Artes. A entrada é gratuita.

Bento no Prêmio Assembleia Legislativa

10 de agosto de 2015 0
Crédito: Sofá Verde Filmes

Crédito: Sofá Verde Filmes

A noite de domingo do 43º Festival de Cinema de Gramado foi marcada pela entrega do Prêmio Assembleia Legislativa – Mostra Gaúcha de Curtas. A produção mais premiada, O Corpo, teve cenas gravadas em Bento Gonçalves. O filme de Lucas Cassales ganhou os troféus de fotografia, roteiro, diretor e filme. A história acompanha um menino (Rafael Henzel, na foto) e o inesperado encontro de um corpo.

Já o representante oficial da Serra na Mostra de Curtas, o documentário Consertam-se Gaitas, abocanhou o Prêmio Exibição Curtas Gaúchos RBS TV. O filme assinado por Ana Cris Paulus, Boca Migotto e Felipe Gue Martini conta a história de um grupo de amigos que trabalha numa pequena empresa do conserto de gaitas, em Bento.

Conheça todos os vencedores aqui:

Melhor Produtor: Clara Moraes, por “Madrepérola”
Melhor Edição de Som: Daniel de Bem, por “Pele de Concreto”
Melhor Música: Bebeto Alves, por “Rito Sumário”
Melhor Direção de Arte: Eder Ramos, por “Da Vida Só Espero a Morte”
Melhor Montagem: Daiane Marcon e Daniel de Bem, por “Pele de Concreto”
Melhor Fotografia: Arno Schuh, por “O Corpo”
Melhor Roteiro: Lucas Cassales, por “O Corpo”
Prêmio Exibição Curtas Gaúchos RBS TV: “Consertam-se Gaitas”, de Ana Cris Paulus, Boca Migotto e Felipe Gue Martini
Melhor Atriz: Gabriela Poester, por “Bruxa de Fábrica”
Melhor Ator: Carlos Azevedo, por “Rito Sumário”
Melhor Diretor: Lucas Cassales, por “O Corpo”
Melhor Filme: “O Corpo”

Expressionismo alemão

05 de março de 2015 0
Crédito: Divulgação

Crédito: Divulgação

Oi de novo, pessoal.

Passei uns dias fora, mas volto com uma programação bem bacana que está rolando em Bento Gonçalves. É a mostra Sombras que Assombram, com clássicos do expressionismo alemão na tela do Sesc (Av. Cândido Costa, 88, Centro) durante todo o mês de março, sempre às terças e sempre às 20h.

Acabei perdendo de divulgar aqui o dia da estreia, que foi no dia 3, mas compartilho com vocês as próximas belezuras que serão exibidas. Todas as sessões têm entrada liberada e são sucedidas por um bate-papo sobre a obra em questão.

Programação

* 10/03: As mãos de Orlac (1924, de Robert Wiene)

* 17/03: O golem (1920, de Paul Wegener)

* 24/03: O gabinete das figuras de cera (1924, de Paul Leni)

* 31/03: Metropolis (1927, de Fritz Lang)

John Ford em Bento

21 de julho de 2014 0

Pessoal, as sessões da mostra A América por John Ford em Bento Gonçalves acabaram mudando daquelas datas que eu havia divulgado anteriormente aqui. Por lá as próximas sessões são dos filmes O Homem Que Matou o Facínora, no dia 23 de julho, e Médico e Amante, no dia 30. As exibições ocorrem no espaço Alba Arte (Rua General Gomes Carneiro, 171), às 20h.

Entrada é franca, mas é preciso confirmar a presença pois há apenas 15 lugares. Informações pelo contato@albaarte.com.

John Ford no Sesc

18 de julho de 2014 2

rastros de odio1

Houve um tempo em que o Sesc abrigou várias mostras de cinema na região. Felizmente, isso parece estar voltando, aos poucos, a se tornar uma tradição. Espero não estar errada.

