Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "jornada audiovisual"

Últimos dias de Jornada

25 de outubro de 2013 0
Cena de 'Eu Não Quis Chegar Mais Perto'

Cena de ‘Eu Não Quis Chegar Mais Perto’

A programação da Jornada Audiovisual está entrando em sua última semana. Então, dá uma olhada na agenda desta sexta. Lá na casinha da Estação Férrea vai rolar a Mostra Rumos Videodança, a partir das 20h.

Tratam-se de produções ligadas a movimentos, porém produzidas com linguagem audiovisual. Serão exibidos 10 trabalhos de lugares diferentes do Brasil e aprovados em dois editais do Rumos. Boa oportunidade hein…

Também às 20h começam as exibições dos trabalhos produzidos durante algumas oficinas da jornada, como Teoria e Prática em Filmmaking, Realização Audiovisual com Crianças e Adolescentes e Intervenção Plástica em Fotograma. Isso vai ser no Zarabatana. É provável que a produção Eu Não Quis Chegar Mais Perto, integre a mostra — essa você pode assistir também aqui.

O encerramento da programação é na terça com mostra de clipes locais (com um monte de produção massa) e lançamento do novo clipe do Projeto CCOMA, a partir das 19h, no Coletivo Labs.

Parabéns a todos os envolvidos na concepção da Jornada Audiovisual e aproveitem as últimas atrações.

Outubro histórico

18 de outubro de 2013 2
Crédito: Warner Bros

Crédito: Warner Bros

Fazia tempo que eu não via três filmes nacionais em cartaz ao mesmo tempo nos cinemões de Caxias. GNC e Cinépolis ainda estão exibindo O Tempo e o Vento, Mato Sem Cachorro, além da estreia do final de semana (pela qual estou curiosíssima, aliás) Serra Pelada. Isso é ótimo e prova que as salas estão se adaptando à seara de boas produções. Claro que são filmes grandes, mas acho que o caminho vai se abrindo aos poucos.

E pensar que ainda temos a Mostra de Cinema rolando aos sábados e domingos lá no UCS Cinema (neste final de semana tem a produção local Júlio 24 Horas em sessão às 18h, seguida de debate com os realizadores) e o festival Cineserra começando nesta sexta e levando filmes feitos na região para a Sala de Cinema Ulysses Geremia, para o auditório da FSG e para o próprio Cinépolis (em exibições curtas antes da programação tradicional) — veja a programação completa aqui. Ah, e não esqueçamos da Jornada Audiovisual, com um monte de ações legais até o final do mês.

Comemoremos!

 

Duas boas da Jornada Audiovisual

15 de outubro de 2013 0
Crédito: Danni Rossi

Crédito: Danni Rossi

Olha aí, há uns dias que não falava da Jornada Audiovisual né. Pois bem, tem oficinas e mostras legais acontecendo até o fim do mês. Vou falar de duas ações para o pessoal de Caxias se animar.

Nesta quarta e quinta rola a oficina Teoria e Prática em Filmmaking, ministrada pelo artista visual Vinícius Guerra. Tudo começa às 19h, no Coletivo Labs (Rua Marechal Floriano, 1.083, fone 3536.6555). Guerra vai dar dicas para fazer um vídeo massa com grana curta e pouco tempo. A ideia é que os participantes levem suas câmeras e notebooks com algum editor de vídeo instalado, para a aula fluir de forma mais legal. Inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui.

Na quinta-feira, antes de ir para o segundo dia de oficina, dá para conferir a estreia do videoclipe I Hang my Head, do artista Spangled Shore (foto). Será às 18h, no Camelódromo. A produção é independente e tem roteiro e direção do próprio músico, que faz um som bem legal. Ah, vai ter um pocket show também por lá.

Dá um conferes no teaser do clipe aqui.

Compareçam

08 de outubro de 2013 0

Gente, por favor, não esqueçam disso! É nesta quarta, a partir das 19h, na Sala de Cinema Ulysses Geremia. Compareçam!!

Ah, outra coisa bem bacana que está rolando durante a programação da Jornada Audiovisual, em Caxias, são exibições de clipes e curtas (todos produzidos aqui na região) na Faculdade América Latina. É uma instalação audiovisual que segue até o dia 18 deste mês, sempre aberta à visitação. Todo lugar é lugar para cinema, então, passem por lá também..

