Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "pop"

Atomic Mambo All Stars nos ouvidos

19 de junho de 2012 1


AMAS é Gabriel Orlandi, KimZac, Edu K e Guilherme Zimmer. Puro ócio criativo!

Tentar explicar em palavras o que é o Atomic Mambo All-Stars é perda de tempo ou um malfadado exercício de diarreia metal. Sério, o próprio produtor e manager responsável pelo lançamento dos caras, o Isaac Varzim, limitou-se a definir aquilo como uma “bagunça” (dubstep, hip hop, popozão e noise). Melhor ouvir o álbum na íntegra, que foi lançado nesta segunda no Floripa Noise e que sairá pela SIC Music. A conclusão é uma só: sim! a mente ociosa é a oficina do capeta!

Nada Surf despede-se por Floripa

30 de abril de 2012 1

A banda norte-americana despediu-se de Floripa já na madrugadad desta segunda com um show que tem sido a tônica desta tour: mais que uma apresentação de credenciais, uma prestação de contas aos seguidores do grupo nova-iorquino. O John Bull não chegou a lotar, mas em se tratando de uma banda indie, cujo poder de alcance em uma Ilha como a de Santa Catarina torna-se ainda mais restrito, não faltou calor na recepção ao quarteto.
O que levou o vocalista, guitarrista e letrista Matthew Caws a sacar dos bolso um repertório para além das canções de The Stars Are Indiferent Astronomy, o sexto e mais recente álbum da banda, contemplando músicas de todos os trabalhos anteriores. Privou-se apenas de Popular, o hit que os alçou ao pico de projeção na década de 1990 _ muito exibido pela MTV brasileira. É algo como a Anna Julia deles. As canções de The Stars soam mais maduras e densas, proporcionando os momentos de maior punch do show. Um indie melódico, muito bem arranjado, produzido e que no palco prima pela excelência técnica. Na despedida, Matthew mandou um até breve cercado pela plateia ao lado do palco na base da voz e violão. Mais Lagoa, só se entoasse Morena Tropicana. Fico com Popular!

As fotos são de Ana Carolina Von Hertwig, que gentilmente as cedeu para o ContraVersão e para a coluna Contracapa.

O retorno dos irmãos Jackson aos estúdios

26 de abril de 2012 1

Segunda a revista Billboard, os irmãos Jackson vão gravar seu primeiro disco de inéditas desde 2300 Jackson Street (1989).

A informação tem como fonte o filho mais velho, Jackie Jackson. Ele mais os irmãos Jermaine, Marlon e Tito Jackson devem se reunir em estúdio após a turnê que fazem ainda este ano pela América do Norte.

- É o que vamos fazer. Logo após a turnê, vamos voltar ao estúdio e começar a gravar algumas músicas novas. Mal posso esperar – disse Jackie à Billboard.

Na nova turnê, intitulada Unity Tour, o quarteto vai interpretar clássicos do grupo Jackson 5 e também fará um tributo ao irmão mais famoso, Michael Jackson, morto em 2009.

Jackie disse que, no próximo álbum, os Jacksons vão voltar à sonoridade com a qual o grupo fez sucesso no final dos 1960-início dos 1970, com hits como I Want You Back e ABC.


Gotye faz pop inteligente no CD "Making Mirrors"

11 de abril de 2012 0

Esse australiano de apelido esquisito (se pronuncia “gautiê”) chegou o topo das paradas com com a exótica Someone That I Used to Know (o vídeo da música no YouTube está chegando a 153 milhões de visualizações!), e o bom é que é apenas um dos bons momentos desse Making Mirrors.

Do início ao fim, a proposta do moço é criar música que pode ser pop, sem deixar de lado a criatividade e a ousadia. Easy Way Out é cheia de nuances, soterrada por um ótimo refrão. I Feel Better é uma visita à antiga música soulpop da Motown e In Your Light é daquelas pequenas ideias musicais que se surgem pequenas, mas cheias de brilho.


Kassin lança EP com remixes de seu último álbum

21 de março de 2012 0

O produtor e músico Kassin (não confundir com o Cassim “cataranaense”) lançou um EP com sete remixes do seu belo e tridimensional álbum Sonhando Devagar, que saiu ano passado.