Um exemplo positivo: a partir da semana que vem, Caxias e Bento Gonçalves recebem a Mostra de Cinema John Ford. A lista tem oito filmes do diretor, um dos principais nomes do western americano. Vão rolar clássicos como Rastros de Ódio (foto) e No Tempo das Diligências. O Sesc também está organizando uma mostra de cinema alemão, mas essa não vai passar pela região.

Bem, confira aqui a programação da Mostra John Ford e compareça por lá.

PROGRAMAÇÃO

Médico e Amante (1931, 98 min)

Caxias do Sul – Teatro do Sesc – Av. Moreira Cesar, 2462 – 21/07 – 20h

Juiz Priest (1934, 96 min)

Caxias do Sul – Teatro do Sesc – Av. Moreira Cesar, 2462 – 22/07 – 20h

O Prisioneiro da Ilha dos Tubarões (1936, 96 min)

Caxias do Sul – Teatro do Sesc – Av. Moreira Cesar, 2462 – 23/07 – 20h

A Mocidade de Lincoln (1939, 100 min)

Caxias do Sul – Teatro do Sesc – Av. Moreira Cesar, 2462 – 24/07 – 20h

No Tempo das Diligências (1939, 97 min)

Caxias do Sul – Teatro do Sesc – Av. Moreira Cesar, 2462 – 25/07 – 20h

Rastros de Ódio (1956, 119 min)

Caxias do Sul – Teatro do Sesc – Av. Moreira Cesar, 2462 – 28/07 – 20h

As Vinhas da Ira (1940, 129 min)

Caxias do Sul – Teatro do Sesc – Av. Moreira Cesar, 2462 – 29/07 – 20h

O Homem Que Matou o Fascínora (1940, 119 min)

Caxias do Sul – Teatro do Sesc – Av. Moreira Cesar, 2462 – 30/07 – 20h

Direto do lodo

13 de março de 2014 0
Crédito: Fernando Menegatti

Crédito: Fernando Menegatti

Eu pirei assim que vi o cartaz do curta bento-gonçalvense Parasitas do Lodo. Lembram que eu falei do trabalho aqui? Pois bem, agora chegou a hora de conferir como ficou o trabalho pronto. O filme terá sessões nesta sexta e sábado, às 19h30min, no Movie Art de Bento (no shopping L’America, Rua Treze de Maio, 877, bairro São Bento). Ingressos custam R$ 6.

Eu bati um papo com o diretor Fernando Menegatti e achei muito interessante o empenho dele e do pessoal envolvido na produção. Eles gastaram menos de R$ 2 mil para produzir o curta, que tem cerca de 27 minutos de duração. As parcerias vieram de todos os lados, com muitos voluntários participando do projeto. Inclusive, vários moradores da pacata Pinto Bandeira poderão ser vistos no filme (vejam que massa aquele vovô que aparece ali no trailer).

Bem, aqui tem também um vídeo do ator Fábio Vergani, que vive um dos protagonistas de Parasitas do Lodo, falando um pouco sobre o trabalho.

)

Outras informações em http://parasitasdolodo.blogspot.com.br/

'Parasitas do Lodo' em 2014

22 de dezembro de 2013 0

parasitas1

Então pessoal, foi disponibilizado o trailer da produção bento-gonçalvense Parasitas do Lodo, produzida pela 7Filmz. A direção e o roteiro são de Fernando Menegatti, que dirigiu também o curta Às Suas Ordens.

A sinopse de Parasitas do Lodo diz: “ficção baseada em fatos reais que se passa em um lugar bucólico e esquecido, onde três indivíduos em troca de dinheiro sujo se condenam a uma vida claustrofóbica e doentia”. Gostei hein…

No elenco estão Fábio Vergani, Ismael Sebben e Maura Ambrosi. As gravações ocorreram em Pinto Bandeira. O filme tem quase meia hora de duração e a previsão de estreia é março de 2014. Achei o trailer bacana e fiquei louca por aquele cartaz ali em cima, feito em parceria com a Necrohorror (editora especializada em lançar revistas digitais voltadas para o público que curte terror).