 

 

Brasil indígena

04 de outubro de 2013 0

Crédito: Jornada Audiovisual

A parceria com o projeto Vídeo nas Aldeias e o apoio da Convenção sobre a proteção e promoção da diversidade das expressões culturais (Unesco) garantiram que a Jornada Audiovisual de Caxias pudesse exibir cinco filmes feitos em colaboração com os povos Wajãpi, Ikpeng, Panará, Ashaninka, Mbya-Guarani e Kisêdjê. São retratos de um Brasil um tanto desconhecido pela maioria de nós.

O Vídeo nas Aldeias existe desde 1986 e hoje é uma ONG independente. O projeto constitui-se num importante acervo de imagens sobre os povos indígenas no Brasil e produziu uma coleção de mais de 70 filmes.

As sessões ocorrem nesta sexta, a partir das 19h30min, em frente ao Centro de Cultura Ordovás. Os filmes exibidos serão estes:

MBYA MIRIM (23min)
Sinopse: Palermo e Neneco, duas crianças Mbya Guarani do Rio Grande do Sul, revelam em suas brincadeiras o drama do seu povo.

DEPOIS DO OVO, A GUERRA (15min)
Sinopse: As crianças Panará apresentam seu universo em dia de brincadeira na aldeia. O tempo da guerra acabou, mas ainda continua vivo no imaginário das crianças.

AKUKUSIÃ, O DONO DA CAÇA (10min)
Sinopse: A fábula sobre o Akukusiã, monstro canibal, narrada e interpretada pelos índios Waiãpi da aldeia de Taitetuwa.

A HISTÓRIA DO MONSTRO KHÁTPY (6min)
Sinopse: Os índios Kisêdjê, da Aldeia Ngôjwêrê, no Mato Grosso, encenam e filmam a lenda do índio feio que ameaça os caçadores na mata.

DAS CRIANÇAS IKPENG PARA O MUNDO (35 min)
Sinopse: Quatro crianças Ikpeng apresentam sua aldeia respondendo à vídeo-carta das crianças da Sierra Maestra em Cuba. Com graça e leveza, elas mostram suas famílias, suas brincadeiras, suas festas, seu modo de vida. Curiosas em conhecer crianças de outras culturas, elas pedem para que respondam à sua vídeo-carta.

NO TEMPO DO VERÃO (21min)
Sinopse: É fim de semana e as crianças Ashaninka deixam a escola e partem, rio acima, para acampar com os pais e aprender a vida na mata.

Luz às produções locais

03 de outubro de 2013 0
Ilha das Janelas Fechadas Crédito: Janete Kriger

Ilha das Janelas Fechadas
Crédito: Janete Kriger

Semana que vem a Jornada Audiovisual exibe algumas produções bem legais assinadas por gente aqui da região. Algumas têm caráter bem profissional, outras brincam com uma linguagem mais experimental, mas todas merecem ser vistas.

Aqui tem a lista dos filmes que serão exibidos a partir das 19h da próxima quarta, lá na Sala de Cinema Ulysses Geremia. O mais legal é que o pessoal da organização disponibilizou os links para assistir também na internet (coloquei junto ao nome de cada um). Mesmo assim, não deixem de ir lá no cinema para ver tudo na telona e encontrar a galera que produziu os filmes.

A entrada é franca.

UM DIA NA VIDA
Direção: Jorge de Jesus
Ano: 2006
Sinopse: Um dia na vida de uma jovem e insegura mulher em contraponto com o dia de um morador de rua.

FILME SURDO
Direção: Robinson Cabral
Ano: 2013
Sinopse: O vídeo convida o expectador a uma experiência poética-visual-sonora explorando o cotidiano simbólico de uma menina de 10 anos e de seu irmão adolescente, produtores audiovisuais surdos.

KILMAYR
Direção: Márcio Schenatto
Ano: 2005
Sinopse: Kilmayr é conhecido em sua cidade pelo estilo veloz de varrer as ruas, e por isso recebeu o apelido de Ligeirinho. Além da velocidade, chamou a atenção das pessoas pela simpatia e inteligência.

