Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Teste de RH

14 de outubro de 2009 31

Aos 12 anos de idade, a personalidade do homem está pronta. Homem, que digo, não é o ser humano; é o gênero masculino. Nós homens não evoluímos depois dos 12 anos. Na essência, continuamos os mesmos. Você foi leal aos 12 anos? Continuará leal aos 80. Foi traiçoeiro? É um maldito traiçoeiro.

As mulheres, não. As mulheres são mais sofisticadas. São capazes de passar a vida sofrendo transformações. Algumas podem ser insondáveis, até que tenhamos acesso à chave do segredo delas, que, você sabe, é a mãe. Você quer decifrar uma mulher? Converse com a mãe dela e, sobretudo, observe a mãe dela. Você quer saber como é um homem? Converse com os amigos que ele tinha aos 12 anos de idade.

Agora, você quer saber re-al-men-te como é um homem? Observe-o jogando futebol. Porque, jogando futebol, ele é exatamente como era aos 12 anos de idade. E, o mais importante, jogando futebol ele não consegue reprimir a personalidade. O caráter se lhe aflora no calor do jogo. Suado, resfolgando, ele é quem ele é. Ele tem 12 anos de idade.

Olhe para esses marmanjos milionários nos estádios lotados. Não é à toa que estão de calções. Ali, em campo, eles não passam de guris. Eles são eles mesmos. Eu, se trabalhasse no terceiro andar do prédio contíguo ao da Redação, onde funciona o RH da RBS, se trabalhasse lá substituiria os testes psicológicos por um jogo de futebol entre os candidatos. As candidatas? Bom, teria que conhecer as mães delas.

O futebol é isso, é um jogo de talentos, sim, mas talentos aliados à personalidade. Um jogador, além de técnica, precisa ter personalidade para ser um vencedor. Um time também. O Flamengo tem sua personalidade. Qualquer Jandir, qualquer Álvaro, quando enfia pelo pescoço a camisa do Flamengo, sai dando de trivela. A personalidade do clube é assimilada por osmose através das listras da camisa.

O Grêmio era o contrário. Qualquer Caju, qualquer Roger, ao colar a camisa do Grêmio no peito, dava carrinho, se esbaforia em campo. Agora não mais. O Grêmio de 2009 é um time insosso. Tem a frieza de um São Paulo sem o dinheiro de um São Paulo. O Grêmio perdeu a personalidade. E quem perde a personalidade, perde tudo.

Postado por David

Comentários (31)

  • Rafinha diz: 14 de outubro de 2009

    Perfeito David,nem a imprensa do centro do pàís implica mais com o Grêmio,éssa é a maior prova de que perdemos a nossa indentidade.

  • Carlos Eduardo diz: 16 de outubro de 2009

    parabéns!

    diz tudo

  • Samuel Ritter diz: 14 de outubro de 2009

    Discordo David, pois o ser humano está sempre em evolução. Existem alguns teimosos que possuem suas “convicções” e não se reciclam, permanecendo como “mulas” até o fim da vida. Em clínicas de reabilitação para drogados ou alcoólatras é que encontramos os maiores exemplos de mudanças e superação. No futebol é a mesma coisa, os times devem jogar com a as peças que tem. Se a estrela está no meio campo, deve-se jogar em função desse setor, idem para ataque, alas, MARCAÇÃO, etc.

  • Bibiane diz: 14 de outubro de 2009

    Pois é caro David, sabe o que acho do Grêmio nos dias de hoje? Comodismo, tudo é muito cêmodo. Sabe o que parace que eles pensam? `Á vou ganhar meu salário no fim do mês mesmo, para que vou tentar se não vamos mais melhorar na tabela`. Lógico que não é isso que eles pensam né, pelo menos não aparenta quando Máxi faz seus gols e comemora junto da torcida, mas não sei mais o que pensar deste Grêmio. E quanto as mulher em parte se paraecem com as mães em partes são totalmente oposto. Beijos.

