Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

A isonomia do roubo

21 de novembro de 2014 6

No tempo do Adhemar era “rouba mas faz”.
Agora é: “Nós roubamos, mas eles roubaram também”.

Comentários (6)

  • Francisco diz: 22 de novembro de 2014

    Prezado David, as justificativas são para quaisquer gostos…………
    Quem deve estar aí , nos EUA, dando gargalhadas a respeito de tudo que acontece no Brasil, devem ser a NSA, cujos técnicos espionaram, durante anos o Brasil e a nossa maior Empresa, a Petrobrás.
    Eles já sabem de tudo, os roubos, os rumos do dinheiro, os nomes de políticos e membros do Poder, das Empreiteiras brasileiras multinacionais.
    Se fossem divulgadas as “escutas” e “mensagens via internet”, o Brasil, seria desmoralizado de forma total, na comunidade internacional.
    É claro que não interessa , em nome das relações entre Países, um escândalo comprovado, de magnitude globall.
    Mas , a Dilma e o Lula, sabem que o que eles fizeram nos doze anos passados. O Presidente Obama e os membros dos seus Governos, sabem de tudo o que aconteceu , no Brasil.
    Os EUA, irão punir na forma da Lei, que rege a sua Constituição a Petrobras e as Empreiteiras Multinacionais Brasileiras e identificar os depósitos bilionários em diversos bancos Estado Unidense! Crimes Financeiros, são punidos com extremo rigor, nos EUA.
    Imagino, nos encontros, entre chefes de Estado………os apertos de mão……….os “olhos nos olhos”……..”os sorrisos constrangedores”´……………. É , a política e a Diplomacia possuem as suas “regras” ou, talvez seja muito promissor, em termos futuros, ter o “rabo preso”, de parceiros Comerciais e estratégicos ……….Não é mesmo?

  • Ismael diz: 22 de novembro de 2014

    Não, David.

    O tucanato contou, e ainda conta onde governa, com eficientes engavetadores.

    Você tenta criar uma nova verdade alegando que a evolução da PF é “uma conquista da sociedade brasileira” e não mérito do governo atual.

    Essa mesma balela foi dita em relação a copa. Plantaram o terror na mídia, quando foi um sucesso, seus colegas mudaram o discurso para “graças ao povo”. Porque não é, nem mesmo admitir uma conquista do governo vocês devem, afinal, o consideram o adversário.

    Fale do mensalão do psdb de minas. Compare com honestidade.

    Fale dos dois, mas com honestidade, divulgue para o povo que o processo, iniciado antes, vai ser arquivado sem julgamento, com todos escapando.

    Seja honesto, diga que não vão nem mesmo ser julgados. Aguardo.

    Assim como ainda aguardo você dizer quem é a mídia que ajuda o PT. Afinal, faz quase duas semanas, e ainda não disse.

    Quero ver, assim poderemos comparar audiências, alcance e influência.

    David anda com esse costume de fazer comparações capengas. Esquecendo (omitindo?) de ser tão detalhista com um lado.

  • Luis diz: 22 de novembro de 2014

    Tu vê só. Eu como fiel leitor de Veja, Estadão, Folha, Globo, Globinho e outras revistinhas acreditava piamente que o PT havia criado a corrupção no Brasil. Acho que dessa vez quebrei a cara. Davi, escreve alguma coisa sobre a sonegação de impostos das grandes empresas do Brasil. Ah, não esquece das empresas de telecomunicações, tá?. Tenho a maior curiosidade em saber o que os grandes jornalistas desse país pensam sobre esse assunto. Abraço.

  • Elis diz: 22 de novembro de 2014

    Deveria ser…..todos vão para cadeia . Deveriam rever todos processos de privatizações , telecomunicações onde tem o telefone para “todos ” de péssimo serviço, fraude no detran, fraude no licenciamento ambiental do RS. Falta uma imprensa que atire para todos lados, quem sabe no futuro.

  • Machiavellirs diz: 22 de novembro de 2014

    PRÓS E CONTRAS O REGIME MILITAR

    Fazendo uma pesquisa básica sobre o tempo em que os militares do Brasil estiveram no poder e o tempo em que eles não estiveram no poder pode-se tirar alguns prós e contras da situação que são mais ou menos assim:

    ALGUNS PRÓS

    1. Brasil tricampeão do mundo em 1970.
    2. Grêmio campeão do mundo em 1983.
    3. Criação do BNH – o BNH foi criado em agosto/1964, com a finalidade de financiar habitações para os brasileiros. O BNH foi encerrado em 1986. Seus recursos passaram a ser administrados pela Caixa Econômica Federal que manteve o seu principal objetivo.
    4. Criação do FGTS – o FGTS foi criado em 1966 com a finalidade principal de amparar os trabalhadores em algumas hipóteses de encerramento da relação de emprego, em situações de doenças graves e até em momentos de catástrofes naturais, sendo também destinado a investimentos em habitação, saneamento e infraestrutura. O FGTS é tão importante que, atualmente, já aplicou mais de 100 bilhões de reais no programa Minha Casa Minha Vida.
    5. Construção da hidrelétrica de Itaipu que, em tupi, quer dizer “a pedra que canta”. Foi criada em 1973. Em 2013 obteve o recorde mundial de produção de energia.
    6. Construção da rodovia Transamazônica. Foi projetada no governo do Médici.
    7. Construção da ponte Rio-Niterói. Foi o General Costa e Silva que autorizou o projeto em 1968.
    8. Construção do Trensurb de Porto Alegre, em 1980.
    9. Construção da freeway Porto Alegre-Osório, em 1973.
    10. Havia maior segurança para o cidadão comum. Atualmente os bandidos estabelecem horários para escolas e casas comerciais funcionarem. Ou seja, estabelecem a lei do silêncio e estamos conversados. Na época da ditadura militar isso não acontecia porque os bandidos sabiam que seriam perseguidos, capturados e jogados no Guaíba, de mãos atadas, com uma pedra amarrada na cintura. Hoje você fica com medo de ir beber uma cerveja em um dos bares da Cidade Baixa porque existe a possibilidade de você ser assaltado ou ver, na ida para casa, que roubaram as rodas do seu automóvel. No regime militar isso também não acontecia porque os bandidos os bandidos tinham medo das profundezas do Guaíba e do Saco da Alemoa.
    11. Menor corrupção: o regime militar durou 22 anos. O atual “regime democrático” já tem 26 anos. Ou seja, o atual regime democrático teve tempo mais que suficiente para provar que o Castelo Branco era corrupto, que o Costa e Silva era corrupto, que o Médice era corrupto, que o Figueiredo era corrupto e que o Geisel era corrupto. No entanto, o que se viu foi que esses generais que comandaram o regime militar morreram pobres, só com seus insignificantes soldos de generais.
    12. Fator Previdenciário: durante o regime militar não havia o “fator previdenciário” na aposentadoria. Para os ignorantes que não sabem o que é o fator previdenciário explico de forma simples e objetiva que ele é mais ou menos assim: quanto mais tempo você permanece aposentado mais diminui os benefícios de sua aposentadoria. Ou seja, muito provavelmente quando você tiver 80 anos de idade sua aposentadoria vai ser de apenas 1 salário mínimo. Ou seja, você vai ter que conseguir um emprego de porteiro de edifício ou pedir ajuda financeira para um parente ou morar em um asilo de velhinhos. O fator previdenciário não vale para juízes e políticos. Ou seja, os políticos e juízes continuarão com seus contracheques e benefícios como se na ativa estivessem. Isso de alguma forma mostra que a democracia hoje existente é uma democracia sórdida é perversa para a maioria dos brasileiros.
    13. O regime militar deixou o PT e o Lula se criar. O Lula foi o principal organizador de greves durante a ditadura militar.

    ALGUNS CONTRAS

    1. A ditadura militar perseguiu os comunistas e guerrilheiros da esquerda. Torturaram uns e deram sumiço em outros.
    2. Exilaram o FHC no Chile. Depois, o FHC resolveu se mudar para Paris e lecionar por lá.
    3. Perseguiram e prenderam o Zé Dirceu que na época era guerrilheiro, comunista ou simpatizante. Em setembro de 1969, com mais quatorze presos políticos, deportados do país, em troca da libertação do embaixador norte-americano Charles Burke Elbrick, foi deportado para o México. Posteriormente exilou-se em Cuba. Fez plásticas e mudou de nome para não ser reconhecido em suas tentativas de voltar ao Brasil após ser exilado, e voltou definitivamente ao país em 1971, vivendo um período clandestinamente em São Paulo e em algumas cidades do Nordeste. No entanto, quando teve novamente sua segurança ameaçada, retornou a Cuba, retornando ao Brasil em 1975, estabelecendo-se clandestinamente em Cruzeiro do Oeste, no interior do Paraná (tem no Google isso). A democracia atual também prendeu o Zé Dirceu só que, agora, foi por corrupção no caso do Mensalão.
    4. Perseguiram e prenderam o Zé Genuíno que também foi guerrilheiro. O Genoíno foi anistiado em 1979 e em 1982 participa da fundação do PT, ainda durante o regime militar. Ele é irmão do deputado José Nobre Guimarães que foi preso com 100 mil dólares escondidos na cueca. A democracia atual também prendeu o Zé Genoíno por causa de corrupção no escândalo do Mensalão.
    5. A ditadura militar realizou a censura na imprensa e em muitas músicas. Censurou, por exemplo, a “Pra não dizer que não falei de flores” do Geraldo Vandré. A propósito:

    http://www.youtube.com/watch?v=6oGlRrJLiiY

    6. O Caetano teve que ir para a Inglaterra para compor seus protestos. Em Londres o Caetano compôs London, London que eu acho demais. A propósito:

    http://www.youtube.com/watch?v=DM_2EdyytaU

    7. O Chico Buarque também teve que exilar na Europa. Só que preferiu Paris. Gostou tanto de lá que, dizem, comprou até um apartamento onde, atualmente, passa a maior parte do seu tempo livre curtindo as margens do Sena e o “crêpe suzette” de lá.

    PS: Por aqui eu paro porque tenho que dar um chego em Atlântida. Por enquanto o placar está 13 a 7 pró regime militar. Segunda-feira eu complemento com mais itens contra aquele horripilante regime. Porém, muito apreciaria que vocês turbinassem os prós e os contras com mais fatos e ações. Até!

  • Machiavellirs diz: 27 de novembro de 2014

    A caminho de Atlântida, tive um raro insight. Preciso abandonar definitivamente minha atuação parasitária neste blog. Afinal, o que estou fazendo?
    Assistam o RBS notícias desta noite.

    Adeus…

Envie seu Comentário