RUA DOS AFLITOS, 70
Direção: Le Daros
Ano: 2012
Sinopse: Conta a história de uma família de classe média, aparentemente normal, que vê sua rotina se transformar depois de recebe o avô que sofrera um acidente vascular cerebral. Uma mulher em conflito com seus sentimentos, um marido dominador, e uma criança prisioneira de seus temores, compõem a moldura para a crise que se seguirá depois de uma descoberta chocante.

PROIBIDO FALAR ITALIANO (teaser aqui)
Direção: Robinson Cabral
Ano: 2012
Sinopse: Conta a história de Agnolino Capobanda, 90 anos, descendente de imigrantes italianos, que foi perseguido por falar o único idioma que sabia, o italiano. Durante as décadas de 30 e 40, o Regime do Estado Novo tentou unificar o país criando uma identidade brasileira única, especialmente durante os anos em que o Brasil atuou na 2a Guerra Mundial. Foram tempos difíceis, onde muitos imigrantes eram perseguidos e humilhados.

O CORPO
Direção: Pedro Nora Ferreira / Duração: 04’00″ / Ano: 2012
Sinopse: A vida de um casal muda drasticamente após a descoberta de uma traição.

ILHA DAS JANELAS FECHADAS
Direção: Lissandro Stallivieri
Ano: 2009
Sinopse: A trama é movida pelo (des)encontro entre personagens em crise às voltas com uma mulher misteriosa, que chega para desencadear mudanças.

OUTROS TEMPOS
Direção: Éverton Rigatti
Ano: 2012
Sinopse: Um bloco de carnaval à moda antiga invade as ruas de Caxias do Sul com muita alegria e samba no pé.

Terça para ver clipes

01 de outubro de 2013 0

Como eu já tinha falado aqui, a Jornada Audiovisual tem programação prevista até o final do mês, em Caxias. Para esta terça, às 19h, está prevista a exibição de 18 videoclipes produzidos aqui na região. A função vai acontecer na rua mesmo, ali na Praça da Bandeira, do ladinho do Camelódromo.

Tem muitos trabalhos legais (a lista está aí embaixo) como este da música Sem Razão do pessoal da banda Hábitos Groove, de Flores da Cunha:

Ah, além disso, vai rolar a estreia da produção AppOMBA, um documentário que mistura realidade e ficção para falar sobre a superpopulação de pombos em Caxias do Sul. Vale conferir.

Programação dos clipes:
Andróides Sonham com Guitarras Elétricas (Ligante Anfetamínico)
Mulher Ocupada (Ligante Anfetamínico)
Fuck Off Synthesizer (Barracuda Project)
Falocidade (Cabaret Hitec)
Homo Volans (Zava)
O Maldete (Pindorália)
Komander Data (Greek Van Peixe)
Dogs Are Gods (Projeto CCOMA)
Rutera no Festival Brasileiro de Música de Rua
Divilas (Poetas Divilas)
Caxias Vai Tremer (Poetas Divilas)
Comece a me Amar (Ligante Anfetamínico)
Faz-me (Grandfúria)
Milonga para Los Perros (Projeto CCOMA)
Cosmopolita (Projeto CCOMA)
Pra Sempre (Lacross)
Up In The Sky (Mindgarden)
Sem Razão (Hábitos Groove)

Outubro será audiovisual

24 de setembro de 2013 0
Crédito: Jornada Audiovisual, divulgação

Crédito: Jornada Audiovisual, divulgação

Outubro será repleto de atividades bacanas na área do cinema em Caxias. É que a cidade recebe a programação da Jornada Audiovisual, realizada pelo pessoal do Manifestasol e Coletivo Labs. Custeada pelo Financiarte, a iniciativa pretende realizar mostras com foco nas produções locais. Além disso, vários profissionais experientes darão oficinas e workshops, tudo com entrada franca (dá uma olhada ali embaixo).

A programação completa e as fichas de inscrição para as oficinas podem ser encontradas aqui.