  • Bernardo diz: 14 de outubro de 2009

    grande David, mais uma vez resumiu muito bem o que se passa no Grêmio….ontem acompanhava o treino do Grêmio e não acreditei quando o meu Grêmio jogava futevolei no treinamento…é o fim!!! daqui a poucovão começar a querer treinar em um turno só, quando não chover e de sunga!!!é o fim!!!!!

  • Lucia diz: 14 de outubro de 2009

    Interessante teoria, David. Quanto aos homens, eu concordo. Diante de uma bola de futebol, são os mesmos meninos de 12 anos, é incrível. As mulheres passam a vida sofrendo transformações? E são a cópia da mãe? Ai, ai, ai, essa aí teria que desenvolver mais… Beijos, David :)

  • Vi diz: 14 de outubro de 2009

    PALMAS para David Coimbra.
    Como eu queria ter esse dom de comparar tudo com futebol, assim, com toda essa maestria que voce tem.

    Falou tudo nessa frase: “o Grêmio perdeu a personalidade.”
    E sendo Gremista, como eu sou, é RUIM admitir, mas é a real.

  • Leandro diz: 14 de outubro de 2009

    grande David….excelente texto

  • Bruno diz: 14 de outubro de 2009

    Booooaa

  • JOÃO diz: 14 de outubro de 2009

    CARA TIME QUE TEM UMA TORCIDA QUE PENSA PEQUENO ACABA FICANDO PEQUENO.ELES OLHAM O FILME A BATALHA DOS AFLITOS E CHORAM DE EMOÇÃO,EU CHORARIA DE VREGONHA SE MEU TIME CAISSE PRA SEGUNDA DIVISÃO.SÃO TÃO ALIENADOS QUE DETERMINADOS CIDADÃOS NÃO DEVERIAM NEM TORCER POR ESTE CLUBE. POBRES IGNORANTES SEUS ANCESTRAIS DEVEM ESTAR SE REVIRANDO NO TUMULO.A PRÓPRIA TORCIDA TEM UM GRITO DE GUERRA DIZENDO QUE NÃO CONCORDA COM ESTE TIPO DE TORCEDOR.DEVERIAM CONHECRE A HISTÓRIA DO CLUBE.

  • Matheus diz: 14 de outubro de 2009

    Mas…mas… e o Souza David? Como é que ele fica? Ele acaba de dizer que o Gremio tem o melhor time do campeonato e que só esta faltando um pouquinho de sórte! Vc pelo jeito não concorda com ele, vcs gremistas se entendem , nem no discurso

  • Ivan diz: 14 de outubro de 2009

    Dito e feito!!!
    Acertou em cheio.
    E ainda por cima,irão perder o bem mais precioso do clube: A TORCIDA!

  • Tiago Medina diz: 14 de outubro de 2009

    Impressão minha ou tu tá querendo derrubar o segundo técnico este ano e querendo gritar, a plenos pulmões: “Volta, Roth!”

  • Ana Tartarotti diz: 14 de outubro de 2009

    Olha, não concordo que as mães sejam parecidas com as filhas. Eu sou totalmente o oposto da minha mãe. Muitas vezes, nossos pais tem defeitos-e ai nós, que convivemos com eles diariamente, observamos esses defeitinhos e não os copiamos. Quer saber como uma mulher realmente é???? Será uma missão quase impossível, mas o mais próximo da verdade é tu perguntar a suas amigas. Tem coisas que só as amigas sabem…

  • Cris Blum diz: 14 de outubro de 2009

    Tu te acha muito sr sabe tudo né…quer conhecer um homem: AI SIM CONVERSE COM A MÃE DELE…SDaí saberás quem é…

  • Guilherme o.O diz: 14 de outubro de 2009

    Muito bom, concordo sobre o Grêmio. E para os colorados arriadinhos, se quando os jogadores vestem a camisa do Grêmio eles tinham raça, se esbaforiam, os de vcs faziam o que ???? Nada o internacional é um time sem identidade, que muda se escudo, que tem camisa dourada, quem veste uma camisa colorada, n sente nada, o espirito continua o mesmo, a mesma falta de identidade de sempre e a sençasão de não saber quem é os invade !!! Grêmio era raça, inter era o que ???