O legal é que pode ser baixado sem custos no www.coqueiroverderecords.com/kassin, ou no iTunes http://itunes.apple.com/br/album/sonhando-remixes/id511193425.

Abaixo, as sete faixas de Sonhando Remixes e os respectivos produtores:

Calça de Ginastica – Artificial

Sorver-te – Waldo Squach

Quando você está sambando – Gabriel Muzak

Calça de Ginastica – Strausz

Fora de Área – Artificial

Lua do Sol – M. Takara

Calça de ginastica 808 – Artificial


Cantora Roberta Sá sobe ao palco hoje em Florianópolis

19 de março de 2012 0

Já que o belo álbum Segunda Pele é o que de melhor surgiu no campo emepebista nesses dois meses e meio de 2012, vale muito prestar atenção na artista por trás do trabalho, Roberta Sá, que logo mais se apresenta no Teatro Governador Pedro Ivo:



Morre Dory Previn, autora de "The Leprechauns Are Upon Me""

16 de fevereiro de 2012 0

Autora da letra do tema principal do filme O Vale das Bonecas, canção  composta pelo seu ex-marido André Previn, Dory Previn morreu quarta-feira em Southfield, Massachussetts (EUA). Tinha 86 anos.

A cantora e compositora foi indicada três vezes indicada para o Oscar, com as  canções dos filmes Pepe, Dois na Gangorra e Os Anos Verdes. Ela cantava e também era instrumentista, mas se tornou reconhecida pelas letras confessionais, tendo impacto no trabalho das geração seguinte de cantoras-compositoras, especialmente Joni Mitchell.

Com Previn, gravou seu primeiro LP, o raro The Leprechauns Are Upon Me – ainda com o sobrenome Langdon. Divorciada de André Previn, ela sofreu sua primeira crise mental quando o maestro a trocou por Mia Farrow nos anos 1970, passando por internações.


Chuta que é Macumba!

13 de fevereiro de 2012 0

O Ministério da Agricultura Adverte: Só consuma franga com o carimbo de inspeção do SIF!


Lady GaGa: de “surpresa com defeito de Kinder a Ovo” à oferenda rejeitada por Iemanjá e pelo Grammy. Saiu de mãos vazias, mas o ego continua inflado.

Morte e Vida no Pop

12 de fevereiro de 2012 0

Cerimônia de entrega do Grammy neste domingo marcará o retorno dos Beach Boys com o gênio e fundador Brian Wilson de volta à, que anunciou também o lançamento de um novo álbum e uma tour mundial. Seria a celebração da redenção de uma das bandas seminais do rock e do pop contemporâneo. O fim de um hiato marcado por tragédias (a morte dos irmãos Dennis e Carl Wilson) e pela derrocada pessoal e psíquica do seu mentor criativo máximo. Seria a personificação da vitória da vida sobre a morte, da vontade da arte sobre as armadilhas do sucesso. Seria, se a feta não fosse ofuscada pela morte da cantora Whitney Houston, uma história que abreviou-se em um abismo do qual Brian Wilson conseguiu escapar. Whitney foi tão genial e geniosa em seu tempo quanto o Beach Boy soberano. Artista feminina que mais vendeu na história da música, reinou praticamente sozinha durante as décadas de 1980 e 1990, fazendo de Madonna uma esforçada coadjuvante no holofote do showbizz. Precisou Whitney sair de cena (tragada pelo vício e pela vida pessoal conturbada) para que a loira fosse alçada à condição de “regente” em um trono que ainda permanecerá vago.

Lastimável o fim de Whitney, abreviando a existência e encerrando uma agonia artística que se arrastava há quase duas décadas. Viva Brian Wilson, o espectro que teimou em sair no limbo, expurgou seus males, e redirecionou-se para o fazer. O Grammy de hoje, com ele ao lado do primo Mick Love é a vitória da vontade sobre a incerteza. Da vida sobre a morte. Do sorriso sobre o choro.

WTF M.I.A.?

03 de fevereiro de 2012 0

Achei muita ironia o clipe do novo single da Madonna, Give Me All Your Luvin’ sair justamente no dia seguinte ao da Imenajá. Seria devolução de oferenda? E não entendi também o que a M.I.A. faz ali pagando de mico de auditório…