Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Também cabe beleza na batedeira

08 de junho de 2012 0

Eu lembro bem da época em que as batedeiras eram peças sem graça, de plástico bege e que chegavam a receber capinhas — nem sei bem por que, provavelmente porque eram feiosas mesmo. O design venceu e hoje há modelos lindos, que despertam o desejo de consumo até de quem não faz tanto bolo assim.

Claro que, junto com a beleza, subiram de patamar também os preços e algumas chegam a custar o mesmo que uma televisão — há modelos simples a partir de R$ 40, mas os preços vão ao infinito conforme as funções e a “boniteza” da peça. Entre tantos modelos à venda, é preciso saber exatamente o que se quer da batedeira para escolher o melhor modelo, como ensina Giuseppe Marino, chef de cozinha especializado em confeitaria e coordenador do curso de Gastronomia da Uniasselvi em Blumenau:

— Para pães e massas pesadas, é preciso de uma potência de pelo menos 500W. Mas se for só para bater claras ou uma mistura mais leve, os modelos mais simples são ideais.

O material do eletrodoméstico também deve ser levado em consideração, lembra Marino. As peças de plástico, por exemplo, são mais leves e se tornam mais práticas para o uso no dia a dia. As bonitonas semiprofissionais — com a KitchenAid, queridinha dos gourmets — são bem mais pesadas, e isso deve ser levado em consideração na hora da compra.

Confira alguns lançamentos:

O modelo retrô icônico da americana KitchenAid está disponível em várias cores. Esta é uma edição limitada com estampa adesivada do designer brasileiro Amir Slama, inspirada em azulejos antigos. O preço sugerido é de R$ 1.690,90. Informações: www.kitchenaid.com.br

Lançamento da Mondial, a Batedeira Profissional Eletrônica vem com três batedores — para massas leves, médias e pesadas — e uma tigela com coletor de ingredientes. Por R$ 459. Informações: www.mondialine.com.br

Este lançamento promete alcançar todas as extremidades da tigela sem nenhuma ação manual. Segundo o fabricante, o modelo Arno Elipse faz o trabalho na metade do tempo normal, combinado três ações simultâneas: além do alcance total, batedores que misturam perfeitamente os ingredientes e um efeito que acelera o processo e deixa as massas mais areadas. A partir de R$ 299,99. Informações: www.arno.com.br

Publicado na coluna Dedo de Moça desta sexta

Comente

comentários

Envie seu Comentário