  • COLORADO diz: 14 de outubro de 2009

    FAZ TEMPO Q PERDE TUDO….POSSIVELMENTE O BIN LADEN ESTÁ NA SALA DE TROFÉUS DO GREMIO…ESCONDIDO ONDE NINGUÉM ENTRA FAZ TEMPO…e eles seguem rindo!!

  • josé de alencar souza da silva diz: 14 de outubro de 2009

    É só colocar a camisa do Grêmio que um craque vira perna de pau,teu Grêmio tá mal Coimbra,chora Coimbra.

  • Jô diz: 14 de outubro de 2009

    Talvez a atual escalação tenha perdido, mas o time, o “Grêmio” em si jamais perderá sua personalidade!

  • Marisa Oliveira diz: 14 de outubro de 2009

    Para conhecer uma mulher, além de observar a mãe dela, só morando com ela.
    Quanto ao Grêmio…com ele onde ele estiver, diz a lenda.

  • Vinícius Wiest diz: 14 de outubro de 2009

    Ão Ão Ão, segunda divisão!

  • diego diz: 14 de outubro de 2009

    O problema é o Souza.
    Do lado dele ninguem se cria…
    nem o Douglas Costa..

  • Machiavel diz: 14 de outubro de 2009

    Mulher a gente não precisa conhecer porque é tudo a mesma coisa!

  • Cléber Farias diz: 14 de outubro de 2009

    Cara simplesmente perfeito!!!

  • Luly diz: 14 de outubro de 2009

    Concordo contigo, David, quando dizes que os homens não evoluem após os 12 anos e ainda digo mais,conhecendo o comportamento de um só, nós, as mulheres, já podemos ser consideradas experts no tipo…pode mudar a embalagem,entretanto, no interior é tudo igual! rsrsrs

  • Cristiano diz: 14 de outubro de 2009

    Completando o comentário que enviei há pouco: saudades do tempo em que a imprensa Rio/SP chamava o Grêmio de “time mais violento do Brasil”!

  • Edmilson diz: 14 de outubro de 2009

    Depois dos 12 anos dificilmente os homens mudam de time(se for Colorado sera até o fim de sua existencia e se for Gremista Idem mas alguns com uma vontade imensa de mudar….mas depois dos 12 não mudamos mais)As mulheres nascem com um aprendizado mais rápido que os homens e continuam evoluindo sempre,graças a Deus, se isso não fosse verdade olharia para minha sogra e teria hoje a certeza que teria feito a pior escolha da minha vida, mas as mulheres evoluem e eu acertei na loteria.Um bom dia

  • Dsilva diz: 14 de outubro de 2009

    Quando eu tinha 12 anos, jogava muito mais que hoje aos 30…bons tempos… assim como eram bons os tempos em que o time do Grêmio tinha raça, hoje poucos jogadores demonstram isso… Maxi tem esse perfil, mas ultimamente só tem feito faltas..

  • MATIAS diz: 14 de outubro de 2009

    Excelente david…que pena que és gremista…

  • PARA O : MACHIAVEL diz: 14 de outubro de 2009

    Bem se vé que vo entende muito das mulheres.,…hsahsahsahsahhsahsa

  • Cristiano diz: 14 de outubro de 2009

    Excelente tese.
    Aliás, a torcida tricolor concorda com ela…
    E o Autuori, apesar de falar bonito e ser cheio de “conceitos”, tem a mesma arrogância de Celso Roth…aliás, muito mais. Basta ver sua entrevista. Mas, tratando a maior parte da imprensa com carinho, levam livre o homem.
    A torcida do Grêmio, no entanto, não é comprada por um discursinho chiado e cheio de firulas. Bom saber que, na imprensa, também tem gente que enxerga isso. Queria que a direção do Grêmio também enxergasse…

Envie seu Comentário