Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de fevereiro 2009

Querida região nordeste de Porto Alegre

24 de fevereiro de 2009 0

Região nordeste é populosa e tem índices de pobreza elevados/Google Maps

Porto Alegre é grande à beça e eu não sabia. Da Cidade Baixa até a Assis Brasil, lá se foram 40 minutos dentro do T1. Depois, mais uns 20 minutos na carona do meu colega Jéferson para chegarmos ao Cesmar, na região nordeste da cidade, zona limítrofe com Alvorada.

Fomos até o Cesmar saber como as instituições da região têm se articulado junto aos seus parceiros para captar recursos no Portal Social, já que participam do Fundo de Incentivo para o Desenvolvimento da Região Nordeste de Porto Alegre. Algumas já possuem estratégias bem delineadas, outras nem tanto. Mas o certo é que todas precisam da minha e da sua ajuda para efetivarem seus projetos.

A região é superpopulosa e os índices de vulnerabilidade social são altos, mas nada chama mais atenção do que a garra dos líderes das instituições sociais para construírem cidadania junto aos seus públicos. As causas sociais são as mais diversas, e há projetos que vão desde a construção de uma incubadora social até a criação de um centro de atendimento odontológico.

São oito projetos e você precisa conhecer todos. A notícia boa é que você não precisa pegar o T1, nem o Rápida Rubem Berta, nem nada. Basta clicar aqui.

 

 

PS: devo dizer que nada substitui uma visita à região e às entidades para se ter noção da importância e relevância do trabalho e dos projetos que se busca concretizar. A região nordeste de Porto Alegre tem muito a nos ensinar.

Postado por Eduardo Mânica

Bookmark and Share

Carnaval: quem vai dançar é a exploração infantil

20 de fevereiro de 2009 0

Exploração infantil no Carnaval: tem que denunciar/www.promenino.org.br
Visitando o site da Associação das Entidades Carnavalescas de Porto Alegre, nos deparamos com a notícia de que será lançada hoje, sexta-feira, às 20h, no Complexo Cultural do Porto Seco, a 4ª campanha nacional de enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes no Carnaval. Trata-se de uma bela iniciativa e merece divulgação nos veículos de comunicação e engajamento da sociedade.

Esse tipo de prática é um crime, e como tal, deve ser denunciado. As denúncias podem ser feitas através do Disque 100 ou nos Conselhos Tutelares de cada município. O plantão do Conselho Tutelar na capital gaúcha atende pelo número (51) 3226.5788. Se você constatar alguma situação do gênero, não hesite em denunciar.

Em Santa Catarina, você pode denunciar pelo 0800 6431407, e depois é dado o encaminhamento da denúncia para o respectivo Conselho Tutelar.

Outra rotina lamentável em nossos carnavais é a prática do trabalho infantil. Muitos pais expõem seus filhos pequenos a realizar trabalhos como catadores, vendedores etc. Tal fato merece fiscalização das autoridades competentes, mas também não podemos ser coniventes. Fica a dica e estejamos alertas.

Carnaval é festa, não é uma forma de pessoas aproveitadoras potencializarem suas atitudes criminosas. Neste Carnaval, que dance também a exploração infantil.

Postado por Eduardo Mânica

Bookmark and Share

Matemática, português, ciências e... voluntariado!

17 de fevereiro de 2009 0

Voluntariado na prática escolar é pauta entre especialistas/Patrícia Targa
Segundo a Rede GIFE Online, especialistas têm defendido a tese de que o voluntariado deve começar na Escola. Assim, surgiria uma nova disciplina no currículo escolar dos alunos, tão importante quanto a matemática e o português.

Acredito que se trata de uma forma de estimular práticas de cidadania, cooperação e comprometimento. Isso é muito bom e certamente refletiria na postura dessas crianças no mercado de trabalho e em suas vidas pessoais. Aliás, poucas coisas são tão gratificantes quanto se fazer trabalhos voluntários.

Mas fica a pergunta: será que é realmente plausível se colocar a prática voluntária como uma disciplina formal e passível de avaliação? Na minha opinião, o voluntariado deve ser estimulado e potencializado na Escola. Isso é indiscutível. Entretanto, não penso que seja necessário avaliar o desempenho dos alunos com notas, por exemplo. Talvez o mais interessante seria integrar as disciplinas clássicas com a prática voluntária. E você, o que acha?

Postado por Eduardo Mânica

Bookmark and Share

Dia 06 de fevereiro é o nosso dia

05 de fevereiro de 2009 0

Instituto Rã-Bugio promove atividades de educação ambiental em escolas/Portal Social
Sim, amanhã nós estamos de parabéns e garanto que muitos de vocês nem sabiam. Pois é. Dia 6 de fevereiro é o dia do Agente de Defesa Ambiental, mas mesmo que você não tenha esse registro na sua carteira profissional, garanto que você é um deles, pois todos nós precisamos (e devemos) proteger o meio ambiente, mesmo que das formas mais simples e singelas.

Quê? Você ainda não é um? Sugiro um curso intensivo dividido em sete módulos:

1- Ensinando nossos filhos sobre a importância da preservação
2- Consumindo energia de forma consciente
3- Aproveitando embalagens recicláveis
4- Separando o lixo
5- Usando lâmpadas fluorescentes
6- Reaproveitando o papel
7- Dando o destino correto a pilhas e baterias

Entretanto, se você já tem conhecimento no assunto, minha sugestão é uma especialização bem bacana. Os módulos são:

1- Fazendo trabalhos voluntários
2- Divulgando este post
3- Acessando o Portal Social e doando para instituições que trabalham na defesa do meio ambiente. São trabalhos muito bonitos, e eu sugiro a Rã-Bugio, de Jaraguá do Sul (SC), a APREMAVI, de Rio do Sul (SC), a Verde Vida, de Chapecó (SC), e a Horta Comunitária, de Novo Hamburgo (RS).

E aí!? Já virou expert?

Postado por Eduardo Augusto Mânica

Bookmark and Share