Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

A saga do crepúsculo

23 de novembro de 2014 17

Está anoitecendo às quatro da tarde aqui, na Nova Inglaterra. Quatro da tarde, e o mundo mergulha na penumbra. Mais meia hora, e é noite cerrada.

Sabe o que é isso, o dia acabar quando as pessoas ainda estão se lambuzando com protetor solar fator 60 no Brasil? Em novembro! Outono, não inverno!

Faz toda a diferença na vida de um homem.

Dá para entender por que os americanos jantam às seis da tarde. É porque as seis da tarde, a famosa Hora do Angelus, não é da tarde coisa nenhuma: é noite fechada e chaveada. E, depois do Jornal Nacional, vai todo mundo para o berço, porque vem chegando a madrugada, ô, o sereno vem caindo.

É por isso, também, que esses caras enlouquecem no verão. Sai todo mundo para a rua e as mulheres usam aqueles shortinhos minúsculos, expondo generosamente as bochechas das nádegas, e vão para os parques e as praças, onde ficam tomando sol só de biquíni, e eles jogam baldes cheios de gelo nas cabeças uns dos outros.
-x-x-x-x-

Essa noite prematura me faz lembrar um fascinante evento da natureza que testemunhei há exatos 20 anos: o eclipse total do sol. Deu-se aí no Brasil, no final de uma manhã de céu limpo e ar fino. O dia estava claríssimo e, de repente, a lua interpôs-se entre o sol e a Terra, e foi escurecendo, como se chegasse o crepúsculo, e a temperatura tornou-se mais amena, e os passarinhos, iludidos pela trama dos dois astros, recolheram-se para os galhos das árvores a fim de repousar, e os cães uivavam de nostalgia para a noite que vinha, e nós, seres humanos, ficamos tão extasiados com aquilo tudo que nos abraçávamos nas ruas e gritávamos de encantamento.

As mudanças da natureza mudam também a alma humana.
-x-x-x-x-

Acontece que, assim como no Brasil as mulheres já estão se dourando ao sol e pondo seus corpos sinuosos em vestidinhos leves como a consciência do Wianey Carlet, por aqui até nevar, nevou. Todos estão se preparando para o inverno, inclusive os esquilos.

Que bicho interessante esse, o esquilo. Em Boston, você não vê cachorro ou gato solto na rua; vê esquilo. Há também lebres e patos, mas as lebres são antissociais, olham para a gente e saem correndo, e os patos preferem ficar perto d’água. Os esquilos, não. Esquilos você encontra em toda parte e, no Public Garden, um jardim botânico incrustado bem no centro da cidade, eles estão de tal maneira acostumados ao contato com seres humanos que vêm comer na sua mão, se você lhes oferece um quitute como, sei lá, nozes. Ande sempre com nozes nos bolsos, quando em Boston.

Agora, às vésperas do inverno, os esquilos estão em intensa atividade. Você pode ver quatro, cinco, seis deles correndo e saltando pelos galhos das árvores desfolhadas. Eles pulam em galhos altos e finos e de repente vão para os telhados das casas e logo já estão no solo de novo ou escalando os troncos, tudo isso com agilidade e velocidade espantosas. Alguns americanos me disseram que eles andam agitados desse jeito porque estão abastecendo a despensa para o inverno. Acho que eles moram em buracos nos troncos das árvores, que nem o Tico e o Teco, mas vou investigar.

Por estranho que possa parecer, também toda essa azáfama dos esquilos influenciou no meu estado de espírito. Como eles, estou me preparando para o inverno, comprando roupas adequadas e estocando comidas calóricas. Gordo. Vou me transformar num gordo, nos Estados Unidos.
-x-x-x-x-

Os dias gelados desse outono americano, raspando nos cinco graus Celsius negativos, estão me deixando realmente apreensivo com o que virá depois de dezembro. Outro dia estava lendo um livro sobre o famoso inverno da temporada 1886-87. O autor descreveu-o desta forma:

“Em novembro, a camada de neve tornou-se tão espessa que o gado não conseguia mais pastar ao ar livre. Durante dois meses a neve persistiu, para amenizar apenas em janeiro, fazendo renascer a esperança de salvar os rebanhos. Mas logo começaram a soprar ventos glaciais como até então jamais se havia visto nas grandes planícies. No final de janeiro, a temperatura caiu a 30 graus abaixo de zero do Canadá ao Texas. Os cowboys tiveram de se entocar nos ranchos, deixando o gado à solta nos espaços gelados. Quando finalmente chegou a primavera, encontraram cadáveres acumulados nos córregos e reentrâncias dos campos”.

