Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Silicone a favor da cozinha

16 de maio de 2014 2

Antes eram só as marcas gringas carérrimas, depois vieram os produtos chineses e agora as empresas nacionais começaram a incluir o material nas linhas. Os utensílios de silicone vieram para ficar na confeitaria – e para deixar a vida na cozinha mais prática, acima de tudo.

Como se comportam de uma forma um pouco diferente dos materiais mais tradicionais – principalmente quando vão ao forno –, é preciso dominar algumas dicas e tomar alguns cuidados ao optar pelo silicone. Vencida esta parte, é só curtir as vantagens: colheres que não riscam nenhuma panela, fôrmas leves e que não amassam e, no caso de forminhas para cupcake, economia de papel.

Confira a seguir dicas do chef Jefferson Eduardo Vieira, orientador de curso da Faculdade Senac de Blumenau, para aproveitar as vantagens do material:

Ao comprar

- Procure uma marca de confiança: um utensílio de boa qualidade não deixará nenhum resíduo no alimento ao ser aquecido.

- Fique de olho também na temperatura máxima suportada pelo material, indicada pelo fabricante. O recomendado é que suporte até 250 graus.

Ao assar

- Ao contrário do metal, algumas fôrmas de silicone para bolo não precisam necessariamente ser untadas – mas sempre será mais fácil de desenformar se for um pouco untada. Normalmente o fabricante indica se o produto tem esta característica.

- Se você for fã de bolos com casquinha dourada, deve continuar com as fôrmas de metal – o silicone não deixa casquinha na massa.

Ao desenformar

- Ao usar forminhas de silicone para assar cupcakes, desenforme os bolinhos assim que puder. A forminha não deixa o cupcake “respirar”, o que pode deixá-lo úmido demais e, por consequência, mole.

- Ao usar as fôrmas para uma sobremesa do tipo flan ou gelatina (que ficam lindos em formatos diferentes), coloque a fôrma dentro de um recipiente com água quente (não fervente) por breves instantes antes de desenformar. Isso vai ajudar a deixar o doce no formato perfeito.

 

Comente

comentários

Comentários (2)

  • cintia diz: 16 de maio de 2014

    Onde encontrar essas formas em formatos maiores? POis são bem díficeis, vejo somente as pequeninas sendo vendidas por ai..

Envie seu Comentário