Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Brasil"

Emocionante: Maurine faz o gol da vitória do Brasil e dedica ao pai, que morreu no domingo

25 de outubro de 2011 11

Foi de arrepiar. Uma das cenas mais emocionantes deste Pan-Americano, realizado em Guadalajara, no México, foi a da noite desta terça, protagonizada por Maurine. A lateral-direita da Seleção Brasileira de futebol feminino perdeu o pai no último domingo, mas decidiu, após conversar com familiares, que seguiria na competição. E com um objetivo: conquistar o ouro e dedicar ao seu “Brasil”. Sim, é o nome do pai dela.

Na semifinal, contra o México, o placar estava zerado até os 34 minutos do segundo tempo, quando Maurine recebeu a bola na área e chutou rasteiro para comemorar. Misturou um sorriso de felicidade com lágrimas de saudade. Logo foi abraçada pelas colegas. Cena que se repetiu em seguida, com o apito final e a classificação brasileira para a final.

Certamente o seu Brasil vibrou lá em cima, cheio de orgulho da filha!

Postado por Tatiana Lopes.

Argentinos querem juntar 15 mil torcedores para "meter medo" no Brasil no Pan

14 de outubro de 2011 1

Nas disputas do futebol no Pan-Americano de Guadalajara, no México, as estreias das equipes brasileiras feminina e masculina serão contra o maior rival, a Argentina. E os hermanos querem juntar o máximo possível de torcedores para irem ao estádio fazer pressão contra o time comandado pelo técnico Ney Franco, na quarta-feira, dia 19 de outubro. Um grupo de argentinos vai tentar reunir 15 mil para “meter medo” nos brasileiros, como publica o diário Olé.

— Temos que ganhar no futebol, o futebol é o principal — diz o torcedor que organiza o movimento.

Em tempo: Na seleção brasileira masculina, estão três jogadores da Dupla Gre-Nal: Leandro e Misael, do Grêmio, e Romário, do Inter.


Postado por Tatiana Lopes.

Seleção vence, mas não convence

08 de outubro de 2011 1

Mais uma vez a Seleção de Mano Menezes não convenceu. Venceu a Seleção da Costa Rica por 1 a 0, gol de Neymar, aos 14 minutos do segundo tempo, mas teve uma atuação bem abaixo do esperado.

No primeiro tempo, deixou muitos espaços, cometeu muitos erros na troca de passes, o que possibilitou o crescimento da seleção costarriquenha. Por sorte, faltava qualidade nas finalizações. A baixa qualidade técnica era compensada com uma marcação acirrada, por vezes até violenta, que passou a irritar os jogadores brasileiros — especialmente Ronaldinho e Neymar. Os primeiros 45 minutos foram lentos, sem lances de perigo para ambos os lados.

No segundo, Mano promoveu algumas mudanças. Hernanes retornou à Seleção no lugar de Luiz Gustavo, bem questionado pela torcida durante o jogo, e Oscar entrou no lugar de Lucas, que também teve atuação apagada. Mas foi dos pés de Daniel Alves — que entrou no lugar do lateral do Manchester United Fábio — que saiu o único gol da partida. O Brasil até se empolgou um pouco com o placar aberto, mas longe da atuação que era esperada. No final das contas, o 1 a 0 ficou de bom tamanho.

Postado por Jessica Mello

Beckham no Brasil?

06 de outubro de 2011 19

Segundo o jornal inglês The Telegraph, David Beckham estaria motivado a jogar no Brasil para encerrar sua carreira. O meia tem contrato com o LA Galaxy até dezembro deste ano e teria revelado aos seus conselheiros o desejo de atuar em clube brasileiro em 2012.

Grêmio e Inter não devem investir para contratar o bonitão quase aposentado, mas, pelo menos para as mulheres, seria bom imaginar Beckham com as camisetas da Dupla Gre-Nal. Com qual time ele combinaria mais?