Que medo.

Comentários (17)

  • Carlos Xavier Rosa diz: 23 de novembro de 2014

    Que golaço do Fabrício ontem, hein ô David?

  • Carlos Pires diz: 23 de novembro de 2014

    Caro David
    Não se preocupe: passei por essa experiência há vinte anos, quando cursei meu doutorado na Universidade de Michigan (paralelo 45, como em Boston).
    Em breve, os esquilos irão trocar toda a pelagem, se apresentando com um “casaco de neve”…
    A única coisa que deprime no inverno é, realmente, o crepúsculo às 16 h. Em compensação (e você já passou por isto), no verão anoitece às 22 h …
    Mas a temperatura do inverno (em Ann Arbor a média era -15C) é suportada tranquilamente, por conta da calefação em todos os ambientes. Diferentemente da nossa Porto Alegre, vocês dormirão de pijamas de mangas e calças curtas, e o sorvete será um deleite para toda a estação. E esquiar e andar de trenó são umas das coisas deliciosas da época. As crianças adoram.
    Também é o tempo dos esportes “indoors”, como o basquete e o hóquei.
    Juro que o lugar onde eu continuo passando mais frio no inverno é o nosso Rio Grande amado!
    Mais um pouco e você me dará razão … Aliás, tudo aquilo que você tem relatado faz-me lembrar de um dos melhores períodos da minha vida!
    Grande abraço.

  • Jairo Ctba. diz: 23 de novembro de 2014

    Você não acha, Carlos Xavier Rosa, que o Inter teve muita sorte pelo fato do juiz não ter dado dois penaltes a favor do time reserva do Atlético?

  • jensen allsop diz: 23 de novembro de 2014

    Deveria lembrar que, como o Brasil, os Estados Unidos é um pais muito grande. Devido a isso, também com a variação topográfica e correntes do mar, o clima varia muito por região. Eu sou nativo de Seattle, uma cidade até mais para o norte do que Boston, embora na costa oeste. Se você estivesse lá estaria esperando 8 meses de garoa. Em outros lugares como o sul da califórnia, ou New Orleans, faz temperaturas bem agradável no inverno.

  • Heloísa Pires diz: 23 de novembro de 2014

    Jairo Ctba. E tu conheces aquela máxima que a mídia usa muito para as irregularidades nos jogos em que o teu time vence?!…Reproduzo, aqui, usando o meu: …”Mas como o Internacional NADA tem a ver com isso…”

  • Luciano diz: 23 de novembro de 2014

    Jairo Ctba. E tu não acha que o Grêmio teve muita sorte quando não marcou toque de mão do Werley contra o Corinthians, ou quando anulou o gol do Galo no independência que ate hoje ninguem entendeu, ou quando deu penalti inexistente contra o figueirense na Arena? Sorte ne?

  • GENÉSIO diz: 23 de novembro de 2014

    Mr. Deivid,

    Acho que estou ficando meio esquecido, mas vc pode me ajudar: eu JURO que li em vários comentários que torcedor do Interzim não comemorava vagas. Só que ontem foi um foguetório só por que com um gol no finzinho contra os reservas dos reservas do AtRético, o Interzim manter “acesa a chama” de … conseguir uma vaga! Que fase, ein o Batista! Imagina se conseguem a vaga contra os poderosos e rebaixados Parmera e Figueira. Vem DVD aí. Dirão: DVD não é nosso chão. Mas comemorar vaga também não era, diziam …

