Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

O milagre

24 de junho de 2015 15

Uma árvore é um milagre. Estava olhando uma árvore que se ergue aqui perto de casa. É um grande e escuro carvalho. Suas raízes emergem do solo como jiboias e se transformam no tronco poderoso que dois homens juntos não conseguiriam abraçar. Ela se eleva para o céu, frondosa, orgulhosa, amenizando o clima à sua volta e abrigando uma pequena fauna, entre formigas, esquilos e passarinhos. Como é linda. Tamanha perfeição e imponência tem de ser um milagre.

Gosto de árvores. Tenho planos de visitar o Parque das Sequoias, na Califórnia, talvez ainda neste verão. Lá vive a rainha de todas as árvores da Terra, uma sequoia que já existia quando Alexandre, o Grande, usou mais a inteligência do que a força para domar o indomável garanhão Bucéfalo. Estou falando de uma árvore de 2 mil e 500 anos de idade e 82 metros de altura, tão alta quanto um prédio de 30 andares. Essa sequoia tem nome de homem: General Sherman. Deste nome não gosto. O general Sherman foi um matador de índios. Foi ele quem disse que “índio bom é índio morto”.

Os índios sabiam que as árvores são milagres.

Uma mulher grávida também é um milagre. Sempre fico encantado ao ver uma mulher grávida. Ela está “preparando outra pessoa”, como diria Caetano. Como isso é possível, um ser independente e individual se originar das entranhas de outro?

Uma mulher grávida, uma árvore, um gato se espreguiçando, uma tempestade no horizonte, o troar do trovão, o cheiro que se desprende da terra no começo da chuva de verão, o sol que se levanta todos os dias atrás do Monte Fuji, tudo isso é um milagre porque é apenas o que é. Verdade que a mulher grávida, ao contrário de todos os demais exemplos que citei, tem consciência de existir e da sua gravidez. Ela bem pode estar se preocupando com o futuro da pessoa que está dentro dela, mas o que está acontecendo com seu corpo, a formação do feto até a transformação em criança, aquele processo inteiro se dá independentemente da sua consciência. É uma atividade da natureza, como o ir e vir das ondas do mar. É um milagre.

O homem deixa de ser um milagre quando se inquieta com o que virá. Ele é o único elemento da natureza que tem a concepção do futuro. Na verdade, o homem inventou o futuro. Nem as formigas e os esquilos que acumulam mantimentos no carvalho perto da minha casa se angustiam com o futuro. Sua atividade faz parte do movimento da sua existência, como o dia que sucede a noite.

Tenho a convicção nada mística, mas completamente cerebral, de que nosso maior problema é pensar nos problemas. A cada dia basta o seu cuidado, disse Jesus. Mas aprender a viver bem o dia, sabendo que os problemas do dia seguinte só importam ao dia seguinte, isso também seria um milagre.

Comentários (15)

  • Guilherme Quadros diz: 24 de junho de 2015

    Bom dia David:

    Só você para criar um artigo que se chama milagre.
    Milagre é a criação emergir de um cérebro brilhante como o teu todos os dias.

    Leio-o todos os dias e sempre é ótimo cada artigo.

    Abração.

  • Machiavellirs diz: 24 de junho de 2015

    AS PEDALADAS

    - Dilma, não guento mais essa mania que tu pegou de andar de baiqui! Tô achando isso com jeito de toc, sabe aquele toc que dizem que o Roberto Carlos tem? Pois o teu toc é coisa pior que o toc do Roberto! Então enquanto tu fica ai todos os dias pedalando pra lá e pra cá só pra acabar com as gordurinhas, o nosso partido está descendo ladeira abaixo todo desgovernado feito uma baiqui sem trava e com pneu careca! E sabe o que vai acontecer com ele que já está velho e sem utopia?

    - Velho e sem utopia é tu, Lula! E vê se para de me encher o saco que eu tenho que continuar com minhas pedaladas!

  • Aline Ribeiro da Luz diz: 24 de junho de 2015

    Leio você todos os dias e aprendo alguma coisa todos os dias com seus textos… Você é o melhor!!!
    Obrigada por este sobre Milagre… descreveu com perfeição e entusiasmo… tb quero muito conhecer esta árvore que também não gostei do nome (minha descendência não permite gostar) … a natureza é o milagre diário!!!

  • Pedro Lembi Júnior diz: 24 de junho de 2015

    “É um grande e escuro carvalho.” Bah, se esquece uma letra aí complica hein? kkkkkkkkk

  • GILSON RECH diz: 24 de junho de 2015

    Bom dia amigo David,
    Faço minhas as palavras do seu eleitor Guilherme Quadros.
    A Vida é um milagre.
    Parabéns pelo teu trabalho e criatividade.
    Saudações

  • Pedro Lembi Júnior diz: 24 de junho de 2015

    Bom texto. Mas ser o único ser da Terra a pensar no futuro é um milagre evolutivo, talvez um dos maiores. Só que todo bônus costuma trazer o seu ônus também.