Seleção retribui carinho da torcida com vitória e título sobre a Argentina

29 de setembro de 2011 4

Os mais de 43 mil torcedores presentes no Mangueirão fizeram uma festa à parte, torceram e apoiaram o Brasil o tempo todo. Um carinho que o próprio Mano Menezes dizia que a Seleção estava precisando. E o time retribuiu tudo dentro de campo. Venceu a Argentina por 2 a 0, teve grande atuação no segundo tempo e ainda levou o título do Superclássico das Américas.

Grande parte do primeiro tempo, deve-se dizer, foi bem parecido com o jogo de Córdoba: sonolento. O Brasil teve mais posse de bola, mas não conseguiu converter em grandes chances ofensivas. A Argentina, armada mais defensivamente, também não tinha criatividade nas jogadas.

Mas aí veio o segundo tempo e a Seleção entrou em campo bem mais inspirada. Lucas, um dos melhores em campo e que merece ser titular na equipe principal de Mano, abriu o placar aos 8 minutos, em uma espetacular jogada de ataque. Neymar, o craque brasileiro, ampliou aos 29 minutos. Bruno Cortês, lateral-esquerdo do Botafogo, foi a grande supresa positiva da noite. Depois dos gols e da tranquilidade adquirida (a equipe de Sabella não conseguia reagir), os jogadores ficaram mais soltos, com direito a dribles de Neymar e trocas de passe na linha lateral de Ronaldinho.

Agora, o momento mais curioso da partida definitivamente foi o número 1 arrancado das costas da camiseta de Neymar pelo colorado Guiñazu. Com o 11 pela metade, o atacante precisou trocar de camisa.

Postado por Jessica Mello

Sem seus principais jogadores, Brasil e Argentina perdem qualidade e só empatam

15 de setembro de 2011 4

As seleções de Brasil e Argentina são duas das maiores seleções do mundo, com alguns dos melhores jogadores do mundo, mas não estão conseguindo formar equipes capazes de derrotar grandes favoritas como Espanha e Alemanha na próxima Copa do Mundo. E, se com seus jogadores titulares, os desempenhos já não são dos melhores, sem eles a situação fica ainda pior. Foi o que se viu hoje em Córdoba. Um 0 a 0 sonolento, sem graça, insosso.

A grande emoção da partida ficou novamente com Leandro Damião (já está virando rotina). Acertou duas bolas na trave, as duas melhores chances do Brasil, sendo uma delas logo após uma lambreta incrível. Até os argentinos se renderam à qualidade do atacante colorado. O jornal Olé chegou a escrever: “uma jogada de craque”.

A Argentina começou o jogo melhor, chegando sempre ao ataque com Boselli. Depois que se lesionou, na metade do primeiro tempo, a seleção de Sabella perdeu qualidade. Já Neymar e Ronaldinho, as “estrelas” da partida (pelo menos fora de campo), tiveram atuações apagadíssimas. Kleber e Oscar também entraram em campo, mas não conseguiram fazer muita coisa. O lateral, aliás, chegou a errar bastante na primeira etapa.

A esperança que fica é que, no dia 28, o pessoal se inspire um pouco mais e melhore a qualidade do espetáculo na final do Superclássico.

Postado por Jessica Mello

Miss Brasil marca gol em partida de futebol e dedica aos gremistas

29 de agosto de 2011 32

Após um domingo de clássicos no Brasileirão, a segunda-feira foi o dia de ver beleza dentro de campo. As candidatas ao título de Miss Universo disputaram uma partida de futebol no estádio Pacaembu, em São Paulo.

O time da Miss Brasil Priscila Machado venceu o jogo por 3 a 0. Boa de bola, a gaúcha marcou um gol e dedicou ao time do coração, segundo o Ego:

- Dedico esse gol a todos os gremistas de coração assim como eu – disse Priscila.


Cafu foi o convidado especial do jogo. O pentacampeão distribui autógrafos e elogiou a atuação de Priscila dentro de campo.

Postado por Débora Pradella

Votação: golaço de Oscar entre os mais bonitos do Mundial Sub-20

22 de agosto de 2011 0

A ideia inicial era de um cruzamento para a área, que acabou resultando em gol. Um gol não, um golaço na final contra Portugal. O meia Oscar, do Inter, foi um dos destaques do Mundial Sub-20, conquistado pelo Brasil pela quinta vez na noite do último sábado.

