Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Angry Bear: O despertar faminto de Fly-X

06 de junho de 2012 3


Tô sentindo que este 2012 promete barulho. Nem chegamos a metade da metade daquilo que está previsto para sair da fornada roqueira catarinense e temos dois violentos trabalhos, como o já citado abaixo Motel Overdose, que embora oficialmente leve o apenas o nome da banda no título eu passarei a chamar de Calendários de Oficina (fantástico!).
Mas que fique o alerta aos desatentos para o atropelo que vem de outra tríade, só que ao Norte do Estado. Qualquer dúvida que havia sobre os caminhos que a banda Fly-X tomaria a partir de Despertar, o terceiro álbum lançado em 2009, encontra resposta na crueza das guitarras e na acidez do discurso que impregna recém-apresentado disco Angry Bear. O quarto álbum do grupo de Guaramirim consolida a trajetória de 15 anos de militância do trio de Guaramirm no circuito independente. No dia 23 de junho, eles lançam Angry Bear com um show de comemoração pela trajetória em Guaramirim (possivelmente no local de ensaios da banda).
É por sua natureza independente, que a banda celebra em Angry Bear as suas referências mais caras, especialmente o metal e o grunge. Estes estilos formam a essência da base do trabalho que corresponde a nove faixas. A exceção dos trabalhos anteriores, esse é essencialmente composto em inglês e segue a temática da crítica social, do mundo em constante confronto de ideias e poder. Alien Life abre o repertório em puro estágio grunge, acelerado, distorcido e estridente. Entoada que não dá margem para respirar nas faixas subsequentes como Angry Bear, What do You Want From me Losing Ground, Who Are You, Pain e Terros Slaves. A sombria War In Rio leva a sonoridade à desaceleração, mas mantém a carga pesada para declarar o cenário bélico que desconstrói o ideário marqueteiro a respeito da hoje pacificada Cidade Maravilhosa.
Não poderia soar mais belo e reverencial aos ouvidos de qualquer fã do Nirvana, Mudhoney, Helmet e Black Sabbath. Atuar na independência é tarefa árdua, mas também traz bônus. No caso da Fly-X é abrir concessões apenas para si própria.
Angry Bear, de Fly-x, Independente, 10 faixas, R$ 10
Como adquirir:
Guaramirim: Loja CD & CIA
Joinville: Loja ROCK TOTAL DISCOS
Blumenau: Loja BE BOP DISCOS
Jaraguá do Sul: Kélson Marcelo (47) 84546309



Comentários (3)

  • Karlan diz: 6 de junho de 2012

    Excelente álbum!!! Parabéns Fly-X.

  • Cristiano – @RockCatarinense diz: 6 de junho de 2012

    O problema é fazer que a ‘música’ toque nas rádios de SC, coisa difícil e rara no momento.

  • André Guesser diz: 11 de junho de 2012

    Que legal isso, marquinho, sonzeira de primeira, parabens pra fly-x, muita pegada!

    Como diria um amigo meu… viva sc, porrax!

Envie seu Comentário