  • Gisele diz: 24 de junho de 2015

    Bom dia… é triste viver num país em que precisamos nos preocupar
    com os dias vindouros se quisermos viver com um mínimo de digni-
    dade. O futuro que se aproxima é negro e não podemos nos dar ao
    luxo de viver apenas um dia de cada vez.

  • Jairo Vivian diz: 24 de junho de 2015

    Não havia ainda nenhuma planta, nenhuma erva no campo havia brotado; porque Deus não fizera chover sobre a terra, e também porque não havia homem para lavrar o solo.
    Então formou Deus ao homem do pó da terra, e lhe soprou nas narinas o fôlego de vida, e o homem passou a ser alma vivente.
    E plantou Deus um jardim o Édem, e pôs nele o homem que havia formado. Do solo f6ez Deus brotar toda sorte de árvores agradáveis à vista e boa para alimento, e também a árvore do conhecimento do bem e do mal.
    Mas para viver bem o dia a dia, usarei uma metáfora: – Uma ovelha é alvo de parasita que importuna muito (mosca, berne, e a mais assediada é a mosca nasal). Depois de depositar seus ovos na mucosa nasal, surgem as larvas que penetram na cavidade nasal e se desloca para o interior da cabeça da ovelha.
    Elas entram em crise e na ânsia de livrar-se, elas deliberadamente batem a cabeça contra árvores, arbustos, moirões ou ainda, esfregam a cabeça no chão para coçar. Podendo chegar num estágio avançado provocando cegueira e até a morte.
    O que eu quero dizer, que, constantemente somos assolados pela “mosca nasal”. Uma mensagem recebida, cresce, se desenvolve e cria inquietação, medo, pânico. E então nos agitamos e ficamos nos debatendo, correndo de um lado para outro, na tentativa de solucionar.
    Mas o grande milagre de viver bem o dia a dia, está no bom pastor, aquele que dá a vida pelas suas ovelhas. Aquele que conhece suas ovelhas e elas o conhecem também.
    - Salmo 23: O Senhor é o meu pasto, nada me faltará.

  • Joao diz: 24 de junho de 2015

    Belo texto, mas são as inquietações, a noção de futuro que impediram a extinção da raça humana. A que ponto chegou a evolução do homem, do cérebro humano, isto sim é milagre…

  • Machiavellirs diz: 24 de junho de 2015

    LETRAS

    Oi, Pedro, aproveitando a gozação, fiquei pensando no caso de se trocar duas letras do teu nome. Que coisa chata, heim!

  • Roberto Nunes diz: 24 de junho de 2015

    Sim David, tudo é um milagre, o que estraga um pouco estes milagres é a consciência…

    Todo o ser q não possui consciência é feliz.

    Sobre o pensamento “PENSO LOGO EXISTO” que muitos não compreendem, até mesmo nas propagandas do RBS em que oferece salgadinhos ao inventor da frase, o zoando pq aquele salgadinho não existe…

    O que o autor da frase quis dizer, é que só quem tem consciência de que ele existe, realmente existe.

    Uma formiga por exemplo, não sabe que existe, ela não pensa. assim como uma pedra, não sabe se ela existe ou não. Só sabe de sua existência é alguém com consciência e que pensa nisto…

  • Nilmar Piva Bortolotto diz: 24 de junho de 2015

    Hoje o David se superou!
    Sou seu leitor assíduo e quando comento com minha esposa sobre algum de seus textos ela chega me questionar tamanha intimidade quando me refiro à sua pessoa.

  • Rodrigo diz: 24 de junho de 2015

    Milagre, mesmo, é a mandioca. Por isso tem gente que poderia estar governando, mas está saudando a mandioca.

    Gostei particularmente deste texto! Parabéns!

  • Guilherme diz: 25 de junho de 2015

    David, belo texto. Não concordo com muitas ideias tuas, mas continuo lendo por esses bons resumos.

    Ah, e se esses outros elementos da natureza tivessem também a consciência disso tudo, mas do jeito deles?

  • Luciano diz: 28 de junho de 2015

    Grande David Coimbra! Parabéns pelos belíssimos textos! Ás vezes, pego alguns trechos do que escreve e publico no face, mas sempre cito o seu nome. Muitas pessoas gostam do que escreve, mas nem todas se expressam… Por isso continue sempre nessa sua caminhada! Você é muito talentoso! Abraços!!!

Envie seu Comentário