No site oficial da Fifa, 10 gols marcados na competição foram selecionados pela equipe da entidade na Colômbia para que o público vote no mais bonito. E, lógico, o do Oscar está lá. Outro brasileiro que faz parte da votação é Willian, com um gol que ele anotou contra a Áustria.

Para votar, é só clicar na imagem abaixo. No site, é possível assistir a todos os gols para tirar qualquer dúvida antes de clicar no seu preferido:


Postado por Tatiana Lopes.

Seleção de Mano volta a perder contra um adversário forte

10 de agosto de 2011 6

Já se passaram França, Argentina, Holanda e agora Alemanha. E a Seleção de Mano Menezes segue sem conseguir vencer um adversário forte.

O esquema brasileiro seguiu o mesmo, mas o meio de campo mudou. Mano promoveu a titularidade de Fernandinho e Ralf, tentando uma aproximação maior com os atacantes. Mas o que se viu dentro de campo foi diferente. O Brasil mais jogava nos contra-ataques, enquanto que a Alemanha tinha mais posse e toque de bola. A Seleção de Joachim Löw dominava a partida, mas também errava nas finalizações. Ao longo do primeiro tempo, os alemães foram ficando nervosos e foram errando muitos passes, dando chances ao Brasil, que, logo em seguida, desperdiçava.

No segundo tempo, Alexandre Pato teve a chance de abrir o placar logo nos primeiros minutos, mas tentou por cobertura e errou. A Alemanha, que voltou mais viva do intervalo, fez a sua parte, marcando, de pênalti, aos 13 minutos. Aos 21 viria mais um e aos 34 outro. André Santos tentou dominar a bola bem na frente de um dos melhores jogadores adversários, Schweinsteiger. Resultado? Perdeu a jogada e viu Schürrle marcar um belo gol. Neymar e Robinho, de pênalti, marcaram para o Brasil.

Escalar uma Seleção, ainda mais a brasileira, é sempre muito difícil. Cada um tem o seu palpite e os seus jogadores preferidos. Mano Menezes claramente tem os dele, que são diferentes dos meus. André Santos, Ramires e Robinho são três jogadores que já se viu que não conseguem resolver. Seria a hora de mudar. Se o técnico tentou algo diferente no meio, por que não tentar algo diferente nas outras posições?

Em tempo: a Alemanha, para mim, é a grande favorita para levar a Copa de 2014. Mais até que a badalada Espanha. Tem time, grupo, grandes jogadores e um estilo de jogar leve e ofensivo. Então o resultado não é dos piores, era até esperado.

Postado por Jessica Mello

Para consolar os brasileiros: Larissa Riquelme dá show na arquibancada

17 de julho de 2011 78

A Seleção Brasileira acaba de ser eliminada nos pênaltis pelo Paraguai e está fora da Copa América. O momento é de decepção e tristeza, mas – para consolar os brasileiros – o Clube da Bolinha selecionou as melhores imagens da musa Larissa Riquelme, que deu show na arquibancada em La Plata e prometeu ficar nua no Maracanã se a sua seleção vencesse.

— Tenho uma promessa para alegrar os brasileiros: se o Paraguai ganhar eu vou fazer um “body paint” com as cores do Brasil, em pleno Maracanã — disse.

Ficaram mais felizes agora?

Postado por Débora Pradella

Jogadores podem se tornar Patrimônios Desportivos da Humanidade

14 de abril de 2011 13

Assim como já existe o Patrimônio Cultural da Humanidade, o Bureau Internacional de Capitais Culturais resolveu criar o Patrimônio Desportivo da Humanidade para consolidar a importância do esporte no mundo.  Desta forma, Brasil, Argentina e México poderão escolher 10 jogadores, cada um, para receber o título internacional.

Segundo a instituição, a escolha dos três países foi feita “devido a importância histórica e atual que o futebol teve e tem na Argentina, Brasil e México”.