DIREÇÃO DE ARTE: CONSTRUINDO O VISUAL DO FILME

A oficina irá proporcionar aos participantes a introdução aos fundamentos teóricos e práticos que abordam as questões técnicas e artísticas essenciais à concepção, ao planejamento e a execução da direção de arte de um filme.
Oficineiro: Gilka Vargas | Iara Noemi (Porto Alegre)
Data: sexta 25 | sábado 26 de outubro
Horário: 19h
Local: Coletivo Labs

INTERVENÇÃO PLÁSTICA EM FOTOGRAMA
A oficina apresenta uma técnica de criação de imagens a partir da alteração plástica, realizada diretamente sobre o papel. Tecnicamente, o processo compreende uma etapa de impressão, ou de materialização de imagens. Para isso podem-se empregar diversos dispositivos de saída, como scanners, aparelhos de fax, impressoras.
Este fotogramas sofrem intervenções manuais e voltam a ser digitalizados por meio de scanners, câmeras fotográficas, de vídeo, ou qualquer outro dispositivo ótico que permita o registro das imagens. Depois são reordenados quadro a quadro e colocados na linha do tempo, onde voltam a compor um vídeo.
Oficineiros: Javier di Benedictus | Fernanda do Canto (Florianópolis)
Data: terça 22 | quarta 23 de outubro
Horário: 19h
Local: Coletivo Labs – Auditório

PRÍNCIPIOS DA ANIMAÇÃO
A oficina visa passar pelo conhecimento acerca da história da linguagem e os 12 princípios básicos para se realizar uma animação tradicional (2D), 3D, StopMotion e em todas as outras técnicas e também uma parte prática onde os participantes irão experimentar o Zootrópio (tambor circular com pequenas janelas recortadas, através das quais o espectador olha para o desenho dispostos em tiras. Ao girar o tambor cria uma ilusão de movimento aparente)
Oficineiro: Ana Pessoa (Pelotas)
Data: segunda 28 de outubro
Horário: 19h
Local: Coletivo Labs

FOTOGRAFIA PARA CINEMA
A oficina vai abordar o conhecimento fotográfico aplicado a linguagem cinematográfica partindo de como a fotografia e o cinema evoluíram juntos até os equipamento semelhantes, técnicas e linguagem que ambos tem em comum.
Oficineiro: Paulo Pretz
Data: segunda 7 de outubro
Horário: 19h
Local: Coletivo Labs

É MASSA NA PRAÇA – WORKSHOP SOBRE INTERVENÇÃO AUDIOVISUAL
A oficina tem por objetivo estimular a utilização de equipamentos para a captação de vídeo, áudio, iluminação, ou o que cada um achar que necessita, dependendo do tipo da intervenção que for pensada.
Oficineiro: Daniel Vargas
Data: terça 8 de outubro
Horário: 19h
Local: Coletivo Labs

TEORIA E PRÁTICA EM FILMAKING
Esta oficina tem por objetivo ensinar como realizar um vídeo com baixo orçamento e em curto espaço de tempo. Os participantes devem trazer suas ideias e terão um tempo para refletir em grupos, no contexto do curta-metragem, videoclipe, vídeo arte, vídeo documentário. Importante trazer câmeras, notebooks para edição com editor de vídeo já instalado.
Oficineiro: Vinícius Guerra
Data: terça 15 de outubro
Horário: 19h
Local: Coletivo Labs

NÓS SOMOS O PÚBLICO!
Direitos do público na prática cineclubista
A oficina tem por objetivo expor como é a criação e funcionamento de Cineclubes, a programação de faixas e realização de debates, carta tambor e como é o cineclubismo de hoje!
Oficineiro: Ernani Viana Neto
Data: segunda 14 de outubro
Horário: 19h
Local: Coletivo Labs

VIDEOATIVISMO
A oficina ocorrerá em formato de workshop, assim será ativado um espaço de trocas e subjetivações entre os participantes, que produzirão discursos estéticos em vídeo, colocando em prática a construção de ideias audiovisuais.
Oficineiro: Alvin Bernardi | Júlia Zortéa (Porto Alegre)
Data: quinta 3 | sexta 4 | sábado 5 de outubro
Horário: 19h
Local: Núcleo AESC – Grupo Rosário II