  • Luiz Silva diz: 23 de novembro de 2014

    Que gente chata essa que só fala em futebol. Haja paciência…

  • Francisco diz: 23 de novembro de 2014

    É, prezado David……………, como tu escreves…………”As mudanças da natureza, mudam a Alma Humana!”
    Caro David, o que dá uma profunda tristeza e melancolia é ver, que o Brasil, apesar de toda a sua exuberância em termos de beleza e clima, estamos convivendo com um sentimento de revolta , provocado por esta devastadora onda de corrupção, que não poupa nenhum Estado e que criminaliza Empresas Públicas e Privadas , comprometidas com o desenvolvimento do País!
    É uma sensação de …………vergonha de ser Brasileiro…….., de não sentir mais emoção ao cantar o Hino Nacional; de não achar mais satisfação em assistir a um jogo de futebol; de ver este absurdo , de roubos que, segundo estimativas pode chegar a 68 bilhões de reais.
    Vou te confessar que já não me sinto Brasileiro………..mas 100% Gaúcho. E, acredito que esta opinião teria “Eco”, em vários Estados.
    É tanta mentira e roubo, de um Governo que se “apossou” do País, em benefício próprio……….que, os jovens , promissores e potenciais cientistas e técnicos altamente especializados, devem pensar em se mudar e assumir residência e realizar a sua vida familiar e “laboral”, no Exterior.
    E os seus progenitores , precisam pensar em incentivar esta prática, para o bem dos seus filhos e netos.
    A cada dia as notícias são mais estarrecedoras………; parece que o Brasil já não tem mais a capacidade de gerar boas noticias.
    É, David, a “Caixa de Pandora”, aberta por estes escândalos……. inimagináveis para mentes equilibradas, espalhou todas as “mazelas” e desgraças acumuladas, levando junto , também, a “esperança” do Brasil no presente e no futuro!

  • Evandro diz: 24 de novembro de 2014

    Ao Sr. Francisco ..
    Excelente comentário . Queria apenas dizer-lhes que compartilho com o seu sentimento e análise 100% .
    A única esperança que tenho aqui (Brasil) é que eu tenha uma morte digamos assim dígina. Em nada mais acredito e me resta .
    Que tristeza !! Infelizmente .

  • Henrique diz: 24 de novembro de 2014

    Dudu é o novo é o novo Paulo Nunes, Geromel o novo Adilson, Barcos ainda não é Jardel estas mais p/Andre Catimba, os 2 gols de Ramiro mostra que não é por acaso, tivesse mais tempo Gremio e Felipão iriam lutar pelo titulo, trecho de tua coluna de 15.11.2014, te dou um conselho ai onde tu esta deve
    ter grande urologista, consulta um eles devem curar fácil esta ejaculação precoce, ainda não li comentário a respeito de ontem, quando ganha 15 minutos após já aparece um post teu, este fim de semana na praia a claro
    ficou fora do ar, será que os satélites também ficaram e tu não sabe o que deu.

  • Fabio diz: 24 de novembro de 2014

    David, estamos no aguardo de um post sobre a rodada do final de semana.
    Grande abraço.

  • Kill diz: 24 de novembro de 2014

    Caro David:

    No momento em que se sentir em condicoes, volte a falar sobre futebol. Prometo te poupar. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Carlos Paiva diz: 24 de novembro de 2014

    Winter is coming…

  • Marino diz: 24 de novembro de 2014

    Quando vejo esses escândalos relacionados à corrupção não me surpreendo. O povo brasileiro é analfabeto, a começar pelos leitores que escrevem para o Davi. TUDO É FUTEBOL!!! O David pode escrever sobre qualquer assunto, mas sempre haverá um idiota , analfabeto funcional, estúpido e imbecil, que deve levar uma vida super medíocre, que vai comentar sobre futebol.

  • observer diz: 24 de novembro de 2014

    Marino,

    o pessoal fala só de futebol, porque qualquer outro assunto que demande um pouquinho mais de cultura, informação e reflexão, daí ó … fartou.

  • Janete Scheffer diz: 26 de novembro de 2014

    Trocarás os sorvetes cremosos e caseiros por chocolates quentes e calóricos, sentado em poltronas macias, olhando a vida passar , enquanto rola um suave rock nacional. Como não engordar?

Envie seu Comentário