As propostas de candidaturas podem ser feitas por clubes, torcedores e simpatizantes. Basta acessar o site oficial e preencher um formulário até o dia 14 de maio. Os jogadores que forem citados devem cumprir os seguintes quesitos para se tornarem Patrimônio Desportivo da Humanidade:

- Ter jogado com excelência desportiva e jogo limpo
– Contribuir para criar laços de união entre os torcedores do seu time e o dos times adversários, durante e fora dos jogos
– Aportar valores éticos e solidários
– Ser referência para as crianças e jovens
– Primar pelo jogo em equipe em detrimento do jogo individual

Os argentinos já indicaram cinco nomes, aprovados pelo Bureau Internacional de Capitais Culturais, são eles: Alfredo di Stéfano, Daniel Alberto Pasarella, Diego Maradona, Lionel Messi e Mario Kempes. E os brasileiros? Quem vocês indicariam??

Postado por Débora Pradella

Seleção Sub-20 tem um mascote

27 de janeiro de 2011 1

Os jogadores da Seleção Brasileira Sub-20 acharam um mascote no Hotel Libertador, em Arequipa, onde estão hospedados. O pátio do hotel é a casa de Juanito, uma tartaruga de 150 anos, que atraiu a atenção dos brasileiros.

Desde o dia que chegaram os jogadores gostaram da tartaruga. E eles não deixariam de tirar fotos com o novo mascote da Seleção.

Postado por Aline Trindade

Robinho é o garoto-propaganda da nova camisa de treino da Seleção

23 de dezembro de 2010 1

O jogador escolhido para vestir a nova camisa de treinos da Seleção Brasileira foi Robinho. A apresentação do uniforme foi nesta quinta, no Rio de Janeiro. A CBF e a Seara ampliaram o contrato de patrocínio por quatro Copas do Mundo, ou seja, até 2026. É o vínculo mais longo entre os patrocinadores da Seleção.

Com o novo contrato, a Seara se junta a Nike, Itaú, Vivo e Guaraná Antarctica e passa a exibir também o seu logotipo nas camisas de treino e lazer da Seleção em todas as categorias.

Postado por Tatiana Lopes.

Gurias do Brasil arrasam na Copa América

20 de novembro de 2010 1

A equipe de futebol feminino do Brasil arrasou dentro de campo. As gurias venceram a equipe da Colômbia, na última sexta-feira, e conquistaram a Copa América. A jogadora Marta marcou dois gols e Cristiane, Erika e Grazielle (acima na foto) completaram o placar.

Mas um detalhe muito importante é que elas levaram o título antes mesmo de a competição terminar. Com seis pontos ganhos, elas não poderiam mais ser alcançadas.

O resultado de 5 a 0 que garantiu o título, também carimbou a participação do Brasil  na Copa do Mundo do ano que vem, na Alemanha e a confirmou a primeira vaga da América do Sul nas Olimpíadas de Londres 2012.

Postado por Aline Trindade


Tinha que ser o Messi

17 de novembro de 2010 17

Não adianta, o cara é craque. E desequilibra. Brasil x Argentina estava se encaminhando para terminar com o placar em 0 a 0, com bom jogo, chances de gols dos dois lados, e uma leve pressão dos hermanos no final. E aí, apareceu a estrela de Messi. Driblou vários jogadores brasileiros, chegou à entrada da área e não perdoou Victor, com um chute matador no cantinho esquerdo.

A dupla Gre-Nal se fez presente em campo, representada pelo tricolor Victor, desde o início da partida. O gol de Messi, aliás, foi o primeiro que o goleiro levou pela Seleção. O camisa 10 do Grêmio, Douglas, e o 10 do Inter, D’Alessandro, entraram no segundo tempo. O meia gremista foi uma das vítimas do golaço dos hermanos, a jogada também passou por ele. E quem comemorou no final foi o “argentino colorado”.

Foi um teste forte para a Seleção Brasileira de Mano Menezes, que não conseguiu superar a Argentina. O diário Olé estampou em sua capa a seguinte frase logo ao final do jogo: !Aplausos por favor! A Argentina não vencia o Brasil desde 2005, pelas Eliminatórias para a Copa. Cinco anos depois, os hermanos voltam a comemorar.


Postado por Tatiana Lopes.