Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de junho 2014

Coisa de Gordo - 563

06 de junho de 2014 1

563 – Não me peçam para torcer contra o Brasil

Na última Copa do Mundo não lembro das pessoas associarem o resultado das eleições ao resultado da Copa. Pois é, para azar nosso, no Brasil, a cada ano de Copa do Mundo tem eleição presidencial! Pois bem, o Brasil perdeu aquela Copa e o presidente de então ( Lula) elegeu sua sucessora (Dilma). Por simples analogia, podemos deduzir que mesmo que o Brasil ganhe esta Copa, talvez a gente consiga tirar a Dilma do poder.
Quando me pedem para que eu torça CONTRA o Brasil nesta Copa, lembro de algumas coisas que vivi. Lembro dos tempos de colégio primário  em que cantávamos o Hino Nacional e nos orgulhávamos de pertencer a esta pátria mãe gentil. Mais adiante, vivenciando as coisas do patriotismo mais maduro, nos emocionávamos ao escutar o Hino Nacional enquanto tremulava ao vento nossa linda Bandeira Nacional. Para mim, era , ainda é e sempre será muito bom ser brasileiro! Em que pesem todas as nossas deficiências.
Se os governos foram desmontando aos poucos o nosso amor pela pátria, se foram tornando cafona cantar o hino, se foram destruindo nossos valores cívicos, isso é culpa e problema desses governos tortos que temos tido.
Vivemos tempos estranhos em que estrangeiros médicos são mais admirados e valorizados que os médicos locais. Em que se defendem empreendimentos em outros países (portos, refinarias , etc), enquanto nossos empreendimentos esperam por financiamento. Isso não deveria afetar nosso patriotismo. As ações canalhas de um ou outro governo são culpa desses governos. Nosso amor à pátria deve estar acima disso.
Assim, deparo-me com mais uma Copa do Mundo e tenho a impressão de que nos gols do Neymar e do Fred serei o único a gritar e festejar.
Não me peçam para torcer contra o Brasil. Isso ofende a memória dos valorosos expedicionários que envergaram a farda brasileira e ajudaram a varrer o nazismo do mundo na Segunda Guerra Mundial. Pergunte a um veterano de guerra para qual time ele torcerá na Copa. Não, não me peçam para torcer contra o Brasil. Isso ofende a memória de tantos que tombaram em guerras e revoluções regionais e que demarcaram nossas fronteiras.
Detesto esse governo comunista que se apossou do poder, com certeza, detesto as gentes do mensalão, mas o fato dessa turma estar agarrada ao poder não me faz menos brasileiro!
Torcerei pelo Brasil na Copa do Mundo. Lembrando sempre do trecho do hino que diz “que um filho teu não foge à luta”. Não fugirei a esta luta. Tanta gente lutou e me representou em batalhas bem mais cruéis do esta, afinal, é só um torneio esportivo. Mas se eles verteram sangue, suor e lágrimas para defender a pátria, não serei eu que, do conforto do meu sofá vou desonrá-los.
Prá frente Brasil, Brasil, salve a Seleção!
Silvano – lançando palavras ao vento

Bookmark and Share